Biônica adorável anda com rodas de aeromodelo

Essa pequena cachorrinha chamada Hope nasceu sem as patas dianteiras. Você sabe o que isto significa: é hora de criar um cão-robô. O ortopedista David Turnbill criou um suporte personalizado para Hope usando um par de rodas de aeromodelo e cada uma de suas “pernas” podem se mover para cima ou para baixo independentemente, permitindo que Hope faça curvas ou gire.

Se você acha que esta é a coisa mais fofa do mundo, talvez esteja certo. Veja abaixo para o vídeo de como foi o processo para ela conseguir suas super-pernas. [Gozmodo]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votos, média: 1,33 de 5)
Curta no Facebook:

10 comentários para “Biônica adorável anda com rodas de aeromodelo

  1. “…e cada uma de suas “pernas” podem se mover para cima ou para baixo independentemente, permitindo que Hope faça curvas ou gire. …”

    Uhauhauhauha, que sarcasmo…

  2. Aqui no Brasil fizeram algo parecidocom uma tartaruga que teve as patas traseiras mordidas, mas sobrou o suficiente pra dar mobilidade as patas falsas e ela podia nadar. Interessante.

  3. Porque é um cachorro e não um ser humano. E parece que a prótese dela é supre bem a falta das patas. Humanos precisam de equipamentos mais complexos porque são mais complexos. O fato de sermos bípedes é um exemplo.

    1. Verdade, li o post anterior, que estão criando um tipo de periférico robô para animais, e pessoas deficientes.

      Os sinais eletro-magnéticos enviados do cerebro até o local ilocomovél,
      poderiam inovar e criar duas patas robóticas com sensores cerebrais!

Deixe seu comentário