Deserto de Danakil: conheça as paisagens mais bizarras da Terra

Por , em 23.11.2012

Gases tóxicos, lagos cheios de enxofre que fervem a 90°C, temperaturas altíssimas, areia movediça com ácido sulfúrico e vulcões fumegantes. A descrição do Deserto de Danakil, situado no nordeste da Etiópia, não é nem um pouco convidativa. Não é por menos que o local é conhecido como o “inferno na Terra”. Mas as fotos mostram que o inferno não é tão ruim assim. É lindo. E tem as paisagens mais bizarras do planeta.

É lá que fica a cratera vulcânica Dallol, pouco conhecida e raramente visitada – mas extraordinária. A paisagem única é formada por montanhas de sal e enxofre, gêiseres de gases venenosos e pequenas piscinas de ácidos coloridas.

Dallol é um dos lugares mais remotos da Terra e muitas poucas pessoas vivem lá, o que não é de se admirar. Afinal, quem gostaria de viver em um lugar tão perigoso como esse?

Além de tudo, Dallol detém atualmente o recorde da mais alta temperatura média para uma posição habitada na Terra, com temperatura anual média de 34°C.

As cores deslumbrantes vistas no local, como branco, amarelo, verde e vermelho, surgem devido à grande presença de enxofre, óxido de ferro, sal e outros minerais.

Embora seja muito perigoso, algumas pessoas sonham em conhecer o inferno terrestre e pagam caro por um tour. O passeio começa em Adis Abeba, a capital da Etiópia. De lá, é necessário pegar carona em uma caravana de camelos ou passar um dia inteiro viajando de carro.

Golpes políticos, revoltas, seca e fome na Etiópia colocaram Dallol fora do mapa por muito tempo. A área não era aberta à estrangeiros até 2001, e até hoje o local não é muito seguro. Quem visita a região ainda corre o perigo de virar refém de Ahmed Ela, a aldeia mais próxima ao vulcão.

E aí, você gostaria de enfrentar todos esses perigos e conhecer o Deserto de Danakil? [Kuriositas/Oddity Central]

Veja mais fotos aqui.

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

6 comentários

Deixe seu comentário!