Muitas pessoas não conseguem perceber seu peso real

Será que você consegue julgar de forma confiável o seu próprio peso? Um novo estudo sugere que não. Segundo pesquisadores, as pessoas muitas vezes não têm a percepção de seus pesos reais.

No novo estudo, quase 25% das mulheres com sobrepeso ou obesas se classificaram como normais ou até abaixo do peso, enquanto uma boa parte das participantes que estavam na média ou abaixo do peso relataram prática de comportamentos de dieta, alguns deles nenhum pouco saudáveis.

Os pesquisadores analisaram os resultados de uma pesquisa com mais de 2.200 mulheres nos EUA, com idade entre 18 a 25 anos. Elas responderam perguntas sobre a auto-percepção de seus pesos, altura e peso reais, e variáveis sócio-demográficas. Por exemplo, a pesquisa perguntou: “Como você descreveria o seu peso?”, e as participantes puderam escolher entre as seguintes respostas: “muito abaixo peso, ligeiramente abaixo do peso, peso certo, um pouco acima do peso e muito acima do peso”.

As participantes também relataram o número de dias durante a semana anterior que tinham se exercitado por pelo menos 30 minutos de forma contínua, bem como os seus comportamentos insalubres relacionados ao peso, como ingestão de pílulas dietéticas, líquidos ou pós de dieta; laxantes ou diuréticos, indutores de vômitos; pular refeições; fazer dieta/comer menos ou diferente; fumar mais cigarros (que suprime o apetite), ou evitar carboidratos.

As participantes foram classificadas de acordo com seu índice de massa corporal. Globalmente, 52% das participantes do estudo tinham IMC que as classificaram como com sobrepeso ou obesas. As latino-americanas e as afro-americanas que se viam como de peso normal (cerca de 25 e 30%, respectivamente) foram significativamente maiores do as participantes brancas. 15% das mulheres com sobrepeso brancas achavam que eram normais ou abaixo do peso.

No outro extremo do espectro, 16% das mulheres brancas e 20% das mulheres latino-americanas que eram normais ou abaixo do peso acreditavam que estavam com sobrepeso. Indivíduos que não sabiam que eram gordos eram significativamente menos prováveis do que outros a se envolver em comportamentos alimentares saudáveis ou não-saudáveis relacionados a dieta.

Enquanto isso, aquelas que erroneamente achavam que tinham sobrepeso foram mais de duas vezes mais propensas que as mulheres que reconheceram o seu peso normal a fazer dieta, pular refeições e fumar mais cigarros.

Segundo os pesquisadores, ambas as distorções de tamanho do corpo – pessoas alheias ao seu excesso de peso, ou pessoas que erroneamente acham que estão gordas – são motivo de preocupação.

Os cientistas afirmam que indivíduos obesos que não reconhecem que estão acima do peso são muito menos propensos a comer saudavelmente e se exercitar. Estes pacientes tem maior risco para doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2 e outros problemas graves, e deveriam estar se cuidando.

Os pesquisadores também falam que uma das razões para essa diferença entre a percepção e a realidade é a convivência entre as pessoas. Se, ao seu redor, mais pessoas estão com sobrepeso, é mais provável que você perceba essa condição como normal.

O estudo se concentrou em mulheres jovens em parte porque elas eram as clientes das clínicas de planejamento familiar onde os pesquisadores procuraram voluntários. Além disso, esta população tem mostrado um risco aumentado para comportamentos que colocam sua saúde em risco. Mesmo assim, os pesquisadores afirmam que os homens não estão imunes.

Segundo pesquisas publicadas em 2009, os homens são mais propensos a pensar que seu peso está bom, quando na verdade atende a critérios de sobrepeso ou obesidade. Por exemplo, quase metade dos homens com sobrepeso acima de 20 anos disseram que estavam “abaixo do peso” ou “no peso certo”, em comparação com menos de um quarto (22%) das mulheres. Entre os homens obesos, 12% relataram estar abaixo do peso ou com peso normal, comparado com 4,5% das mulheres.

Os pesquisadores também sugerem que a mídia poderia ser parcialmente responsável por esses equívocos e distorções. Por exemplo, é muito mais provável encontrar um homem gordo em um papel de liderança do que uma mulher rechonchuda. Um homem com excesso de peso parece ser mais aceitável do que uma mulher obesa.

Além disso, os adultos não julgam mal apenas o seu próprio peso, mas também de seus filhos. Em um estudo publicado em junho, os pesquisadores descobriram que 71% dos pais de crianças com sobrepeso ou obesas percebiam o peso de seu filho como saudável ou ainda mais leve do que saudável.

Os pesquisadores indicam que para manter as pessoas cientes de seu peso corporal, os médicos deveriam fazer exames de IMC com a frequência que fazem outros exames de rotina, como a pressão arterial. Assim, da mesma forma que o médico informa se sua pressão arterial é elevada, ele também deixa as pessoas saberem se seu índice de massa corporal está normal, ou nas faixas do sobrepeso/obesidade e abaixo do peso. [LiveScience]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Curta no Facebook:

7 respostas para “Muitas pessoas não conseguem perceber seu peso real”

  1. Se quiser rogar uma praga p alguém, deseje q ele seja gordo. É muito difícil, pq as pessoas te vêem como um preguiçoso, demente, alguém q só pensa em comida, e não é bem assim. Graças a Deus sou bem resolvida em todas as áreas da minha vida, amo e sou amada,sou admirada pelos meus amigos e parentes, mas isso é uma conquista. As pessoas tem aversão aos gordinhos. A maioria dos homens escolhem mulheres p q os outros vejam e não uma q o complete. Eu sou feliz sendo gordinha, gosto d me arrumar,d estar cheirosa,bem informada e d beijar muuuuuito na boca etc… mas isso não é a regra.

  2. é muito difícil assumir que é gorda, obesa e etc e tal…..
    eu sempre “briguei” com a balança, mas sempre assumi meu peso. Principalmente agora, que desisti de “brigar”.ksksksk

  3. “Por exemplo, é muito mais provável encontrar um homem gordo em um papel de liderança do que uma mulher rechonchuda. Um homem com excesso de peso parece ser mais aceitável do que uma mulher obesa.” É verdade, vendo por esse lado… é bem mais comum vermos homens gordos com mulheres magras do que o inverso. Sem falar que para os homens sempre há espaço inclusive para uma piadinha como: Isso não é obesidade, é simplesmente o meu calo do amor. rs.

  4. Estou com sobre peso, segundo a minha médica. Por esse motivo minha pressão passou a subir, preciso emagrecer pelo menos 10 kg p chegar ao peso ideal. Estou tratando c dieta, medicamento e academia, tudo sob supervisão médica, claro.

Deixe uma resposta