Conheça estes raros “lobos marinhos” que vivem do oceano e podem nadar por horas

Ao longo da costa do Pacífico na Colúmbia Britânica canadense, vive uma população de lobos marinhos, ou lobos do mar, caninos carnívoros que se distinguem de seus outros parentes principalmente por terem uma dieta pescetariana.

Além disso, eles podem nadar por horas. O recorde registrado de nado desses lobos foi 12 quilômetros.

Lobos e peixes

Chris Darimont, diretor de ciência da Raincoast Conservation Foundation, estudou o estilo de vida incomum desses animais por quase duas décadas. Existem duas populações de lobos costeiros, uma continental e outra mais costeira.

Ao contrário de seus primos, os lobos das ilhas costeiras são inteiramente dedicados ao oceano. Seus genes demonstram isso; coletivamente, os lobos do mar costeiros possuem DNA distinto, segundo um estudo de 2014 publicado na BMC Ecology.

As pessoas geralmente associam refeições de lobo com alces ou veados, mas esses lobos em específico gostam mesmo é de frutos do mar, que compõem 90% de suas ingestões alimentares.

Salmão é responsável por quase um quarto de sua dieta. Eles também comem amêijoas, ovos de arenque, focas, lontras e carcaças de baleias.

Onde habitam

Embora tais diferenças genéticas entre lobos não sejam incomuns, descobri-las em uma área tão pequena como a costa oeste da Ilha de Vancouver foi curioso para os pesquisadores.

“Os lobos são animais altamente móveis, têm faixas domésticas de centenas de quilômetros e são capazes de atravessar vários tipos de barreiras naturais, incluindo pequenos cachos de água”, disse a coautora do estudo, Erin Navid, da Universidade de Calgary.

Os lobos do mar são menores (cerca de 20%) em estatura do que lobos cinzentos em outras partes do Canadá, outro efeito de sua dieta. Além disso, são geralmente de cor marrom avermelhada.

Mais populações residem no sudeste do Alasca, embora lobos do mar em geral tenham diminuído em número ao longo do tempo. Eles já vagaram até a Califórnia em suas antigas florestas tropicais temperadas, mas agora só vão até o norte de Vancouver.

Fotos

O fotógrafo Ian McAllister capturou a magia desses lobos em imagens de tirar o fôlego. Confira alguns desses cliques: [BoredPanda, NatGeo]

Por: Natasha RomanzotiEm: 1.07.2017 | Em Animais, Principal  |
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (21 votos, média: 4,90 de 5)
Curta no Facebook:

Deixe uma resposta