Café e sexo podem aumentar risco de derrame para algumas pessoas

Por , em 8.05.2011

Segundo uma nova pesquisa, fazer sexo, tomar café, se exercitar, e outras atividades cotidianas que aumentam a pressão arterial podem aumentar o risco de ruptura de um aneurisma no cérebro de algumas pessoas vulneráveis.

Cerca de 2% da população tem aneurisma, um inchaço em forma de “balão” em uma artéria do cérebro, que resulta em um ponto fraco na parede da artéria.

Os aneurismas são mais comuns após os 40 anos. Pressão arterial elevada, genes, tabagismo e uso de drogas estão entre os muitos fatores que contribuem para seu desenvolvimento. Eles também podem ser causados por ferimentos na cabeça e infecções.

Os aneurismas são geralmente muito pequenos para causar sintomas ou problemas, mas se eles crescem podem explodir e causar derrame, levando a danos cerebrais permanentes ou morte.

O risco global de ruptura é pequeno. No entanto, segundo os pesquisadores, mesmo atividades de curta duração que elevam a pressão arterial podem aumentar temporariamente esse risco. Por exemplo, o risco quase dobra na hora seguinte após a pessoa ter bebido uma xícara de café.

Outros pesquisadores já haviam notado que alguns fatores aumentam risco de ruptura. Por exemplo, pacientes frequentemente relatavam que estavam engajados em atividade sexual ou exercício físico antes da ruptura, mas esses fatores de risco nunca tinham sido quantificados.

Para isso, os cientistas pediram a 250 pacientes que tinham sobrevivido a uma ruptura de aneurisma para contar ao que eles tinham sido expostos, entre 30 possíveis fatores, no ano passado, com que frequência, e o que ocorreu imediatamente antes da ruptura.

Café e exercício vigoroso foram os fatores mais comumente observados, seguido de assoar o nariz, sexo, esforço para defecar, beber coca-cola, levar um susto e raiva.

O café foi ligado a quase 1% das rupturas nos participantes do estudo, e exercício físico vigoroso a cerca de 8%. Os demais fatores de risco representavam, aproximadamente, 5% ou menos das rupturas.

Segundo os pesquisadores, isso não significa que as pessoas com aneurismas precisam parar de beber café. Não há evidência suficiente para isso.

A maioria das pessoas que têm pequenos aneurismas não sabe por que não têm sintomas. Esses casos são geralmente descobertos por acidente, e check-ups regulares para monitorar o crescimento do aneurisma são geralmente tudo que é necessário.

Pessoas com aneurismas maiores tendem a fazer cirurgia ou outro tratamento dentro de 1 a 3 semanas de seu diagnóstico, por isso não há necessidade real de parar de beber café ou fazer alterações de estilo de vida.

Mas algumas pessoas não são saudáveis o suficiente para passar por cirurgia, e tem que conviver com o risco de ruptura. Esses pacientes devem parar de fumar e reduzir a pressão arterial. Também pode ser aconselhável para eles parar de beber café e tomar um laxante, se necessário. [CNN]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

10 comentários

  • Elizabeth:

    O aneurisma da minha irmã rompeu por forte emoção. Foi logo que chegou no velório de uma pessoa querida. A pressão arterial dela elevou e aconteceu o rompimento.

    Além do café, alguns chás, guaraná, bebidas energéticas, refrigerantes à base de cola… também contribuem para o aumento da pressão e também podem causar acidentes vasculares.

    • Ezio José:

      Concordo contigo.
      Acontece que a mídia promove de forma velada os interesses de alguns. Os fumantes, ao tomar café, acende de imediato um cigarro. Na realidade, é uma coisa natural e instintiva, talvez porque um é excitante e anti-oxidante e o outro o contrári de tudo isto. Para se fazer uma campanha velada usa-se argumentos disfarçados com fins de atingir os objetivos.
      Mas para completar meu raciocínio, só uma oisa me emburrece, a hipocrisia. Nuitos “moralistas” focam um determinado costume só porque lhes contraria, porém, nunca olham-se no espelho para ver quantas coisas piores eles praticam e que inclusive trazem consequências mais graves de um modo geral.

  • Everton Carlos da Costa Cardoso:

    Pesquisa “sem pé e sem cabeça”. O café é uma das melhores fontes de anti-oxidantes que existe. A prática sexual é o que existe de melhor para a saúde do corpo.

  • robert flier:

    Dessa forma eu devo me desconcentrar para não ter uma ereção num momento de tensão. Tomo café o dia todo, com nenhuma ereção durante o dia. Meu trabalho é uma tensão só, não sobra energia para levantar nada. Meu risco de ter rompimento de aneurisma é pouco então.

  • helena maria:

    eu não entendi o que diz no final do texto…”tb pode ser aconselhável para eles parar de beber café e tomar laxante”…? ou tomar um relaxante?!. Se for laxante, não entendo pq?

    • Francisco Carlos Lacerda:

      Criatura! Será que eu contei uma piada no muro das lamentações? É para não fazer muito esforço no banheiro, a chamada “casa de força”. Suave na nave.

  • miquéias charles:

    Ainda morro disso!!!!

  • marcos:

    não entendo essas pesquisas,, e passar raiva o dia todo não aumenta..

    • Ezio Jose:

      Raiva é outra doença. Pode ser que também contribua para isto, mas é outro caso.

  • alx:

    Xi,to perdido,todo cafe o dia todo kkkkkkkkkkkkkk! Acho q nem sou o unico aqui do Brasil!

Deixe seu comentário!