Dor de barriga infantil pode significar enxaqueca abdominal

Publicado em 25.04.2011

Depois de ler esse texto, você vai ter um novo tipo de suspeita toda vez que seu filho se queixar de dor de barriga: pode ser que ele esteja com enxaqueca. A constatação é de um hospital pediátrico em Norfolk (Virgínia, EUA), cujos médicos passaram a observar constantes casos em que as crianças se queixavam de dor abdominal sem razão aparente.

Normalmente, os doutores receitam analgésicos e passam dietas, mas quase sempre esta não é a raiz do problema. Uma pesquisa recente indica que duas de cada cem crianças americanas sofrem com essa enxaqueca abdominal.

Checando arquivos médicos de 450 crianças atendidas no hospital, eles constataram que a maior parte dos sintomas não foi identificada corretamente. É um problema mais grave do que parece: assim como a encefálica, a enxaqueca abdominal é feita de ataques crônicos e esporádicos. Alguns deles duram “apenas” uma hora, embora já deva ser ruim para a criança suportar uma hora de dor abdominal aguda, acompanhada de náuseas e vômitos. Mas as crises mais drásticas chegam a durar 72 horas, número que espanta os médicos especialistas no assunto.

Alguns médicos associam a doença à genética, porque uma pesquisa recente revelou que os pais em questão geralmente sofriam do mesmo problema quando eram crianças. E a maioria dos adultos não hesita em levar os filhos ao médico logo que os sintomas começam, já que uma das consequências é a criança ficar “fantasmagoricamente pálida”, como definiram os médicos. [Reuters]

Autor: Bruno Calzavara

Bruno Calzavara é recém-formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e está de volta à equipe do Hype após dois anos. Adora todos os esportes, exceto futebol. Gosta de chocolate e de sorvete, mas não de sorvete de chocolate.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

2 Comentários

  1. Como é dificil ter um problema e ao chegar no consultório nem o médioo consegue idetnifica-lo, pior ainda qdo vc já sabe o que é e outros profissionais duvidam do que vc fala por pura falta de informação deles.
    Ver uma criança sofrendo de dores é tão horrível para os pais quanto ouvir de um médico que seu filho está só fazendo graça para não ir a escola…..

    Thumb up 5
  2. Meu filho tinha essas dores, desde os cinco anos de idade foi quando esse tipo de enxaqueca abdominal surgiu, mais só foi ser diagnosticado anos depois pois quando uma doutora do HCT (hospital das clinicas de Teresópolis-RJ) uma neurologista Dr.Andréia o dignosticou com esse tipo. E hoje em dia quando falo no assunto com outros médicos ainda é como se eu tivesse inventando doença mais sei o que eu passei com meu filho forão crises e crises cada vez pior mais depois de diagnosticado nunca mais essas fortes dores vieram acontecer…

    Thumb up 3

Envie um comentário

Leia o post anterior:
terranormal
Formaldeído pode ter sido a base da vida na Terra

Composto de oxigênio...

Fechar