Pés antiderrapantes: nossos dedos se enrugam na água para não escorregarmos

Publicado em 14.07.2011

A explicação mais conhecida para o enrugamento dos dedos depois de um longo período em contato com a água é a de que a epiderme se enche de líquido e incha, enrugando a pele. Mas uma nova pesquisa indica que esse fenômeno pode ter outra explicação, fundamentada na evolução.

O enrugamento dos dedos dos pés pode servir como uma forma de aderência a superfície, semelhante a pneus que se adaptam a grama, terra, água, e por aí vai. Nossos pés seriam uma espécie de “chinelo” natural, e isso pode ter surgido em decorrência da evolução.

Há vários indícios que fundamentam essa teoria, como o fato do enrugamento acontecer diferentemente de pessoa para pessoa. Isso porque o processo parece estar ligado ao sistema nervoso, e não ser apenas uma reação física. Dedos das mãos e dos pés de várias pessoas com problemas nos nervos não se enrugam, por exemplo.

Existem outras dúvidas sobre a explicação habitual do enrugamento. Por exemplo, se andássemos descalços na grama úmida ou molhada, o efeito deveria ser o mesmo de quando você está submerso na água, teoricamente. Além disso, a água poderia fazer com que nossas mãos e pés se enchessem tanto quanto um balão, se o sistema nervoso não estivesse envolvido no processo.

Em uma publicação científica recente, foi argumentado que os dedos das mãos e dos pés se enrugam por dois motivos: criação de canais que ajudam a drenar a água para fora e para fornecer resistência contra o chão escorregadio. Em algumas pessoas, o enrugamento aparece no pé molhado inteiro, sendo ainda mais seguro contra escorregões.

Mas afinal, porque os cientistas se interessaram na investigação dessa área? Negócios, é claro. Com a evolução desse projeto, fabricantes de calçados e pneus podem descobrir novas habilidades e tecnologias baseadas no corpo humano. Quem sabe, em breve, surjam Havaianas que realmente nos impeçam de escorregar. E você, já notou algum benefício com as mãos e pés enrugados?[MSN]

Autor: Stephanie D’Ornelas

É estudante de jornalismo, adora um café e um bom livro. Curte ciência, arte, culturas e escrever, mesmo que sejam poesias para guardar na gaveta.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

8 Comentários

  1. Essa teoria é no mínimo uma besteira, ñ são só os pés e as mãos q ficam enrugados quando ficam muito tempo dentro dàgua, se todo o corpo ficar submerso um certo tempo, todo o corpo ficara enrugado,vi o corpo de uma menina q morreu afogada e foi tirada do rio 4 horas depois do afogamento estava enrugado a pele do pescoço, da barriga , dos seios os lábios ,os braços, umas partes mais outras menos, quando passasse mais tempo o corpo ficaria inchado, q é o segundo estagio de um afogamento., os dedos das mãos e dos pés estavam bem mais enrugados porque eram as extremidades do corpo o mesmo acontece c\ grãos de jeijão , soja e outros, só depois de enrugar e algum tempo é q eles ficam inchados e grandes cheios de agua, o primeiro estagio do molho de grãos é tal qual o nosso corpo.(Os meninos teem o penis enrugados tbm quando passam muito tempo na piscina fria, será q é p\ usar o penis p\ aderir a alguma coisa e ñ escorregar?)

    Thumb up 2
  2. Pensei logo no argumento que o Rodolfo refere.
    Penso que a evolução não explicará isso facilmente dado que antes de usar sapatos, o ser humano deveria ter a pele da planta do pés muito grossa e calosa. Nesse caso, não só o enrugamento deveria ser bem menos evidente, como a pele grossa e áspera é mais eficiente contra escorregões.

    Thumb up 0
  3. o engraçado é o fenômeno ser observado nas mãos, e a princípio ela não parece precisar do mesmo recurso que os pés.

    Thumb up 4
    • Acho que a esplicaçao pra isso é quando essa evoluçao veio ainda eramos quadrupedes e não bípedes como agora.Por as patas da frente (maos) tambem nao podem derrapar.

      Thumb up 6
    • Nós seguramos objetos e seguramos em outras coisas quando está escoregadio (molhado).

      Thumb up 3

Envie um comentário

Leia o post anterior:
codymergulho
Mergulho pode ajudar paralíticos a recuperar sensações perdidas

Cody Unser é paralít...

Fechar