14 fotografias tiradas com a primeira câmera amadora disponível para o público

Por , em 30.09.2013

Você pode considerar que a Kodak está em vias de falir e nada mais tem a apresentar ao público consumidor. A época de ouro da empresa, de fato, já passou – mas há 120 anos, ela foi pioneira ao oferecer a oportunidade de experimentar – e até mesmo ter – uma câmera fotográfica.

Lançada em 1888, a Kodak No.1 foi a primeira câmera comercializada para o consumidor em massa. E agora, graças a uma nova coleção de imagens em exposição no Museu Nacional da Mídia, na Inglaterra, nós podemos descobrir que tipo de foto tiravam estes primeiros fotógrafos amadores da história. Eles registravam o prato de comida do almoço? Posavam para fotos na frente do espelho fazendo beicinho?

Antes da Kodak chegar ao mercado, a fotografia era apenas do reino de profissionais que operavam suas próprias câmeras rudimentares – que eram caras e, muitas vezes, enormes (você pode conferir uma delas abaixo). A Kodak No. 1 veio para revolucionar tudo isso: custava apenas 25 dólares na época, cerca de 600 dólares (ou 1.335 reais) no dinheiro de hoje.

original

Era uma câmera para o povo. Seu funcionamento, como uma máquina, era simples: uma pequena caixa marrom com uma lente incorporada, com a qual os usuários simplesmente apontavam na direção do objeto que desejavam fotografar (não havia visor). Em seguida, a pessoa precisava fazer apenas três simples ações: enrolar o filme, abrir a tampa e pressionar o botão para realmente tirar a foto.

A partir daí, as coisas começaram a ficar realmente interessantes. Tudo isso foi antes do surgimento dos laboratórios de revelação e das polaroides – por isso, a Kodak No.1 vinha pré-carregada com negativos suficientes para tirar 100 fotos. Quando a pessoa terminava de usar todos os negativos disponíveis, ela os enviava – junto com a própria câmera – de volta para a fábrica da empresa. Lá, os funcionários desenvolviam as imagens circulares de 6,35 cm para você. Junto com as fotos, a Kodak devolvia a câmera fotográfica totalmente carregada com material suficiente para mais 100 fotos.

Não à toa, o fundador da Kodak (e inventor do filme fotográfico), George Eastman, escolheu como slogan para seu dispositivo que mudou paradigmas a frase: “Você aperta o botão, nós fazemos o resto”.

O resultado disso tudo foram as primeiras fotografias amadoras, que mostravam famílias curtindo suas férias e basicamente cenas da vida cotidiana da década de 1890. Pode parecer banal para nós, mas para a pessoa que estava por trás da lente naquela época, ser capaz de registrar o momento para sempre em um pedaço de papel era algo realmente mágico. [Gizmodo]

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 4,50 de 5)

3 comentários

Deixe seu comentário!