Mulher tem o seu crânio substituído por prótese de plástico feita em impressora 3D

A tecnologia de impressão 3D aplicada à medicina parecia coisa de cinema pouco tempo atrás. Porém, mais do que nunca, é uma realidade que inclusive tem salvado a vida de alguns pacientes, como a mulher que foi diagnosticada com uma doença óssea rara.

Essa condição fez com que o seu crânio aumentasse de espessura, dando-lhe dores de cabeça quase insuportáveis e problemas de visão. A única solução, então, seria trocar o crânio dela por outro de espessura normal – e é aí que a impressora 3D entra.

Esse recurso permitiu a impressão de um crânio de plástico que, por meio de uma cirurgia realizada no Centro Médico da Universidade de Utrecht, na Holanda, substituiu o antigo da mulher. De acordo com o cirurgião líder do procedimento, Bon Verweij, “é quase impossível ver que ela fez uma cirurgia”.

Outros casos

A equipe do Dr. Verwwij já havia usado essa tecnologia para substituir algumas partes de crânios, mas nunca um crânio inteiro. E, há três anos, um paciente britânico também chamou muito atenção da mídia quando teve sua pélvis removida e substituída por uma prótese de titânio feita a partir da impressão 3D. Graças a este procedimento, hoje ele pode andar com a ajuda de uma muleta.

Em junho de 2011, foi a vez de um paciente da Bélgica se beneficiar com as maravilhas desta tecnologia. Ele teve seu maxilar inferior totalmente substituído por uma prótese também de titânio impressa em 3D.

A tendência é que essas histórias sejam cada vez mais comuns em um futuro muito próximo. E tanto nós expectadores, quanto a medicina e seus pacientes, só temos a nos beneficiar. [Popsci]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Curta no Facebook:

Deixe uma resposta