Por que DEVEMOS dar doces às crianças?

Publicado em 21.03.2009

criança doces

Como qualquer mãe ou pai sabe, crianças são fanáticas por doce desde pequeninas. Agora, uma nova pesquisa da Universidade de Washington indica que a fixação que eles sentem por balas e chocolates tem uma explicação biológica. Aparentemente, a sede por açúcar está relacionada à taxa de crescimento acelerado dessa fase da vida.

“A relação entre doces e o crescimento faz sentido. Quando o crescimento é rápido, a demanda calórica do organismo aumenta. Crianças são biologicamente obrigadas a gostar de doces porque eles preenchem uma necessidade nutricional, que faz com que busquem fontes de energia” explica uma das autoras do estudo, Danielle Reed.

Estimular a imaginação da criança melhora seu apetite

Em qualquer cultura do planeta, crianças preferem um maior nível de açúcar em seu alimento, se comparadas com adultos. Não importa se na China, na Arábia, nos EUA ou no Brasil – a preferência é unânime e comprovada. Esse padrão declina quando a criança entra na adolescência. Para explorar esse fato, os cientistas analisaram as dietas e o crescimento de crianças e adolescentes entre 11 e 15 anos de idade.

As descobertas indicam que a necessidade por doces é proporcional à taxa de crescimento das crianças. Quando seu crescimento desacelera, a vontade de comer doce também diminui.

Fora o crescimento acelerado, outras características relacionadas à adolescência, como a puberdade e o nível dos hormônios sexuais, não foram considerados ligados à necessidade por doces.

Crianças obrigadas a limpar o prato podem comer compulsivamente

Agora que os cientistas identificaram a causa da necessidade por doces nas crianças, o próximo passo é descobrir qual é o tipo de sinal que o cérebro da criança envia, pedindo açúcar para o organismo. “Queremos analisar os estímulos enviados pelo organismo” declara Susan Coldwell, que liderou os estudos.

É claro que você não vai passar a dar balas e chocolates à vontade para o seu filho, mas pode cuidar para que eles ingiram bastantes calorias provenientes de ‘doces’ saudáveis como frutas, por exemplo. [Science Daily]

10 Grandes inventores com menos de 16 anos de idade

Autor: Alessandra Nogueira

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

5 Comentários

  1. No último parágrafo o texto destaca, “açúcar de frutas”, preferencialmente.
    Não esquecendo que hipoglicemia leva a destruição dos neurônios.

    Thumb up 1
  2. Isso é um completo absurdo, vocês ou seja lá quem forneceu esses dados confundem (talvez propositalmente): carboidratos é uma coisa, “açúcar” é outra. Açúcar não é alimento, não tem nutrientes, é um composto químico tóxico (veja como é feito), um agente químico conservante, um condicionador de fermentação, possui alta osmolaridade, brasivo, explosivo, depletivo, irritante, acidificante, cariogênico, carcinogênico, bacteriostático, formicida, raticida, obesificante, causa dependência. Isso tudo comprovado por diversos estudos sérios e isentos.
    Evidentemente não é isso que eles querem que vocês saibam, pois existe um interesse econômico trilionário em cima dessa questão.

    Acho que é necessário mais pesquisa antes de divulgar esse tipo de informação na internet, pois não é justo com quem lê.

    Thumb up 7
  3. odorei apesquisa tenho dez anos e depois disso meus pais deixaram eu comer doces de varios tipos
    obrigada Danielle Reed e equipe

    Thumb up 3
  4. gostei do anuncio pois naõ sabia por crianças gostavam de balas

    Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
sexo-dor-grande
Por que o sexo é dolorido para algumas mulheres?

Uma pesquisa mostrou...

Fechar