“Desabafar” sobre seus problemas pode ser prejudicial à saúde

Publicado em 14.11.2010

A famosa música de axé que tem o refrão “Então não me conte seus problemas, hoje eu quero paz, eu quero amor” agora faz sentido cientificamente. Embora continue sendo verdade que é bom ter um ombro amigo que lhe apóie nos momentos difíceis, um novo estudo revelou que lamentar demais pode ser estressante.

Os resultados da pesquisa mostram que as amigas que compartilham muitos problemas têm um aumento do cortisol, o hormônio do estresse, e um aumento na atividade do sistema nervoso simpático, responsável pela resposta de “enfrentar ou fugir”.

Já quando as mulheres falavam sobre os problemas sem se deter sobre eles, isso não resultou em nenhum aumento, o que sugere que a conversa compassiva e apoiadora é útil quando não é exagerada. Focar nos sentimentos negativos em geral é provavelmente ruim para a saúde física e psicológica.

Por exemplo, estudos sobre o estresse crônico têm ligado a preocupação com pressão arterial alta, resposta imunológica baixa e aumento da gordura abdominal, que por sua vez está associada com doença cardíaca e derrame.

Estudos anteriores haviam mostrado que compartilhar problemas demais com os amigos parecia tornar as pessoas mais ansiosas, ao mesmo tempo em que tornava esses amigos mais próximos.

Para pesquisar esse paradoxo, os cientistas pediram a 44 pares de amigas que completassem questionários para revelar os seus temperamentos e estilos de resolução de problemas. Então, eles pediram que elas se sentassem e discutissem os problemas, ou que trabalhassem juntas para planejar um centro de recreação para uma comunidade. A tarefa de planejamento do centro foi um “grupo de controle”, para que os pesquisadores pudessem comparar a conversa sobre problemas com uma interação mais neutra.

Antes e depois das tarefas, as mulheres forneceram amostras de saliva para medir os níveis salivares de cortisol e alfa-amilase, um composto que indica a ativação do sistema nervoso simpático.

As mulheres que planejaram o centro da comunidade não apresentaram resposta ao estresse, e nem as mulheres cujos problemas discutidos se focaram em soluções. Já os pares de amigas que ficaram lamentando sobre seus problemas, discutindo-os sem qualquer resolução, mostraram um aumento em cortisol e alfa-amilase.

O estudo analisou apenas as reações a curto prazo, assim os pesquisadores não sabem dizer se essa “lamentação” afeta a saúde a longo prazo. Mas a evidência preliminar sugere que a resposta não será positiva.

Como as mulheres que costumam dividir os problemas afirmam fazer isso com as amigas íntimas, o próximo passo da pesquisa é estudar como as mulheres e suas amizades desempenham um papel, a longo prazo, para ver se as pessoas podem aprender a falar sobre seus problemas de uma forma mais eficaz. [LiveScience]

Autor: Natasha Romanzoti

tem 24 anos, é jornalista, apaixonada por esportes, livros de suspense, séries de todos os tipos e doces de todos os gostos.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

8 Comentários

  1. “Estudos anteriores haviam mostrado que compartilhar problemas demais com os amigos parecia tornar as pessoas mais ansiosas, ao mesmo tempo em que tornava esses amigos mais próximos.”

    Comigo é diferente, fico realmente mais ansioso, mas afasto os “amigos da onça”, não que eu seja uma onça hehe.

    Thumb up 0
  2. Tanto contando pra alguem como remoendo aquilo na sua cabeca, voce vive e revive o problema causando estresse e consequentemente todas as doencas ligadas a ele.

    O mais sensato seria buscar a resolucao com ajuda medica ou de qualquer outra maneira, mas resolver.

    Se o problema nao tem remedio, remediado esta ( tome um cha de camomila e de tempo ao tempo)

    Thumb up 0
  3. nao concordo, tenho certeza que quando estamos desabafando com alguem tiramos uma magoa que esta dentro de nos sem falar que a fdalta de desabafo causa depressao e outras doenças como a cardiaca.

    Thumb up 1
  4. Eu acredito q nem todos os problemas devem ser contados,mas naturalmente todo ser humano tem a necessidade de ser compreendido. Uma certa vez uma psicóloga me disse que um problema so sai de dentro quando o jogamos para fora, e isso dó é possivel por meio de desabafos.Acredito que essa pesquisa ainda têm muitos campos a serem examinados.

    Thumb up 2
  5. Concordo com Elizabeth mas eu acredito que assim como a gente joga todos os días o lixo na rua e paga através do IPTU para que o recolham e levem a um lugar adequado, da mesma forma é bom despejar os nossos problemas (lixo) em outro, só que o alvo não devem ser os nossos amigos senão o Psicólogo que alem de receber por isso está preparado para levá-los a m lugar adequado !!!

    Thumb up 7
  6. Quando as pessoas apenas desabafam, sem pensar em possível solução dos problemas, é evidente que não trás benefício para quem desabafa nem para quem ouve. Não acredito que seja benéfico alguém despejar sobre os outros a sua carga particular de problemas, só para se sentir aliviado.
    Essa pesquisa não trouxe nenhuma novidade.

    Thumb up 9
  7. Com certeza será interessante, quando do prosseguimento dessa pesquisa, a análise do seguinte aspecto. Não seria o OUVIR os relatos de problemas o causador do aumento do estresse? Questiono isso pelo fato trivialmente verificável de que, tão logo você termine de relatar algum problema a alguém, a pessoa, seja amigo, parente, colega de trabalho, etc., logo aproveita para contar algo também “trágico”, como se tentasse lhe mostrar que o seu problema não é o pior! Procurem se certificar desse detalhe. Acredito que ele traga nova luz ao entendimento dessas questões!

    Thumb up 4

Envie um comentário

Leia o post anterior:
carrosolar1
Inventor amador cria carro que usa energia solar

E quem disse que gra...

Fechar