A Cor da Tempestade

Publicado em 7.11.2011

Navegando entre a literatura fantástica e a ficção especulativa Mustafá Ali Kanso, nesse seu novo livro “A Cor da Tempestade” premia o leitor com contos vigorosos onde o elemento de suspense e os finais surpreendentes concorrem com a linguagem poética repleta de lirismo que, ao mesmo tempo que encanta, comove.

Incluindo os premiados “Propriedade Intelectual” e “Singularis Verita” e ainda contos inéditos, tais como “A Dinâmica Arca de Noé”, essa coletânea carrega algo de inquietante. Busca no elemento fantástico um pretexto para discorrer sobre os grandes interrogantes que acompanham a evolução da humanidade. O que há de verdadeiramente humano em cada um de nós? Qual é o maior atributo do amor? Por que as convicções são as inimigas mais perigosas da Verdade? E qual é o grau da Verdade que cada um pode suportar?

Mais que questionamentos nietzschinianos daquele que caminha à beira do abismo, contemplando-o, “A Cor da Tempestade”, de uma maneira refinada e elegante e, muitas vezes divertida, nos oferece uma anatomia de nossos maiores preconceitos, de nossos maiores temores e também – por que não dizer – de nossas maiores conquistas.

Para adquirir o livro A Cor da Tempestade visite aqui o site da editora.

LANÇAMENTO *
Na Virada Cultural de Curitiba

Dia 10/11/2011 – quinta-feira – das 18h às 21h30min
CASA DA LEITURA DARIO VELLOZO
Praça Garibaldi, 7 – CURITIBA – PR

*Contará com a presença do escritor paulistano André Carneiro

Autor: Marcelo Ribeiro

Amante do mergulho e da fotografia (com exceção das da própria cara) é patologicamente viciado em ficção científica, seriados, filmes e todo tipo de nerdices.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo
Leia o post anterior:
10
10 Inacreditáveis locais subterrâneos

Locais inacreditávei...

Fechar