Ciclo menstrual pode afetar resultado de mamografia

Publicado em 13.12.2010

Segundo uma nova pesquisa, mulheres que se submetem a mamografias regulares devem considerar fazê-la na primeira semana do seu ciclo menstrual. O tecido mamário pode ser menos denso durante esta semana, por isso as mamografias realizadas neste momento podem ser mais precisas para algumas mulheres.

Os pesquisadores examinaram os resultados da mamografia de 387.218 mulheres pré-menopausa, a maioria delas na média dos 40 anos. Destas, 1.283 mamografias revelaram câncer de mama.

Os cientistas descobriram que, entre as mulheres que tinham feito uma mamografia nos últimos dois anos, as que foram mais sensíveis na detecção do câncer de mama haviam ocorrido na primeira semana do ciclo menstrual.

Já era de conhecimento médico que as mamografias são menos precisas em mulheres jovens, em geral, do que em mulheres mais velhas, e uma razão para isso poderia ser que as mulheres mais jovens têm tecido mamário mais denso, o que torna os tumores mais difíceis de detectar. Outras pesquisas já haviam ligado o tecido denso do seio a um maior risco de câncer de mama em mulheres de qualquer idade.

No entanto, antes dessa nova pesquisa, poucos estudos tinham analisado o impacto da densidade da mama sobre a sensibilidade dos resultados de mamografia, e alguns tinham sugerido que a densidade varia muito pouco ao longo do ciclo menstrual de uma mulher para ter qualquer impacto.

No entanto, a pesquisa encontrou que, no grupo que havia feito a mamografia na primeira semana do ciclo menstrual, as mamografias foram quase 80% sensíveis, ou seja, um médico pode identificar o câncer de mama na mamografia 80% do tempo em que ele estava presente. Para outras semanas do ciclo, a sensibilidade do exame variou de 67 a 73%, deixando mais cancros invisíveis.

Outro benefício de fazer mamografias na primeira semana do ciclo menstrual pode ser o menor desconforto. O seio pode ficar mais sensível na segunda metade do ciclo.

As novas descobertas não se aplicam a mulheres que receberam uma mamografia por razões de diagnóstico, isto é, para dar seguimento a sintomas como um caroço na mama. Os pesquisadores afirmam que se uma mulher tem um nódulo na mama ou alguma outra preocupação, ela deve contatar o seu médico imediatamente e não esperar período algum para agendar a mamografia.

O ciclo menstrual não pareceu afetar mulheres que não fizeram nenhuma mamografia nos últimos dois anos. Os pesquisadores disseram que os tumores encontrados em mulheres que fazem mamografias com frequência tendem a ser menores. Pode ser que a menor densidade da mama durante a parte inicial do ciclo menstrual só é útil para aumentar a taxa de detecção de tumores menores.

A taxa de mamografias “falsas positivas”, que significa que uma mamografia parece revelar um câncer que não está realmente presente, não foi afetada pela fase do ciclo menstrual de uma mulher. Os resultados falso-positivos podem levar a testes posteriores desnecessários e mamografias que não encontraram os verdadeiros cânceres (chamados falso-negativos), e são mais comuns entre mulheres na faixa dos 40 anos do que mais velhas.

Os médicos recomendam que as mulheres com um risco médio de câncer de mama façam mamografias a partir de 40 anos, e o Instituto Nacional do Câncer americano recomenda que as mulheres com 40 anos ou mais façam uma mamografia a cada ano ou dois. [LiveScience]

Autor: Natasha Romanzoti

tem 25 anos, é jornalista, apaixonada por esportes, livros de suspense, séries de todos os tipos e doces de todos os gostos.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

1 comentário

  1. Tenho 41 anos e sou do grupo de risco, minha mãe faleceu de cancer de mama, por isso, desde os trinta e cinco anos faço controle anual. Sempre optei por fazer a mamografia na primeira semana do ciclo menstrual pelo conforto, sinto menos incomodo e agora esta matéria coroa a minha decisão dizendo que além de confortável é mais confiável. Valeu!

    Thumb up 3

Envie um comentário

Leia o post anterior:
nucleo
Núcleo da Terra pode ter camada misteriosa

O núcleo da Terra é ...

Fechar