Imagem incrível: Mono, o famoso lago de arsênico

Publicado em 6.12.2010

Você já parou para imaginar como a vida alienígena pode ser estranha? Talvez, algum dia, iremos conhecer uma população de aliens roxos, com 40 olhos e 30 braços. Ou talvez algo que nem seja possível de descrever em nossa língua por falta de termos equivalentes.

Uma indicação de como a vida fora do nosso planeta pode ser tão incrivelmente variada foi encontrada no lugar retratado pela foto acima – o lago Mono, na Califórnia.

A bactéria que foi encontrada por lá mostra que há formas de vida capazes de tolerar quantidades incríveis de arsênico, ao contrário do que os cientistas pensavam, e que, nelas, o arsênico substitui o fósforo (um elemento que era considerado essencial para a vida).

Os resultados são surpreendentes e, ao mesmo tempo, controversos – isso porque considerava-se que uma forma de vida sem fósforo seria muito frágil e porque, agora, abre-se uma possibilidade de existir vida em lugares no universo onde acreditava-se ser um fenômeno impossível.

Na foto acima você vê o lago Mono em todo o seu esplendor – 7,5 km de largura, próximo ao Monte Dana.[Nasa]

Autor: Luciana Galastri

é jornalista. Viciada em livros, lê desde publicações sobre física a romances de menininha do estilo "Crepúsculo". Toca piano desde os oito anos de idade e seu estilo de música preferido é o metal.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

13 Comentários

    • Foi um modo de ilustrar as variações que a vida pode ter, criatura inculta.

      Thumb up 4
  1. Nonsa, porque os cientistas acham que se uma espécie é um pouco diferente das demais ela é uma prova de vida alienígena?
    É óbvio que os aliens existem, e devem estar olhando pra gente e falando : Nossa que povo idiota…
    Pow véi, num universo tão grande só existiria um planeta capaz de criar vida? Todos os planetas desse universo devem ter gerado vida um dia, já estão gerando ou ainda vão gerar!

    Thumb up 19
  2. Eu sempre acreditei que há vida fora da terra, mesmo se for a milhões de anos luz daqui, pode existir sim.

    Thumb up 12
  3. “…acreditava-se ser um fenômeno impossível…”

    É óbvio que pode exitir seres que não precisam de agua, ar, fosforo, e nenhuma dessas “móleculas básicas da vida”
    Isso é uma coisa básica que sempre pensei.

    E foi muito estranho, quando vi um certo espanto ou surpresa dos ciêntistas nesse ponto> “Olha um ser diferente, sinal que podem existirem seres diferentes”
    lol

    Thumb up 12
    • Tanto o ar como a água são compostos, e não “moléculas básicas da vida”!!! (apesar de definirmos a água como sendo “H20″, mas esta molécula é apenas um dos compostos da mesma…)

      Thumb up 0
  4. A muito a ser discuberto nesta térra e neste universo!!!
    Dou risada de quem não credita que a há vida fora da térra, são tão ingênuos!
    Abram a menti não tejam pensamentos finítos,foi assim que pessoas (Gênios)fizeram grandes descobertas.

    Thumb up 10
  5. nasa,estados unidos,lago mono ,california. hummm! nao sei nao. ta tudo muito junto ai ! Eles estao tramando algo! em breve vai aparecer a nasa na tv dizendo ter encontrado vida em outro planeta num curto espaço de tempo.

    Thumb up 5
  6. A circunferência desse lago parece com uma nave, não? Talvez eles (Entidades biologicas extraterrestres) estejam aí por milhares de anos, e de alguma forma começaram a aparecer. Ou não, pode ser apenas um lago com uma forma de vida diferente.

    Thumb up 6

Envie um comentário