Quantos anos de vida um fumante perde

Por , em 29.10.2012

Não é segredo que o tabagismo pode prejudicar a saúde, especialmente se você fuma muitos cigarros por dia. Muita gente acredita, porém, que o problema não é “tão grave assim” – e, até pouco tempo atrás, estudos realizados no Japão sugeriam que o cigarro poderia diminuir em “apenas” quatro anos a expectativa de vida da pessoa. Contudo, uma nova pesquisa mostrou que o impacto pode ser maior do que se imaginava: 10 anos a menos.

Em 1950 teve início o Life Span Study, que tinha como objetivo investigar os efeitos da radiação na saúde de moradores de Hiroshima e Nagasaki – cidades que haviam sido bombardeadas pelos Estados Unidos cinco anos antes. Cientistas acompanharam 100 mil cidadãos e, como grande parte não foi exposta a níveis altos de radiação, o estudo trouxe informações importantes sobre outros fatores de risco para a saúde.

Foram acompanhados 68 mil fumantes durante uma média de 23 anos. Por terem começado a fumar em geral depois de adultos, aqueles que nasceram antes de 1920 sofreram um impacto menor em sua expectativa de vida (cerca de 4 anos, resultado que aparecia em estudos anteriores). Na geração seguinte (1920-1945), porém, era muito comum que a pessoa começasse a fumar antes dos 20 anos – nesses casos, a expectativa de vida caiu em média 10 anos, e o índice de mortalidade era duas vezes maior do que o de não fumantes.

Além dos riscos do tabagismo, os pesquisadores também analisaram os benefícios de se cortar o hábito: aqueles que largaram o cigarro antes dos 35 anos acabaram evitando praticamente todos os riscos excessivos enfrentados pelos fumantes (parar antes dos 40 também se mostrou efetivo).

O estudo foi publicado no periódico British Medical Journal.[ScienceDaily, Foto]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

4 comentários

  • Henrique Cardoso:

    Ao mesmo tempo que se demoniza o cigarro cada vez mais há movimentos que defendem a liberação de maconha e outras drogas no mundo, é preciso ficar atento à isso pois a maior distribuidora de cocaína e maconha da América Latina, As Farc (comunista) já vai aproveitar a legalização da maconha no Uruguai pra investir na produção de maconha à nível industrial… Enquanto o povo é viciado e gasta tudo com drogas eles lucram nas costas dos imbecis…

  • Clovis Fialho:

    Muitas teorias ainda são inconclusivas, más…,o cigarro é simples,verifique por exemplo 5 pulmões de fumantes e 5 pulmões de não fumantes,e verifique o efeito nos brõnquios e no estado geral,agora morrer é uma questão de estatística e alem domais fumar não é natural,qual animal fuma? se o cara fumava e morreu com mais de 85, bom pra ele, más a maioria não ! quem vai pagar p ver ?

  • ALFA:

    E que isso não sirva de incentivo ao fumo, é claro.

  • Wagner Rodrigues da Silva:

    O pior cego é aquele que não quer saber.
    E como diria alguns:
    É mais fácil compartilhar e curtir propaganda de maconha, cigarro, a foto de um bêbado, aquela foto do Mussum com seu mé,
    aquele “Artista de novela Global” com seus vícios, o Jogador boêmio fabricado pela mídia e seu novo penteado ou dieta e que se lasque o resto, vou morrer um dia mesmo! Muitos sentirão minha falta, que se “lasque” também…

Deixe seu comentário!