Muitas mulheres não percebem quando engordam

Publicado em 29.02.2012


Com a sociedade atual tão fixada em beleza, estética e peso, as pessoas podem achar que todos são dolorosamente cientes de cada caloria que consomem e cada quilo que ganham. Mas um novo estudo sugere que, para muitas mulheres, isso não é verdade.

Em um estudo feito por médicos da Universidade do Texas, EUA, os pesquisadores descobriram que um número significativo de mulheres avaliadas em intervalos de seis meses não reconheceram seus ganhos recentes de peso.

Eles acompanharam 466 mulheres de diversas etnias por mais de 36 meses e descobriram que quase um terço delas não notou um ganho de peso de aproximadamente 2 quilos durante um período de seis meses, e um quarto das mulheres não notou um ganho de peso de quase 4 quilos durante o mesmo período.

O estudo, que se acredita ser o primeiro a explorar a precisão da autopercepção de ganho de peso, também descobriu que mulheres afro-americanas e mulheres usuárias de AMPD (injeção de anticoncepcional) eram mais propensas a observar seu ganho de peso do que mulheres brancas ou hispânicas.

Estudos anteriores

Outros estudos já tiveram resultados semelhantes. Em 2010, por exemplo, uma pesquisa concluiu que quase quatro em cada dez mulheres com sobrepeso acreditavam ser mais magras do que realmente eram.

Os autores do estudo examinaram 2.224 mulheres de uma variedade de etnias, entre 18 e 25 anos. Utilizando o índice de massa corporal (IMC) e a autopercepção do peso, os pesquisadores descobriram que 36,8% das mulheres com sobrepeso e 10,5% das mulheres obesas acreditavam estar abaixo do peso, ou ter peso normal.

Eu sei o que você, homem, está pensando: que toda mulher que você conhece se acha gorda. A realidade é que apenas 16% das mulheres com peso normal no estudo se achavam com excesso de peso. A grande maioria (84%) se percebeu com precisão com peso normal ou abaixo do peso.

Os resultados são preocupantes, porque se as pessoas não perceberem que estão acima do peso, não farão esforço para perdê-lo, e isso pode ter implicações na epidemia de obesidade, além de outros problemas de saúde.
A pesquisa recomenda que os médicos não assumam que os seus pacientes com sobrepeso ou obesos estão cientes de seu ganho de peso, ou mesmo de seu peso absoluto, e sejam sinceros, por uma questão de saúde.[LiveScience, Foto de Puuikibeach]

Autor: Natasha Romanzoti

tem 24 anos, é jornalista, apaixonada por esportes, livros de suspense, séries de todos os tipos e doces de todos os gostos.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

4 Comentários

  1. Eu fiquei feliz quando na semana passada fui à farmácia, subi numa balança e constatei que havia ganho uns gramas a mais… to bem melhor agora! rsrsrs.

    Thumb up 2
    • Quanto mais uma pessoa se preocupa com uma situação, mais ela é vítima dessa situação.
      Quem irá carregar o caixão não são os próprios defuntos e pelo fato dos defuntos não terem mais sentido, podem falar que o danado tá pesado. Mas não passou o dissabor de sentir vontade de comer aquilo que gostou. O único pecado de tudo é a “gula”. Ademais, nada faz mal.

      Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
empty-head
Ignorância sobre a própria burrice pode explicar muitos dos problemas da sociedade

Pesquisas dizem que ...

Fechar