Porque as pessoas desmaiam quando veem agulhas?

Publicado em 24.05.2011

As pessoas que têm medo de agulhas têm as mesmas reações que pessoas que têm outros medos, como coração acelerado, respiração superficial e reações nervosas estridentes. Porém, uma certa diferença chama a atenção no caso da agulha: a tendência a desmaiar.

Segundo especialistas, a possibilidade de desmaio é mais pronunciada quando o medo tem a ver com agulhas; é algo que não se vê com muita frequência em outras fobias. Estima-se que mais de metade das pessoas com fobia de agulhas e quase três quartos das pessoas com extrema aversão a sangue tenham histórico de desmaios nessas situações.

O medo de agulhas e injeções pode envolver pensamento, visão, cheiro ou dor em relação a agulha. Ela pode variar de um leve temor a um caso moderado de calafrios ou uma fobia médica em que as pessoas se recusam a fazer exames de sangue ou evitam atendimento médico por completo.

Mesmo deixando de lado esse tipo de fobia séria, o medo de agulhas ou aversão a elas é bastante comum. No entanto, essas pessoas não são fracas, nem covardes: elas já herdaram uma predisposição genética para o desmaio, combinada com uma experiência negativa que provoca o medo.

A maioria das pessoas com fobia de agulha tem um pai, filho ou irmão com a condição. Muitos herdaram o que é chamado de reflexo vaso-vagal em resposta ao medo. Quando veem uma agulha ou recebem uma injeção, isso aciona o nervo vago, que dilata os vasos sanguíneos e diminui a frequência cardíaca e a pressão arterial. Em última análise, as pessoas podem perder a consciência por alguns segundos (desmaiar).

O medo também pode ser provocado por uma experiência negativa em um médico ou dentista, normalmente antes dos 10 anos.
Segundo especialistas, a fobia de agulhas pode afetar a saúde ou por a vida de uma pessoa em risco, se ela recusar exames médicos, injeções, vacinas, cirurgias ou evitar visitas ao médico.

O tratamento psicológico para a fobia tende a ser breve, mas desagradável: a pessoa é exposta a fonte de seu medo de várias maneiras, primeiro falando sobre agulhas com um terapeuta, depois olhando para fotos e em seguida assistindo vídeos (o que pode causar aflição). Mas vale a pena.

Para aqueles propensos a desmaiar, o ideal é começar aprendendo uma técnica chamada “tensão aplicada”, na qual as pessoas estudam como enrijecer os músculos do corpo para aumentar a pressão arterial e evitar o desmaio. Só depois de praticar esse exercício que elas passam à exposição gradual.

Existem até pessoas com medo de agulha que optam por adesivos para dor ou remédios entorpecentes antes de tomar injeção ou fazer qualquer procedimento médico. Outros recorrem a calmantes, embora esses medicamentos possam não ser uma boa ideia para quem costuma desmaiar.[MSN]

Autor: Natasha Romanzoti

tem 24 anos, é jornalista, apaixonada por esportes, livros de suspense, séries de todos os tipos e doces de todos os gostos.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

22 Comentários

  1. Agorinha passei por uma situação dessas, eu sequer entrei no laboratorio para fazer a coleta e ja estava me desesperando.. O choro começa, as pernas ficam bambas, começo a duar excessivamente.. Sendo q diferente de muitos o medo somente se manifesta qd me envolve, ver outros tomando injeçoes ou fazendo cirurgias mais complexas nao tem problema em mim.. Mas qd eu sei q eu vou ter q tomar injeçao, eu piro! Passo uma vergonha q so percebo depois do meu histerismo, eu chingo o profissional (morro de vergonha por isso, mas qd estou nessaa situacoes eu saiu de mim).. Nao acredito q psicoterapia possa me ajudar.. Nem mesmo q ver videos ou ficar proxima a agulhas, ja trabalhei em hospital, sou fisioterapeuta.. Mas qd mexe comigo é diferente!

    Thumb up 10
  2. Nossa, eu também tenho esse problema , até quando eu tinha uns 4 anos de idade eu tomava vacina ,e tirava sangue normal, ate que eu tive uma forte crise de garganta e tive q tomar uma besetacil todo dia, por uns 6 dias eu acho , minha mae disse que depois disso no final das injeções eu ja começei a passar mal , desmaiar , depois disso axo que fiquei com trauma, nunca mas consegui vacinar ou tirar sangue, sem desmaiar, ou passar mal, hoje eu tenho 17 anos e mesmo assim continui da mesma forma,a ultima vez que tirei sangue tem 6 anos, pois a ultima tentativa a 3 anos atrás eu desmaiei e fiquei tendo uma espécie de convulção , foi rápido , mas sem dúvida foi a pior experiência do que as outras, e realmente as pessoas tem preconceito acham q é frescura, mais eu não tenho medo de agulha vou tranquila, mas na hora começa todos os sintomas e acabo desmaiando, sinceramente eu acho que não tem muito a ver com nervosismo, pois isso é ate controlavel , pois dessa ultima vez q citei q fui tirar sangue, eu não estava nervosa consegui me controlar, e mesmo assim desmaiei.

    Thumb up 9
  3. Nossa, não pensei que fosse tão comum…
    A primeira vez que tive isso, a moça que estava coletando meu sangue pensou que eu estivesse grávida –’
    Sempre fico assim, nervosa, eu posso não estar nem doente, mas do nada eu me sinto tonta, com a respiração descompassada e começo a ver luzes brancas e meu ouvido fica zunindo… De uns tempos pra cá comecei a ter desmaios. Queria entender mais um pouco sobre o assunto, mas essa matéria já me ajudou muito.
    Uma coisa que eu nunca fiz foi evitar exames e medicações, sei que não ajuda em nada, mas não olhar pra agulha também não ajuda muito kkkk. Da penúltiva vez em que fui tirar sangue, quase chorei de medo, até uma bebezinha riu de mim, quando lembro ate dou risada,mas é algo que eu acredito que as pessoas deveriam respeitar e levar mais a sério em vez de ficarem chamando de “frescura”

    Thumb up 8
  4. Toda vez que preciso tomar algum tipo de medicamento intravenoso ou fazer exames de sangue (o que considero pior)praticamente entro em pânico. Me dá tontura, tremedeira, falta de ar, crise de choro e, na maioria das vezes, sinto dores físicas em partes específicas, geralmente onde as veias estão em maior evidência.
    Quando termina o procedimento eu ainda demoro um pouco pra me acalmar, fico com as pernas bambas.
    Nunca conheci ninguém que passasse por essa mesma situação, por isso, quando as pessoas me veem assim acham que estou com frescura etc… Mas só quem sente o mesmo pode dizer como é ruim passar por isso.

    Thumb up 18
    • É muito impressionante o nível de detalhes semelhantes ao meu caso. Passo pela mesma situação sempre. Procuro meus pais e falo que acho que o que sinto não é normal, mas eles sempre me falam que é frescura minha. Sendo que uma das vezes que tirei sangue eu desmaiei. Mas msm assim, ninguém acredita em mim…

      Thumb up 13
  5. Poxa minha filha tem 12 anos e ficou assim depois que teve dengue henorrágica, foram tantas injeções que hoje ela não consegue fazer nem um hemograma, onde devo procurar ajuda, pois ela tem ataques epléticos e ai quando ela desmaia eu não sei o que é se é por causa do medo da agulha ou um ataque…

    Thumb up 2
  6. Bem…eu tenho esse problema…primeiro começo a chorar (que se torna grande vergonha pois olham para mim com um olhar de preconceito), depois mal retiram a agulha do braço, esteja sentada ou de pé ou deitada, começo a sentir vontade de vomitar, um zumbido nos ouvidos, sinto o meu raciocinio a ficar lento, fraqueza nas pernas e muito calor… a seguir é quase certo o desmaio… Ando para ir tirar sangue há quase um ano…arranjo sempre motivo para adiar… o pior é que ninguém compreende…nem os enfermeiros…dizem que já tenho idade suficiente para fazer “aquelas cenas”…só sabe o terror que é quem passa por isto … :S

    Thumb up 19
    • nossa achei que era só eu que tinha esse problema mas estou descobrindo que não é,tambem passo por isso sempre que preciso ir ao hospital tomar alguma injeção,desmaio,vomito,fico com zumbido no ouvido nossa é ruim demais,tambem pra colher sangue acontece tudo isso evito ao maximo de ir em hospital,fico com medo ansiosa.é uma sensação horrivel e as pessoas dão risadas e acham que é frescura mas não é..alguem sabe o que devo fazer por favor respondam obrigada karen.

      Thumb up 7
  7. Muitas vezes o medo de agulha (que eu chamo de acufobia) não tem só a ver com dor e sim com a sensação de um objeto estranho invadindo alguma parte de nossos corpos.

    Thumb up 11
  8. A CULPA DE UMA PESOA DESMAIAR É DE PAIS QUE PARA SEU FILHO OU FILHA FAÇA OQUE ELES ACHAM CERTO ELES AMEAÇAM: “SE VOCE NÃO FIZER….VAI TOMAR INJE~ÇÃO!
    A CRIANÇA JÁ FICA TRAUMATIZADA DESDE ESSE DIA!
    EU ACHO QUE A CULPA É DOS PAIS!

    Thumb up 7
  9. Sempre tive mals infulencias…uma vez, epok de vacinação, vi um garoto, que a agulha quebrou dentro dele…nossa eu traumatizei….outra vez quando fui fazer ezame de sangue, pensei, sou corajoso vou enrentar…o que eu nao posso é olhar p agulha…a mulher, acredite, tentou 6X…6 picadas, 3 com a media e 3 com a grande,, e eu tenho veia boa, so que eu tava nervoso e nao saia sangue…ela virou pra mim…olha so peguei a veia e nao sai sang…ela falou q ia tentar mais uma vez…nisso ja me levantei, quando vi o tamanho da agulha desmaiei na cadeira….sempre soo muito frio… chego a tremer…so quem tem sabe o que e isso

    Thumb up 7
    • Passei por uma situação igual ano passado.

      Thumb up 2
  10. Cara o pior é que minha escola ta passando muito essas coisas de filmes de doenças médicas e por causa disso eu fico com medo e consigo segurar pra não desmaiar,mas não é fácil não,eu preciso ficar me segurando por que se não eu acabo perdendo a consciência,já perdi a consciência três vezes na minha vida e já consegui segurar cinco vezes pra não desmaiar.Isso não é nada fácil D=

    Thumb up 3
  11. Em pleno século 21 e ainda precisamos submeter aquelas agulhas tamanho família!
    Prefiro 10 000 comprimidos que uma agulhada!
    Ainda diz que “de graça até injenção na testa!”
    Eu hein?
    Deve ser algum doído que inventou essa frase.

    Veja alguns vídeos – “agulha e trauma”. kkkkkkkkkk

    http://www.youtube.com/watch?v=fGFtylnyoeY

    http://www.youtube.com/watch?v=s8vMXOwQl-c&feature=related

    http://www.youtube.com/watch?v=GKt5bJsE228&feature=related

    Desmaiar Nunca! Medo sim.

    Thumb up 3
  12. quando eu tinha 13 anos eu tirei sangue por 2 horas seguidas…
    e eu nao aguentava nem fazer exame de sangue só aquele picadinha, só de pensar ja tinha pavor, imagine meu sofrimento nessas 2 horas…
    minha sorte q eu ainda consegui dormir (deitado na cama claro) uum bom tmepo durando a coleta, mais em quanto ficar aacordado chorava muito, acho q n mto pela dor, mais sim pelo pavor, mais n cheguei a desmaia, alias nunca desmaiei, eu fiz isso pra um exame sobre crescimento, pra começar tomar hormonio GH pra aumentar de altura com acompanhamento medico, fiz mto exames, mais n me arrependo, pois deu muito resultado, nao só pelo altura, mais melhora mta saude, da mais disposição, melhora a pele entre muitas outras coisas =)

    Thumb up 1
  13. Passo a mesma coisa… sei que não dói, tento me distrair… mas é fato: assim que colocam aquele elástico… suo, ouço zumbido, fico pálida… não chego a desmaiar, mas por pouco…
    acho chato ser assim, mas até hj não consegui vencer isso… e olha que fiquei 5 anos sem tirar sangue por conta disso e hj tive que ir… tb tinha isso qd tomava vacina, mas já consegui driblar… o negócio mesmo é aquele elástico apertando e agulha entrando…

    Thumb up 4
  14. Isso é terrível!! Tenho essa fobia e só de pensar em levar agulhada já passo mal. Pior é que é preciso fazer exames anuais. A sensação é de uma dor terrível nas costas na altura dos ombros, a visão escurece, e em seguida vem o desmaio. Eu nunca desmaiei, consigo inverter a situação me sentando com a cabeça baixa na altura dos joelhos, pro sangue circular no cérebro. Mas a dor é inevitável, não a picada da agulha e sim a dor nas costas.
    A impressão que tenho é que isso se deve a perda de sangue.

    Thumb up 4
  15. Se eu me tornar jeová será que tenho desculpa para não fazer os exames que precisam de agulhas?

    Thumb up 8
    • Que comentário infeliz este seu! Se está se referindo aos Testemunhas de Jeová, saiba que o que a cultura deles não admite é o transplante de órgãos e de sangue. Nada os impede de tomar vacinas ou retirar sangue para fazer exames em geral. Eles não são omissos em relaçõa à sua saúde, pelo contrário, são cuidadosos e procuram métodos alternativos para sua cura em casos onde se ‘precisa’ de uma transfusão sanguínea, por exemplo. Antes de sair contaminando páginas com conteúdo vindo da sua mente extremamente pequena e preconceituosa procure ler sobre o assunto. Garanto que é mais interessante e didático do que sair por aí falando asneira.

      Thumb up 11
    • Preconceito ? Aonde ? Ele só fez uma pergunta, quem leva à tona o “podre” por trás de uma pergunta ou afirmação, é que é o preconceituoso…

      Meça suas palavras, e respeita a opinião dos outros!!!

      Thumb up 16
  16. Nossa, achei que não fosse tão comum assim!! Só faço exame de sangue deitada (obviamente para não cair) e evito ao máximo fazer vacina em dias de posto médico movimentado, pois quase desmaiei duas vezes na sala de espera cheeeia de gente. Racionalmente sei que nào preciso ter medo e me forço a fazer os procedimetos, mas é bem tenso. Algumas vezes consegui ccontrolar com a respiração, mas de qualquer forma, sempre deitada ou sentada e aviso antes o médico ou enfermeiro.

    Thumb up 4
  17. Infelizmente eu tenho essa fobia e desmaio sempre que preciso de atendimento com agulhas. Digo que não é frescura, eu tento ficar calma, converso com o médico/enfermeiro, tento me distrair, olhar pra outro lugar, me concentar em outra coisa mas não tem jeito, minha pressão cai e eu desmaio. Isso é péssimo porque preciso fazer exames de sangue e tomar vacinas, porém acabo evitando. Não é fácil :/

    Thumb up 27

Envie um comentário

Leia o post anterior:
nes
O maior controle de Nintendo NES do mundo

Estudantes de engenh...

Fechar