Como sobreviver à queda de um avião sem paraquedas

Publicado em 18.10.2011

Cair de um avião ou ser jogado para fora dele é uma situação bastante improvável, a não ser que estejamos falando de romances baratos ou filmes de ação. Esse destino está tão próximo de acontecer quanto ficarmos perdidos no deserto do Saara, à deriva no mar, ou sermos mordidos por uma criatura mortal exótica.

É difícil imaginar o que faríamos se estivéssemos em situações tão ruins, mas se prevenir nunca é demais, certo? Afinal, pode acontecer.

Imagine que você está caindo pelo ar, a 10 mil metros do chão e não tem nada além de inteligência, coragem e um pouco de sorte. Crendo que o frio e a falta de oxigênio não te matem antes, aqui estão quatro passos simples para tentar suavizar o seu destino depois de ser expulso de um avião:

Passo um: Não entre em pânico. Mesmo que você desmaie por falta de oxigênio, você provavelmente retomará sua consciência a tempo de tentar fazer alguma coisa.

Passo dois: Deixe sua postura parecida com a de um paraquedista voando no estilo “esquilo voador”. Para isso, faça com que seus braços e pernas formem um X, mantendo o peito para baixo e arqueando as costas e o pescoço.

Passo três: Escolha um alvo. Evite superfícies duras, e não se deixe enganar pela água: ela o golpeará tão fortemente como se você estivesse indo em encontro a uma calçada. Responda ao canto das sereias do mar e só lhe restará imaginar quanto tempo o seu corpo quebrado sobreviverá antes de se afogar.

Palheiros, arbustos, montes de neve e pântanos são a melhor aposta para uma possível sobrevivência e são mais “seguras” do que gramados ou asfalto. Árvores e vidros podem empalar você, mas eles já salvaram paraquedistas, então não custa tentar. Se não der para evitar uma área povoada, o melhor alvo pode ser um telhado.

Qualquer superfície que absorva o impacto da queda pode fazer a diferença, evitando algumas rupturas de órgãos ou traumas generalizados.

Passo quatro: Escolha a posição antes do impacto. Cair de cabeça é certamente uma má escolha. Cair com o corpo plano irá distribuir a força do impacto através do seu corpo, mas, por outro lado, a Agência Federal de Aviação dos EUA recomenda pousar com uma paraquedista, mantendo os pés juntos e os calcanhares, joelhos e quadris flexionados.

Se você cair na água, deve escolher mergulhar primeiramente a cabeça ou os pés. Independente da sua escolha, mantenha o corpo em linha reta como uma vareta. Se for mergulhar de cabeça mantenha os braços ao lado dela para protegê-la. Se for mergulhar em pé, lembre-se de apertar a sua… bem, seus músculos glúteos. Quanto menos se falar sobre o porquê, melhor. [Life'sLittleMysteries]

Autor: Stephanie D’Ornelas

É estudante de jornalismo, adora um café e um bom livro. Curte ciência, arte, culturas e escrever, mesmo que sejam poesias para guardar na gaveta.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

55 Comentários

  1. Acho que numa queda dessas a pessoa morre antes de se estrumbicar no chão ou na água. Mas essa de cair em pé na água e entrar a mesma no… em alta velocidade… Ai, Cruz Credo!!! Só de pensar… Bom, pelo menos lava tudo. Se acontecer comigo, espero não esquecer de apertar os gluteos.

    Thumb up 10
    • Nobre Cesar,

      só pra constar, esse esporte é um dos mais seguros do mundo (porque a falha leva ao óbito), se não estou enganado, é o terceiro esporte mais seguro para se praticar. O ciclismo perde feio.

      OBS: em primeiro lugar na lista dos esportes mais seguros, está o xadrez. Mas há quem conteste.

      Thumb up 11
    • “OBS: em primeiro lugar na lista dos esportes mais seguros, está o xadrez. Mas há quem conteste.”

      kkkkkkkkkkkkkk…..

      Thumb up 6
    • Lembrou do Harry Potter 1? kkkkkkkkk… Cuidado com a Rainha lol.

      Thumb up 3
  2. Muito bom o artigo!
    Penso que seje sim possível alguém sobreviver a uma queda dessa altura, já vi de um cara que tava fazendo vôo livre (aque que usa uma ropa parecida com a do Batman, com tecido entre os membros), o cara caiu de uma altura de 2500 metros, e sobreviveu, mesmo seu paraquédas não abrindo.
    Essas teorias são boas… Só falta alguém à coloca-las em prática! Hehehe

    Thumb up 1
  3. Um pouco de sorte … !!!!!???????
    Passo 1: morra calmo.
    Passo 2: morra com boa postura.
    Passo 3: não morra sozinho,escolha o alvo, procure cair na cabeça de alguém para te acompanhar.
    Passo 4: como você quer se ferrar? ops, digo morrer, de quatro, em pé, deitado, de lado … escolha a posição.
    Passo 5: POW, BOFT, PAFFF, … , procure fazer um som bonito ao se espatifar. Rêrêrê.
    Brincadeira … é cada uma que aparece.

    Thumb up 24
    • Passo 4: plantando bananeira…

      Thumb up 0
    • Passo 4: de cabeça … nem vai precisar do pouco de sorte.

      Thumb up 0
  4. Na hora do desespero não iria conseguir me lembrar dessas dicas, apenas gritar e chorar.

    Thumb up 30
  5. O próximo post deveria ser:
    “Como sobreviver em marte, caso algum ET te abduza e te deixe por lá”

    Thumb up 60
  6. Como é que uma pessoa escolhe onde vai cair? Ela sai voando livremente pensando: Deixa eu ver…AH! Ali é um bom lugar pra eu apertas meus músculos glúteos…

    Thumb up 11
  7. Já fiz paraquedismo e posso garantir que a sobrevivência a um sinistro como esse é difícil. Na posição aberta básica (PAB – chamada no artigo de posição do esquilo) você cai a 180 Km/h.

    Mas não é impossível: um rapaz australiano sobreviveu a queda, caindo num terreno que fôra um pântano. Detalhe, era seu primeiro salto – portanto a queda foi de 800 metros – e ele foi sorteado com uma raríssima pane nos dois paraquedas (charuto duplo).

    Thumb up 26
  8. Estranho, a fonte é um site gringo postagem em 13/10

    Mas se não me engano eu ja li esta materia na SuperInteressante no Guia da ultima pagina a uns 5 anos

    Alguem mais leu?!?!?

    Thumb up 1
    • sim senhor

      Thumb up 2
    • Sim Senhor [2]

      Thumb up 1
  9. Serio mesmo, eu sempre pensei em fzr isso, se era possível, eu contava mergulhar na aguá torcendo os braços um sobre o outro sobre a cabeça depois de muito treinamento de qual a posição exata na a cabeça.
    Tô criando coragem hein!!!
    EU VO PULAR !!!
    To falando…
    EU VO PULAR !!! Me segurem senão eu EU VO PULAR !!!

    Thumb up 7
    • Ah pula logo vai!

      Thumb up 19
  10. 10 mil metros ? depois de rezar uns 5 pai nosso eu fasso o que vc disse

    *postem ae noticias sobre paraquedistas que sobreviveram a essa queda

    Thumb up 15
  11. Só acredito nesse guia quando alguém que sobreviveu aparecer em público pra dizer que funciona. Caso contrário, eu posso criar até um guia pra sobreviver no espaço.

    Thumb up 10
  12. Um pouco de sorte, rsrs, para sobreviver a isso o cara tem que nascer com o …..virado para a lua.

    Thumb up 14
    • Não não, para sobreviver a isso tem que nascer com uma pedaço da Lua dentro do …

      Thumb up 35
  13. Nada de apertar os glúteos. A entrada de água por este orifício funcionará como um amortecedor adicional. Vc não será o mesmo, mas sobreviverá.

    Thumb up 37
    • AH AH AH AH AH

      Você não será o mesmo !!!!!

      kkkkkk

      Thumb up 3
  14. Eu acho q não gostaria da ideia de permanecer vivo depois de cair dessa altura, sem contar a posição, pois se eu cair em pé vou virar a resposta da charada “O que tem pés na cabeça??” e se eu cair de barriga pra baixo minha caixa torácica vai pro espaço.

    E eu não sou Altair pra encontrar palha no meu local de pouso (se bem q ter aquela arma retrátil seria legal).

    Thumb up 17
  15. Stephanie, obrigado, agora já sei o que fazer quando pular do avião sem para-quedas, hehehee, brincadeira, legal a reportagem.
    Essas reportagens do tipo “guia” são bem legais. Pra próxima eu sugiro:

    “Como sobreviver num país em Guerra civil?”

    Thumb up 7
    • E qual é o problema em viver num país em guerra civil?
      Basta não nos metermos no meio da confusão, não mostrarmos o lado que apoiamos, sair o menos possível à rua e se o fizermos, escolher criteriosamente o caminho a seguir, quando virmos um grupo a vir na nossa direcção, “mudar de passeio” e tentar passar despercebido.

      Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
children-walking-through-maze
Perca seu medo de se perder

Em uma era de dispos...

Fechar