As 10 invenções mais malucas do século XX

Publicado em 14.06.2010

Se você acha que o Bichinho Virtual foi uma invenção bizarra do fim do século XX, deve conferir essa lista com as invenções campeãs em esquisitice:

A Dynaesfera de Ferro

O inventor J.H. Purves imaginou seu “uniciclo” elétrico rodando junto com motos e outros veículos normais. Tudo bem, o motorista ficaria em uma cabine que não rodaria junto com o veículo. Mas se estiver rodando em alta velocidade, como o piloto iria enxergar para onde está indo?

Bóias propulsoras

Preocupados com pessoas que não sabiam nadar, cientistas criaram as bóias propulsoras. Que tal ir mergulhar na praia levando uma geringonça dessas?

Inalador de gás

Criado em 1938, o aparelho permite que o usuário possa administrar gases anestésicos em si mesmo enquanto os dentistas trabalham em seus dentes, por exemplo. Tudo o que eles precisavam fazer era apertar o balãozinho ali da foto e mais gás era liberado. Mas, quando você está anestesiado, será que consegue fazer isso?

Os cruzeiros do futuro:

O veículo da foto se chama “a bola rolante” – criativo, certo? – Parece que esse tipo de veículo estava na moda no início do século XX. O motor a diesel seria essa enorme bola na frente enquanto os passageiros ficavam confortavelmente instalados na cabine em forma de avião acima.

Barco-carrossel

Em 1939 um maluco inventou esse barco para que pessoas pudessem treinar suas habilidades no remo. O problema é que eles ficavam “circulando” e, com certeza, não poderiam agüentar o treino por muito tempo.

Óculos de periscópio

Com esses óculos estilosos você não precisa olhar para trás para ver quem se aproxima: mas como o menino da foto consegue ler o seu livro com essa geringonça na cara é uma ótima pergunta.

Rede para beijo

Com esse aparelho muito tecnológico você tem um beijo limpo, sem baba. A manchete diz que, como os beijos transmitem germes, você deve ter uma tela para se proteger dele. Depois do uso, você deveria lavar a rede em anti-séptico e estaria pronto para um próximo beijo. Alguém aí arrisca adivinhar porque a invenção não pegou?

Armadura para mergulho

Como essa verdadeira armadura restringia “um pouco” os movimentos do usuário, ele precisava ser içado para dentro e para fora da água. Além disso, se um tubarão aparecesse na sua frente, você estaria equipado com uma garra revolucionária.

O submarino individual

Em 1924, um sujeito chamado James Bolar Jr. inventou o submarino individual no porão de sua casa. Ele conseguia ficar submerso alguns metros por até meia hora.

A vela para bicicletas

Se velas em barcos dão uma ajuda na propulsão do veículo, imagina uma vela de bicicletas! Supostamente ele aumentaria sua velocidade em até 30 quilômetros por hora. O problema é administrar essa velocidade toda ou então não ser arrastado involuntariamente para uma ladeira.

BÔNUS: O carro movido a… cachorro!

Um engenheiro francês que, provavelmente, não gostava muito dos mascotes da esposa, desenhou esse carro, no qual o cachorro ficava dentro de uma roda, como um hamster, e corria, assim movimentando o veículo. [PopSci]

Autor: Luciana Galastri

é jornalista. Viciada em livros, lê desde publicações sobre física a romances de menininha do estilo "Crepúsculo". Toca piano desde os oito anos de idade e seu estilo de música preferido é o metal.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

36 Comentários

  1. olha, ja ví invenções,mas a + importante e curiosa, é a da tv e o radar.Ja pensou a gente ver uma pessoa do outro lado do mundo, numa telinha, e o radar? a gente viajando e numa telinha ver o q se passa logo à sua frente.Ja viajei num ônibus, q tinha um dispositivo destes, q registrava os veículos q vinha em sentido opostos.Era muito int
    eressante,principalmente na neblina.

    Thumb up 0
  2. A ARMADURA para mergulho, não é uma invenção maluca!Foi aperfeiçoada e muito utilizada na década de 70, para possibilitar aos mergulhadores, descer até 300 metros de profundidade, no oceano, nos trabalhos submarinos dos campos petrolíferos.Com o nome mudado para traje de mergulho tipo ” espacial”, a armadura, repaginada, construída em liga de magnésio, suporta pressão equivalente a 300 metros de profundidade.Possui 4 visores no capacete.O mergulhador, respira gases à pressão atmosférica normal, pois a enorme pressão da água, é exercida apenas sobre o traje/escafandro.Ele possui RÓTULAS metálicas, para permitir alguns movimentos dos ombros,cotovelos, punhos, coxas joelhos.Há um suprimento de oxigênio, com duração de cerca de 20 horas.Pode ser vista uma fotografia dele, no Volume 2 da coleção: Como funciona, Enciclopédia da Ciência e Técnica, editada em 1975, pela Abril Cultural, tradução de uma obra semelhante, publicada em Londres, em 1974.

    Thumb up 14
  3. O MAIS INTERESSANTE FOI O UNICICLO, PENA QUE NÃO APENAS NÃO DARIA PARA ENXERGAR EM ALTA VELOCIDADE COMO TAMBÉM, PODERIA FACILMENTE TOMBAR;

    Thumb up 4
  4. bom a melhor gerimgonça desenvolvida no seculo foi o oculos periscópio . . . . . . .

    Thumb up 4
    • Avião!
      Quer coisa mais maluca ?. Qdo cai não sobre nem a alma!

      Thumb up 3
  5. Muito interessante!!
    Podemos ver que alguns inventos chegaram a sere utilizados com algumas modificações, é o caso da Armadura para Mergulho que deve ter originado o escafandro ou o submarino individual que lembra muito os mini submarinos de passeio no caribe..

    Thumb up 5
  6. Quanto ao submarino individual, se você for ao museu da guerra em londres, verá exposto exatamente um submarino individual, utilizado pelos italianos para defender o estreito de gibraltar (se não me engano), o maluco ficava naquela geringonça horas submerso e passando frio e ainda com um torpedo amarrado do lado (viagem só de ida) . Era utilizado também para se infiltrar no meio das formações de navios e atacar os navios centrais que em teoria eram os mais importantes.
    Abraços.

    Thumb up 4
  7. Mt bom o post,corrigindo ali.. quanto mais rapido rodar a roda.. mais facil fica pra ver!

    Thumb up 5
    • Imaginei a mesma coisa, exatamente o que acontece com o ventilador quando gira suas pás.

      Thumb up 2
  8. Eu tenho um óculos desses!!!
    Meu vô comprou no japão nos anos 70. É um prisma de vidro com um lado espelhado. é divertido usar ele pra caminhar porque dá pra ver o chão e pra frente ao mesmo tempo.

    Thumb up 6
  9. Ótimo entreterimento!Parabéns pelo aniversário de 2 anos!Bem curiosa as invencões, acredito que criar mesmo que não sirva pra nada estimula outras criações!E pra quem gosta de citar os erros dos outros, aprenda a ler, ver e ficar calado se não tem nada melhor pra falar!Obrigado!

    Thumb up 2
  10. Realmente, os Óculos de Periscópio servem para ler deitado, não para olhar pra trás. E a pessoa da foto é uma mulher.

    Sobre as invenções, adoraria ver um cruzeiro como aquele por aí. heuehue

    Thumb up 4
  11. “mas como o menino da foto consegue ler o seu livro com essa geringonça na cara é uma ótima pergunta.”

    Me poupem né? A invenção serve exatamente pra isso!

    Thumb up 3
  12. muitos dizem que de médico e louco todo mundo tem um pouco, mas Santos Dumond foi considerado um louco!

    Thumb up 1
  13. Na Foto da armadura para mergulho, Albert Einstein está presente!!
    huahsuhauhsuhaush
    Brincadeira. Mas que parece, parece.

    Thumb up 3
  14. Sem dúvidas o inventor do carro movido a cachorro tinha uma imaginação muito aguçada.
    invenções superfluas,principalmente a Dynaesfera de ferro.

    Thumb up 3
  15. Um carro movido a água suja que tinha que existir…
    Ou então uma vela para quando o carro estivesse sem gasolina.

    Thumb up 4
  16. A da rede do beijo não pegou moda…. eheheheh

    Nem podia pegar. Tiraria toda a arte e o prazer dele. ;)

    Thumb up 4
  17. A Dynaesfera de Ferro:
    “Mas se estiver rodando em alta velocidade, como o piloto iria enxergar para onde está indo?”

    Com a alta velocidade ficaria mais fácil de enxergar, o problema da visão seria em baixa rotação.

    Thumb up 3
  18. Concordo. Na foto o óculos serve pra leitura….. mesmo assim quem vai ficar tanto tempo na mesma posiçao???

    Thumb up 3
  19. invenções bizarras demais. agora so falta inventar um aparelho
    para ensinar e corrigir os erros que cada vez sao mais frequen
    tes. é de dar vergonha, esse tal claudio que tem a coragem de
    mostrar seu portugues, escrevendo p e n ç o u.
    será que foi serio?
    ou quis ser bizarro tambem?

    Thumb up 4
  20. Os Óculos de periscópio me parecem mais para ler o livro deitado sem levantar o pescoço do que para ver alguém se aproximando.

    Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
brain
Como, afinal, nós aprendemos coisas?

“É como andar de bic...

Fechar