Artista alemão navega pelo Tâmisa em um barco de papel

Publicado em 8.11.2010

Depois de, cuidadosamente, dobrar seu gigante barco de “origami”, o artista alemão Frank Bölter embarcou na dobradura e navegou pelo Rio Tâmisa, surpreendendo os passantes.

A sua obra foi batizada de “Para o Fim do Mundo” e fazia parte de uma exibição chamada “Drift 10”, que aconteceu em Londres. O barco foi feito de folhas gigantescas de papel usando técnicas de origami. Como foi reforçado com barras de metal, a estrutura não afundou e o artista até pôde relaxar, lendo um jornal enquanto navegava.

Esse não é o primeiro navio feito por Frank Bölter. Em 2007, ele criou um barco de Tetrapak (aquele papelão com uma superfície de alumínio das caixas de leite) e navegou por águas alemãs. Da mesma forma que sua obra mais recente, ele usou técnicas de origami.

[OddityCentral]

Autor: Luciana Galastri

é jornalista. Viciada em livros, lê desde publicações sobre física a romances de menininha do estilo "Crepúsculo". Toca piano desde os oito anos de idade e seu estilo de música preferido é o metal.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

8 Comentários

  1. Wow, awesome blog layout! How long have you been blogging for? you make blogging look easy. The overall look of your web site is fantastic, as well as the content!. Thanks For Your article about Artista alemão navega pelo Tâmisa em um barco de papel .

    Thumb up 0
  2. A inteligencia do ser humano é sem limite.
    É maravilhoso ver que tem pessoas usam sua inteligencia para criar coisa que não nos fazem mal.
    Parabéns ao alemão

    Thumb up 2
  3. verdade ninja não ficou bem dobrado esse cara e aventureiro arriscou a vida se tivesse afundado ai ele tinha se ferrado

    Thumb up 0

Envie um comentário

Leia o post anterior:
cannon1
Árvore produz “balas de canhão” fedorentas e muito perigosas

O apelido "ávore-can...

Fechar