Camisinha “twitta” quando você faz sexo

Por , em 2.03.2012

Uma nova iniciativa combina sexo e mídias sociais para encorajar as pessoas a usar proteção enquanto estão “se divertindo”.

Na semana passada, que foi a Semana Nacional da Camisinha nos EUA, foram distribuídas 55 mil camisinhas com códigos de reposta-rápida nas universidades do estado de Washington. A ideia é que os usuários possam usar esses códigos com um smartphone após usar a camisinha, dando um “check in” no mapa do sexo seguro.

O site www.wheredidyouwearit.com é totalmente anônimo, apesar dos usuários poderem dar detalhes vagos sobre o encontro e como ele foi, desde “as coisas podem melhorar” até “foi fantástico”.

A Planned Parethood, organizadora da inciativa, afirma que o objeto é encorar o orgulho de se proteger de uma gravidez indesejada e de doenças sexualmente transmissíveis.

“Nós esperamos que o site promova discussões sobre os relacionamentos e sobre camisinhas, para ajudar a remover estigmas que algumas pessoas têm sobre o uso delas”, afirma Nathan Engebretson, coordenador de novas mídias. “O Where Did You Wear It (Onde Você Usou Isso) espera criar um pouco de diversão sobre a tomada de decisões responsáveis”.

Pesquisas recentes sugerem que o uso de camisinha entre os adolescentes está crescendo, apesar de outros estudos globais apontarem muitos erros no uso, que podem diminuir a eficiência do método.

A iniciativa Planned Parenthood foca no encorajamento do sexo seguro entre os estudantes. Um estudo recente entre as mulheres universitárias mostrou que elas usam camisinha no começo da universidade, mas o uso cai conforme o tempo passa. [LiveScience, Foto]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

6 comentários

  • clarice:

    é um prato cheio….pra quem não tem o que fz…..

  • thaís:

    que ridículo. O mundo vive em função de twitter agora, como se postar o que se faz fosse essencial.

  • José Carlos Dias:

    Um prato cheio para os exibicionistas , o cara vai usar na língua e lamber sabão e conta-se mais um ponto para o “macho” !!!!

  • Rafael:

    Rapaz, se isso é bizarro pra gente, que dirá nossos avós, ou melhor, como explicar como isso acontece a eles e que consequências ele nos traz? E, por fim, como será comum isso na era da “internet das coisas” que se aproxima com o IPv6, onde cada coisa terá seu endereço virtual!

  • Chuck Norris®:

    Nada mais me surpreende. É cada uma! :l

    • gilvani:

      é isso mesmo chuck

Deixe seu comentário!