Algas criam “onda fluorescente” na Califórnia

Publicado em 16.07.2012

Enquanto andava à noite pela praia de Swami, na Califórnia (EUA), o fotógrafo Steve Skinner presenciou (e registrou) um belo espetáculo natural: ondas brilhantes atingiam a areia, iluminando o cenário escuro.

A luz foi emitida por uma grande quantidade de algas marinhas (fenômeno chamado de bioluminescência). “Como eu vivo na costa, tiro fotografias na praia o tempo todo, mas estas são, de longe, as mais singulares e estranhas que já tirei”, disse o fotógrafo.

Durante o dia, essas mesmas algas não criam uma cena tão bonita: deixam a água vermelha, cor de ferrugem. Além disso, quando se multiplicam demais (eflorescência algal), podem prejudicar outros organismos, já que diminuem os níveis de oxigênio na água. Isso tira um pouco a poesia da cena, não?[Daily Mail UK]

Autor: Guilherme de Souza

É jornalista empenhado e ilustrador em treinamento. Curte ciência, cultura japonesa, literatura, seriados, jogos de videogame e outras nerdices. Tem alergia a música sertaneja e acha uma pena que a Disco Music tenha caído no esquecimento.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

1 comentário

Envie um comentário

Leia o post anterior:
Grand_prismatic_spring
Descoberta de vida extraterrestre até 2020

Partindo de uma prem...

Fechar