Deus existe? – A sua opinião

Publicado em 14.05.2008

Revista HypeScience

É comum a ciência esbarrar na religião, e quando isso ocorre geralmente é para contradizer alguma crença. E um dos tópicos mais controversos, anunciados por todas as religiões, é Deus.

A pergunta principal que a quipe HipeScience deixa para você é:

  • Ele existe? E em caso positivo, qual a prova científica de sua existência?

Lembre-se de manter os comentários amigáveis e use bons argumentos para expor suas idéias, do contrário eles não poderão aparecer aqui.

Perguntas complementares:

  • Cada religião tem a sua própria personificação de Deus. Qual está certa? Porque?
  • É possível conceber Deus sem a crença, portanto, fora da esfera dogmática?

Sugira novas perguntas para serem publicadas neste espaço.

RESPONDER

Autor: Alessandra Nogueira

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

562 Comentários

  1. A existência de Deus é baseada em argumentos que validam também acreditar em Ganesh, Shiva, Oxalá, Guaraci, Brahma e todos os outros deuses de todas as religiões e seitas, em anjos, no Diabo, no Céu, no Inferno, no Paraíso, no Purgatório (que a Igreja Católica criou e recentemente “descriou”), na Astrologia e no Mapa Astral, nas Runas, no Tarô, nas adivinhações feitas no baralho, na mão, em borra de café ou no I Ching. Pelos mesmos argumentos a favor da existência de Deus certificamos também a existência de fadas, duendes, gnomos, ogros, feiticeiras e bruxas com poderes mágicos, trabalhos de candomblé, umbanda e macumba que podem destruir a vida de alguém, causar doenças físicas e mentais, curar doenças e trazer a pessoa amada de volta ou conquistar o amor impossível. Todas estas crenças fazem parte do mesmo processo mental que acompanha a Humanidade desde antes de termos abandonado a África para povoar o mundo.

    Thumb up 3
  2. A pergunta é: Deus existe? (pede-se uma resposta baseada em argumentos científicos válidos, não em religiosidade)
    Quando vemos uma máquina fotográfica, um rádio ou um computador, entendemos logo que foram projetados e produzidos por alguém inteligente.
    Seria então razoável, dizer que coisas muito mais complexas — o olho, o ouvido, cérebro humano — tiveram uma origem diferente?
    Se encontrar seu nome escrito na areia duma práia, sem duvidar, instantaneamente terá a certeza que alguém dotado de inteligência foi o autor.
    O que dizer então do Código Genético (DNA), o qual tem milhões de vezes mais letras do que o nosso nome, e que define de forma exclusiva cada um de nós??
    E quanto aos que perguntam: “Então, quem criou Deus?”, lhes passa desapercebido o fato de que, se Deus tivesse sido criado, Ele não seria “Deus”, e sim o Criador dele é que seria, o qual por definição, por ser “o” Deus, é o único que não foi criado por ninguém.
    Supor que uma “simples” célula veio à existencia por acaso, é parecido com acreditar que Hamlet de Shakespeare, poderia ter resultado da explosão de alguma editora de livros…
    Pessoalmente, não sei muito sobre Deus, mas é a explicação mais lógica e acreditável pra tudo isso que conhecemos através da ciência comprovada.

    Thumb up 3
    • Muito cuidado com a lógica para tentar explicar algo do qual não há evidências. A lógica já levou a conclusões estapafúrdias, como Francis Bacon dizendo que como há 7 cores no arco-íris, sete notas musicais e sete orifícios na cabeça, deveria logicamente haver 7 planetas.

      Alternativas mais simples que criar um deus para explicar são tentativa e erro durante milhões de anos, ou então o próprio universo conter uma lógica que leva a formas de vida cada vez mais complexas.

      Sobre o design inteligente, ele não é tão inteligente assim, senão teríamos rodas e nos alimentaríamos de luz solar.

      Thumb up 1
    • Sem contar que supor que um Deus é incriado, veio do acaso, é uma forçação de barra maior que supor que apenas o universo é incriado, e a vida veio do acaso.

      Você empurra o problema, nada mais. Algo como: ok, nossa vida é complexa demais para ter surgido do nada, então ela foi criada por um ser mais complexo ainda, e ele surgiu do nada.

      Thumb up 0
    • O que impediria certa religião de ter argumentos científicos validos?
      “RELIGIÃO SEM CIÊNCIA É MANCA, CIÊNCIA SEM RELIGIÃO É CEGA” Albert Eisten

      Thumb up 2
    • Na minha opinião, não se pode explicar a existência de Deus sem as evidências da Biblia,pois nós não estivemos no principio das coisas e o Homem tem a tendencia de acreditar somente no que vê ou pode palpar.
      Mas posso explicar com 4 evidencias palpaveis:
      1) A primeira e segunda guerra mundial foi resultado da expulsão do anjo Lucifer do dominio espiritual de Deus para a terra nosso planeta.
      2)As possessões espirituais são reais, eu mesma já presenciei uma e tenho como provar.
      3) Jesus não é uma lenda a verdade é que se nome tem realmente poder para colocar os espiritos maus em subordinação; Isso pode_se experimentar e provar no preto e branco, coloquem um espirito mau num cientista ao manifestar-se repreendam-no pelo nome de Jesus.
      4) Por mais que a biblia possua erros e que seja uma fantochada como tantos dizem, como explicam o mundo dos espiritos na terra? Como explicam não haver vida em outros planetas? Deixem de olhar nos erros dos padres, esqueçam a religião só serve para deturpar a verdade. Deus existe sem religião, os maus actos de padres e pastores não significa que o Criador não existam, estes são usados pelo mal para deturpar a verdade com seus actos…

      Thumb up 2
    • Para os desavisados ou teimosos, uma informação. Você está no HypeScience e não no HypeReligion ou no HypeFaith. Aqui se discute Ciência e não Fé. Se quiser fazer comentários religiosos ou baseados na Bíblia, faça-o em outro local, respeitando o objetivo deste site. Mais uma informação. O enunciado é claro e vou repeti-lo “A pergunta é: Deus existe? (pede-se uma resposta baseada em argumentos científicos válidos, não em religiosidade”. Se esta é a proposta, por que tem gente que vem aqui, invadir o espaço da Ciência com baboseiras e crendices? Não invadimos os sites religiosos. Respeitem o nosso espaço. Acreditar em Deus é uma questão de Fé, não sujeita ao crivo da Lógica. Posso acreditar no Deus da Bíblia, que é o mesmo do Alcorão e no Torá, o Deus das religiões abraâmicas. Posso acreditar em Ganesh, em Shiva, em Oxalá ou em Guaraci. E todas estas crenças são igualmente válidas. O único fato que persiste é que não se pode provar coisas como Deus, Diabo, Céu, Inferno, Espíritos, Planos Astrais, Paraíso, Vida após a morte, Reencarnação, Curas Espirituais ou Milagres de qualquer religião. Existe um desafio internacional que para um milhão de dólares para quem provar qualquer uma dessas coisas. Há décadas ele foi oferecido e até agora ninguém levou.

      Thumb up 1
  3. 4. Onde podemos encontrar a prova da existência de Deus?

    — Num axioma que aplicais às vossas ciências: não há efeito sem causa. Procurai a causa de tudo o que não é obra do homem e vossa razão vos responderá.

    Comentário de Kardec: Para crer em Deus é suficiente lançar os olhos às obras da criação. O universo existe; ele tem, portanto, uma causa. Duvidar da existência de Deus seria negar que todo efeito tem uma causa, e avançar que o nada pôde fazer alguma coisa.

    5. Que conseqüência podemos tirar do sentimento intuitivo, que todos os homens trazem consigo, da existência de Deus?

    — Que Deus existe; pois de onde lhes virá esse sentimento, se ele não se apoiasse em nada? E uma conseqüência do princípio de que não há efeito sem causa.

    6. O sentimento íntimo da existência de Deus, que trazemos conosco, não seria o efeito da educação e o produto de idéias adquiridas?

    — Se assim fosse, por que os vossos selvagens também teriam esse sentimento ?

    Comentário de Kardec: Se o sentimento da existência de um ser supremo não fosse mais que o produto de um ensinamento, não seria universal e nem existiria, como as noções cientificas. senão entre os que tivessem podido receber esse ensinamento.

    7. Poderíamos encontrar a causa primária da formação das coisas nas propriedades íntimas da matéria?

    — Mas, então, qual seria a causa dessas propriedades? E sempre necessária uma causa primária.

    Comentário de Kardec: Atribuir a formação primária das coisas às propriedades íntimas da matéria seria tomar o efeito pela causa, pois essas propriedades são em si mesmas um efeito, que deve ter uma causa.

    8. Que pensar da opinião que atribui a formação primária a uma combinação fortuita da matéria, ou seja, ao acaso?

    — Outro absurdo! Que homem de bom senso pode considerar o acaso como um ser inteligente? E, além disso, o que é o acaso? Nada!

    Comentário de Kardec: A harmonia que regula as forças do universo revela combinações e fins determinados, e por isso mesmo um poder inteligente. Atribuir a formação primária ao acaso, seria uma falta de senso, porque o acaso é cego e não pode produzir efeitos inteligentes. Um acaso inteligente já não seria um acaso.

    9. Onde se pode ver, na causa primária, uma inteligência suprema, superior a todas as outras?

    — Tendes um provérbio que diz o seguinte: pela obra se conhece o autor. Pois bem: vede a obra e procurai o autor! É o orgulho que gera a incredulidade. O homem orgulhoso nada admite fora de si, e é por isso que se considera um espírito forte. Pobre ser, que um sopro de Deus pode abater!

    Comentário de Kardec: Julga-se o poder de uma inteligência pelas suas obras. Como nenhum ser humano pode criar o que a Natureza produz, a causa primária há de estar numa inteligência superior à Humanidade.

    Sejam quais forem os prodígios realizados pela inteligência humana esta inteligência tem também uma causa e, quanto maior for a sua realização maior deve ser a causa primária. Esta inteligência superior é a causa primária de todas as coisas qualquer que seja o nome pelo qual o homem a designe.

    “Livro dos espíritos”

    Thumb up 2
    • Ciencia investiga materia, Deus é um espirito invisivel inteligente que não pode ser visto, se Ele deixar voçe ver então voce morre. Nenhum medium espirita que sao os que teem poder de gerar possessões de espiritos neles e em voce caso eles queiram, nenhum deles vai querer que voce descubra a verdade sobre Deus,pois se o fizerem voce acreditará, ao acreditar eles perdem almas para o seu lider lucifer conhecido por satanas, o anjo rebelde expulso do campo espiritual de Deus…Deus vê tudo que nós fazemos e dizemos, no mundo dele há leis e regras, Ele não pode quebrar essas regras só porque duvidamos e não acreditamos no que não podemos ver. Para Ele a fé esta nisso acreditar sem ver…
      Mas se por acaso, voce cientista quizer provar, engane um medium, invente outro motivo, por exemplo que voce quer ser medium e peça uma possessão, ele que dará, vai sofrer, mas arranje outros cientistas que o vão acompanhar nesse processo, que o vão ajudar e levar a um representante de Deus, que vai expulsar esse mal. Ai, voçe vai acreditar…é só testar…e acabar com os debates e comentários de uma vez por todas sobre as duvidas se Deus existe ou não.

      Thumb up 0
  4. Vejamos o seguinte:
    *Teoria do primeiro motor imóvel: Tudo o que existe veio de uma energia, algo inicialmente teria que dar energia.
    Vejamos um motor elétrico, ele gira devido ao campo girante no seu interior, esse campo girante vem da energia elétrica, que recebe energia (cinética) proveniente da queda de agua, que por sua vez, cai devido a força gravitacional…enfim.
    Vemos então que se caminharmos ao infinito, não seria possível nada existir, pois nada se auto gerou. Mas eu tenho certeza que estou aqui, e que alguém esta lendo isso, logo existimos, então essa regra (nada se auto gerou) precisou ser quebrada no mínimo uma vez. Se nós referimos a Deus, então é mais fácil acreditar que ele criou essa regra (nada mais pode se auto gerar) logo, a soma de toda energia existente hoje foi criada por ele.
    *Dizermos que não é possível provarmos que Deus existe não é o mesmo que dizer que ele não existe, e não seria possível provar sua existência e menos a sua inexistência, visto que se ele existe como nas escrituras, ele é perfeita, para nós não seria possível reconhecer o perfeito sendo imperfeitos (argumento filosófico).

    Thumb up 0
  5. Deus é um lugar.
    Deus é um lugar.
    Deus é um Universo Espiritual.
    Todos caminham para lá. Através da pratica do bem. Mas acima de tudo a Caridade!
    O Universo Espiritual é Imensurável, mas uma boa noção é:
    Um oceano, um grão de areia.
    No grão fica contido todo o Universo Material, Multidimensional e afins.
    Um grão de areia no Oceano.
    Tá lendo e não tem certeza?
    Do que temos certeza?
    Do óbvio, concreto, visual, formulado e aceito que nos fizeram ter certezas ate agora das duvidas. Que para cada certeza descobrimos 10, 100, mil e infinitas dúvidas.
    Faz parte de uma era a incerteza vc consegue sentir? Então tenha certeza da lógica e do poder da ação que não escapa mais que certamente a reação. O torque, a capacidade de produzir a ação.
    As ações do bem constante praticado nos acarretam consequências predispostas a caridade.
    Com estas regras poderemos dar um passo maior em nossa evolução.
    Podemos estar em um planeta com propensão muito menor para o mal ou mesmo em outra era… aqui.
    Mas aqui perdemos tempo na reação.
    Tá ali. É comprovado. É fato. É uma reação!
    Mas a força que gerou a ação mesmo que de Deus não queremos descobrir.

    Thumb up 0
  6. …quem não acredita em Deus, acredita no “nada”…o grande paradoxo é que o nada passa a existir, ou seja, o nada é Deus…Deus criou o nada…não temos a possibilidade de fugir de Deus, do criador…não acreditar em um Deus arquiteto, significa dizer, durante milhões,Zilhões de anos é possível que componentes “eletrônicos” surjam do nada (do lixo) e formem um computador.

    Thumb up 0
  7. Talvez a pergunta mas certa seria. O que é Deus?

    Se o universo foi feito por acaso sem influencia de ninguém, então o que existia antes do universo? Nada?

    Se for nada o que é esse Nada? Um vacuo? mas ai é alguma coisa.

    Se for alguma coisa, como essa coisa foi criada?

    Vamos nos focar então na vida?

    O que é vida?
    Um conjunto de moleculas?
    Ok mas o que faz eu ser esse conjunto de moléculas e eu me sentir? por que eu sou eu? e quando eu morrer simplesmente vai ficar tudo escuro ou minha alma vai para outro plano?

    As possibilidades são infinitas, talvez nunca chegaremos numa resposta.

    Thumb up 9
  8. Sim Deus existe! E porque eu tenho tanta certeza disso? Bom eu posso afirmar que Deus existe porque eu já espíritos, anjos e demônios! Alguns foram tão nítidos que eu pude ver e até ouvir. Só posso dizer que é uma experiência sem igual. Antes eu não acreditava em Deus, mas agora eu acredito até em E.T.

    Thumb up 2
  9. Imagino um futuro distante onde dois robôs discutem se os humanos realmente existiram…

    Thumb up 10
  10. Primeiro; A teoria da Evolução não é contrária à da Criação de Deus porque ambas tratam de coisas diferentes: Criação, e uma consequência da criação, a evolução. Faço Biologia, acredito em Deus e uso a ciência constantemente como base de argumentação. Por isso,se não existe uma teoria concreta, provada para criação, então a Existência de Deus não pode ser negada. A bíblia, tida como palavra direta de Deus aos homens, é erroneamente tratada ao pé da letra por muitos sacerdotes, além de manipulada para o interesse deles, o que acarreta em críticas e em plenas condenações por parte de ateus sem base intelectual. O islamismo é um exemplo de se levar ao pé da letra algumas partes do alcorão. A ciência é algo que Deus nos forneceu para entendermos melhor o mundo. Não há nada de errado em acreditar em Deus, nem em louvá-lo.
    Algumas pessoas se intitulam ateus porque atualmente estar atualizado e par do que acontece é ter o que há de mais avançado em tecnologia, que está atrelada ao crescimento do conhecimento científico, que é erroneamente mostrado pela mídia como antagonista da religião.
    No final das contas, não há como provas se Deus existe ou não, provavelmente porque Ele está em um nível transcendental, inalcançável para nós com apenas a quantidade de conhecimento que nós temos. Concordo plenamente com o Lucas Melo, pois Deus alcançou e existe na mais avançada dimensão, por isso não sofre mais a influência e limitações das dimensões interiores, como nós.

    Thumb up 14
  11. Deus realmente existe. a fundamentação dessa linha de pensamento acarreta muito mais que uma simples discussão sobre existir ou não existir, vai mais alem, parte para as condições de existência de Deus. Se considerarmos o peso da onipotência, da onisciência e da onipresença (que são aceitas em todas as religiões cristãs), a existência de Deus se assemelha a um fluxo constante que vai do principio(desencadeado por Ele próprio)ao infinito.

    Essas qualificações garantem a Ele a imortalidade, já que pela onisciência ele possui os segredos da morte. O total domínio dos mecanismos quânticos e das forças elétricas fluidas, podendo molda-las de acordo com seu imaginário, pela onipotência, e tem acesso atemporal a todos os fatos e fenômenos do universo, pela onipresença. isso faz D’ele um ser de proporções infinitas, totalmente inimagináveis,e ininteligíveis ao ser humano atual.

    não há formas de percebe-lo em nosso meio, mas podemos observar os mecanismos da vida, a evolução em seu sistema perfeito, onde os seres vivem e interagem sendo moldados pelos seus próprios instintos, que surgem de acordo ao seu meio. Sem a regência de Deus isso seria impossível. Pode parecer muito filosófico, mas esse é um ponto de vista que acolhe a lógica, ao menos em meu ver. não sou adepto a nenhuma religião, estudo várias, e procuro explicações no respaldo do pensamento lógico.

    Thumb up 11
  12. para mim é impossivel tudo isso que existe vim da tal evoluçao,tudo isso que foi criado com uma engenharia perfeita,inteligencia,todas as celulas do nosso corpo por exemplo agem de forma harmonica, a biomecanina dos animais.. e tudo isso para mim é obra Divina.

    Thumb up 5
    • Se Deus existisse e tivesse criado tudo e todas as pessoas com essa tal “engenharia perfeita” não existiria câncer ou doenças, pessoas não nasceriam com problemas mentais ou físicos, pessoas não passariam fome, como por exemplo, as crianças na África. Deus é tão bom assim? Na história da arca de Noé, não morreram mulheres, crianças e homens por causa do diluvio e só se salvou Noé.

      Thumb up 2
  13. mano, tudo que existe de alguma forma foi criado ou passou a existir assim como nossos computares são inteligencias artificiais programadas para fazerem tudo oque mandarmos são linguagens de programção,bom no nosso caso creio que seja quase a mesma coisa creio que existe sim algo ou alguem superior que criou tudo isto, mas em relção a Deus a Bíblia creio tambem que pode ter cido fruto criado do homem para simplesmente adquirir poder e riquesa exemplo disso era a igreja católica na época das cruzadas, roubavam as pessoas matavam quem não acreditavam em sua ideologia para que ninguem descobrice a verdade se não fosse a igreja a ciência teria avançado muito mais a onde estariamos hoje?!.

    Thumb up 1
  14. É impossível exagerar a magnitude do problema que Darwin e Wallace solucionaram. Eu poderia mencionar a anatomia, a estrutura celular, a bioquímica e o comportamento de literalmente todo organismo vivo como exemplo. Mas os feitos mais impressionantes de evidente design são aqueles escolhidos a dedo — por motivos óbvios — pelos autores criacionistas, e é com uma ironia sutil que extraio meu exemplo de um livro cria-cionista. Life — How did it get here? [Vida: como chegou aqui], sem autor definido, mas publicado pela Watchtower Bible and Tract Society* em dezesseis idiomas e com 11 milhões de exemplares, é obviamente um dos grandes favoritos, porque nada menos que seis dos 11 milhões de exemplares me foram enviados na forma de presentes não solicitados por simpatizantes do mundo inteiro. Abrindo uma página aleatória dessa obra anónima e tão difundida, encontramos a esponja conhecida como cesto-de-vê-nus (Euplectella), acompanhada por uma citação de ninguém menos que sir David Attenborough: “Quando se observa um esqueleto complexo de uma esponja como o feito de espículas de sílica conhecido como cesto-de-vênus, a imaginação fica desnor-teada. Como podem células microscópicas quase independentes colaborar entre si para secretar 1 milhão de agulhas de vidro e construir uma estrutura tão bela e intricada? Não sabemos”. Os autores da Torre da Vigia não perderam tempo e acrescentaram: “Mas de uma coisa nós sabemos: o acaso não deve ter sido o autor”. Não mesmo, o acaso não deve ter sido o autor. Isso é algo com que todos concordamos. A improbabilidade estatística de fenómenos como o esqueleto da Euplectella é o problema central que qualquer teoria da vida tem de solucionar. Quanto maior a improbabilidade estatística, menos plausível é o acaso como solução: é isso que improvável significa. Mas as soluções-candida-tas para o enigma da improbabilidade não são, como se implica erroneamente, o design e o acaso. Elas são o design e a seleção natural.

    Thumb up 5
  15. Olá Pessoal tudo bom? Como já sitei em meu perfil amo conhecimento e por fazer constantemente analogias percebo que nós por sermos seres de naturaza amorosa e inteligente, só podemos descender de um ser ou de seres com inteligencia similar, haja visto, o movimento de rotação e tranlação de nosso planeta marcando precisamente a sucessão dos dias e das noite e também as estações do amo, a evaporação das águas a precipitação, a genialidade celestial no macrocosmo e no microcosmo, o exemplo das sementes que guardam dentro de si incomensuráveis florestas, se isso não é inteligência amorosa é o que? Apenas por uma questão de bom senso não dá pra deixar de perceber que por toda parte existe vida, existe um ecosistema, criador e mantenedor da própria vida,por isso e por incontáveis acontecimentos por mim experenciados sei que existe vida em outras dimensões e neste caso não é mais uma questão de crer e sim de viver, é ai quando nós deixamos para traz a crença e vivemos a certeza absoluta, posso garantir que há um estado existencial de incomensurável amor que chamo de estado de extase espiritual semelhante a um mergulho em um vasto oceano de bem aventuranças, é muito dificil explicar só esperenciando e para isso se faz mister a precursora a Fé na Inteligencia amorosa. E quanto e quando a pessoa vai encontrar ou mergulhar neste estado, de inicio já é um bom começo decidir-se por encontrar, é tão valoroso, que no mínimo devemos investir toda á vida, se for preciso é claro, vale lembrar as sabias palavras do MESTRE jESUS EU ESTOU NO PAI, O PAI ESTÁ EM MIM EU E O PAI SOMOS UM, reflexão é bom, imagine só se ele não estivesse transbordando de inteligencia amorosa divina ele teria suportado tudo o que suportou? Para mim é certo Podemos e devemos a cada dia mais buscar e mergulhar neste oceano incomensurável de amor celestial. Já experencio lampejos sei que chegará o momento que se tornará constante. Um Forte Abraço a todos e busquem o amor do criador amoroso do Universo, quanto mais mentes nesta sintÔnia melhor para todos.

    Thumb up 2
  16. Se Deus considera o homem igual a uma barata, como alguém declarou, e a única diferença está na nossa capacidade de aprendizado, então as expectativas do Criador são diferentes. Um homem pode chegar a ter as medidas de um anjo, mas a barata, mesmo tendo alma de barata, vai morrer barata. Respondendo à pergtunta: Deus não existe, Ele personifica a própria existênia. Se apenas existisse, como nós, teria princípio e fim. Mas Deus é de eternidade à eternidade. Está tão distante do nosso humano entendimento, que se apresenta segundo a imaginação e a mentalidade da época. No Antigo Testamento Deus é imaginado mais humano do que divino, muitas vezes pior do que a pior de suas criaturas, mas seria aceito de outra maneira? Nos tempos do Eterno Testamento de Jesus, Deus é imaginado como um ser espiritual piedoso, terno,infinitamente perdoador (70×7) pelos pessoas de bom coração. E continua sendo imaginado como aquela divindade cruel, ciumenta e vingativa pelos que ainda o imaginam assim, pela dureza de seus corações. Em suma: cada qual tem o Jeová que merece.

    Thumb up 5

Envie um comentário

Leia o post anterior:
icl
A arte de ensinar e a arte de aprender

Entre a arte de ensi...

Fechar