Como o sexo com camisinha pode ser melhor

Por , em 16.05.2012

Sexo seguro (com camisinha) parece ser um sinônimo perfeito para algo ruim, como aponta pesquisa do Instituto Guttmacher, que mostra que 25% dos homens e mulheres entrevistadas nos Estados Unidos consideram sexo com camisinha chato.

No Brasil, não é diferente. Segundo estudo do Ministério da Saúde, o brasileiro passou a fazer mais sexo casual (sem relacionamento fixo) entre 2004 e 2008, mas fez menos uso do preservativo. Apenas 46,5% dos brasileiros utilizavam camisinha.

Mas ainda existe esperança. Pesquisa recente da Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, revela que o prazer sexual obtido com o uso da camisinha masculina depende de vários fatores, como, por exemplo, do conforto do(a) parceiro(a), o que depende, inclusive, do tamanho adequado da camisinha.

Por isso, tudo que você tem que fazer é escolher a camisinha certa para você, testar o que lhe faz melhor, e ter confiança.

“A ideia de que usar camisinha diminui a sensitividade ou a diversão do sexo é completamente errada”, afirma a médica Devon Hensel, autora do estudo norte-americano. Mesmo assim, atitudes contra o uso da camisinha ainda são amplamente vistas.

Melhora no sexo seguro

Hensel coletou dados de mais de 1.500 homens e dedicou especial atenção aos relatos diários de suas atividades sexuais.

Em 85% das relações sexuais, os pacientes utilizaram camisinha. Entre esses casos, os homens mais velhos reportaram experiências mais prazerosas.

De acordo com o estudo de Hensel, quanto maior a estimulação oral e manual, maior a satisfação. Fica a dica. [LiveScience, GuttMacher, Terra]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

10 comentários

  • Andhros:

    Ah, a Sida não tem jeito mesmo! Está toda hora por aí para quem quiser pegar. Para qualquer um e em qualquer lugar ou cantinho escuro que seja, fácil, fácil! Terrível a sem vergonha…

    Uma pequenina observação sobre os comentários:

    Um colapso gravitacional causou uma anomalia partindo da fragmentação de sua super-massa, que foi capaz de disparar uma micro-singularidade através do horizonte de eventos.
    Sua enorme massa, viajando à velocidade da luz, produziu oscilações na energia temporal que acabaram por induzir uma micro-inversão temporal de curto espectro.
    Seria o terceiro comentário meu que ela engole só neste tópico!

    • Andhros:

      ### O comentário ficou duplicado, alguém poderia excluir, por favor? ###

  • magoado:

    Olha tudo o que for feito para proteção e a segurança do individuo [parceiro] eu acho bem vindo.
    Mas que é uma tentação transar sem essa borracha no pinto,eu
    não tenho dúvidas nem uma…!

  • Andhros:

    Nossa, cadê o meu comentário…?
    Vou falar de novo então, é um vídeo sobre como o sexo com camisinha pode ser melhor sem aquele atraso causado pela preparação do equipamento:

    smartgirls.com.br/pronto-uma-camisinha-mais-facil-de-colocar

  • Paulo Eduardo:

    Nesse caso quem deveria ficar encomodado é a mulher já que é ela que chupa a bala se é que você me entende?!!

  • Jose Ferreira:

    SINCERAMENTE.ESTOU NA CASA DOS SESSENTA.CAMISINHA É UMA ABERRAÇÃO. ÓBVIAMENTE NOS DIAS DE HOJE,COM A SIDA, QUE É UM FLAGELO, E A LIBERALIZAÇÃO DOS ENCONTROS ELA É UMA PROTEÇÃO PARA AMBOS OS PARCEIROS. MAS É TAMBÉM UM ENTRAVE AO PLENO PRAZER E AINDA MAIS QUEM NÃO FOR CIRCUNSISADO.E OUTROS PROBLEMAS SE LEVANTAM, POR EXEMPLO A ALERGIA À BORRACHA. TIVE UMA COMPANHEIRA, QUE O FEZ E OOPS!!! UMA COMPLICAÇÃO.PARA SEXO SEGURO O MELHOR É…PARCEIRO(A)SEGURO(A) BEM HAJAM.

    • Andhros:

      Ah, a Sida não tem jeito mesmo! Está toda hora por aí para quem quiser pegar. Para qualquer um e em qualquer lugar ou cantinho escuro que seja, fácil, fácil! Terrível a sem vergonha…

      Uma pequenina observação sobre os comentários:

      Um colapso gravitacional causou uma anomalia partindo da fragmentação de sua super-massa, que foi capaz de disparar uma micro-singularidade através do horizonte de eventos.
      Sua enorme massa, viajando à velocidade da luz, produziu oscilações na energia temporal que acabaram por induzir uma micro-inversão temporal de curto espectro.
      Seria o terceiro comentário meu que ela engole só neste tópico!

  • Marco Checon:

    “A ideia de que usar camisinha diminui a sensitividade ou a diversão do sexo é completamente errada”,

    Ta certo que com camisinha é seguro, mas dizer que não diminui a sensibilidade ai sim é completamente errado
    e o mesmo que afirmar que comer bala com ou sem papel da na mesma. é bom deixarem um pouco o politicamente correto de lado e sim serem mais realistas.
    Além do mais eu já fiz com e sem e a sensação muda drasticamente.

    • J.P.:

      Então “Bovi”, eu não gosto de camisinha.

      No que se refere ao homem, em determinado momento a camisinha o incomoda tanto que a rigidez reduz e, o preservativo começa escapar; comprar preservativo maior que o equipamento; uso incorreto; material vagabundo com pouco lubrificante; alergia; etc. Acaba sendo bem desconfortável.

      Pra mim, (nunca conversei a fundo sobre isso com outras mulheres) o látex acaba por incomodar depois de um tempo de penetração, não tenho problemas com lubrificação, mas o complemento da lubrificação masculina deixa tudo fantástico. Também sinto falta do atrito, da textura da pele…

      Namorei por 03 anos e estou passando pelo término. Bá! Como é bom namorar, confiar, ter intimidade e não usar camisinha *-* – No período em que tive recaídas com o ex, usei camisinha, assim como, no início do namoro. E de tanto usar camisinhas desagradáveis e “dificultadoras” do meu prazer (hehehe) fui atrás. Parava na farmácia e ficava lendo as embalagens. Passei vergonha, recebi olhares reprovadores, ainda mais que moro em cidadezinha pequena. Mas e daí? A maior interessada sou eu… Enfim, depois de alguns testes, a que mais me agradou foi essa: http://www.blowtex.com.br/prod_01.php 😀

      A questão mais complicada é que, hoje, todos transam com todos, como uma graaaande comunidade de bonobos e, não usar preservativo fica bem complicado, principalmente pelos “vírus sutis” como o HPV.

      O jeito é usar e trabalhar para o melhor uso. Mas que não é a mesma coisa e que não é tão gostoso, quanto não usar camisinha, não tem nem o que discutir…

  • Paulo Eduardo:

    Sexo com camisinha é melhor por evitar determinadas consequências e consequentemente ter uma relação sexual sem preocupações!!

Deixe seu comentário!