Cientistas acreditam que as leis da física mudam ao redor do Universo

Por , em 12.09.2010

Você já ouviu falar da teoria do Multiverso? Algumas pessoas acreditam que há vários Universos, um mais maluco do que o outro, governados por suas próprias leis físicas – e elas seriam exclusivas. Agora há uma nova teoria que parece trazer o Multiverso um pouco mais perto: talvez as leis da física não sejam constantes no próprio plano em que estamos.

Um professor da Universidade de Gales do Sul, John Webb, acredita que as leis que regem o nosso Universo são extremamente maleáveis. Ele mediu o que seria a força do eletromagnetismo estimada em cerca de 300 galáxias e descobriu que essa ‘constante’ não é a mesma em todos os lugares. Isso quer dizer, segundo ele, que as leis da física e que causaram a formação da vida como a conhecemos, podem ser um fenômeno local e que, em outras áreas mais afastadas do espaço, pode haver uma mecânica completamente diferente, que culminou em outras formas de vida.

A variação da constante é ínfima de galáxia para galáxia (1 em 100 mil), mas para Webb, isso parece ser o suficiente. Se ele estiver correto, os astrônomos precisarão descobrir novas leis físicas para cada parte do espaço que forem estudar. [Gizmodo]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votos, média: 2,33 de 5)

24 comentários

  • Toni Cruz:

    Não sou cientista e muito menos estudioso amador de ciências. Sou sim, estudioso amador de Ufologia Científica onde iniciei-me junto ao saudoso Claudeir Covo em 1984. Porém, desde jovem quando comecei a formar o meu caráter e me conscientizar das coisas ao meu redor, eu senti que no Universo nada é igual, parecido sim, mas não totalmente igual. Com isso a física também não é igual em todos os lugares ( fato este contestado por alguns físicos ), dando assim margem que outros materiais surjam…

  • Samara Diamond:

    Esse é o mistério da ciência e é o que a torna tão fascinante. várias opiniões divergentes, mas só porque divergem, n quer dizer que estão totalmente erradas nem totalmente corretas. É uma constante incerteza, que nos estimula a querer saber cada vez mais, que nos desafia a superar nossos limites intelectuais. Eu concordo que possam existir, sim, diferentes leis e teorias da física em diferentes pontos do universo, pois apesar de todos os nossos “gênios”, ainda somos mt limitados p/…

  • Joao Paulo:

    Isso reforça o conceito defendido de que se existe leis e ñ lei, isso colabora para que continua a velha história que ñ quer calar, existe sim um design por trás de td quer queira quer ñ. Muitos céticos e metidos a cientistas aqui no HS tem defendido que este site ñ deve haver crentes ou esclarecidos defensores da existência de Deus, mas o que eles ñ sabem é que a ciência é a fonte onde podemos também e porque ñ? buscar esta certeza latente. é impossível que num vasto universo ñ tenhamos ainda certeza de que sistemas extremamente funcionais que sustenta a vida ñ seria como cabela na cabeça dado o esquadrinhamento com atuais recursos da ciência moderna

    • Amadeus E:

      Deixa eu ver se entendi, você esta atribuindo essa “diversidade” das leis da mecanica em diferentes galaxias(que ainda esta em fase de estudo), a um Ser “magnifico” e “onipotente”? Bom, se for isso, acho que temos muitas coisas para descartas antes de apelar para o imaginario, como por exemplo, a teoria da relatividade, quem sabe a curvatura que os corpos fazem no tecido do espaço-tempo não influencia nos numeros da fisica? Einsten pode não ter pensando nisso naquela epoca(não querendo desmerecer ele, em minha opnião, Eintein foi a mente mais brilhante do mundo, junto com Isaac e Hawking), talvez a tecnologia não lhe permitiu desvendar os segredos ainda escondidos, pra mim, é mais lógico atribuir a deformação do espaço-tempo do que isso que diz, não dizendo que estou certo, ainda existem muitas coisas que podem explicar isso.

  • Luan:

    isso significa que pra existir vida em outros planetas não precisamos de um planeta exatamente igual a terra, pode haver planetas que consideramos impossíveis de existir vida e la existir seres tao complexos como os que aqui vemos.

  • Juliano:

    Pois é, as leis podem ser diferentes. Pensando bem, o tempo, como conhecemos, é diferente em outros lugares. O que é um ano? Uma volta da Terra em torno do Sol, certo? E o dia? Uma volta em torno de seu eixo. Então, o tempo em outras supostas “Terras” pode ser totalmente diferente daqui! Se o Tempo, que para nós é imutável, imaginem a vida, que aqui é muitíssimo variada…

    • Jean P. Carvalho:

      Oi Juliano!

      O “tempo” não é uma categoria “imutável”, mesmo p/ as pessoas q. vivem em um mesmo planeta… o tempo é uma categoria artificial, arbitrária, criada pelo homem!
      Há pessoas q. envelhecem + rápido, outras + devagar… p/ cada uma destas pessoas, o “tempo” se passa de maneira diferente, ainda q. ambas compreendam a divisão de segundos/horas/dias… mas sentem e vivenciam estas divisões de uma maneira diferente…
      Em algumas tribos indígenas do Brasil, não existem palavras para designar o “ontem” ou o “amanhã”… p/ eles só existe o momento a ser vivido, não existem divisões temporais! Curioso, não?
      Bom, acho q. é isso… falando em tempo, tá na hora do meu almoço!! ;p

  • Rodrigo Paim:

    Cada comentário….

  • Alberto Carvalhal Campos:

    Eu acredito que seja verdade. Nas bordas do universo, onde a gravidade e a densidade tendem para zero, a velocidade da luz é superior a 300.000 Km/s, no centro onde a gravidade e a densidade são mais fortes seria de 300.000 Km/s. Na água é de 225.000Km/s, no vidro é de 200.000Km/s e no diamante é de 125.000Km/s. Tudo isto é apenas efeitos da densidade. O efeito de lentes gravitacionais podem ser apenas efeitos da densidade das galáxias. Ao seu redor existem muitas partículas e muita gravidade, fazendo sua densidade ser superior ao ambiente a sua volta. O desvio da luz das extrelas que comprovou a relatividade de Einstein, pode não ser o desvio da luz pela gravidade do sol e sim pela densidade a sua volta. Existe muitas matérias sendo ejetadas e muita gravidade, aumentando sua densidade, alem de um forte campo gravitacional e um forte campo magnético. tudo isto desvia a luz, não a gravidade, porque o foton não tem massa.

    • Amadeus E:

      Você disse tudo e nada, primeiro fala que a distorção que a luz sofre pode não causada pela gravidade, e sim pela densidade, depois fala que ao redor do sol pode ser pela gravidade e no mesmo momento atribui a densidade, por favor, defina-se!

  • Joao Paulo:

    Interessante, que se a física é tida como base das pesquisas, em que deve agora apoiar a ciencia? alguem pode me dizer?

  • Willian:

    Fiquei a imaginar uma bola de fogo saltitante e feliz.

  • OlhaMeuNome:

    isso seria legal. =D

  • cp:

    as leis da física são válidas e universais em seus domínios; as leis de newton pra qqer observador em qqer lugar em determinadas condições, se este observador estiver se movendo a velocidades relativísticas, aí a relatividade passa a funcionar, o mesmo se dá em relação a grandes atrações gravitacionais (órbita de mercurio, ou a luz encurvada pelo sol)…na mecânica quântica essa universalidade é compartilhada pela localidade através do princípio da incerteza.
    o ajuste fino das teorias é compartilhado pelo poder observacional, e por teorias mais abrangentes, das quais a teoria das cordas carece de comprovação.

  • Nuno Cardoso:

    Bem o que me mantem em ter fé é o meu interior e do meu interior vou obter resposta mais cedo ou mais tarde, se o nosso pensamento demora uma vida a chegar ao coração como uns vão tão longe em tão pouco tempo . ( 300 galáxias e descobriu que essa ‘constante’ não é a mesma em todos os lugares ) até logo ……………………………………………………………………………………………………..

  • Bruno Marques:

    Realmente um cientista que não está abitolado. A maioria dos cientistas preza a ciência como se está fosse absoluta como algum tipo de culto religioso(tal como Cesar que escreve aqui, mais um escravo das EVIDÊNCIAS primatas da ciência humana)
    É muito mais cientifico entender que apenas tentamos entender a verdade, e que na verdade não estamos nem perto disso. Do que nos isolarmos na arrogância de acharmos que o que já descobrimos é a verdade absoluta e imutável!
    Se oque sabemos aqui pode valer algo, a alguns anos luz daqui pode não valer de nada.

  • joao Paulo:

    _A pergunta que não quer calar, será que somos únicos? deus realmente não nos omitiu vida inteligente fora? a ciencia deve ser aceita consagrada? ou devemos despreza-la por não fornecer fontes seguras, e dizer uma coisa hoje e outra totalmente oposta noutro dia ou no mimnimo impossivel de seguir o raciocinio dela?

  • edilson:

    RECOMENDO ATODOS NÓS ASSISTIR AO DOCUMENTÁRIO QUE ILUSTRA O ARTIGO. ASSIM, TODOS TEREMOS CONTEÚDO CIENTIFICO PARA ESTARMOS SEMPRE EM PRIMEIRO LUGAR NA VIDA, JAMIS EM 7° ; 8°; 9°…A VIDA É BELA!

    Teoria “M” (Multiverso) da Física – (Legendado, Traduzido, Português) – BBC de Londres.

    http://www.youtube.com/watch?v=kxraG_20yjE&feature=PlayList&p=FED57CDC0F3FC811&index=0&playnext=1

  • Marcos:

    Olá a todos !!!
    Até que enfim um cientista de mente aberta, que procura variações nas Leis consideradas como imutáveis no Universo !!
    Sou de opinião que as Leis da Física ora aceitas são válidas sim, mas que elas podem mudar em um outro ambiente ou sob outras condições e é isso que o prof. John Webb concluiu !
    Viva !
    Abraços

  • Bianconero:

    Coisa fantástica, era lindo que assim fosse.

  • eduardo:

    Isso me fez lembrar do Superman… no planeta dele, Kripton, ele era “normal”, assim como nós aki na Terra. Mas qnd ele chega ao nosso planeta eis que surge o Superman…..
    Se essa afirmação dos cientistas estiver correta, fico imaginando como seria uma interação das propriedades físicas de um ser humano, se este fosse pra uma outra galáxia com suas propriedades físicas diferenciadas…
    Caramba…… viajei agora….. kkkkkkk

  • ira:

    Antes tarde do que nunca.
    Finalmente uma mente aberta pensando alem da materia terrena.
    Este sim,é um verdadeiro cientista,não esta no ról da ciencia acadêmica.
    Usa seu intelecto,não passivo ou ativo mas o
    INTELECTO TRANSCENDENTE.

  • Rafael Rodrigues:

    isso é fantastisco [2]

    Fico imaginando, na possibilidade de existir vida em locais do universo onde as leis físicas são diferentes, os tipos de vida que podem existir…

  • Paulo Henrique:

    isso é fantastisco

Deixe seu comentário!