Os 10 maiores mistérios da evolução humana

Publicado em 31.03.2012

Teóricos antigos, Charles Darwin, a genética e a ciência moderna ainda não foram capazes de solucionar completamente os mistérios relacionados à nossa evolução. Existe sólido conhecimento produzido sobre os conceitos de evolução, mas o senso comum ainda desconhece a maior parte deles. Confira uma lista com dez destes pontos obscuros.

10 – Por que não somos mais parecidos com os macacos?

Coloque lado a lado o DNA do homem e o do chimpanzé e você descobrirá que existe uma diferença de pouco mais de 1% entre nós e eles. Até as cadeias de cromossomos de ratos e camundongos, por exemplo, têm menos em comum entre si do que nós e os outros primatas. Apesar disso, somos muito diferentes.

A principal razão para isso é a própria genética. Quando se trata de cadeias de DNA, uma ínfima mudança de ordem pode incorrer em uma grande alteração no fenótipo. Apenas 1% difere entre chimpanzés e humanos, mas estas alterações se espalham por 80% dos nossos cerca de 30 mil genes. Dessa maneira, fica fácil haver duas espécies completamente distintas.

9 – Por que nos tornamos bípedes?

Os ancestrais do homem são bípedes há muito mais tempo do que se imagina. Darwin sugeriu que o ser humano passou a caminhar sobre duas pernas com o intuito biológico de deixar as mãos livres para a confecção de ferramentas. Cientistas posteriores, no entanto, derrubaram essa tese ao afirmar que o bipedalismo é 4 milhões de anos mais antigo que as primeiras ferramentas, logo, uma coisa está desvinculada da outra.

Um exame evolutivo mais apurado, feito por vários pesquisadores, mostra que há várias razões para que nós tenhamos deixado de ser quadrúpedes. Em parte, pode haver vínculo com a velha seleção natural, em que os bípedes levavam vantagem entre brigar melhor, economia de energia ao se movimentar, etc. O bipedalismo teria começado em árvores ou outros ambientes em que os quadrúpedes precisam de maior habilidade de locomoção.

8 – Por que o desenvolvimento tecnológico foi tão lento?

Uma descoberta relativamente recente (há cerca de duas décadas), em Afar, na Etiópia, mudou o modo como os cientistas enxergam a evolução dos instrumentos manuais. Lascas de pedra neste local foram datadas de 2,6 milhões de anos, muito mais antigamente do que se imaginava. A nova questão a intrigar os pesquisadores passou a ser o motivo de a revolução tecnológica seguinte levar tanto tempo para acontecer.

Uma das razões foi o lento amadurecimento do sistema nervoso central. Nos dois milhões de anos posteriores ao aparecimento das primeiras ferramentas, o cérebro humano dobrou de volume, atingindo 900 centímetros cúbicos. Entre os ganhos neste aumento, incluem-se as capacidades motoras, o que propiciou a evolução.

7 – Quando desenvolvemos a linguagem?

Anatomicamente falando, o Homo sapiens não foi a única espécie do mundo a ter habilidade para a fala. Os Neandertais tinham língua e estrutruras vocais e respiratórias próprias para a função de se comunicar, e indícios apontam para a existência de fala na espécie há cerca de 500 mil anos. O pontapé inicial da comunicação pode estar por volta desta época.

Apesar de não propriamente falarem, no entanto, hominídeos que teriam vivido na Terra algumas centenas de milhares de anos antes já gesticulavam. Ainda antes da fala em si, seu corpo já apresentava um órgão primitivo que se assemelhava a uma “caixa de voz”, e permitia a emissão de sons altos.

6 – Por que nosso cérebro é tão grande?

Alguns primatas, durante sua linha evolutiva, desenvolveram fortes músculos na mandíbula. Isso amplia a pressão sobre o crânio, inibindo o desenvolvimento físico do cérebro. O ancestral do ser humano, há cerca de dois milhões de anos, tomou o sentido contrário: uma mutação genética favoreceu o crescimento do cérebro.

Pouca gente imagina, mas um cérebro bem desenvolvido é literalmente faminto, ou seja, foi preciso que os hominídeos desenvolvessem uma dieta mais rica em vários nutrientes (derivados da carne, inclusive) para ampliar o próprio potencial.

5 – Por que somos pelados?

Uma ideia já levantada para o fato de os hominídeos terem perdido os pelos foi o fato de entrarem mais na água (em rios e lagos). Com a mudança de adaptação à temperatura externa, teríamos perdido a necessidade de tanta “cobertura”. A teoria mais aceita, no entanto, defende que nos livramos dos pelos porque estávamos superaquecendo, e não nos resfriando.

Enquanto nos restringimos a florestas tropicais, onde a temperatura é amena devido à cobertura vegetal, ser peludo não era problema. Mas a partir do momento em que nossos ancestrais passaram a habitar áreas abertas e com a mesma alta temperatura, o único artifício para resfriamento corporal era o suor. Nesta etapa, os pelos se tornaram um entrave evolutivo, e foram pouco a pouco descartados.

4 – Como aconteceu nossa diáspora?

Já é famosa a postulação de que os hominídeos partiram da África em direção a outras regiões do planeta. Há cerca de 1,8 milhões de anos houve ancestrais na Ásia e há uns 800 mil na Europa, mas estas espécies primitivas foram extintas. O ser humano se expandiu a partir do continente africano há cerca de 65 mil anos, um feito inédito para qualquer espécie animal.

Uma das explicações para a diáspora foi a instabilidade climática que a África vivenciava naquela época. O que estimulou o crescimento populacional foram as conquistas materiais dos hominídeos, tais como o domínio do fogo e tecnologias rudimentares de defesa, transporte e obtenção de alimento. O fato de andar, conforme explicam os cientistas, não era suficiente. Era preciso saber transformar os novos ambientes conquistados.

3 – Alguns humanos podem ser “híbridos”

A ideia de que todos os humanos de hoje possuem uma genética descendente de um ancestral único parece ser um erro. Estudos recentes mostram que os melanésios (etnia que habita ilhas no Pacífico Sul) têm 7% dos genes derivados do Hominídeo de Denisova, espécie primitiva descoberta recentemente, que teria sido extinta na região onde hoje está a Sibéria, na Rússia.

Isso significa que diferentes espécies ancestrais do homem teriam acasalado entre si, e algumas diferenças de DNA permanecem até hoje. Dessa maneira, a grosso modo, nem todos seríamos completamente Homo sapiens. Mas estas teorias nunca foram completamente confirmadas e ainda enfrentam grande contestação da comunidade científica.

2 – Ainda há outros hominídeos vivos hoje?

Provavelmente não. Embora haja lendas tais como o “Pé Grande” ou o Iéti (abominável homem das neves), de criaturas que lembram humanos, nada passou perto de ser comprovado. As supostas pegadas do Pé Grande (que habitaria a América do Norte), por exemplo, parecem ter sido simplesmente impressas por ursos, de acordo com pesquisas recentes.

Apesar disso, alguns sinais apontam para a ideia de que certas espécies coexistiram com o Homo sapiens mesmo depois que ele já havia superado os estágios evolutivos e as espécies primitivas “clássicas”, como o Homo erectus, já estavam extintas há muito tempo. Uma delas, o Homo florensis, foi descoberta da Ilha de Flores, na Indonésia, e teria vivido há até 18 mil anos atrás.

1 – Nós matamos os Neandertais?

Aparentemente, a culpa para a extinçao dos Neandertais recai justamente sobre os ancestrais do Homo sapiens moderno. Os Neandertais teriam se instalado há mais de cem mil anos em cavernas da Rocha de Gibraltar, na Espanha, e de lá se espalharam pela Europa e Ásia. Quando chegou a nossa vez de se expandir a partir da África, no entando, teríamos levado doenças que dizimaram pouco a pouco os Neandertais, até sua extinção há cerca de 24 mil anos.

O cérebro deles, conforme apontam os estudos, era de tamanho semelhante ao nosso. O que determinou nossa “vitória” sobre eles na face da Terra, no entanto, teria sido diferentes atribuições da massa cerebral: enquanto eles dedicavam boa parte a habilidades como a visão noturna, nosso cérebro foi programado para tarefas mais versáteis em termos de adaptação. Dessa maneira, eles sucumbiram. [NewScientist]

Autor: Dalane Santos

Dalane Santos tem 21 anos, é recém-formada em jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e escreve para o Hypescience desde fevereiro de 2012.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

176 Comentários

  1. Meu caro César, venha vc me provar tudo o que fala primeiro. Zecharia é extremamente respeitado entre os arqueologistas. Ele passou “apenas” sua vida toda traduzindo as primeiras escritas da atual civilização que conhecemos. Só isso! O que ele revela é um diário (sim, pois ninguém nos primórdios queria escrever mentiras para enganar o povo como fazem os cientistas e os ávidos por dinheiro de hoje) onde se conta como mexeram na genética humana genialmente (entre outras coisas). Ele nos abre para a única verdade que pode explicar o que realmente fez sermos o que somos em tão curto espaço de tempo (3milhões de anos). Não critique, pois nem isto vc sabe. Imagine, mesmo que fosse ficção, o que não é, seria uma obra sem tamanho, genial e revolucionária do mesmo jeito.

    Thumb up 1
    • Ele não fala, ele imita os sons que ouve.

      Thumb up 6
    • o formato da lingua e das cordas vocais é proximo ao nosso, por isso ele “fala”

      Thumb up 2
  2. Porque paramos de evoluir a milhares de anos,e para q serve ou serviu os mamilos masculinos?

    Thumb up 5
    • Não paramos. O processo é lento para ser diretamente observado em apenas os poucos milhares de anos em que temos registros escritos.

      Thumb up 3
  3. Para entender a diáspora da raça humana, assista ao documentário “Armas, germes e aço” do Jared Diamond.

    Thumb up 2
  4. Como Homo sapiens moderno, gostaria de expor minha opinião, em tão discutida matéria apresentada pela Hypescience, falando, falando, e … 1) Começamos bem nossa evolução, matando nossos semelhantes neandertais ?, ocasionado por tamanho de cérebro ?, visão noturna deles ?. 2)Outros semelhantes á nós, ou hominídeos ?, especulados como Homo Florensis ?, na Indonésia numa ilha chamada De Flores ?, não sei não ?, não seria mais fácil em outro planeta ?. Bom ! tem flores nesta historia. 3) Alguns (?) humanos podem ser híbridos ?, qual seria a diferença se tiver ou não genes do himinídeo Denisova. Sera que sou totalmente Homo Sapiens ?, e sou ou não descendente do chimpanzé ?. 4) Quanto a movimentação migratória nada podemos discutir, a sobrevivência dos hominídeos deveu-se as suas conquistas materiais e readaptações ao meio ambiente. 5) O fato de não termos pelos, deve-se unica e exclusivamente ao fator do gêneses da raça, e não de banho, se o motivo fosse excesso de água, não teríamos nem cabelo, ainda bem que não !.6)Tamanho não é documento !, e engraçado compararmos o crescimento muscular de um cérebro com mandíbulas, esta teoria esta estranha, usamos nossas mandíbulas milhões de vezes comendo, bebendo, falando e principalmente rindo. Aos mascadores de chicletes cuidado, isto pode diminuir seu cérebro. 7) Quem falou primeiro ? o neandertal ou o homo sapiens ?, não importa muito agora pois, neste caso, quem falou primeiro, foi extinto primeiro, boca fechada muitas vezes e prudencia e sabedoria. 8) Paciência por 2 milhões de anos, crescimento 900 centímetros cúbicos cerebrais , desenvolvimento sistema nervoso e coordenação motora, são acontecimentos da evolução tecnológica definitiva e permanente do homem. 9) Nós não nos tornamos Bípedes, nós já nascemos bípedes, o chimpanzé sempre foi bípede ok. Nós somos bípedes porque nossos braços são para Abençoar, acariciar, abraçar, cumprimentar, escrever etç. Oras bolas, para fazer ferramentas Sr Darwin ?, brigar melhor ?, por favor !, temos coisas muito melhores e saudáveis para fazer. 10)Humanos X Chimpanzés: quando meditando ou simplesmente olhando para o espelho, não vejo o 1% de diferença genética entre mim e um animal, a diferença esta no meu DEUS, no meu PRÓXIMO, no meu avó, no meu pai, na minha esposa, nos meus filhos, nos meus amigos, não existe nem comparação entre nós !, sabe porque ? por que eu sei AMAR. A unica afinidade entre nós é a MORTE, pois do Pó viemos, e ao Pó voltaremos. Palavra do Senhor.

    Thumb up 4
  5. Evaldo, só uma sugestão pra vc não se passar por tolo: estude pra depois vir aqui falar alguma coisa sobre evolução. Você quer dizer que qualquer coisa na ciência que não foi ’100% comprovada’ deve ser renegada para dar espaço pra qualquer crendice sem nenhum fundamento científico? E como muitos vc confunde evolução com melhoria…não é bem assim… Vamos deixar de lado os contos de fadas galera!

    Thumb up 1
  6. Ha mais um misterio que esqueceram de mencionar, sobre as piramides do Egito. Segundo um livro que eu li sobre ciencia e coisas estranhas, como era possivel montar um piramide com pedras tao grandes e seu formato triangular com tanta perfeicao? Com certeza tratavasse de uma civilização muito avançada tecnologicamente, porque nos dias atuais, para se erguer uma piramide desse porte seria necessario muitos “guindartes” e muita “mao-de-obra”. E outra, oque e que tem haver uma Esfinge no meio da floresta amazonica?

    Thumb up 3
    • Valeu Andy!

      Thumb up 0
    • Olha isso esta longe ainda de ser comprovado tá mais para lenda e adeptos das teorias conspiratoria falou colega??

      Thumb up 1
  7. Além desses aí, eu tenho uma grande dúvida: Se a evolução ocorre por mutações aleatórias mais a seleção natural, então, por quê nós não vemos na natureza seres bizarros?

    Embora há grande diversidade de seres vivos na natureza, a imensa maioria são de seres simétricos, belos e simples. Geralmente, possuem dois olhos, dois ouvidos, uma boca e uma narina, etc. A gente não vê (e quando existe, é exceção) animais assimétricos, cheios de olhos ou de ouvidos, ou de membros aleatórios espalhados pelo corpo. E nem, por exemplo, homens com olhos na nuca, ou com chifre na testa (existem, mas é invisível), ou com garras nas mãos; etc.; o que seria uma boa vantagem evolutiva.

    Thumb up 5
    • Na natureza tanto em nível microscópico como macroscópico, existem sim seres muitos bizarros, tente dar uma pesquisada no google, e encontrará.

      Falar que a maioria dos animais tem dois olhos, dois ouvidos uma boca… é talvez coerente quando se fala exclusivamente do reino animal que é apenas uma minoria frente a todos os outros seres vivos pertencentes a outros reinos.

      Quanto a simetria, ela só é verdade quando falamos do corpo exterior. Por dentro, boa parte dos animais são bastante assimétricos, inclusive o ser humano. O motivo de fora ser simetrico é porque ser simétrico trás uma serie de vantagens (Inclusive nós tendemos a achar bonito o que é simétrico, logo os simétricos são selecionados).

      Simetria trás a idéia de proporção o que é importante. Imagine que você nasça com uma perna maior que todas as outras, é fácil imaginar que você teria muita dificuldade de se locomover, o que em períodos antigos, você acabaria comido por um leão enquanto seus amigos simétricos escapavam, rsrs.

      Não existem muitos animais “cheio de olhos e cheio de ouvidos” (talvez deva até existir, não sei), simplesmente porque ter 2 olhos e 2 ouvidos é o melhor custo-beneficio. Tendo dois ouvidos é fácil comparar de que direção veio o som calculando o tempo que o som leva para chegar em um ouvido e depois no outro (Calculo feito pelo cérebro), é assim que detectamos a posição de fonte sonoras. Mais ouvidos iria tornar essa tarefa mais árdua e desnecessária. O mesmo princípio vale pro olho, melhor custo-beneficio.

      Mas mesmo assim, devido a mutações ocorrem mutações que tornam completamente assimétrico o feto e na maioria dos casos eles morrem mesmo antes de nascer. Há casos de fetos que nascem com 2 cabeças, pé nasce na nuca, vários olhos, e todo tipo de bizarrice que você puder imaginar, basta pesquisar por “fetos deformados ou algo assim”.

      Nós só vemos a natureza perfeitinha assim, porque somentes os “perfeitos” sobrevivem.

      Thumb up 2
    • Além dessas dúvidas: Por quê há animais vivos praticamente idênticos aos seus ancestrais de milhões de anos atrás? Como se originou a vida primeva? Por quê só o homem teve a sorte de ficar racional, criando máquinas e construindo civilizações? E qual a origem da consciência? Por quê nós sentimos, vemos e ouvimos? Que arranjo de neurônios há no cérebro ou que elemento químico há dentro dele que nos faz não só interpretar e processar sinais eletroquímicos; mas ver, ouvir e sentir dor de verdade, sentir alegria e tristeza, amor e raiva, etc? Até duvido que algum dia um robô será capaz de ter sentimentos reais, em vez de apenas processar informação!

      Thumb up 3
    • Existem animais que são praticamente “fósseis vivos”, mas eles ainda assim tem diferenças com os exemplares de milhões de anos atrás. O que ocorre é que as mutações sempre são passadas pela seleção natural. Se uma espécie está muito bem adaptada a um ambiente e este ambiente não muda, então qualquer mutação que surgir vai ser excluída na seleção natural, e o animal “original” vai se preservar. Ainda vão acontecer mutações que não passam pela seleção natural, por isto o animal não é exatamente igual aos exemplares de milhões de anos atrás.

      A seleção natural não privilegia a mudança, ela privilegia o que funciona, o que ajuda o animal. Se ele está adaptado então qualquer mudança vai ser deletéria e será excluída pela seleção natural.

      Sobre o resto, tem que estudar muito mais para entender as perguntas, antes de tentar uma resposta, você não acha?

      Thumb up 6
    • Na verdade, existem animais bizarros. A aranha, por exemplo, tem oito pernas e vários olhos. Existem animais mais bizarros ainda, é só dar uma olhada.

      Sobre animais vertebrados mamíferos, as mutações ocorrem em cima do que já existe. O que ocorre na maioria das vezes é que um órgão tem sua função ligeiramente alterada por uma mutação e isto pode acabar acarretando em um novo órgão ou em uma mutação.

      Algumas mutações são impossíveis, como, por exemplo, um cavalo com asas – por que não há uma estrutura sobrando para virar as asas do cavalo, a não ser que ele perca as patas dianteiras.

      Thumb up 7
    • exite animais e insetos bizaros na natureza e morando nos lugares mais e inospitos.

      Thumb up 0
    • A tuatara é um lagarto primitivo que tem três olhos, isso é bizarro o suficiente?
      http://pt.wikipedia.org/wiki/Tuatara

      A se vc quiser tem os seres abissais tbm, esses são tão bizarros que vc duvidaria da existencia de muitos deles. Alguns parecem até pokemons rsrs como o polvo-dumbo

      Thumb up 1
    • Talvez esteja-se considerando o bizarro a partir de um ponto de vista exclusivamente humano, como se a forma do corpo humano fosse a melhor. Talvez para a tatuara, para a aranha, para o ornitorringo, nós é que somos os bizarros, já que temos apenas duas pernas, dois olhos, nenhum bico… Não há formas bizarras na natureza. Todas são perfeitas dentro do contexto evolucionista, da seleção natural e adaptação ao meio-ambiente.

      Thumb up 1
  8. Como foi dito sobre os pelos em alguns anos possivelmente nao teremos mais coccix e talvez baço, apesar do baço ser o pai da imunidade antigamente”nao sei quando” era retirado para os guerrilheiros nao sentirem dor e terem mais resistencia nas lutas.Assim como os pelos, nosso proprio organismo vai eliminando o que nao é útil para ele.

    Thumb up 0
    • Não sei, Ribeiro. Para um órgão desaparecer ele tem que perder sua função e tem que haver uma seleção negativa sobre ele, ou seja, o animal que não tem o mesmo por alguma mutação tem que ter vantagem sobre os que tem. Senão ele fica lá.

      Os olhos vestigiais de animais que vivem em cavernas é um exemplo disso: ele só se tornou vestigial por que os animais que tinham um defeito genético que impedia a formação dos olhos tinham mais vantagem que os outros (provavelmente menor custo metabólico, já que fazer um olho consome energia), e o que era defeito se tornou a regra.

      No caso do apêndice, se agora surgisse uma mutação em crianças onde o apêndice não existisse mais e por alguma razão estas crianças tivessem mais herdeiros que as outras crianças, ou seja, se não ter o apêndice se tornasse uma vantagem na competição pela vida e oportunidades de reprodução, então com o tempo esta mutação se espalharia na humanidade, e teríamos a evolução de um homem sem apêndice vermiforme vestigial.

      Thumb up 3
    • Pode ser, apenas o tempo evidenciará, não é mesmo ?

      Thumb up 0
  9. Eu não sei o que é pior: Viemos do cruzamento entre Adão e Eva; ou do cruzamento entre Homo Sapiens e Homo Extreterrenus….
    Putz!!!! O Governo deveria investir mais em educação!!!

    Thumb up 8
    • Tirando o homo sapiens, Viemos sim de cruzamentos de extraterrenos e nos originamos de Adão e Eva. Por isso somos conhecidos “lá fora” como RAÇA ADÂMICA do Planeta URÂNTIA. Por estarmos habitando e evoluindo em Planeta-Escola, nossa cadeia de DNA ficou limitada em 3% do seu total funcionamento e podemos utilizar apenas 10% da nossa capacidade cerebral (salvo alguns cientistas, mesmo assim não passa dos 11% por cento), caso contrário teríamos um planeta habitado por seres extremamente prodigiosos e, principalmente, seríamos um planeta de muita luz, muita paz e harmonia e nunca…jamais haveria tanto egoísmo, ganancia, capitalismo e guerra. O Amor incondicional seria absoluto e o relacionamento com outros seres não humanos seria muito comum.
      Abração.

      Thumb up 4
    • Gostei desse ponto de vista, que a meu ver tem pernas para andar. Força!

      Thumb up 0
    • Muito bom. Apenas uma pequena correção. Nossa capacidade cerebral é 100% utilizada e não apenas 10%. O problema é que 90% está abarrotada de preconceitos, de julgamentos, de egoísmo, de ganância, de raiva, de pensamentos inúteis e de outros lixos astrais. É por isso que não há espaço para o amor incondicional ou relacionamentos saudáveis.

      Thumb up 1
    • Sr. Cérebro…
      Não foi isso que a história registrou. Não foi isso!

      Thumb up 0
    • zepires,
      Nós não sabemos o que a história registrou. A única coisa que sabemos é o que nos contaram que a história registrou. A grande maioria do que está registrado em livros não é muito confiável. A história mais recente, como o próprio descobrimento do Brasil, está cheia de equívocos e falhas. Imagine a história mais remota.

      Thumb up 2
    • Taí! O 11º maior mistério da evolução humana: a História fidedigna da Humanidade!!!

      Thumb up 1
    • É Bovidino,imagine a historia mais remota ou remotíssima.
      Sai Adão,entra Cain,é um sai e entra que não tem fim.
      Historia,antes a terra era plana,depois redonda,depois o centro deste sistema,depois o centro desta galáxia,depois vem ceu e inferno,depois o limbo(ja foi resolvido,está extinto)só o que não veio ate agora foi uma verdade humana,ou seja;
      Ainda somos aprendizes,vem vazio,sai vazio,vem big bang e logo sai,mas,a pergunta não vem,aquela que atinge de maneira brutal nosso ego humano;
      PORQUE NÃO QUEREM SER CHAMADOS DE ANIMAL TENTANDO SER RACIONAL ???????
      Onde chegamos Bovidino,julgar em causa própria,é o caso da racionalidade,este triste conceito humano emitido em causa própria não vislumbrando nada mais alem do UMBIGO.
      SOMOS ÚNICOS PENSANTES ???
      É isso,dentro dests triste conceito vamos vivendo de forma ilusória.
      Ahhhhh,esta triste SOBERBA HUMANA ESTÁ NOVAMENTE NOS LEVANDO PARA UM NOVO RECOMEÇO.

      Thumb up 0
  10. 2 – Ainda há outros hominídeos vivos hoje?

    Duvido “Só os mais aptos e favorecidos sobrevivem”!!

    Thumb up 2
    • Existe, sim, uma espécie de hominídeo terrível, que pretende extinguir todos os outros grupos. É o Homo politicus.

      Thumb up 37
    • O que eu não concordo com muita gente é que as vezes se dizem esclarecidas e corretas, mas mesmo assim, como você meu amigo só tem pensamento próprio, as regiões do sul e do sudeste sempre governaram esse país só fizeram besteira nele, por puro preconceito, se cria realmente um pre conceito dos presidentes, foi pro lula e por dilma que o norte e nordeste melhoraram de mais desde que eles assumiram a presidencia, vc fala isso porque seu querido serra não ganhou, o sudeste sempre puxou o saco de serra, sempre deu tudo que ele quis, nem o norte nem o nordeste ganharam nada quando alguem do sul estava na presidencia, vcs simplesmente nos esqueceram, e além do mais o que serra iria fazer de bom, mandar proibir coxinha e pasteis no Brasil todo, nem gosto de pensar, Dilma é uma presidente que é técnica estuda é inteligente sabe comandar esse país, apenas por Lula, vocês simplesmente não aguentam ver outras pessoas vivendo bem, são egoístas e egocêntricos, e ainda se dizem esclarecidos,por favor antes de falar pense, porque o conhecimento pode ser algo concreto, mas o que vai mudar não é você tê-lo, mas sim como vai usá-lo.

      Thumb up 0
    • Rsrs Homo politicus rsrs

      Thumb up 2
    • Muito bom seu comentário Gilson! Essa raça de hominídeo além de parasita é sangue-suga!

      Thumb up 3
    • Nossa! Que habilidade para criar e acrescentar.
      Parabens!” concordo Plenamente com voce.
      SULA.

      Thumb up 0
    • gostei

      Thumb up 0
    • Pelas características físicas e mentais dos
      pais,provavelmente o cruzamento deles geraria
      o “homem hibrido”, ser” nunca antes visto na história desse país”,que necessita urgentemente de uma “faxina geral”….

      Thumb up 1
    • Na verdade a sobrevivência dessa espécie se deve ao confortável nicho ecológico proporcionado pelo sistema judicial brasileiro, conhecido como ricos-favorits.

      Thumb up 2
    • Pretendem porque os Homos ignorantus colocam eles no poder!!

      Thumb up 8
  11. Facinante! Tive o privilêgio de assistir um Doc da Nascional Geografica com BBC sobre o assunto, no qual a Humanidade Moderna téria de cento e cinquoênta a cento e oitenta mil anos. Que o processo de emigração de deu da antiga Pangeia em expanção tectônicano no ínicio da Era do Gelo. Povos litorâneos que dominavam os rudimentos náuticos em canoas e botes a vela de pele de animais, migraram para as ilhas próximas, espalhando-se pela Índonesia e seus visinhos; os outros subiram a pé para a Europa e Ásia, permitindo a mistigenação genêtica. Em meio a isso os Aborígenes se desenvolviam quase isolados na Austrália. Uma curiosidade: Os Livros: A Caminho da Luz de Emmanoel; Evolução em dois Mundos de André Luiz, e Por trás da Cortina do Tempo de Edgar Ormond, abordão o tema. ADÃO representa a Raça ADÂMICA em expiação de resgate na Terra para ajuda o desenvolvimento intelectual de EVA, O Povo terrâquio. Moisés intermediário escolhido, recebe a inspiração profética: Expulção do paraíso por desobediência, criando a explicação do pecado Original e os Anjos Decaídos… Explicacão simbolica mais apropriada ao primitivismo da época. O paraiso em questão éra um planeta muito mais desenvolvido, como é o nosso nos dias de hoje em relação a Ele nos tempos a atrás. Quatro pricipais Povo vão reencarnando nestes gupos terrenos por afinidade de gostos. Fazendo surgi: Os Árianos e seus desendentes, Os Egipcios, Os Híndus e os Judeos. Ficção?! Vale muito ler… Pois em Apocalípse esta probabilidade está previsto para acontecer nos mesmos moldes num tempo não determinado. Confira…

    Thumb up 8
    • Alguns posts são interesantes e com alguma base……. o César me parece pessoa equilibrada, e busca amparo em dados e estudos…. quero sugerir a leitura dos comentários do João Alberto, de tudo que já li, as Obras citadas pelo J Alberto foram as que mostraram lógica e bom senso,e nas quais creio mais próximas da verdade que nomomento podemos aquilatar.

      Thumb up 0
  12. Sobre o cerebro, alguns pesquisadores afirmam que o modelo simplificado das conexões neurais explica o motivo da evolução gradual ao longo da história humana, pois é mais fácil uma estrutura simples se adaptar. “O velho conceito do cérebro como um emaranhado com fios desconectados não faz sentido do ponto de vista evolucionário. Como a seleção natural poderia guiar cada um destes fios para uma configuração mais eficiente e vantajosa?”

    Thumb up 1
  13. A ciência não vai ignorar evidências desde que elas realmente existam,não basta achar que são evidências…

    Thumb up 1
  14. A origem do homem na Terra é certamente bem mais antiga do que a ‘ciência’ conseguiu determinar até hoje. Temos evidências históricas, que a ciência parece fazer questão de ignorar, que falam claramente no cruzamento de terrestres com extraterrestres: Gên.Cap.6-vers.1 a 20. Pelo andar da carruagem parece que ainda há muito a ser desvendado.

    Thumb up 22
    • Com certeza Bovidino. Muita coisa mesmo ainda há de ser revelada. Muitas descobertas farão as teorias atuais ridículas. Vamos torcer para que não demorem tanto.

      Thumb up 8
    • Bovidino,
      Essa passagem que você mencionou(Gên.Cap.6-vers.1 a 20) não seria sobre Noé e sua família e a construção da Arca? Não entendi como isso pode ser uma evidencia do cruzamento entre terrestres e extrarrestres… De qualquer forma, acho mesmo que ainda existem muitas coisas para serem descobertas. Talvez não estejamos nem perto de achar uma resposta.

      Thumb up 4
    • Wesley,
      Em Gênesis 6 fala de ‘filhos de deus’ que acharam as filhas dos homens formosas e com elas tiveram filhos. Há diversas outras passagens que falam em carros de fogo e seres viventes que vinham em nuvens do ceú, etc etc. Gen.6-vers.1 e 2 – Ezequiel 1-vers. 4 a 20. Não vou tecer comentários a respeito. Cada um faça a sua análise.

      Thumb up 3
    • A passagem bíblica do Gênesis refere-se a seres sobrenaturais invadindo o planeta Terra e ”pegando” “as filhas dos homens”= “Benote Adam,” em hebraico, literalmente “as filhas de Adão” referente aos descendentes naturais femininos da humanidade. Estes pecadores, aparentemente sobrenaturais, acasalaram-se com as mulheres humanas e produziram descendentes, sobre-humanos!

      Fonte:http://apocalink.blogspot.co.uk/2011/07/como-os-dias-de-noe-o-retorno-dos.html

      “Há mais mistérios entre o céu e a Terra do que supõe a nossa vã filosofia”

      (William Sheakespeare, em Hamlet)

      Thumb up 3
    • Fernando,
      Muito oportuna a sua explicação. Obrigado.

      Thumb up 0
    • Em Gênesis também fala que leões e ursos eram herbívoros.

      Thumb up 0
    • As “evidências históricas” que você diz, estão na bíblia?
      O mesmo livro que diz que a Terra tem menos de 10 mil anos de idade? E que devemos apedrejar quem trabalha aos sábados?
      Não é a toa que a ciência ignora tais “evidências”.

      Thumb up 13
    • Eu trabalho no sábado e no domingo, vão ter que me fuzilar então…

      Thumb up 16
    • Leandro.

      1)- A Bíblia NÃO diz que a terra tem menos ou mais de 10.000 anos. A idade da terra é fruto da especulação de cientistas e sem base lógica;

      2)- O trabalho aos sábados era um das leis Mosaica. Jesus com a sua morte pos “fim”, “eliminou˜ a lei (Romanos 10:4, portanto, a lei do sábado não EXISTE MAIS, após a morte de Jesus). Hoje prevalece o AMOR.

      3)- AS EVIDENCIAS PRECISAM SER PESQUISADAS E PROVADAS.

      Thumb up 5
    • Caramba não acredito que li isso. A “evidência histórica” de que você fala é porque está escrito na bíblia, aquele livro que foi escrito por caipiras tribais da idade do ferro durante 1600 anos, que inventavam fantasias para explicar o que não sabiam?

      Nossa, fala sério.

      Thumb up 25
    • Caramba não é mais bronze agora é ferro ,e tem comments colocando uma arca no pedaço ,pessoal o assunto é arqueologia ,datação do carbono ,fosseis e mais descobertas para se apurar ,estas certezas bíblicas poluem o tema ,vou sair do tópico pois detesto pregação ,fiquem com Oziris …

      Thumb up 0
    • Pois é Andy, temos que parar e ajustar nosso sistema de definições para que possamos nos entender. Se queremos citar uma evidência científica, recorrer aos controversos versos da bíblia, esse maravilhoso livro de literatura (humana), é uma demonstração de total desconhecimento do que significa evidência (científica). São milhares de publicações científicas reconhecidas, credenciadas e acreditadas no mundo (não confundir com revistas de divulgação ou informação científicas leigas)a disposição para serem pesquisadas e citadas. Não há conteúdo científico na Bíblia, a não ser esporadicamente e de forma imprecisa, e nem se deve esperar isso dela. A Bíblia é um remake de várias práticas religiosas mais antigas não um livro de ciências, não obstante incursionar várias vezes nesse sentido.

      Thumb up 2
    • Pois é Andy, tudo isso que você falou sobre a bíblia, esqueceu de mencionar que é o livro mais produzido em todo o planeta em toda a história e em mais línguas que quaisquer outros, e que tem o maior número de profecias que já se cumpriram e estão se cumprindo agora mesmo, e ainda um livro não científico que contêm dezenas de comentários científicos exatos e bem à frente do tempo em que foram escritos, e que é o livro mais antigo já escrito, só isso você não mencionou.

      Thumb up 2
    • Pelo visto o homo sapiens também foi instinto, tudo que restou foi o homo religious.

      É uma pena, espero que possamos voltar a ser sapiens de novo algum dia.

      Thumb up 18
    • Verdade, as crenças religiosas ainda deixam muitos no escuro da ignorância.

      Thumb up 9
    • Na verdade isso é algo muito relativo, e para falar a verdade a religião não é um escuro pra ignorância, a má interpretação dela por religiosos que as fazem parecer ridículas, eu tenho um primo meio Ateu e eu já até conversei com ele sobre isso, ele me falou que nunca leria a Bíblia porque parecia uma história infantil e porque foi escrita pelo homem, eu falo para ele, então pronto leia a bíblia como quem lê um livro de ficção, mas na sua idéia, não leia a bíblia com o intuito de mudar de religião, ou de virar cristão, mas sim com o intuito de criar e expandir conhecimentos e levar coisas boas pra sua vida, é como dizem,não jogue o bebê com a água suja, ou seja, tire apenas o que é bom e o que você não acha legal daquilo ali simplesmente ignore, muitos ateus se dizem superiores, mas muitas vezes os próprios são piores que evangélhicos, católicos, que vocês mesmos definem, sou espírita acredito em Deus, mas isso não me impede em me basear na ciência, adoro física, química, ler artigos ciêntíficos, até o próprio espiritismo concorda com a ciência se basea em muitas coisas com ela, não acho que isso me torne ignorânte, pelo contrário, acho que me faz se mais consciente, acredito em Deus e não vou parar de acreditar, acredito na física e não vou parar de acreditar.

      Thumb up 6
    • Andy,
      Se os antigos eram tão ignorantes e atrazados, porque será que até hoje os ‘cientistas’ não sabem como nem por quem foram construídas as pirâmides que se encontram espalhadas por todo o planeta? Querer ignorar a Bíblia no seu aspecto histórico é a mais pura arrogância de quem não enxerga a sua própria ignorância.

      Thumb up 10
    • Todo pensamento diferente do seu, é ser “ignorante”, você está fazendo a mesma coisa dos povos antigos, coisas que não tem explicação colocam um deus ou coisas sobrenaturais, assim como trovoadas, vulcões, raios eram deuses, com tempo foi tendo explicações para estes fenômenos e ali foi desaparecendo mais 1 deus

      Lembrando, aqui é site de ciências, não de crenças, só vejo vocÊ pregando isso aqui. ‘consciência que sobrevive sem o cérebro, bíblia verdadeira e blábláblá’

      Thumb up 2
    • projetoockham.org/misterios_piramides_1.html

      Thumb up 2
    • Bovidino, quando falo em você só me vem uma frase à cabeça:

      Não é possível convencer um crente de coisa alguma, pois suas crenças não se baseiam em evidências; baseiam-se numa profunda necessidade de acreditar.
      — Carl Sagan

      Thumb up 6
    • Não sei quem tem mais necessidade de acreditar. Esse site do projetoockham não esclarece absolutamente nada.

      Thumb up 2
    • leu todas as 6 paginas?

      Thumb up 2
    • Andy,
      Por desencargo de consciência eu li. A conclusão é simplesmente patética e nenhum cientista sério tem coragem de avalisar um arrozoado tão simplório, sem explicar como um bloco de 80 toneladas pode ser içado ao topo de uma pirâmide com qualquer tecnologia antiga ou moderna. Para o método de construção, aventam a nova hipótese: “Ao contrário do que muitos pensam, sabe-se hoje que as pirâmides não foram construídas por escravos. Acredita-se que aproximadamente 5.000 trabalhadores especializados trabalhavam ao longo do ano, apoiados por mais 20.000 trabalhadores temporários que trabalhavam apenas alguns meses por ano. Muitos desses eram provavelmente fazendeiros que ficavam ociosos durante parte do ano em função das cheias do rio Nilo.” Admitindo-se tal hipótese em quanto tempo seria construída a pirâmide de Gizé? Para acreditar nessa historinha precisa ter muita necessidade mesmo.

      Thumb up 4
    • Bovidino, o texto foi muito bem explicado, mas suas crenças não deixa fazer aquilo ter sentido

      Como já disse o Andy ali em cima sobre a frase de Carl Sagan, leia de novo

      “Não é possível convencer um crente de coisa alguma, pois suas crenças não se baseiam em evidências; baseiam-se numa profunda necessidade de acreditar”

      Thumb up 2
    • haha,
      Todos temos necessidade de acreditar em algo. Por isso as discussões. A única diferença é o que chamam de evidências. Os crentes tem evidências suficientes para suas crenças. Os ‘semi-cientistas’, acreditam nas evidências levantadas por outros ‘cientistas’ que hoje trabalham para o capitalismo e podem até inventar ‘evidências’ para promover empresas e produtos. A frase do Carl Sagan, não passa de uma frase de efeito como muitas que ele já proferiu e pode ser revertida pra ele mesmo.

      Thumb up 0
    • “Os crentes tem evidências suficientes para suas crenças”
      Então todas as crenças estão certa ou todas estão erradas?

      Thumb up 0
    • Cara aqui é um site de ciência e não de crenças

      Thumb up 12
    • Bíblia eh evidencia histórica?Ta mais pra livro escrito por idiotas para controlar a população.

      Thumb up 1
    • Igor, chamas de idiotas os autores que mencionaram em linguagem popular o Big Bang, a teoria da relatividade e a radiestesia, além de efeitos como os da hipnose e da influência da mente sobre a matéria, e isso há mais de 1.000 anos?

      Isso prova que a tua ignorância sobre a Bíblia só é excedida pela tua necessidade de compreendê-la.

      A consequência disso é… como se chama quem fala como se entendesse de assuntos que ignora?

      - – -

      Thumb up 2
    • INSISTO:

      É válido chamar de idiotas autores que fizeram referências à Teoria da Relatividade, ao Big Bang e à radiestesia de fundo no Universo (embora em linguagem popular)?

      Crer ou não é problema de cada um, mas que tal chamar Einstein de idiota, ou expulsá-lo da escola (como foi expulso)?

      Por que o professor o expulsou? Porque ele era incapaz de chegar ao nível do aluno – e, na burrice dele, talvez tenha chamado Einstein de burro!

      Thumb up 1
    • Com toda certeza meu ilustríssimo amigo. Se levarmos em consideração que já foram descobertas e datadas pegadas humanas com mais de 400 milhões de anos (algo inimaginável para Darwin e muitos cientistas atuais com seus medíocres conhecimentos), ainda existe muitas lacunas a ser preenchidas na evolução humana e a ciência sequer se dá conta dos fatos. E pensar que está “bem no nosso nariz”.
      Abração.

      Thumb up 1
    • Tarde Bodivino!

      “certamente”?
      “evidências históricas…que falam claramente…”

      Por favor, confirme sua certeza através de fatos ou artigos cieticos provando o contrário e também artigos dessas ‘evidências históricas’.
      Sei que você é bastante inteligente para saber que uma certeza pessoal não é uma evidência histórica sem que possa passar pelos testes básicos de credibilidade.

      Thumb up 5
    • Concordo.

      A datação feita pelo Carbono 14 é utilizada desde 1940, há 70 anos.
      Até parece um dogma, “infalível e indiscutível”.

      Quando descobrirem um método mais moderno e eficiente, tudo o que foi escrito sobre datação, cairá por terra.
      O cara será transformado no novo Galileu.
      ————————————————————–
      Quem leu o livro “Os Exilados de Capela, de Edgar Armond”, saca um pouco melhor sobre os [degredados] daquela constelação, que reencarnaram no planeta Terra e saca melhor sobre o cruzamento com os “extra terrestres”, citado na Bíblia.

      Na oração católica Salve Rainha, há duas frases que dizem:

      “A vós bradamos os [degredados] filhos de Eva”.
      “…e depois deste [desterro] mostrai-nos Jesus…”

      Sei lá.

      Fui

      Thumb up 4
    • Certo Bovidino.Sempre acertando em cheio.Nem da espaço para argumentos e faz muito bem.
      A última pesquisa em âmbito nacional mostrou que o brasileiro diminuiu a atividade da leitura.
      Isso mostra claramente que exercitar a massa cinzenta é para quem a tem e não para qualquer um.
      Os Adãos e as Evas,os diluvios e mais uma montanha de cataclismos que ocorreram e continuam a ocorrer no globo jamais foram de ordem mundial total.
      (Sempre se le pois assim escrevem (UNIVERSAL) e isso é uma aberração,onje se viu afirmar DE ORDEM UNIVERSAL)
      Não se conhece nem uma Milésima parte do globo e ainda querem mostrar a soberba da santa ignorancia de falar UNIVERSAL.

      LER,LER,LER,LERRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRR,é isso que o ser humano mais necessita,LER E APRENDER.

      Thumb up 0
  15. “Nesta etapa, os pelos se tornaram um entrave evolutivo, e foram pouco a pouco descartados.”
    É o Lamarck escrevendo o texto?

    Thumb up 3
  16. Porque é tão difícil aceitar que o elo perdido entre o homem atual e o homo sapiens é extraterrestre.

    Thumb up 8
    • Amigo não entendi muito bem oque você quis dizer, mais o homem atual e o homo sapiens não são o mesmo?

      Thumb up 13
    • Embora com uma probabilidade menor, considero isso uma possibilidade. Até que se prove o contrário (ou a impossibilidade) não tem como negar…

      Thumb up 3
    • Porque não há evidências científicas, apenas o que as especulações querem que sejam evidências. Ora, se vamos jogar num time de futebol temos que aceitar as regras do futebol. Não vale achar que é válido o gol feito no impedimento. Assim também é em ciência. Evidência científica não é o que achamos que é, é o que a ciência diz que é, o que foi estabelecido como regra. E evidência científica não é algo novo, existia mesmo antes da ciência moderna existir (a partir de Galileu), apenas perceber uma evidência verdadeira não parece ser algo muito trivial. Alguns realmente não conseguem entender o que é evidência (científica). Os detetives fazem uso intensivo do sistema de evidências. Por exemplo, há uma vítima morta na sala e o mordomo está com a arma fumegante na mão, eis aí uma forte evidência. No prosseguimento da investigação, outras evidências serão coletadas e, no conjunto, permitirão ao detetive propor uma teoria: o mordomo é o assassino. Mas cuidado, as vezes as evidências são enganadoras. Por isso, em ciência, as teorias são postas sob escrutínio permanente pelos cientistas profissionais. Eu diria que todas as teorias têm que todo dia “matar” um leão. Não é fácil a vida de uma teoria quando suas evidências não querem jogar o jogo (segundo as regras). Quero terminar dizendo que as regras também não são absolutas. Se alguém acha que elas não são adequadas não tem problema: demonstre (com evidências, fatos, etc) para a comunidade científica e pronto, serão mudadas!

      Thumb up 4
    • Pelo visto o Jorbs tampouco sabe o que é evidência científica, já que disse esse monte de disparate. Pô, vai estudar primeiro para depois manifestar-se com propriedade.

      Thumb up 0
  17. Dalane, seu texto é muito bom, claro e objetivo, sem sacrificar a explicação do essencial.

    Thumb up 6
  18. Muito legal eu não sabia metade disso e ainda que eu pesquisava muito, mas nunca encontrei nada gostei um monte

    Thumb up 1

Envie um comentário

Leia o post anterior:
4581764953_089a259496_z
Como Justin Bieber congestionou o sistema telefônico com o Twitter

Em um erro amador, o...

Fechar