Por que existem homens gays?

Publicado em 18.06.2012

O termo “opção sexual” parece cada vez mais afastado da realidade – muitas pessoas defendem há anos a utilização de “orientação sexual”, ou termos semelhantes. Isso porque ser hetero ou homossexual parece não ser uma escolha ou opção. Novas pesquisas indicam que já nascemos gays, ou não, por causa da genética.

Se a homossexualidade é realmente genética e hereditária a pergunta mais correta seria: Porque homens gays não foram extintos? Já que há uma grande desvantagem reprodutiva em ser um homossexual masculino: eles não podem se reproduzir naturalmente. A resposta pode estar nas suas mães e tias.

Pesquisadores da Universidade de Pádua, na Itália, descobriram que existe um “gene gay masculino”. As mães portadoras desse gene têm mais chances de ter filhos homossexuais. Já as meninas que nascem com o “gene gay” têm maior probabilidade de ter uma elevada fecundidade, além de serem menos expostas a problemas de saúde ginecológicos e de serem mais extrovertidas, felizes e relaxadas, com menos problemas familiares ou anseios sociais – perfeito, não é, mulheres?

As mulheres com esse gene não são exatamente mais atraídas por homens – mas mais atraentes para o sexo oposto, e com maior probabilidade de ter muitos filhos. Por essa razão, mães e tias de homens homossexuais tendem a ter mais filhos do que mães de filhos heterossexuais.

Ainda não se sabe qual é, exatamente, o “gene gay masculino”. Pesquisas italianas indicam que ele parece estar localizado no cromossomo X. Os homens herdam apenas um desses cromossomos de sua mãe, e se ela tiver o gene que aumenta as chances de homossexualidade nos homens e da fertilidade em mulheres, é mais provável que o filho seja gay. Se uma mulher herdar o gene, não significa que ela será lésbica, mas que será susceptível a ter muitos filhos e que poderá transmitir o gene a eles.

Essa pesquisa não exclui o fato de que homens podem ser homossexuais por fatores e influências à que são expostos na infância e adolescência. Os pesquisadores ressaltam que alguns hormônios no útero também podem ter um papel fundamental na sexualidade masculina. Mas o “gene gay masculino” pode ser determinante na sexualidade tanto de homens quanto de mulheres.

As evidências de que a homossexualidade é genética podem acabar com alguns dogmas pregados por homofóbicos, como por exemplo, a ideia de que ser gay é uma escolha e de que é possível transformar gays em heterossexuais. [Life's Little Mysteries/JN/Portal Educação]

Autor: Stephanie D’Ornelas

É estudante de jornalismo, adora um café e um bom livro. Curte ciência, arte, culturas e escrever, mesmo que sejam poesias para guardar na gaveta.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

74 Comentários

  1. eu sou gay e sempre soube que o era, ja quando era pequeno sabia que o era . e nao nao é uma escolha como 99,9% das pessoas pensam. simplesmente fui feito assim. se eu fosse com uma mulher nunca seria feliz…. por isso tanto faz …. acho que cada um deve viver a sua vida ah sua maneira e tal como é do que viver uma farsa…. enfie… enquanto as pessoas homofobicas … nao vao muito longe… sao pessoas limitadas de pensamento … e nao sao felizes…

    Thumb up 0
  2. Senhores Alexandre Heydrich e Jalzeiro Figueira, me desculpem pelo que vou expressar, creio que ambos deveriam ser investigados pela policia competente, pois suspeito que pelos argumentos impostos, vocês sejam capazes de manipular, confundir e induzir pessoas saudáveis a cometerem um crime como homicidio doloso e suicidio, particularmente eu não confiaria minha vida a vocês, vocês procuram pequenas aberturas por mais minusculas que sejam para caracterizar o homossexual com um ser desprezivel e isso é faisca perto de um caminhão de gasolina se homofóbicos lerem seus comentários, quem sabe essa seja a intenção de vocês, e com certeza vão procurar alguma frase em meu texto como base para distorcer minha opinião e se tornarem convincentes, acho que vocês são perigosos, me desculpem pelas minhas suspeitas, são apenas suspeitas.

    Thumb up 0
  3. sendo assim é um meio que a evolução encontrou para que a vida humana podesse se prolifarar eficazmente, sem sobressaltos. herdamos alguns caracteres dos peixes no fator biológico-reprodutivo, pois a vida começou na água e os peixes podem trocar a sua sexualidade para poder acasalar, isso na falta do sexo oposto…….o que está em jogo é a reprodução. creio, uma pesquisa com um outro grupo de mamíferos, se obterá resultados semelhantes…….

    Thumb up 3
    • Minha opinião é muito prática e objetiva. Independente de ser opção ou condição sexual, o importante é que cada um cuide da sua vida e procure evoluir a cada dia e fazer bem ao mundo. Não entendo para que tanta discussão sobre algo que é naturalmente característico da nossa espécie desde sempre.

      Thumb up 5
  4. não acho que homens nasçam gays, eles podem se tornar gays por puro impulso e vontade de fazerem sexo anal, quanto ao meio evolutivo, não acho que o anus deles evolua a ponto de se reproduzirem, é mais facil o homem desenvolver um corpo artificial feminino para que eles coloquem o cerebro deles nesse corpo

    Thumb up 4
    • Curto muito todos os comentários, porque se pode ver boiando neles a falsidade e a enorme força da expressão popular: “Faça o que eu digo, não o que eu faço.”. Quem curte o homem é o gay. A mulher também pode curtir um homem, porém, se ele tiver um amontoado de porcarias materiais que se esvaem pelos dedos das mãos de um dia para o outro, e aí acaba na mesma velocidade a “grande paixão” que até então existia. Mulher também pode “apaixonar perdidamente” por alguém influente na sociedade, seja homem ou outra mulher, não faz mal algum, desde que, dessa relação, possa ter um lucro. A mídia está aí, escancarando as relações, como todos se excitam ao saber e passar adiante com “aquele tempero pessoal do mal”. Concordo que ser hétero, gay, lésbica, bissexual não pode ser uma opção sexual, mas sim consequências de uma orientação vinda desde a infância. A mulher que usa roupas mais masculinas não quer dizer que é lésbica. O homem que se traveste diante do espelho, intimamente, não quer dizer que sai por aí à procura de pênis pra se satisfazer. Mas essas pessoas serviram de bonecos para primas, tias etc, e gratificam-se travestidos porque tiveram essa orientação na infância. Por isso que há homens de bigode e barba, cara de machão, que se derrete nos braços de outro homem, e há mulheres super-femininas que curtem ficar se esfregando com outra mulher, não necessariamente para sexo. Nas suas infâncias rolava essas coisas que se pareciam muito naturais, tendo sido gravadas nas suas memórias como sendo atitudes que lhe agradam. A maioria das pessoas não tem qualquer orientação espiritual, não exercem a meditação e, portanto, não conhecem a si mesmas, não sabem por que estão aqui, porque vieram e para onde irão, são totalmente desnorteadas e para piorar (muito) acham-se autodidatas, phd’s em tudo, inclusive, na atitude íntima das outras. Essas são as piores de serem aturadas, porque foram orientadas desde a infância numa nascente de ignorantes. Assim, sobra todo o tempo de suas vidas para dedicarem-se a cuidar da vida de outrem, a julgar e apenar as outras pessoas. E esses assuntos da intimidade alheia é um prato cheio para esse tipo de gente que está circulando sem um rumo, dia e noite, sem um plano íntimo particular. São os poderosos QUEBRADORES DE CARA, SOBREVIVENDO DO ASSUNTO ALHEIO, ESPÍRITOS TOTALMENTE DESNORTEADOS. São dignos de dó.

      Thumb up 4
    • ai voce se engana…eu sou gay e não tenho necessidade fazer sexo anal…pois não é uma condição direta para ser gay

      Thumb up 2
    • Porque se os gays desaparecessem, homens vazios como você, não teriam nenhuma chance com mulheres.

      Thumb up 10
    • talvez porque somos presença obrigatória na natureza.

      Cuidado…há estudo que sugerem que homofobicos são gays disfarçados…

      Thumb up 5
  5. Boa noite sr. joel da costa,toda vez que eu acesso este site maravilhoso,não entendo o porque da foto do senhor junto ao meu login,quero dizer que não fiz copia da vossa foto e depois disto não consigo ver os meus comentarios;grato,edinilton (mad-max)

    Thumb up 0
  6. Achei muito sensatas as colocações de Jonatas. A s pessoas precisam ser respeitadas sejam quais forem suas posições diante da vida. Acredito muito que quando independente de fanatismo e religiosidade, encararmos a espiritualidade como uma realidade, comprovada científicamente, muita coisa poderá ser entendida, inclusive o que genéticamente é programado para a vivência de algumas pessoas. Afinal; como disse um dos meninos, quem quer ser execrado gratuitamente? mais respeito, inclusive por parte dos próprios gays, seria uma forma de reavaliar conceitos, preconceitos das pessoas de mente e coração fechados.

    Thumb up 28
  7. Vivemos a “era da ciência” e assim tudo se explica por ela. A questão é que o repudio a outras opções de conduta não se resolvem por esta via. A mesma ciência, ao longo da nossa história, tem servido para reforçar preconceitos e combater aquilo que se julga moralmente incorreto em uma determinada época e em conformidade com certos valores. Opção, gene, história de vida ou o que for, que seja respeitado. É lastimável que sejamos testemunhas de abusos, humilhações e exclusão por mera repetição de valores impostos!

    Thumb up 22
  8. Então gays… doem seus espermatozoides para um banco de esperma. A população heterossexual masculina ficará muito satisfeita com vossa prole!
    Visto que vocês doarão apenas o X precioso que contém o “gene gay” que proporcionará a mulher perfeita!

    Thumb up 10

Envie um comentário

Leia o post anterior:
original
A maior colisão que você nunca verá em toda sua vida [foto]

Confira a incrível i...

Fechar