Mulher é decapitada por causa de acusação de bruxaria na Arábia Saudita

Publicado em 18.12.2011

O que você vai ler surpreendentemente não é uma história da Idade Média, mas aconteceu no início desta semana. Uma mulher, chamada Amina bint Abdulhalim Nassar, foi acusada de fazer bruxaria e feitiçaria pelo Ministério do Interior saudita. E ela não teve perdão: foi condenada à morte e decapitada.

Amina, que afirmou ser curandeira e mística, foi presa depois que autoridades encontraram uma variedade de itens ocultos em sua posse, incluindo ervas, garrafas de vidro, um livro sobre bruxaria e um líquido desconhecido, supostamente usado para feitiçaria. De acordo com um porta-voz da polícia, a saudita também prometia falsas curas e milagres, cobrando quase 1,5 mil reais pelos serviços.

Muitos muçulmanos xiitas e cristãos fundamentalistas consideram a leitura das mãos uma prática de bruxaria e, portanto, ruim. Fazer previsões ou usar magias (ou fingir e afirmar que faz isso) é visto como a invocação de forças diabólicas.

Adivinhação, profecia e bruxaria são práticas condenadas pelos poderosos líderes religiosos da Arábia Saudita. Lá, a política e a religião estão tão estreitamente alinhadas que é quase impossível separar as duas coisas.

No ano passado, um libanês chamado Ali Sabat também foi acusado de bruxaria após por ter feito aconselhamentos psíquicos e previsões em um programa de televisão. Sabat foi preso na Arábia Saudita pela polícia religiosa e foi condenado à morte em abril de 2010, embora ainda não se saiba se a sentença foi executada.

Acusações de feitiçaria e bruxaria não são desconhecidas em todo o mundo, especialmente em campanhas políticas em que elas são usadas como uma tática difamatória. Colaboradores mais próximos do presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, foram acusados no ano passado de usar feitiçaria.

Durante séculos, as acusações de (e leis contra) feitiçaria têm sido usadas como uma ferramenta de quem está no poder. O caso da saudita Amina é um lembrete de que a crença na magia ainda é levada muito a sério em muitas partes do mundo – e pode ter graves consequências. [LiveScience]

Autor: Stephanie D’Ornelas

É estudante de jornalismo, adora um café e um bom livro. Curte ciência, arte, culturas e escrever, mesmo que sejam poesias para guardar na gaveta.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

117 Comentários

  1. Por isso que ainda não tenho fé alguma na humanidade, mesmo com tanto conhecimento em pleno século 21 vemos idiotices como essa.

    Thumb up 0
  2. que eu saiba bruxaria e essas coisas não existem,porque na minha opinião magia é tecnologia muito mais muito superior

    Thumb up 1
  3. Pobre dos q nao acreditam q existe magia … mas o ponto principal aki eh… quem tem o direito de impor a sua crença? o deus muçulmano e o deus cristao tbm nao deram a capacidade de escolha a todas as pessoas? nao deram a elas o direito de seguir oq quiser? Quem impede um direito dado por Deus nao está contra ele?

    Thumb up 0
  4. Ah!! Se fosse em Cuba, Irã ou na Coréia do Norte.. não vejo nenhuma manifestação da imprensa brasileira a respeito… Será que é pq a Arábia Saudita tem algum tipo de influência com as potências mundiais?? é muita hipocrisia!! para!!

    Thumb up 5
  5. “A feiticeira não deixarás viver” – Êxodo 22, versículo 18. Que Deus nos proteja da Bíblia.

    Thumb up 10
    • Haverá o dia, embreve, em que o ser humano cairá na realidade de que todos somos um. A vidência ou qualquer outro dom é nato em cada um, dado por Deus para ajudar ao próximo, sem interesses. Somente não é desenvolvido por estarmos voltados a outros interesses, longe do espiritual. Ver qualquer dom como bruxaria foi algo criado pela BESTA. E o fim da besta (igreja católica), bem como todo religiosismo criado pelo homem, está próximo. Toda a religião, que foi criada pelo homem será desmascarada naturalmente, cairá. Só a verdade existirá. E a verdade é que somos todos um, um em todos, o universo, um só Deus.

      Thumb up 6
  6. O que você acha do ser humano ?

    ¨Lúcifer¨: Tenho ódio deles , pois são semelhantes a Deus , eu é quem deveria ter tal privilégio , sei que serei vencido no final mas levarei o máximo que eu puder comigo.

    qual é a lógica disso?

    venerar um ser que quer seu mal??

    Se essa mulher foi decapitada por fazer bruxarias , eu diria que seria uma burrice da parte dela, não por conhecer a Bíblia Sagrada , mas por estar no país que estava!

    Thumb up 7
    • C é meio burro, né não, amiguinho??!

      Thumb up 12
  7. Não seja estúpidos o bastante para serem contra pesquisas! O que seria de nós sem o conhecimento que temos hoje!

    Thumb up 11
  8. se não fosse a religião já estariamos muitos mil anos adiantados, pois enquanto os antigos estavam cultuando o deus sol, deus lua, etc, perdendo tempo em sacrifícios humanos deixaram de usar a criatividade para criar, e essa barreira só foi rompida séculos atráz depois de muita queda de braço com o cristianismo a mais recente pedra no sapato, mas ainda hoje tem muitos sumbs que podem até matar pra defender o vírus da ignorancia que transmitem, não duvido que as grandes religioes no brasil não comecem a recrutar homens bombas num futuro distante pra lutar entre si pela grana dos fiéis.

    Thumb up 24
  9. É incrível como algumas pessoas têm a despresível tendencia de fazer generalizações.
    Para mim o preconceito é formado de três componentes básicos: o ódio, a hipocrisia e as generalizações. Essa atitude não nos levará a lugar algum.

    Thumb up 14
  10. Religião é doença e proto é só junta alguns reliosos e aponta para uma pessoa que cometeu oque eles chama de pecado que a desgraça está feita.

    Thumb up 17
  11. Espero que no próximo século a humanidade esteja livre de religiões. O conhecimento, não só científico, suplantará a superstição!

    Thumb up 21
  12. Alguém aqui acreditou mesmo que ela confessou ser adivinha e mística, e que realmente haviam itens de feitiçaria ocultos na casa dela? Na Arábia Saudita as mulheres são impedidas de dirigir e tem um monte de restrições de movimento, como ela conseguiria estas coisas? E sabendo que a charia estabelece pena de morte para feitiçaria, ela confessaria ser uma adivinha e mística?

    Isto fede a confissão obtida sob tortura, e provas plantadas.

    Thumb up 24
    • Mias qual seriam as intenções deles pra fazer isso com uma mulher (pretensamente) inocente?

      Thumb up 3
    • “Fazer previsões ou usar magias (ou fingir e afirmar que faz isso) é visto como a invocação de forças diabólicas.

      Adivinhação, profecia e bruxaria são práticas condenadas pelos poderosos líderes religiosos da Arábia Saudita.”

      Ainda não está claro? Mitologia, superstição e religião não parecem mais uma boa idéia agora, né? Pra um religioso, qualquer coisa é do demônio. Se um religioso vai entrar no aeroporto sem passagem e é barrado, já vai logo dizendo que o segurança é do capeta e deve ser morto. Agora junta isso com dominação do povo pela manipulação mental através da religião. Quem comando a religião faz o que quer, e o coitado do povo paga pela própria estupidez.

      Thumb up 11
    • Todo anti-religioso acredita que “se um religioso vai entrar no aeroporto sem passagem e é barrado, já vai logo dizendo que o segurança é do capeta e deve ser morto”.

      Incrível como tantos comentários seguem a mesma linha lógica, religiosos e “não” religiosos. Vocês são os indutivistas, as generalizações políticas matam muito mais gente do que o judaísmo ou o cristianismo já mataram. Era considerado uma vergonha punir pessoas com a morte, já mil anos antes de Cristo, a diferença é que se entendia como um mal necessário. Coisa que hoje muitos continuam acreditando (inclusive ateus), só mudaram os crimes que “merecem” tal pena.

      O problema não é ser pecado ou não, o problema é violar os direitos naturais dados ao indivíduo pelo seu criador. A União Soviética era uma república atéia, isso não impediu o genocídio de mais de 30 milhões de indivíduos, pesquisadores chegam a creditar ao regime a morte de 100 milhões de indivíduos.

      Agora, se tu quer ser um ateu indutivista, beirando a ignorância, aproveita pra ler Kant, aí tu vai saber que mentir _sempre_ é errado, e se um maluco entrar na tua casa carregando um machado sujo de sangue e perguntar onde está o teu filho, é óbvio que tu vai dizer a verdade.

      Thumb up 11
    • Ai, falácias, falácias e mais falácias. Amigo, pense e estude um pouco antes de se expor com tanta confiança.

      Thumb up 5
  13. Cortar cabeças, mãos, dedos, clitóris, estuprar, ou espancar ou cuspir ao rosto de uma mulher por ela não estar “adequadamente” vestida…

    É engraçado: se eles fizessem isso por motivos políticos, étnicos, ideológicos etc., seria extremamente inaceitável – seriam loucos, racistas, nazistas, o diabo!

    Mas se fazem por motivos religiosos… Ah, devemos compreender.

    São animais, nada mais do que animais. É isso intolerância? Que seja, mas não muda o fato do que eles realmente são/fazem. Tirem as vendas do politicamente correto e vejam por si mesmos.

    Thumb up 20
    • Não tem nada a ver com “politicamente correto”. O respeito à religiões está entranhado em todo mundo, experimenta dizer que você é ateu e até os “politicamente corretos” vão começar a te tratar diferente, como se você tivesse a peste.

      Thumb up 19
    • O respeito às religiões é algo “entranhado” no mundo todo?

      Em que mundo o senhor vive? Vá dizer isto a xiitas e sunitas, àqueles em brigas tribais na África. Isso só para citar uns poucos exemplos.

      O politicamente correto é uma ideologia criada pelos membros da Escola de Frankfurt, com forte ênfase marxista.

      Aliás, o velho Marx era a favor do ateísmo, embora fosse judeu.

      Thumb up 3
    • Você conhece a Shari’a?
      Meu amigo, não tem um muçulmano sequer que não siga o Alcorão. Dos sufi aos Mujahidin.

      Thumb up 11
  14. Muito legais as pesquisas e enquetes que o hype está fazendo aqui ao lado da página.
    Quanto a reportagem, nem o cristianismo e nem os islamismo, as doutrinas dominantes na população mundial, prega atos desumanos como este. Isso é prática de fanatismo religioso, um monstruoso erro humano que ao menos no cristianismo até onde sei, está sendo abandonado.

    Thumb up 8
    • Raro ver alguém com discernimento feito você, Jonas! O que alguns ateus fazem (friso o ALGUNS e não todos) é o que também alguns religiosos fanáticos fazem: colocam tudo no mesmo “balaio de gato” e generalizam. Isso não é algo exclusivo de todo religioso e o Islamismo não prega atos assim. Isso parte dos FANÁTICOS. Acho engraçado é que as pessoas ainda fazem questão de lembrar os atos bárbaros da Igreja na idade média, ou de como queimavam bruxas nos Estados Unidos no séculos retrasado. Digo, porque devemos sim lembrar para não cometer os mesmos erros, mas boa parte dos que não gostam de religiosos fazem isso para jogar na cara algo, por qualquer motivo. Que fique claro: tenho amigos ATEUS, e não ATEUS MILITANTES. Esse amigos são muito legais, respeitam minhas crenças e para eles, não faz diferença nenhuma. Que fique claro: ATEUS MILITANTES = RELIGIOSOS FANÁTICOS.

      Thumb up 7
    • Digitei rápido demais e acabei assassinando o português várias vezes… sorry!

      Thumb up 4
    • Não necessariamente o ateísmo militante é igual ao religioso fanático. Postulando tal linha de pensamento, você generaliza, o que por sinal acabou de criticar.
      Um problema percebido por quem está fora da religião, é que a doutrinação religiosa, com dogmas como o acreditar cegamente (que é uma virtude) gera o espaço para o fanatismo, e temos vertentes fanáticas em todas as religiões, logo isso é muito plausível.
      A título de curiosidade, leia Deus um delírio, de Dawkins, sem medos. A critica feita por ele a certos pontos da religião é apoiada por muitos teístas, pois seu pensamento é racional e coerente.
      E só lembrando a vocês que isso não está sendo abandonado por vontade das igrejas cristãs. Está sendo abandonado após séculos de “pancadas” da ciência e do racionalismo, e não tenho dúvidas que se essas pancadas diminuíssem, a igreja voltaria com a Santa Inquisição.

      Thumb up 2
  15. Reza pra eles num vir para o Brasil durante a copa… O que vai ter de morto aqui num vai ser brincadeira kkkkkkkkkkkkkkkkkk!

    Thumb up 6
  16. Fico imaginando se, para esses fanáticos fundamentalistas do Islã, os cientistas que trabalham no LHC também são bruxos e feiticeiros a mexer com “a partícula Deus”!

    Thumb up 10
    • Por que? pela maior pesquisa alquímica do mundo? é tem razão… rsrsr

      Thumb up 3
  17. Não acredito no que acabei de ler??? Ao invés de evoluirmos estamos regredindo??? Fim dos tempos mesmo!!!!!!

    Thumb up 7
    • O pessoal dos direitos humanos só protegem bandidos

      Thumb up 11
  18. Abram suas mentes! Quanto menor for o conhecimento, maior será a ignorância de um povo e maior será a sua submissão em relação à alguma ideologia.

    Thumb up 23
    • Jorge Costa, parabéns! Falou pouco e disse tudo!

      Thumb up 2
  19. Olha sinceramente.
    Se sabemos que o home corrompe tudo. Melhor não existir religião.
    Religião é realmente um problema, sempre foi na história da humanidade. Aliás… corromper?
    O fundamento da religião é essa: controlar, disseminar ignorância, propragar…. Todos ficam falando Deus isso , Deus aquilo. Aí está o problema. Quem viu Deus?
    Ele foi na ultima reunião das Nações Unidas?
    Se todo mundo acredita num ser que nunca aparece, fica facil qualquer um dizer que ouve ele e que ele mandou todo mundo fazer tal coisa.

    Thumb up 17
  20. Quando surgem notícias como essa, só o que não falta são pessoas colocando a culpa na religião. O problema é que o homem tem a infalível habilidade de corromper as melhores coisas do mundo.
    Quando se trata de assuntos polêmicos, eu procuro ter uma mente mais aberta para compreender ambos os lados, e assim poder julgar pela lógica e não pelo preconceito (como muitos aqui fazem).
    O problema da religião é o fanatismo, que distorce os ensinamentos básicos da religião, o islamismo não permite atos brutais como este. Vocês acham que islamismo admite aqueles atentados terroristas? É claro que não, pois aquilo é obra dos fanaticos religiosos.

    Thumb up 36
    • Concordo. São esses “fanáticos” que dão má fama às religiões. O que deve ser levado em comsideração são as semelhanças entre elas, e não as diferenças.

      Thumb up 24
    • Concordo: Qualquer forma de radicalismo é nociva, seja ela ideologica ou religiosa.

      Thumb up 23
    • Magia, bruxaria, misticismo, crença em divindades e coisinhas invisíveis superpoderosas… Punição, terror psicológico, violência, antropocentrismo, ego, assassinato e etc. Tudo em nome de disso que aparentemente, muitos teístas proclamam não ser religião. Concordo que religiosidade não é a raíz de todo o mal.Porém é mais que 60%, pode ter certeza.

      Thumb up 7
    • Concordo: Mas você não vê um Cristão e um Judeu trocando tiros na rua por causa disso ou vê? Atos de brutalidade como esse são frutos de mentes doentias que usam como pretexto a fé para justificar essas atrocidades.

      Prova do que eu digo é o que acontece no Hypescience: Existem muitos ateus radicais aqui que se recusam a ouvir, ou mesmo entender, o outro lado. Qualquer coisa que não possa ser explicada dentro de um laboratorio é falsa, e taxam de “idiota” qualquer pessoa que cultive um “lado mais espiritual” – a perseguição feita por eles não é muito diferente da feita pela igreja no passado, com a diferença que nenhum ateu (ainda) pensou em explodir uma igreja para “livrar o mundo dessa praga teista que só faz mal a humanidade” ;)

      Thumb up 9
    • Não Anita, NÃO É e NUNCA FOI a religião. São os HOMENS. Vale lembrar do regime do STALIN na antiga União Soviética, onde a religião era PROIBIDA. E o que se sucedeu? Lembro-me bem de um episódio da South Park onde o Cartman acorda no futuro, depois de ficar congelado. Ele é achado por dois grupos de ATEUS, numa terra onde não existe mais religião. O grupo começa a DISCUTIR de forma PARECIDA com os religioso do passado. O que mudou? NADA. O problema está nos HOMENS. E desculpe, mas um dos maiores mandamentos de uma da principais religiões do mundo diz para amar seu próximo como a si mesmo. No que isso é ruim?

      Thumb up 4
    • Nossa, que argumento definitivo. Viu um episódio do south park e acha que sabe do futuro. Não é a toa que defende a religião, já que é uma pessoa com um senso crítico tão desenvolvido.

      Precisa de uma religião te dizendo o que fazer? Tem que ter uma cenoura na frente e um chicote atrás pra não desrespeitar o direito dos outros? Se essa religião se baseasse nessa frase, então não seria uma religião. Interessante que ela dá os mandamentos, supostamente bons, mas diz pra fazer o contrário. Ainda me vem cometer o erro de citar Stalin pra defender religião. Sinceramente, quanto aos regimes comunistas, espero que você estude mais antes de afirmar com tanta razão.

      “O problema está nos homens.” Pra isso que existe constituição e direitos humanos.

      Thumb up 8
    • Discordo. A religião é problemática por natureza.
      Na história da humanidade, ela sempre foi causa de atrocidades.
      Se mesmo, na época em que Jesus andou na terra, apredejavam mulheres…
      Quando foi que a religião se corrompeu mesmo? Desde o surgimento?
      Se hoje, ela é melhor em algumas variantes, é porque se modificou e mudou para atender a população de hoje, e manter certa lucratividade.
      Hoje tem até igreja para gays. Olha que legal. Todas os públicos alvos são atingidos.

      Thumb up 12
    • @Marcos:

      Mas até uma ideologia politica pode ser nociva, pegue por exemplo o comunismo defendido por Marx e a ditadura Norte Coreana de Kim Jong-Il.

      Não é “Deus” quem mata as pessoas: é o Homem.

      Thumb up 9
    • sim

      é o homem que mata em nome de deus

      Thumb up 8
    • Como já disse: Qualquer forma de radicalismo é ruim: Como citado pelo @Rodrigo Galera pegue como exemplo o regime comunista de Stalin, que cometeu varias atrocidades contra o seu proprio povo! O MUNDO quase ACABOU em uma GUERRA NUCLEAR por causa do do conflito ideologico entre CAPITALISTA E COMUNISTAS!

      E em nenhuma parte do “Manifesto Comunista” do Marx ele diz para pegar um rifle AK-47 e sair matando yankees. Penso que com a religião acontece o mesmo: é perfeitamente aceitavel que um cristão, um judeu, um espirita e um mulçumano sejam vizinhos e bons amigos! A culpa não é da “fé” em si: Mas das pessaoas que fazem mal uso dela ;)

      Thumb up 4
    • Experimenta dizer-se ateu para um “bonzinho religioso”. Ele irá achar um absurdo! É tudo farinha do mesmo saco. O que muda é o grau de barbaridade! Torço para um mundo sem religião!

      Thumb up 13
    • Como já foi dito em muitos outros comentários aqui, o problema não está na religião em si, e sim nos fanáticos, que distorcem as palavras que ouvem para atender as suas necessidades, sejam elas egoístas ou não, e, principalmente, para manipular as pessoas. O fato é que não existem apenas os fanáticos religiosos, como também existem os “fanáticos” ateus, que, bem como os anteriores, tem sérios problemas para respeitar a opinião alheia. Isso é inerente à humanidade…

      Eu reconheço que diversas entidades religiosas estimularam verdadeiras atrocidades, tudo em nome de um “Deus” que sente ira, ódio. No entanto, a importância da religião para a sociedade é incontestável… Já passou pela sua cabeça que tudo seria um caos, se não houvesse algo em que as pessoas pudessem se apoiar? Então… E essa é exatamente a função da religião: servir de base.

      Agora, você falando que todas as pessoas que acreditam em Deus são “farinha do mesmo saco”, está sendo preconceituoso e se colocando numa posição de superioridade. Não é porque já te discriminaram por ser ateu, que você tem que pagar na mesma moeda. “olho por olho e o mundo acabará cego”

      Eu tenho minha religião e meu irmão é ateu, mas nós dois convivemos super bem com a opinião um do outro. Diferentemente de você, torço para um mundo com respeito.

      Thumb up 5
    • A importância da religião é incontestável? Eu e muitas outras pessoas contestamos a importância da religião para a sociedade. Pra mim, o fato de os países mais desenvolvidos e justos serem laicos(e, talvez consequentemente, de maioria ateísta), onde a religião não opina em assuntos importantes, não se mete na ciência e na política, não diz à sociedade o que deve ou não ser feito e, principalmente, não é levada a sério a ponto de ter poder suficiente para convencer o povo que opressão e discriminação são justificadas por alguém ter supostamente falado com um ser invisível, quando jamais houve sequer uma evidência favorável à comprovação de sua existência, é uma prova indiscutível de que seu argumento é completamente equivocado, e uma prova definitiva de que religião não é requisito pra organização, desenvolvimento ou harmonia.

      Servir de base pra que? Pra dizer que tudo que existe foi feito por um ser totalmente imperceptível, que nos julga e nos observa a todo momento, que tudo que acontece é de autoria do mesmo e que devemos viver fazendo o que pessoas alucinadas e psicóticas dizem que ele nos manda fazer? Sério, não sei como isso poderia ter alguma utilidade. É muito prepotência sua afirmar algo tão sem sentido, que não é sustentado por nenhum argumento.

      Se vc for disser que ela foi necessária no passado, deveria provar que seriamos piores sem religião, mas nesse caso teria que provar que os que foram mortos por discordar dos absurdos que a religião afirmava levariam os humanos à extinção, como vcs costumam tanto afirmar.

      Eu proponho uma solução simples e prática pra resolver esse problema: Constituição. Todos deveriam ter acesso à ela e estar cientes do que podem ou não fazer. Ninguém está acima da lei. Desrespeitou, será punido, ponto final. Acreditar num velho invisível, homem-elefante ou sei lá o que não dá a ninguém o direito de desrespeitar a constituição.

      Thumb up 6
    • Não sei como uma notícia sobre bruxaria foi chegar a esse ponto, pois apenas denunciava os perigos do radicalismo religioso.
      Seus comentários não são dignos de minha atenção, são contraditórios e sem criatividade (a minha propaganda de sarcasmo merecia coisa melhor).
      Então…
      Meu comentário final para Om nom nom:
      Sabes que não irás convencer-me dessas suas ideias que mostram apenas um lado da História (tu desconsideras os avanços do mundo Ocidental que ocorreram graças à Igreja).
      E eu também não vou mais dar respostas a um preconceituoso hipócrita (não deve saber como a Universidade se originou) que tem o comportamento infantil de ignorar os fatos comprovados e aceitos pela maioria dos historiadores atuais.
      Tu negas grandes feitos da humanidade só porque seu protagonista foi alguém religioso.
      Muitos ateus e agnósticos que
      conheço respeitam a Igreja e seus seguidores (porque não são anti cristãos), reconhecem a importância que ela teve para a humanidade  e também apontam erros de seus fiéis, sem generalizações, pois sabem qual é a posição oficial da Igreja, tentam compreender os dois lados, levando em consideração o contexto histórico e desprezando teorias da conspiração. Além disso, buscam a verdade, assim como a Igreja, e também não tentam convencer o mundo de que suas ideias a respeito de religião estão certas.
      O maior problema que a Igreja enfrenta é que alguns de seus “seguidores” não tem nenhum conhecimento sobre Ela e saem por aí falando o que quiser em Seu nome.
      E continuando: não conheces nem 1% da história da Igreja, e ainda queres julgar todos os que Nela acreditam?
      Eu respeito os que não acreditam em Deus, não tento convencê-los do contrário, nem cito versículos da bíblia para eles (pois se quisessem ouvir estavam dentro de uma igreja), porque sei que não obterei êxito. Coloco-me no lugar deles: eu não gostaria de ficar ouvindo alguém discordar de mim a toda hora, indo contra os meus valores.
      “Mas quem fala o que quer ouve o que não quer” :
      Não sei porque vocifera tanto contra Deus… Será que foi por alguma frustração em sua vida? Após isso leu um livro de José Saramago, assistiu uma temporada de House, comprou uma camiseta do Che Guevara e entrou em alguns sites “cegos” que só falam mal da Igreja e pensou: “Já sei tudo, eu sou a verdade!”?
      O mundo não é bem assim…
      Se você acha que é “o mais radical” dos anti-religiosos, então eu tenho uma má notícia: você não passa do nível iniciante. Afirmo isso porque me decepcionaste em seus argumentos, após eu apresentar um fato que pode ser comprovado e com fontes confiáveis, desiste da primeira acusação sem fundamento e passa para outra do mesmo naipe.
      Se não quer ver a verdade, tudo bem, não é problema meu, apenas acho que o respeito deveria vir em primeiro lugar.
      Não vai adiantar se você insistir em responder meus comentários nesse post, não irei mais responder, não tenho paciência com certas crianças (usar argumentos racionais não dá certo).
      Radicais só deveriam tentar falar com radicais, sugiro que vá divulgar essas “tuas ideias” a um extremista islâmico.
      E para finalizar: a próxima frase é destinada somente aos anti-cristãos: “Você pode não acreditar em Deus, mas Ele acredita em você.”

      Thumb up 4
    • Você nunca leu o Alcorão, amigo.
      A sharia islâmica é bem clara: bruxaria, homossexualidade, adultério = pena de morte. Sem mais ou menos mais. A Inquisição católica também matou porque na piblia está bem clara: adultério = morte. Bruxaria = morte. É culpa das religiões, os homens criaram seus deuses e mataram em seus nomes.

      Thumb up 12
  21. Tanto a igreja católica como as protestantes já fizeram muito isso a séculos atrás.

    Thumb up 28
    • Bom, na verdade queimavam as mulheres; de qualquer forma matavam.

      Thumb up 18
    • A inquisição foi instaurada devido à influência que os governantes espanhois tinham (lamentavelmente) sobre alguns membros da Igreja. A condenação de ser queimado em uma fogueira foi inspirada numa conduta do rei Roberto o piedoso, e posta em prática por cardeais corruptos. Mas mesmo que a inquisição agisse a favor desses reis, ela era o tribunal mais “avançado”, juridicamente falando da época, oferecendo o direito de defesa aos suspeitos (e até advogados) e se a acusação não se confirmasse, o delator sofreria a mesma pena que o acusado teria (não estou tentando justificar o motivo pelo qual eram levados à julgamento; apenas desmistificar o Tribunal do Santo Ofício). E além disso o papa João Paulo II pediu perdão ao mundo pelos pecados desses “filhos” da Igreja. Fazendo comparação com a nossa sociedade: sabemos que existem ladrões e assassinos, mas nem por isso negamos nossa espécie, optamos pela justiça.
      Acho que seu comentário foi apenas mais um evidenciando que o ensino da História é defasado pois mostra apenas um ponto de vista. Uma parte não representa o todo.

      Thumb up 11
    • Mata e depois a instituição pede “desculpas”… tenha a santa paciência

      Thumb up 2
    • Isso é o que choca…….séculos atrás e nada mudou!!!

      Thumb up 11
    • Chamamos isto de evolução.

      Thumb up 6
  22. Acredito que a religiao nao pode levar alguem ao divino,mas penso que por meio da Kabbala pode se chegar a estagios muito proximos a Deus e descobrir a verdadeira realidade que esta escondida sobre 7 cortinas do mente Humana

    Thumb up 4
    • Após passar pela cortina da ignorância, a necessidade de crença em divindades se torna obsoleta.

      Thumb up 2
  23. Alguns países nunca terão liberdade de expressão. Pelo menos e a impressão que eles dão.

    Thumb up 6
  24. O que as pessoas tem que entender é que as religiões são erradas, mas DEUS não. Prova disso é que na Bíblia Jesus perdoa a todos os pecadores e a todos os que lhe fizeram mau, Ele era o único com autoridade ali para julgar e matar, pois Jesus ali entre todos era o único sem pecados.

    Mas não, Jesus os perdoou e ainda pediu que seu Pai (Deus) os perdoassem.

    Então está claro que Jesus não nos ensina a ser vingativos e matadores, muito pelo contrário!!

    Então não misturem essas religiões aí que deturpam tudo, com a Palavra de Deus ok??

    Thumb up 15
    • Um texto bíblico não é prova de nada. É exatamente por este tipo de pensamento que muitos morrem pelo mundo baseados em uma lei escrita por humanos há milhares de anos. O povo brasileiro pode não matar, mas comete os mesmos erros de interpretação e fanatismo que tanto condenamos.
      Não jogue pedra no telhado dos outros porque o nosso também é de vidro.

      Thumb up 8
    • Deus é uma tola ilusão humana, só não é culpado porque ele simplesmente não existe. E a ‘Palavra de Deus’ tem centenas de versículos e leis que condenam o pecado com a MORTE.

      Thumb up 10
    • O que as pessoas tem que aprender é que ninguém é obrigado a ter sua vida afetada crenças em mitologia e superstições, e que um livro de histórias insanas não prova absolutamente nada.

      Então não misturem realidade com fantasia e delírio coletivo, ok?

      Thumb up 6
  25. Eu acredito que as pessoas precisam ter mais Deus e menos religião…Eu creio em Deus não acredito em igreja, centro de oração, assembleias . Guando envolve dinheiro no meio e dizem que é em nome de Deus é isso que acontece … sempre uns querendo ser melhores que outros sem respeitar a crença.

    Thumb up 23
    • Ana, concordo quando você diz que “as pessoas precisam ter mais Deus e menos religião”! Mas, um problema seríssimo é a tendência que temos de generalizar, colocando tudo e todos na mesma sacola. Por exemplo: se terroristas agem em nome do Islamismo, concluímos que todos os muçulmanos são terroristas ou com tendências a tais práticas… Se conhecemos um crente desonesto ou um pastor corrupto, concluímos que todos os crentes são desonestos e todos os pastores são corruptos (essa eu ouço várias vezes por dia)… Se conhecemos um padre pedófilo, concluímos que todos os padres são pedófilos… Está errado!!!!!!!! Cada caso é um caso e deve ser analisado imparcialmente! Por favor, não faça isto! Não cometa esta injustiça! Procure ser sempre imparcial e você será bem mais feliz!

      Abração!

      Thumb up 5
    • O que você quer que as pessoas esperem de indivíduos que afirmam viver de acordo com as vozes de uma entidade inexistente e de um livro imoral e insano que diz pra torturar e matar os que não acreditarem e os que não viverem de acordo com costumes totalmente ultrapassados e abomináveis?

      Thumb up 6
    • Eu acredito que as pessoas tem que ter menos deuses e religiões e mais educação e conhecimento científico. Estamos a mercê das probabilidades. Há riscos calculados, mas o fator probabilidade é preponderante!

      Thumb up 10
    • Lembro do estudante de medicina que metralhou uma galera no cinema.

      Acho que ele vinha recebendo bastante “educação e conhecimento científico”.

      O que importa para um futuro promissor é o caráter dos homens, não seu conhecimento acumulado.

      Um bom caráter denota Sabedoria, o que é muito superior ao conhecimento do bem e do mal. O Amor é Sábio.

      Thumb up 2
    • Bom será quando o caráter curar o cancêr. Vamos ver quando esse dia vai chegar. Não conheço ninguém que ganhe a vida com caráter. Vamos parar de estudar e melhorar o nosso caráter.

      Médicos são totalmente inúteis, pois o conhecimento não importa, né Rômulo?

      Já o exemplo citado se encaixa perfeitamente bem na lavagem cerebral feita pelas religiões.

      Thumb up 9
  26. Religião é isso: violência! Coincidentemente nos locais que tem mais religiosos, há mais violência e injustiças e tudo en nome do infalível suposto deus deles. As pessoas têm que entender que deus é apenas imaginação de cada um e todos têm o direito de acreditar no que quiser, mas sem matar os que não acredita no mesmo mito. Que barbaridade!

    Thumb up 32
    • nao sei porque te negativaram, existem pesquisas que comprovam que em comunidades religiosas existem muito mais estupros e outros crimes que comunidades livres ou “ateistas”

      Thumb up 19
    • os teistas não aguentam a verdade

      Thumb up 7
    • Os piores países do mundo pra se viver são total ou quase que totalmente religiosos. Os países que oferecem melhor condição de vida, maior idh, menores índices de criminalidade e desigualdade social tem os mais elevados índices de população ateísta, embora sejam laicos(laicos de verdade, diferentemente do Brasil e dos EUA).

      Dêem uma olhada:
      http://www.youtube.com/watch?v=gztiyNEkPEs

      Thumb up 7
    • Na verdade não é bem assim.
      A China é um pais de maioria ateia e mesmo assim não é nenhum exemplo de igualdade e nem de qualidade de vida elevada para maioria da população embora teoricamente seja governada por um regime de esquerda que na verdade ta mais pra fascista.

      Thumb up 0
    • Engraçado que na Noruega, na Suécia e em outros deu muito certo.

      Ah, e de acordo com a wikipédia, aproximadamente 7% da população da china é composta por ateus. A wiki não é muito confiável e, em alguns casos, é até controversa, mas a China não é um estado ateu, e aparentemente a minoria é atéia.

      Thumb up 6
    • Eu exagerei sobre a China mas lá as religiões tem que ser aprovadas pelas Associações patrióticas, ou seja se não estiverem de acordo com o desejo do estado são ilegais.
      A Noruega o percentual de pessoal que não tem religião é pouco mais de 10% e eu não vejo nenhum vinculo de ateísmo com qualidade de vida. Sou ateu, não acredito em força superior mas acho que o verdadeiro problema não é acreditar ou não em alguma Deus e sim o verdadeiro problema é a generalização das coisas. Achar que só porque existem pessoas religiosas que cometem barbaridades, todas são bárbaros é o mesmo que achar que só porque a traficantes nas favelas, todos os favelados são criminosos.
      Além do mas, do mesmo modo que Charles Chaplin era ateu e Hitler acreditava em Deus, Mahatma Gandhi era Hindu e Stalin era ateu.

      Thumb up 1
  27. Acho que é questão de religião.
    Os sauditos acreditam e condenam isso, logo mataram a mulher.
    Se fosse como aqui no Brasil, um país de livre religião, não aconteceria nada.

    Mesmo assim, e uma bobagem fazerem isso.

    Thumb up 11
  28. Se fosse um yorkshire o povo brasileiro ia pedir estado de guerra com a arabia saudita

    Thumb up 7
  29. e dizem que religião não trás mais nada de ruim para Humanidade nos dias de hoje…

    Thumb up 28
    • As religiões, em sua essência pregam o amor e o respeito ao próximo.
      Essas atrocidades são cometidas pelos “seguidores” que não sabem interpretar os mandamentos / textos sagrados / a ética religiosa. São esses os responsáveis pela imagem distorcida que algumas pessoas têm das religiões.

      Thumb up 36
    • Everaldo, leia os o Velho Testamento para relembrar então. Tem um trecho que diz que crianças desobedientes devem ser apedrejadas. Na Bíblia Deus mata milhões, o Diabo não mata nem cinco. Não estamos torcendo para o time errado?

      Thumb up 17
    • A Bíblia é uma reunião de livros de diversas culturas. Nela está presente o tanto o sentido figurado, típico daquela época como fatos históricos. Muitas vezes o modo de demonstrar a importância de Deus era impondo medo (que na minha opinião é desnecessário).
      É papel das religiões saber interpretar esses escritos corretamente.

      Thumb up 8
    • Do que adianta interpretar “corretamente” um escrito que não passa de ficção, mitologia, e só fala besteira do início ao fim? Vocês sequer se perguntam se isto está correto? É sempre a mesma ladainha de ter interpretado incorretamente. É muita prepotência para quem jamais provou nada do que disse, embora tenham tido milhares de anos para isso.

      Thumb up 8
    • Nenhuma religião abrahâmica prega amor e respeito coisa nenhuma! Não sei de onde vocês tiraram isso. Jesus disse em Mateus 10, versículos 34 e 35 “Não cuideis que vim trazer a paz à terra; não vim trazer paz, mas espada; Porque eu vim pôr em dissensão o homem contra seu pai, e a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra;” O Alcorão condena vários pecados com a morte. A Torah também.
      Na Inquisição a Igreja Católica só cumpriu o que está escrito na Bíblia. Entendeu ou quer que eu desenhe?

      Thumb up 15
    • A Bíblia tem que ser bem interpretada. Reconheço que às vezes é difícil saber o que, realmente, o autor quis dizer; devido à subjetividade e às traduções pelas quais passou. Mas nenhuma frase deve ser tirada do contexto.
      Nos versículos citados, Jesus estava dizendo que quem o seguisse deveria ter conhecimento que muitos não aceitariam isso, o que ocasionaria guerras e divergência dentro das famílias.
      Compreendeste?

      Thumb up 3
    • Exatamente. Religião não tem nada de pacífico.

      Thumb up 6
    • E é nesse ponto que a religião peca. A bíblia foi corretamente interpretada também na inquisição ou nas cruzadas, ou na defesa da escravidão e tantos outros episódios. A interpretação depende da moralidade média da época que se discute, e quem é que trouxe a moralidade atual? O racionalismo, este sim que deveria servir de base para nossas ações e condutas.
      Pare de ler somente coisas religiosas, e tente ler Deus um delírio de Dawkins. É uma boa crítica, e você não irá para o inferno somente por ler (será).

      Thumb up 3
    • Precisa acreditar num velho mágico, sádico e traiçoeiro para ter amor e respeito ao próximo?

      Thumb up 7
    • Atenção, atenção!
      Para todos os que não têm argumentos, eu tenho a solução!
      Se você não tem conhecimento sobre o assunto, quer ignorá-lo e ainda tem muito ódio no coração, é simples: não atirem mais pedras, mas sim sarcasmo! É facil, não exige muito raciocínio e rápido de usar!

      Thumb up 6
    • Atenção atenção!

      Pra você que não tem capacidade, argumentos, não tem conhecimento nenhum, insiste em ignorar a realidade e ainda se diz superior, eu tenho a solução! Ao invés de estudar história, geologia, química, física, biologia, matemática, medicina, ou qualquer outra área do conhecimento, sequer lógica básica, diga que a resposta pra tudo é Deus! Se alguém te questionar, cite a bíblia! Se algo não fizer sentido, diga que é a vontade de Deus. Pronto, agora você não precisa mais pensar, e terá uma desculpa para tudo que fizer, por mais absurdo que seja.

      Thumb up 7
  30. A religião sem dúvida alguma é o ópio do povo.Se fosse por ela nós continuaríamos na Idade Média ,isso é lamentável.

    Thumb up 22
    • É… E graças ao “fora com tudo o que é religião”, “DEUS está morto”, etc, etc, estamos onde estamos: em um mundo que está despencando em um buraco negro, onde o certo tornou-se errado, o bem tornou-se mal, a luz tornou-se trevas, o amargo tornou-se doce… Agora, tudo é relativo: matar não é, nem bom, nem ruim – é relativo (tive de ouvir isto de um amigo que se diz “filósofo)!
      Agora, o Estado passa a interferir cada vez mais na vida particular do cidadão… Não demora muito, se eu tentar corrigir minha filha, serei qualificado como “psicologicamente desequilibrado” e poderei perder a guarda dela…
      Já, já, em nome da “democracia” e do “xô, preconceito”, começarão uma nova perseguição: perseguirão aqueles que insistem em crer…
      Lamento dizer, mas há tempo voltamos à Idade Média, justamente à época das trevas!!!!!
      Ai, ai…

      Thumb up 5
    • Ponderaste muito bem, amigo.

      Thumb up 1
    • Quando a religião dominava, cabeças rolavam por motivos quaisquer. Inquisição, idade das trevas… estude um pouco de história pra que suas opiniôes tenham algum fundamento(e deixe de ser como são).

      Agora, lá pro oriente, onde bebem mijo de vaca pq é sagrada, mulher é um objeto que faz o que o marido manda e não é tratada como ser humano, pessoas são mutiladas, terrorismo é rotina, lá a vida deve ser ótima, não é? Se vc gosta tanto de religião, pode ir pra lá viver nos países onde elas são a lei.

      Marcelo, na boa, vc não sabe o que está defendendo. Não é a toa que dizem que os que têm religião são os que menos sabem sobre elas.

      Aposto que um assassino psicopata diz que é um bom pai, cria seus filhos conforme o que ele considera que seja certo e acredita estar “corrigindo” eles. Vc acha que corrigir é ter a mesma opinião que vc. Pra vc, tudo o que vc faz é certo. Corrigir, pra vc, significa corroborar com a sua opinião, seja lá qual ela for.

      Olha que beleza, a religião e seus frutos: http://www.umavisaodomundo.com/2011/02/ritual-dor-sofrimento-criancas.html

      Dá até um desânimo em ver um comentário tão sem embasamento. Vc critica mas não fala coisa com coisa, diz que é ruim mas não diz pq. O seu comentário só não é vazio por ser preenchido por falácias.

      Thumb up 8
    • Om nom nom,

      Sei o que estou defendendo e estou disposto a morrer por Aquele em Quem eu creio: Jesus Cristo! Não digo morrer por uma religião, mas por uma pessoa! E aposto que você teria o maior prazer em ser o algoz, não?

      Thumb up 1
    • Morrer pelo que você crê? Parabéns você acaba de descobrir que é um terrorista fanático religioso!!

      Thumb up 2
    • Não, na verdade não. Gostaria sim que fanáticos que nem você anulassem uns aos outros, para que o mundo se tornasse um lugar melhor.

      O problema é que se você está disposto a morrer por uma maluquice de velhos de saia, estaria você disposto também a matar em nome desse delírio coletivo, que atinge os menos capacitados intelectualmente?

      Eu já vi isso acontecendo
      antes, e não duvido nada que isso possa se repetir, mas o que você esperaria que eu fizesse caso alguém quisesse eliminar minha existência simplesmente por eu não acreditar no conto de fadas em questão?

      Eu sinceramente não vejo motivos para apoiar a religião, aliás, muito pelo contrário.

      Thumb up 1
    • se você acha que o mundo esta ruim agora, deveria voltar a 50 anos atraz e nascer numa famila de 10 irmãos e servir de mão de obra, crescer sem formação etc, o mundo era uma porcaria a poucos anos atraz não vem com essa conversa, pergunte aos mais velhos se eles gostariam de viver novamente naquele tempo, afff! sempre a mesma hitória pra promover a religião.

      Thumb up 7
    • Como diria Dr. fucking House: A religião não é o ópio do povo, é o placebo do povo.

      Thumb up 6
    • Grande filósofo é o Dr. House…
      Lembro de quando ele tentou falar com seu falecido pai…
      E aliás, se você tem tanta raiva das religiões (agora eu vou usar uma em específico), porque você não manda uma carta diretamente ao Vaticano ao invés de ficar atacando a Igreja nestes míseros comentários?

      Thumb up 3
    • Rational arguments don’t work on religious people. Otherwise there would be no religious people. Prefiro admirar um personagem brilhante que busca as respostas, não se contenta com algo senão a verdade, salva pessoas ao invés de matar e contribui de fato para um mundo melhor, do que admirar uma instituição que mata quem discorda das suas “verdades”(que, por acaso, não podem ser comprovadas senão através da fé, que por sua vez se resume a acreditar sem provas)pq não tem forma melhor de convencer as pessoas(nem sequer muitas das que foram criadas na sua própria realidade distorcida), que detém milhões, muito provavelmente bilhões, quando diz que ajuda o mundo e, entre os seus ensinamentos pode-se citar um que diz “vende tudo o que tens e daí aos pobres”.

      Eu acredito que seja possível alimentar algumas dezenas de pessoas com as roupas, o cetro a privada de ouro do papa.
      igrejaateista.com.br/post/11002326677/a-cara-de-pau-do-acumulo-catolico-de-riquezas#disqus_thread

      Thumb up 5
    • Me fazes rir!
      Salvar vidas é apenas uma consequência dos enigmas resolvidos por House.
      E inspirar-se e copiar atitutudes de um personagem de seriado? Faça-me o favor!
      Ainda bem que não sabes onde moro, caso contrário, logo logo um carro destruiria minha casa.
      Mas voltando ao assunto principal: como você iniciou essa discussão, deve ter se lembrado de se inteirar sobre o assunto (ou não?). Sinceramente acho que não fizeste isso.
      Por acaso sabe dos jesuitas que ajudam no combate à aids na África? Dos judeus que o Papa Pio XII acolheu dentro do Vaticano, para não serem mortos pelos nazistas? Dos milhares de missionários católicos enviados por Bento XVI para ajudar nos hospitais africanos?
      Além disso o ouro e as obras de arte presentes no Vaticano servem para representação da grandeza divina. Esculturas e afrescos lá presentes representam isso. São representações artísticas religiosas e estão em um local… Religioso!!
      É como se fosse um museu todos podem admirar essas obras.
      A questão da fome na África não é tão simples como você pensa. Os bens do Vaticano não são propriedade de ninguém.

      Thumb up 4
    • Legal o comentário do Everaldo ai embaixo. Quer dizer que o papa proíbe o uso de camisinhas (que seriam uma maneira muito fácil de diminuir a contaminação pelo HIV), e depois manda os anjinhos missionários jesuítas pra ajudar os africanos com aids? Eu é que rio dessa sua visão limitada da realidade amigo.

      Thumb up 2
    • Pedro, tu tiras frases do contexto.
      Da próxima vez que comentares, verifique o porque dessas “proibições” antes de escrever um comentário sem nexo.

      Thumb up 0
    • E qual seria a justificativa para proibir o uso de camisinhas? Com certeza é algo imbecil que só faz sentido na cabeça dos “filósofos” cristãos…

      Thumb up 1
    • Man, o Everaldo é criança, é um troll adepto ao Ad Hominem como se isto fosse uma religião(ironia?), não dá pra dialogar com alguém que se baseia principalmente em raciocínio circular e em pesquisas espirituais do mundo espiritual feitas pela ‘universidade do Vaticano’.

      Inspirar suas atitudes num personagem de um livro da idade do bronze? Fazes me rir. Na verdade não, mas seria cômico se não fosse trágico.

      Cara, se ele considera como argumento os delírios que ele citou, não dá pra ter uma expectativa considerável de uso de racionalidade por parte de um indivíduo desses. Olha os “argumentos” que ele usa.

      “Os bens do Vaticano não são propriedade de ninguém” – Essa sim é pra rir. Aposto que não é isso que eles dizem. Se não é de ninguem, tirem de lá então. Velhos de saia que não fazem nada de útil não tem necessidade de ter “obras de arte” feitas de ouro e bens roubados que se tornaram propriedade dos mesmos por fazerem parte de desenhos de um amigo imaginário invisível(retratar o invisível? não sei pq mas, vindo deles, não me surpreende).

      O Vaticano matou e roubou até cansar, daí que vem grande parte da riqueza deles.

      Thumb up 1

Envie um comentário

Leia o post anterior:
TLE2011Dec10WangLetian900c
Foto: a umbra da Terra

Essa sombra escura n...

Fechar