Ultrassom entra na luta pelo controle de natalidade

Publicado em 12.05.2010

Pesquisadores da Universidade da Carolina do Norte, turbinados por uma doação de 100.000 dólares da Fundação Bill Gates, estão desenvolvendo um novo método contraceptivo masculino. Trata-se da aplicação de Ultrassom para inibir a produção de espermatozoides.

Aplicando uma “explosão” de ultrassom nos testículos, é possível que o homem fique temporariamente infértil. Os testes ainda estão em andamento, mas fala-se em conseguir uma esterilidade de até seis meses.

O objetivo do estudo, segundo os coordenadores, é oferecer uma terapia barata, segura, rápida e fácil para controlar a natalidade. Sem dúvida, é uma boa opção para homens que desejam evitar filhos, mas não estão prontos para fazer uma operação que os deixe inférteis para sempre. A pesquisa deverá ser um novo marco pela facilidade para contracepção.

Até lá, enquanto não ficar pronta, o poder masculino de evitar gravidez indesejável está restrito a duas escolhas: vasectomia, com o que essa preocupação acaba definitivamente, ou camisinha, com o que essa preocupação se renova a cada ato. [BBC News]

Autor: Rafael Alves

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

5 Comentários

  1. Quanto mais métodos anticonseptivos melhor. O aborto tem que ser liberdo em todo o mundo. Acidentes acontecem e tem muita gente irresponsável que se deixa engravidar por ignorança, irresponsabilidade, doença mental, etc. Deveria até ter interferencia do governo, para estes casos. Só poderia engravidar com autorização de ambos os parceiros e um aval da justiça. Isto não é como ter um cachorrinho.

    Thumb up 5
  2. Ainda não é perfeito esse futuro contraceptivo.
    Mas se for barato até que é uma boa.

    Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
ilusao
Confira o melhor truque de Ilusão de óptica do ano

O sexto Concurso Anu...

Fechar