Superpopulação: o mundo vai mesmo explodir de tantas pessoas? Confira vídeo

A população mundial cresce em ritmo assustador. Em 1800 havia 1 bilhão de pessoas no mundo. 140 anos depois, 2.3 bilhões. Apenas 30 anos depois, em 1970, a população mundial era de 3.7 bilhões. No dia 13 de junho de 2013, este número cresceu para impressionantes 7 bilhões.

A previsão da ONU é que em 2050 o mundo esteja ocupado por 9 bilhões de pessoas e 11,2 bilhões em 2100. A boa notícia é que, segundo cálculos, essa população nunca passará de 12 bilhões. Isso porque as pirâmides etárias dos países estão se invertendo: as bases, que representam os jovens, têm ficado mais estreitas que as seções intermediárias (adultos).


Isso está acontecendo porque as populações passam por quatro transições. Na primeira, antes da medicina moderna, os casais tinham muitos filhos porque a grande maioria morria antes de crescer. Na etapa dois a mortalidade infantil cai bruscamente com a melhora da higiene e medicina, mas as mães continuam tendo o mesmo número de filhos, que crescem e se reproduzem. Foi aí que aconteceu o primeiro boom populacional.

Na terceira etapa, os pais percebem que não é mais necessário ter tantos filhos para que eles cheguem à idade adulta, e a vida cara nas cidades ajuda a limitar o número de crianças por família, desacelerando o crescimento populacional. Na quarta etapa, há um equilíbrio, com poucas crianças sendo geradas por casal e poucas crianças morrendo.

Este processo acontece no mundo todo, começando pelos mais desenvolvidos, mas mesmo os menos desenvolvidos já estão progredindo na transição. A média global de filhos por casal costumava ser seis na década de 1970, e hoje é 2,5.

Bangladesh, por exemplo, tinha taxa de fecundidade de sete filhos por mulher, sendo que 25% delas morriam antes de chegar aos cinco anos de vida. Em 2015, essa taxa de mortalidade caiu para 3,8 e a taxa de fecundidade caiu para 2,2.

Brasil


A população atual brasileira neste começo de 2017 é de 206.911.454 brasileiros. Segundo o IBGE, a cada vinte segundos, um bebê nasce no país. A previsão para 2030 é que a população seja de 223 milhões.

A taxa de fecundidade dos brasileiros caiu de 6.3 filhos em 1960 para 1,6 em 2017. O ano em que este número ficou abaixo de dois (o número necessário para “repor” os pais da criança) pela primeira vez foi 2007. [Kurzgesagt – in a nutshell, IBGE]

Confira o vídeo completo abaixo. É possível selecionar opção de legendas em português.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votos, média: 4,67 de 5)
Curta no Facebook:

2 respostas para “Superpopulação: o mundo vai mesmo explodir de tantas pessoas? Confira vídeo”

Deixe uma resposta