Nem todos os homens jovens querem mais sexo

Publicado em 5.05.2011

Por incrível que pareça, uma nova pesquisa descobriu que a maioria dos homens jovens não desejam fazer mais sexo do que já fazem.

Aliás, de acordo com o levantamento, feito com homens australianos, 12% dos entrevistados entre 16 e 24 anos disseram que gostariam de fazer menos sexo – o maior índice entre todas as faixas etárias.

“Embora seja uma minoria, o número é representativo. É interessante ainda perceber que entre todas as idades, são os jovens que mais gostariam de reduzir a frequência de suas transas”, comenta Juliet Richter, professora de Saúde Sexual da Universidade de Nova Gales do Sul, de Sydney, Austrália. “É a desconstrução do mito do rapaz que não faz sexo o suficiente e se desespera para consegui-lo”.

Richter e uma equipe de pesquisadores de toda Austrália entrevistaram cerca de 4,3 homens heterossexuais e 4,4 mil mulheres entre 16 e 64 anos.

Apenas 31% dos homens na faixa etária mais nova (de 16 a 24 anos) disseram que gostariam de transar mais, novamente a porcentagem mais baixa do que qualquer outro grupo. Richter ressalta que um levantamento anterior, de cinco anos atrás, chegou a resultados semelhantes.

“Pode bem ser que eles não estejam aguentando o pique das garotas da mesma idade, que estão loucamente apaixonadas e muito empolgadas”, supõe.

A pesquisa não incluiu jovens gays.

Mais previsível, a pesquisa descobriu que 57% dos homens entre 35 e 44 anos queria mais sexo em comparação com apenas 28% das mulheres, enquanto 14% delas desejavam menos transas.

Metade dos homens com idade entre 55 e 64 anos gostaria de ter mais atividades sexuais enquanto apenas 27% das mulheres na mesma faixa etária possuía a mesma vontade.

“A explicação evolucionista é que as mulheres só estão interessadas ​​em sexo quando há a possibilidade de engravidar. Uma explicação social inclui vários fatores, como falta de tempo, pressão e cansaço”, conta Richter. “Afinal de contas, sexo é uma atividade de lazer”. [Reuters]

Autor: Bruno Calzavara

Bruno Calzavara é recém-formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e está de volta à equipe do Hype após dois anos. Adora todos os esportes, exceto futebol. Gosta de chocolate e de sorvete, mas não de sorvete de chocolate.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

9 Comentários

  1. A verdade é que tudo na vida evolui, logo o homem primitivo que só pensava em sexo, está dando lugar ao homem moderno, mais sensível aos problemas do mundo. É o tipo de homem que toda mulher sempre queria, sempre sonhava, mas agora que está tendo a oportunidade de acompanhar essa mudança, acabam(nem todas)não sabendo o que fazer e acabam tomando o lugar do homem primitivo.

    Thumb up 3
  2. “NEM AÍ COM ISSO”,parabéns;Até que enfim apareceu alguém com vontade de ser vencedor.É isso aí garoto!BOA SORTE,o caminho é esse’estudo’…

    Thumb up 3
  3. Tenho 60 anos bem vividos e posso afirmar q sexo nunca foi, ñ é e nunca será a coisa mais importante na vida de uma pessoa! E quando é feito pesquiza sobre assuntos pessoais ninguém fala a verdade, principalmente se for sobre a vida sexual, cada um diz o q pensa e ñ o q faz , então ñ há condições de saber , se o q se diz é falso ou verdadeiro!

    Thumb up 8
  4. As mulheres jovens que estam namorando fazem muito mais sexo do que as casadas porque querem conquistar o namorado pra algum objetivo, fazer ele ficar mais apaixonado pra virar um escravo emocional, converter cafajestes ao apaixonamento pra levantar o ego e testar suas armas de sedução, fazer o namorado casar com ela ou virar um provedor entre outros objetivos. Quando elas casam em poucos meses aquela safada e quase ninfomaníaca simplesmente desaparece, pois ela conseguiu o que queria. o sexo vai ficando cada vez mais raro e depois de alguns anos nem sexo oral você recebe mais e quando recebe nào é lá essas coisas. Isso prova que elas usam o sexo pra conseguir algo, claro a maioria faz isso inconsciente. Aí no casamento elas veêm com a desculpa que entrou na rotina, mas a verdade é que elas não tem tanto tsão assim como elas mostram quando estão namorando, são verdadeiras atrizes quase como as dos filmes pornôs.

    Thumb up 26
  5. Tem algo de estranho nessa pesquisa. Ou então com essa minoria australiana.

    Mas se fosse feita aqui no Brasil, o resultado seria outro.

    Thumb up 7
  6. Bom, eu sou jovem, tenho 23 anos e sou virgem, num primeiro olhar, pode-se pensar que minha prioridade principal é sexo.

    Mas engana-se redondamente quem pensar isso, pq minhas prioridades são concluir a faculdade, conseguir um bom emprego onde possa deslanchar na carreira, adquirir uma casa, um carro, morar em outro país, ter um cachorro…. sexo é a última coisa que eu penso…

    Não me considero anormal nem pior do que ninguém, aliás, há coisas que pessoas fazem que são abissalmente piores do que isso.

    A imensa maioria dos jovens como eu, hoje só pensam em sexo, maliciam tudo, só pensam em encher a cara, balada, sexo, fumar, transgredir… mas agora ler um bom livro, estudar, arrumar um bom emprego, ajudar alguém…. neca….

    agora fica a pergunta: será que sou um jovem de alma velha, uma pessoa que nasceu no século errado ou um alienígena? kkkkkkkkkkkkkkk

    Thumb up 41
    • Nem aí com isso
      Em primeiro lugar faz bem em rir bastante de sua própria pergunta, e vou te dizer o porque, em minha particular opinião, a ressaltar que tenho 99,9% de certeza de que minha opinião seja acertada.
      Em primeiro lugar: Parabéns!!!
      Sexo não é e nunca foi o que muitas pessoas apregoam ser.
      Em resposta a sua pergunta não creio que alma envelheça, e entendo que a sua seja MUITO evoluída, e sugiro agradecer ao TODO PODEROSO, por esta evolução a ti concedida. Infelizmente, a maioria das pessoas só aprende determinadas “lições” depois de ter errado bastante nas “tarefas de casa”, entre as quais eu.
      Você já faz sua “lição de casa” de maneira correta sem ter ultrapassado a marca dos 40, marca a partir da qual, muitos de meus conceitos de vida caíram por terra, e felizmente para que eu abraçasse melhores concepções. O fato é que eu também desde muito jovem, nunca fui ávido por sexo e nunca priorizei isto em minha vida. Mas, a partir dos 17 até 30 e poucos anos, fui mergulhado nesta ilusão dos prazeres. Felizmente, não fui nenhum tipo de participante de orgias, e no máximo, tive namoradas com algumas das quais, tive relação sexual.
      Para resumir, aos quarenta anos, me foi apresentada a diferença entre duas palavras, as quais o mundo em uma espécie de emboscada, nos ensina ser sinônimos que de fato não são: [BOM] X [gostoso]. Estas duas palavras são praticamente oponentes, mas costumeiramente dizemos que, por exemplo, chocolate é “bom” demais, quando na verdade queremos expressar que é gostoso demais, porém não necessária e efetivamente, BOM. E assim o é o sexo. As pessoas se machucam emocionalmente através do sexo, ou machucam a alma de outras da mesma forma, porque sexo não é algo que deva ser praticado com a crescente banalidade que observamos. Sexo é muito mais gostoso, se não essencialmente gostoso, e muiiiiiiiito raramente bom. O que as pessoas não consideram é que uma espécie de fatura dos machucados provocados nas pessoas ao longo do caminho, chegarão e terão de ser pagas, pois ninguém escapa do pagamento das faturas da vida. Neste campo, não há como ser inadimplente, logo, queiramos ou não, pagamos cada qual as próprias faturas.
      A entrega sexual é algo muito sério que envolve muito mais as almas do que meramente corpos.
      Então, SIGA FIRME NESTA SUA CONDUTA DE VIDA E TENHO CERTEZA DE QUE NÃO SE ARREPENDERÁ!!!
      Esta erotização que as várias mídias apregoam, é uma grande armadilha, e a maioria das pessoas mente ao afirmar que é feliz em função de vida sexualmente ativa. Creio que já tenha percebido, mas há muito mais gente infeliz com uma vida sexualmente ativa do que o contrário. Porém, reitero, AS PESSOAS MENTEM!
      ENTÃO, VOCÊ NÃO É UM ALIENÍGENA, NÃO ESTA NO SÉCULO ERRADO, E SAIBA QUE JÁ HÁ NO MUNDO MILHÕES COMO VOCÊ. ALGUNS AINDA SE ESCONDEM, POR CAUSA DA TOLA CHACOTA, POR PARTE DOS QUE PENSAM QUE SÃO FELIZES EM FUNÇÃO DO SEXO.

      POBRES IGNORANTES DIRÃO QUE VOCÊ É GAY OU COISAS DO GÊNERO, MAS NÃO SE RENDA AO MUNDO! O MUNDO NÃO TE ENTREGA NADA DE EFETIVAMENTE BOM, ENTÃO, NÃO DEVA SATISFAÇÕES a ele.

      Ainda acerca dos ignorantes que te rotulem de gay, se assim o fosse, seu mérito seria ainda maior, porque gay gosta de sexo como qualquer hetero. Sexo não é algo que somente hetero gosta. Logo, não faz sentido te considerarem gay, por não querer ter vida sexual ativa.

      Estou com quase cinquenta anos de observação da vida, porque sou observador involuntariamente, e te incentivo:
      SIGA FIRME NESTE PROPÓSITO DE VIDA E NÃO SE ARREPENDERÁ!!!

      Thumb up 18
  7. First!!!

    Os homens querem mais é namorar e curtir a namorada…
    Quem inventou essa parada de que homen só quer sexo são as mulheres que nao conseguem manter o namorado e usam essa deculpa:

    -ah, terminei com ele pq ele só quer sexo.

    Mentira; elA nao se garantia

    (acho que bebi um poko antes de escreve isso)

    Thumb up 14

Envie um comentário

Leia o post anterior:
positivo
Por que as pessoas dizem ‘OK’?

Existem diversas teo...

Fechar