Beber sangue é seguro?

Por , em 5.09.2011

Recentemente, um garoto chamado Lyle Bensley, de 19 anos do Texas, EUA, invadiu o apartamento de uma mulher e mordeu seu pescoço. Ele alegou ser um vampiro com séculos de idade que precisava de sangue para permanecer vivo. A mulher conseguiu escapar e chamou a polícia, e Lyle foi preso pelo ataque.

Hoje em dia, o interesse em vampiros é muito grande. Eles estão por toda a parte, em séries, filmes e prateleiras de livrarias. Sendo assim, muitos “malucos” podem estar se perguntando se são vampiros, e agindo como tais.

Mas será que é seguro beber sangue?

Segundo especialistas, em quantidades muito pequenas (por exemplo, algumas colheres de chá), e se o sangue não tiver agentes patogênicos (como muitas doenças transmissíveis pelo sangue), a ingestão não deve prejudicá-lo.

Quando confinado a lugares onde deve estar, como o coração e os vasos, o sangue é essencial para a vida. Mas, quando ingerido, é outra história: ele fica tóxico.

É claro que todas as toxinas têm doses, e assim como um pouco de veneno não vai necessariamente machucá-lo, quanto mais você comer ou beber, maior será o perigo.

Como o sangue é rico em ferro – e porque o corpo tem dificuldade de excretar o excesso de ferro, todo o animal que consome sangue regularmente corre o risco de overdose de ferro.

Enquanto o ferro é necessário para todos os animais (e certamente para a vida), em altas doses pode ser tóxico. Esta condição, chamada hemocromatose, pode causar uma grande variedade de doenças e problemas, incluindo danos ao fígado, acúmulo de líquido nos pulmões, desidratação, pressão arterial baixa e distúrbios do sistema nervoso.

Os corpos dos animais que ingerem sangue adaptaram mecanismos digestivos especializados. O morcego vampiro, por exemplo, requer um enorme consumo de ferro, que ajuda a hemoglobina a transportar oxigênio dos pulmões para os tecidos do corpo.

Segundo a estudiosa Katherine Ramsland, a ingestão de ferro é geralmente maior no morcego vampiro do que em outros morcegos, por isso eles têm um processo especial para secretar o excesso. Quando ingerido, o sangue passa por um aparelho que é adaptado para a extração de nutrientes. Estudos sugerem que eles têm uma membrana mucosa ao longo do trato intestinal que atua como uma barreira para evitar que o excesso de ferro entre em sua corrente sanguínea.

Já você, não é um morcego vampiro. Como nós não evoluímos um mecanismo de extração de ferro, beber sangue pode nos matar. Se você quiser tentar, não podemos impedir; mas tenha um médico por perto. Não para sua vítima, para você.[Life’sLittleMysteries]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 4,50 de 5)

33 comentários

  • Regys D’adab:

    A ingestão de sangue na espécie humana só é possível para quem possui anemia-false-forme, doença que está relacionada com alguns grupos étnicos, os negros africanos,afro-descendentes e populações do oriente-médio miscigenadas com os sub-sarianos. Em consequência do contato das populações africanas com a malária, que infecta as hemácia com formato globular normal. Sendo que a malaria não parasita as hemácias false-forme, assim é necessário uma de suplementação de ferro, que pode ser obtido ingerindo-se sangue de animais na alimentação, galinha ao molho pardo é uma alternativa ou como fazem os massais “nativos das savanas africanas” que seccionam a jugular dos bovinos retirado-lhe uma quantidade de sangue e bebem misturado com leite. Sendo que esse é um habito uma tanto bizarro associado ao satanismo por pessoas que desconhecem a real natureza de ser.

    • Caio Roberto:

      A sua sugestão de ingerir ferro é totalmente absurda, é possível ver que o seu desconhecimento de fisiologia, anatomia, e nutrição é totalmente nula em todos os sentidos, um suplementação por ferro sim é necessário na pessoa com anemia falsiforme, mas jamais a ingestão de sangue seja humano ou animal. Não existe nenhum estudo comprovando o seu comentário. Nenhum nutricionista que se preze recomendaria tal façanha.

    • Regys D’adab:

      Estes links abaixo é para enriquecer os conhecimentos do usuário https://www.facebook.com/caio.roberto.58726, que respondeu de forma não muito cortêz ao meu comentário. Infelizmente o sistema de comentário e resposta deste site não permite a treplica assim o Caio Roberto não poderá visualiza-lo e se instruir um pouco a respeito do consumo de sangue, como forma de sobrevivência ou como um rito de passagem para a vida adulta.
      http://www.oloxa.blog.br/2011/08/o-vampiro-doido-2.html

      http://revistagalileu.globo.com/Revista/Galileu/0,,EDR77798-7943,00.html
      http://www.saojosedoscampos.com.br/diario/index.php?id=9219&cat=54
      http://www.vagalume.com.br/ventania/vampiro-doidao-versao-2.html

    • Regys D’adab:

      http://revistagalileu.globo.com/Revista/Galileu/0,,EDR77798-7943,00.html (Copie este link na resposta anterior mas parece que deu erro, cheguei até ele digitando no Google: bebendo sangue de vaca)

      Garotos da tribo dos surmas, que habitam uma região da Etiópia próxima da fronteira com o Sudão, extraem o sangue de uma vaca ainda viva. Como a gente quis poupar os olhos dos nossos leitores de cenas impressionantes, não mostramos as imagens feitas na seqüência, que mostram os garotos bebendo o sangue. Utilizando práticas rudimentares de criação e abate na maior parte do país, a pecuária etíope responde pelo segundo maior produto de exportação. O plantel nacional tem hoje uma população estimada de 80 milhões de cabeças, um dos maiores da África. Apesar de ser um dos países mais pobres do mundo, a Etiópia ostenta um consumo de carne invejável para nações no mesmo patamar: são 13 kg anuais, em média.
      Fontes: BBC, Biblioteca do Congresso dos EUA, CIA World Facts Book, Wikipedia

  • Neivaldo Vilela:

    Interessante! Na bíblia dos cristãos, foi dado ordem a Moises para que o Israelitas não bebessem sangue. Está em Lev 17:12.

  • Jonas Nazário:

    Eu não concordo, o Eduard não mentiria para nois!
    hahaha!
    Brincadeira, Fascinante essa matéria.

  • jane:

    “Vejamos se entendi:
    Os morcegos vampiros tem uma proteção contra o excesso de ferro.
    Por isso que a morcegada dos políticos saem sempre imunes, eles tem a proteção, eles nos sugam o sangue e nos deixam ….o ferro”

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk …. além de arrazar no comentario, entendeu muito bem a matéria, parabéns CARLOS!

    ____________________________________________________________

    Minha opinião:O rapaz que atacou a mulher precisa de um tratamento URGENTE.
    Delírio total.

  • Luan:

    Era pra eu tar morto entao , porq cai ralei a mão , lá vou eu ” chupar meu sangue ” =P

    • Rosana Oliveira:

      Chupar machucado também é errado, pois passa as bactérias da sua boca pra ferida, podendo infeccionar. Lava isso e faz um curativo.

    • Jeferson Carlos Machado:

      “Passa as bactérias da sua boca para a ferida”? Mas, espera aí a saliva nã é anti-séptica?

  • Carlos:

    Esse povo ta bebendo e cachaça em vez de sangue.rsrsrsr

  • José Calasans.:

    É como eu sempre digo,cada dia que passa o mundo tá virando um grande hospício.Vou cair fora antes que seja tarde.

    • Troll:

      Yop você é espero ao ponto do hospício, e os especialistas não passam de uns atrapalhados na mente.

  • Negro Velho:

    Que bando de abobado. Vão beber guarapa e chupá cana…

  • Lee:

    Adorei sua matéria Natasha!!!
    Agora falando do vampirinho….coitado.o pior é a conta que ele vai ter que prestar com nosso Paizão lá encima, porque se ele não sabe, biblicamente falando,beber sangue é totalmente inaceitável!!!
    E isso é para todos esses vampirinhos espalhados por aí.
    Bebe água!!!Não se esqueçam que vivem na realidade e não em filmes…vamos ver se na realidade vão conseguir viver de sangue!!!!rsrs

  • Sarcofágo:

    Bem… eu realmente fiquei horrorizado pelos atos, mas não muito surpriendido, não é a primeira vez que atacam as pessoas se dizendo vampiros, como pode-se ver várias pessoas vão em programas de TV se dizendo vampiros, falando que tem presas… bem eu acho que ai vai da cultura da pessoa, e da religião, desde que não machuque ou prejudique ninguém.

  • Lu Senne:

    Existem pessoas por demais influenciáveis. Basta um filme mostrando uma chacina, alguém vai e mata inocentes em escolas e cinemas. Basta um filme de vampiro q outro vai e ataca alguém p chupar sangue. O q mais ainda vamos ver nos filmes q se tornará realidade???

  • ALX:

    Se sangue fosse benefico não necessitariamos de veias para armazena-los e pra isso que Deus nos deu a ÁGUA… Vejamos o caso recente do tecnico Ricardo Gomes, sangue vazou no cerebro dele e viram no q deu. Então nem preciso dizer mais nada

    • zico:

      Aconteceu alguma coisa ao grande defesa central do Benfica?

  • Magda Patalógica:

    Igor, vampiro lindinho:

    Se você confia nos ácidos estomacais, libero o chupa-sangue prá você, por sua conta e risco.
    Depois não venha me dizer que não avisei, viu?

    Fui

  • Carlos:

    Vejamos se entendi:
    Os morcegos vampiros tem uma proteção contra o excesso de ferro.
    Por isso que a morcegada dos politicos saem sempre imunes, eles tem a proteção, eles nos sugam o sangue e nos deixam ….o ferro

    • Éder Augusto:

      É isso!!!Descobrimos o segredo deles.

  • Igor:

    Ué, mas doenças como AIDS podem ser transmitidas assim? Os ácidos do estômago não matam tudo?

  • Nie:

    Agora lascou…já pensou se essa moda pega aqui no Brasil? kkk…vou começar a vender proteção para o pescoço, réstia de alho e cruz…se não resolver aconselho um porrete pra descer a porrada…rs

  • Magda Patalógica:

    Aaaargggg..

    Com essa onda de Aids, antes de atacarem suas vítimas, os pobres vampiros precisam conferir o atestado médico prá ver são soropositivos.

    Euzinha aqui não como nem chouriço.

    Tive um namorado que adorava morder o meu pescoço. No dia seguinte, estava toda marcada e o pessoal do escritório tirava o maior sarro.
    Conclusão: Mandei o vampiro passear.

    Fui.

    • Mochileiro:

      RAWR! Delicia!

  • Alexandre:

    Se o sangue é alcalino, pode dar diarréia? xD

    • Leo:

      LOL

  • zico:

    Antigamente quem era mais pobre, não tinha dinheiro para comprar carne, então comprava sangue de animal para cozer e ficava uma espécie de carne. 🙂

  • João:

    E a carne vermelha?

    • EltonPaes:

      Não é sangue, todo o sangue sai, to boi ou vaca quando ele é morto, aquilo nada mais é do que um primo do sangue, mas não é !

    • lich king:

      o que acontece é que quando o boi morre muiito ferro é perdido, sem falar que a quantidade é muito baixa e ainda é assado e evapora

  • Higor:

    Vampiros de plantão, entenderam então né? Nada de exagerar no sangue nas refeições a partir de hoje, ta ok?

Deixe seu comentário!