88% da pornografia particular caseira aparece na internet (sem permissão)

Por , em 24.10.2012

Com as facilidades de câmeras em celulares e smartphones, é cada vez mais comum o hábito de pessoas filmarem ou fotografarem suas relações sexuais. O que era para ser apenas um arquivo sigiloso, no entanto, pode parar na internet. Um novo estudo revelou que aproximadamente 88% da pornografia caseira encontrada em sites é colocada na web sem o conhecimento dos autores das cenas.

A pesquisa, publicada pela Britain’s Internet Watch Foundation (IWF), foi feita a partir da análise de mais de 12 mil imagens sexualmente explícitas encontradas na internet. Os pesquisadores descobriram que a maioria das fotos foi roubada e publicada sem o dono do arquivo saber.

Como isso acontece? Normalmente hackers conseguem o material pornográfico em celulares perdidos ou roubados e em contas hackeadas em sites como Photobucket, Flickr, Facebook e Tumblr. É importante lembrar que é praticamente impossível remover totalmente uma imagem ou vídeo depois que o arquivo foi parar na internet.

Vingança pornográfica

Em 2011, o site “Is Anyone Up” publicou milhares de fotos roubadas do Facebook que mostravam adolescentes em cenas obscenas, sem o conhecimento deles. O objetivo da ação foi se vingar de ex-namorados, publicando imagens pornográficas deles. O criador da ferramenta recebeu ordem judicial para retirar todas as fotos provenientes de contas do Facebook.

Entretanto, nem sempre a história tem final feliz para os donos das imagens sexualmente explícitas roubadas. Depois que as cenas vão parar na internet, normalmente não há muito o que se fazer. Por isso, é importante estar sempre atento ao que se publica na internet, e aos arquivos que estão gravados fora dela, em celulares ou computares. [MSN/Tech News Daily]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 4,00 de 5)

5 comentários

  • armando Ferreira De Oliveira:

    Por**, é só sexo, Todos faz ou fará um dia, povo faz muito drama com isso. Somos ANIMAIS, e animais sexuados fazem isso. Filma que quer aparecer, quando se faz um filme é para outras pessoas verem. 😉

  • Genioso Irreligioso:

    “Normalmente hackers conseguem o material pornográfico em celulares perdidos ou roubados e em contas hackeadas em sites como Photobucket, Flickr, Facebook e Tumblr… ”

    Nem precisa ser “hacker”(cracker; melhor dizendo) pra isso: um colega de trabalho contou que três colegas da esposa dele pegaram seu smartphone de cima do rack da sala e xeretando acharam fotos íntimas dele… era só copiarem num outro smartphone pelo bluetooth sem que a esposa dele percebesse e pronto! o estrago poderia estar sendo feito! =[

  • Clebson:

    Que coisa!

  • Murilo Mazzolo:

    Estou protegido quanto isso… mas tiro foto de mim mesmo, quanto mais filmar, ainda mais nessas situações!!! kkk

    • Murilo Mazzolo:

      **CORREÇÃO:
      “[…]Nem tiro foto de mim mesmo[…]” Não dá pra corrigir!!! kkkk

Deixe seu comentário!