Quanto custaria para construir a Pirâmide de Gizé hoje?

Por , em 23.02.2012

Mesmo com toda a tecnologia – guindastes, helicópteros, tratores e caminhões – à nossa disposição hoje, seria difícil construir a Grande Pirâmide de Gizé.

Sua construção de 4.500 anos atrás é tão surpreendente aos olhos de algumas pessoas que elas chegam a teorizar uma participação mística ou mesmo alienígena envolvendo o monumento.

Mas a teoria atual da construção da Grande Pirâmide – a noção de que ela foi criada de dentro para fora, através de uma rampa em espiral interna – é, provavelmente, ainda o melhor plano de construção para tal beleza.

Seguindo esse plano atualmente, poderíamos replicar a Maravilha do Mundo Antigo por nada mais, nada menos que 9 bilhões de reais.

A pirâmide tem 230 metros de comprimento em cada lado, 146 metros de altura e é composta de 2,3 milhões de pedras pesando quase 3 toneladas cada uma, em uma massa total de 6,5 milhões de toneladas.

Diz a lenda que a estrutura foi erguida em apenas 20 anos, o que significa que um bloco deve ter sido movido para o local a cada 5 minutos de cada dia e noite. Esse ritmo teria exigido o trabalho escravo de milhares de pessoas.

Enquanto as teorias tradicionais afirmam que a pirâmide foi construída através de uma longa rampa externa, essa rampa teria de ter mais de um quilômetro para arrastar pedras para cima, e um volume de pedras o dobro da própria pirâmide. Difícil, não?

Uma teoria nova mais econômica que está ganhando força entre os arquitetos e egiptólogos considera que o terço inferior da altura da pirâmide foi construída por pedras arrastadas até uma rampa externa. Mas, acima disso (o restante de 33% ou mais do volume piramidal) foi construído através do interior da estrutura, em torno de uma rampa interna levemente inclinada.

Além disso, os trabalhadores poderiam ter reutilizado as pedras extraídas da rampa externa para construir os escalões superiores da pirâmide, de modo que nada seria desperdiçado.

Essa teoria é de Jean-Pierre Houdin. Segundo ele, esse seria o método mais econômico para a construção da pirâmide no passado e poderia ser replicado hoje.

Haveria duas principais diferenças entre a construção de pirâmides agora e antes. Primeiro, em vez de pessoas transportando as pedras até as rampas, usaríamos algo com um motor. Em segundo lugar, para os últimos 10 ou 15 metros, usaríamos um guindaste de pequeno porte para a fixação das pedras (usando também helicópteros).

Enquanto a pirâmide foi originalmente construída por 4.000 trabalhadores ao longo de 20 anos usando força, trenós e cordas, a construção da pirâmide hoje com pedras, transporte de veículos, guindastes e helicópteros provavelmente levaria 1.500 a 2.000 trabalhadores em torno de cinco anos, e custaria cerca de 9 bilhões de reais.

Não há planos para construir uma pirâmide em escala grande atualmente, mas uma campanha para um modelo em escala reduzida está em curso. A Earth Pyramid Project, com sede no Reino Unido, está levantando fundos para erguer uma estrutura piramidal em um local ainda a ser decidido, construída com pedras extraídas em todo o mundo. Ela irá conter uma cápsula do tempo, aberta por 1.000 anos a partir de agora.

Financiada pelos governos e organizações ao redor do globo, a Earth Pyramid não só fornece uma janela da cultura contemporânea para as sociedades futuras, mas também irá servir como uma oportunidade para testar a teoria de Houdin da construção da Grande Pirâmide de Gizé.[MSN, Foto de Ndecam]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

82 comentários

  • Enio Marconcini:

    se for construir no Brasil então o preço seria 4 ou 5 vezes o valor 😀

  • Wilson Machado:

    e se a pirâmide for nd menos q um obelisco gigante, onde sua parte está enterrada na areia, sobrando só a ponta triangular ?

  • Wilson Machado:

    Pq a pirâmide de 6,5 Milhões de toneladas ñ afunda na areia ? e oq tem debaixo de td areia ? :\

  • Felipe Guaraná:

    Com helicóptero e guindaste é “mole”….

  • Edirson da Luz:

    com certeza deve ter sido uma geração avançada de outro lugar se até hoje não pode ser feita

  • Leandro Balbino:

    so que as coisas sao mais complicadas doque parece porque essa nao ‘e a mais antiga e a maior piramide e sim essa http://misteriosdomundo.com/as-piramides-ocultas-da-bosnia
    uma nova piramede foi encontrada na bosnia com 220 metros de autura a maior datada de aproximadamente 25 mil anos no periodo da pedra lascada

    • Leandro Mendes:

      Exatamente xará. Essas pirâmides são ainda mais misteriosas e maiores que as do Egito.

  • Mateus Campos:

    Fala sério! 4.500 anos?
    Está mais do que provado que as pirâmides têm mais de 200.000 anos. Já existiam muito antes dos egípcios, que construíram somente a parte de cima – a base já estava lá. Os blocos são de granito e vieram de localidades a centenas/milhares de km de distância. Seria necessário 100.000 homens para mover um bloco somente. Sequer existia roda! É óbvio que se trata de algo total e completamente fora da nossa compreensão. Meu palpite (pelo fato de ser granito) é que eles usaram de eletromagnetismo para “levitar” as pedras.

    • Juarez Alencar:

      Com todo respeito, sua teoria carece de sentido.

  • mpalma:

    Boas nao sei se alguem ja referio o que eu vou escrever mas isso a mim pouco me importa queria so deixar uma pequena explicacao de como eu penso terem sido contruidas as piramides parte de uma civilizacao que ja tinha perdido tempo a estudar a natureza o ceu de noite e ter uma pancada pelo desconhecido depois juntaram agua comida homens animais madeira e areia e começaram a construir a dita piramide , eles deveriam ter tudo feito em maquete e varias pessoas a coordenar os trabalhadores , foram pulindo pedras entretanto foram juntando areia e começaram a obra fazendo a base da piramide e subindo de nivel com ajuda de areia o resto puxem vosses pela imaginaçao.

    passem bem abraço

  • Luis:

    O ser humano é tão iteligente desde a antiguidade…Ainda tem gente que acredita que os egipcíos só usam rampas, escravos, rolinhos e cordas mal feitas, ou alielígenas….kkkkkk. Somente os ignorantes acreditam nessa história.

  • Zeca:

    Comentário há quase 24 horas na mod..

    • Jonatas:

      Eles recebem centenas de comentários diariamente. Não é tarefa fácil conferir todos.

    • Zeca:

      Jura? Só que eu não disse 24 minutos.. Em 24 horas acredito ser possível ler todos os volumes da Barsa, mais os dois volumes de Guerra e Paz..

    • Jonatas:

      Duvido disso. A quantidade de comentários ofensivos e inúteis que as pessoas postam ocupam um razão de vinte pra um comentário descente que vão parar na moderação. E depende também da quantia de pessoas que fazem essa revisão, número o qual não sabemos.

    • Bovidino:

      Jonatas,
      Afinal de contas o que eles conferem? Os criacionistas fanáticos e os pregadores do evangelho continuam deitando e rolando e são publicadas as maiores baboseiras.

  • Walrus:

    É só aparecer um caso sem explicação que aparece meio mundo de fantasiosas histórias de extraterrestres/deuses/místicos.
    .
    E quem paga a conta é a engenharia e os cientistas que criaram o conforto dos lares de todos os crentes desse mundo.
    .
    Mas se é explicação que exigem, então é só lembrar que se disserem “o fim do mundo começou” a metade da população vai colocar uma pedra de dez toneladas nas costas e subir uma escadaria de centenas de degraus pedindo perdão.
    .
    (a outra metade pagará um delivery e usará escada rolante)

  • Cristiano M. G.:

    Pode até ser fantasiosa a hipótese da ajuda de “Aliens Ancestrais” na construção das pirâmides, mas com certeza há algo obscuro que demanda maior estudo e que a arqueologia tradicional não se interessa.
    A bem da verdade, considerando-se os 2.500.000 de blocos de pedras de 80 toneladas usadas na construção da Grande Pirâmide, seria necessário assentar pelo menos um bloco a cada 3 ou 4 minutos para que a pirâmide ficasse pronta em 20 anos, como estimam os arqueólogos. Para uma civilização que nem utilizava a roda, é um feito não condizente com a tecnologia empregada na época.
    Outro exemplo são os Templos de Abu Simbel, que foram transportados e reconstruídos em outro lugar por causa de uma hidrelétrica construída no final da década de 1960. A ideia dos engenheiros era levantar os blocos com guindastes, mas não conseguiram e tiveram que retalhar em vários pedaços os blocos.
    No entanto, quando os egípcios fizeram aquelas estruturas, elas foram feitas em blocos maciços inteiros e sem cortes, e erigidos sabe-se lá como, coisa que seria impossível de se fazer hoje, mesmo com o melhor maquinário existente.
    O que eu penso: é inconcebível que a humanidade, do dia pra noite, saia das cavernas e passe a erigir monumentos titânicos, existe uma lacuna a ser preenchida, talvez a existência de uma civilização muito avançada anterior à egípcia. Claro, é apenas uma hipótese.

    • Bovidino:

      Claro. Raciocínio e bom senso é para poucos.

    • Thor:

      Parabens Cristiano,pelo seu raciocinio,deve ter lido ”Eram os Deuses astronautas?”.

    • aguiarubra:

      Acredito que seria muito interessante tentar reconstruir esses monumentos gigantescos! Afinal, a tecnologia contemporânea é célebre em minimizar custos de obras gigantescas, não é mesmo?

      O argumento de que construir pirâmides “sai caro” não combina com os 1,7 trilhões de dólares gastos na campanha “Bush” contra o Afeganistão e o Iraque, em busca de “areia do deserto”, né?

      Realmente, eu também “custo” em acreditar que Daniken é um maluco qualquer, escrevendo “embromações pros trouxas”. Tentar reconstruir as pirâmides, a custo baixissimo, não deveria ser mais do que um dos desafios que enfrentam cientistas e engenheiros todos os dias, certo?

      De qualquer modo, o custo financeiro da empreitada não é bastante convincente para mim.

      Aposto na “fantasia”, pois a realidade “não encaixa” tão bem como os blocos piramidais da planície de Gizé.

    • Leandro Mendes:

      Belo comentário! Com certeza leu o Livro de Daniken.

  • Danilo M.:

    cortar e e transportar essas pedras permanecem um mistério até hoje,mas não só os egípcios faziam isso,com os incas as coisas eram também muito complexas isso por eles habitavam uma região que ficava a mais 3.000 metros acima do nível do mar,até hoje os especialistas não sabem como eles levavam essas pedras e algumas pesavam toneladas tudo isso sem o auxílio de rodas,tão impressionante quanto isso era a forma com que eles cortavam as pedras,cortavam de uma maneira que depois elas eram encaixadas perfeitamente sem haver um epaço para que passasse oma gilete entre elas,talvez nós nunca descubriremos como eles faziam!!!!

  • Hugo:

    O homem antigo já trransportou muitas coisas pesadas, sendo a considerada a maior a Thunder Stone, na Rússia, com 1.250 toneladas, cerca de 400 Gizé.

    Pirâmides existem no mundo todo porque é a forma mais simples e rudimentar de construir algo alto: ganhar altura aumentando as bases. E isso eu aprendi com 3 anos de idade fazendo cones de areia na praia.

    Para mim, as pirâmides do Egito são impressionantes demais, mas é algo mais interessante do ponto de vista antropológico do que da engenharia. O que me impressiona mais é o poder dos faraós de mobilizar tanta mão-de-obra, e não como eles fizeram isso.

    • Zeca:

      Certíssimo!! Pra que estudar e se aprofundar por décadas em engenharia/arqueologia/história, se é possível chegar a uma conclusão construindo cones de areia na praia? Realmente gênio..

    • Ezio Jose:

      Esquenta não Hugo! Severinos da construção civil têm esses tipos de contestações. Quem esses tipos precisam fazer uma faculdade de arquitutura; brincar com blocos de isopor, papelão, cola e rabiscos para depois aprenderem distinguir o abstrato para poder colocarem a mão no concreto.

    • Zeca:

      Hehe.. Se a intenção do seu confuso argumento era desqualificar minha opinião, enquanto Severino, acho que vc apenas demonstrou o quão estreito é seu pensamento, já nas primeiras palavras.. Senão, vejamos:

      1- Com ‘Severino’ vc quis insinuar que minha suposta origem é nordestina e, portanto (em sua cabeça) ignorante, certo? Infelizmente sou obrigado a informar que não sou, e digo infelizmente porque se eu fosse um ‘severino’ teria muito mais motivos para orgulho do que um paulistano como eu. Olhe ao seu redor. Tem um teto e quatro paredes? Provavelmente esse espaço que vc utiliza para diversos fins, inclusive expor sua mediocridade de pensamento, foi erguida por alguns desses ‘severinos’, os quais vc é tão superior.

      2- Apesar de algum sarcasmo, apenas discordei da opinião do colega Hugo baseado somente no que o mesmo escreveu (muito melhor que vc, por sinal..).

      Porém, como percebi que seus argumentos são construídos levando em consideração outros fatores, vou tentar te ajudar a elaborar uma melhor, fornecendo os seguintes dados:

      1- Meu nome não é Zeca, isso é apenas uma referência ao meu personagem de desenho favorito, o Zeca Urubu!

      2- Sou paulistano nascido no bairro da Vila Mariana.

      3- Graduado em Administração.

      4- Corinthiano.

      5- Heterosexual.

      Desde já peço desculpas aos outros leitores, por essa poluição visual e informações que não interessam a mais ninguém. Eu mesmo nem me sinto à vontade expondo informações desnecessárias. A exposição de algumas informações pessoais minhas acima, se deve apenas a estimular o colega a elaborar uma argumentação melhor (em sua cabeça..)

      Boa sorte!

    • aguiarubra:

      Vixi…rebentou!!!

    • Ezio Jose:

      Severino não tem nada a ver com regionalidade. Severino é apelido dado à servente de pedreiro na construção civil. Aquele sujeito que mal sabe preparar a massa de cimento mas quer entender mais que o arquiteto, mais que o engenheiro e vive dando seus pitéus na obra.
      Sou filho de nordestino. Sou paulista e moro fora desse estado há mais de 40 anos. Visito puco a capital paulista onde tenho parentes e sei que essa cidade foi construída por nordestinos os quais deram a miscigenação à esse povo. Perdí minha Graduação que era 42º depois que abstive de bebidas alcoólica. Não preciso gritar aos ventos que sou heterossexual, mas apenas afirmo que não visto camisa de nenhum time. Eu sou eu Nicuri é o Diabo.
      Mas o mais importante é que não sou eloquente e nem louco, não sou bairrista e nem sou o sabichão. Sou um cidadão comum aposentado que gosta de viajar e viajar sempre dentro do nosso país, sendo que vez por outras saio do nosso continente.

    • Regis Jung:

      o peso da grande pirâmide é de 31 milhões de toneladas

  • ratatoa:

    pleno 2012 e o gado acredita mesmo que homens fizeram isso sozinhos com suas ferramentas simples de mão kk, ta cheio de marcas de serras nos granitos lá, talvez alugaram maquinas dos “deuses” por comodata rs

    • Elias:

      Talvez uma ajudinha de Zeus… rsrs
      Mas ainda acho que os vingadores voltaram no tempo e ajudaram a construir. Afinal de contas, enquanto o Thor quebrava as pedras, o Hulk carregava… e pra que guindaste se tem o Homem de Ferro!!! kkkkkkkk

  • Danilo M.:

    Há várias pirâmides no Egito e a maior era Quéops,nelas se encontram os túmulos do faraós,elas foram construídas para manterem a salvo as riquezas do faraó mumificado criando armadilhas e caminhos de difícil acesso,quanto maior a pirâmide maior era o poder e a riqueza do faraó no caso Quéops,o egípcios antigos além da astrônomia e da agricultura possuiam também uma matemática e arquitetuta fantásticas!!!

  • Ronaldo:

    Esqueceram de mencionar que, por perto, não havia pedras para serem cortadas e transportadas. Provavelmente, foram tranportadas de um lugar bem distante de onde as pirâmides foram erguidas.

    Gostaria de saber porque ainda tentam explicar isso com lógica humana. Para mim, toda essa explicação que deram de milhares de homens construindo isso por vários anos não faz o menor sentido.

    É claro que não é obra humana, ainda mais sendo feita há milhares de anos.

  • Mario:

    é melhor uma parada de 20 anos erguendo uma pirâmide para história do que uma parada gay para vergonha da história.

  • Thor:

    Espero que o Lalau nao se meta nessa construção…

  • John jones:

    sabe como fazer uma piramide peça ajuda aos aliens!!!!!!!!

  • CARLOS CORGA:

    Considero que esse pessoal tem a imaginação muito fertil e uma grande ingenuidade para acreditar que trilhões de escravos conseguiriam construir uma estrutura desse porte e retirando as pedras de locais muito distantes do local da obra. Deixem de ser ingênuos. nem com toda tecnologia de hoje e com os maiorews guindastes que existem, os maiores helicopteros, o ser humano conseguiria construir uma pirâmide igual aquela. Isso é igual a história da esfinge, que na realidade era um corpo de leão com cabeça de leão e um grupo de faraós ignorantes esculpiu a cara do leão e transformou numa cara de faraó. A raça humana deveria acordar e ver que nada foi construido da forma que os historiadores contaram. Cada um fala uma bobagem maior que o outro; é uma disputa para ver quem fala a maior aberração.

    • Thor:

      Carlos voce esta repleto de razão.Fora as explicaçoes totalmente contraditorias de como foi construidas as piramides de dentro para fora.Talvez a arquitetura para fazer os andaimes e os ”guindastes” seriam tão dificil quanto.Daqui a pouco eles vão alegar as piramides foram esculpido em uma pedra gigante,alias e a desculpa de todo engenheiro pomposo que acha que entende de historia.A verdade e que eles nao fazem ideia de como foram contruidas e para nao ficar feio para seus patrocinadores eles tem que inventar alguma coisa.

    • Elias:

      Não só construíam como mudavam de lugar (o que não é impossível).
      http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_largest_monoliths_in_the_world#Moved_monoliths
      A cada +/- 300 anos tinham que dar uns reajustes na direção de alguns dos templos, pois uma das funções destes, era a observação dos astros (Sol, Polaris, Sírius, etc).
      Se vc visitar o Google Maps, irá perceber que a orientação da esfinge é exatamente no nascente. E ela tinha cabeça de homem sim, pois representava a constelação zodiacal de Leão e boreal de Hércules!!
      Definitivamente eles não rezavam para saber qual a época de cheia do Nilo!!!

  • Bovidino:

    1) Qual é a pirâmide de Gizé? Queops, Quefrem ou Miquerinos? Ou serão as tres?
    2) Por acaso já sabem como e quando foram construídas ou continuam nas teorias?
    3) Por que não tentam a pirâmide da Bósnia que é só 4 vezes maior?

    • Jonatas:

      Bom, sempre que quiser se entender uma obra deve-se perguntar ao autor. Se perguntasse a um egípcio do passado como as pirâmides foram construídas, a resposta já conhecemos: “Foi construída por homens, orientados por guardiões do céu”. Não sou nenhum sensacionalista de sair por aí dizendo que ETs visitaram aos africanos e aos centro-sul americanos, mas certamente levaria em conta na minha pesquisa o que um egípcio da época diria, se eu fosse um egiptólogo. A pirâmide da Bósnia é, segundo os especialistas, uma formação natural. Eu já acho raro demais essa simetria em formações naturais, o senhor já viu montanhas em forma de pirâmides por aí? É, dessa vez prefiro não ser tão cético, aposto que tem grande descoberta esperando pra ser feita lá.

    • Jonatas:

      Não é um tanto interessante haver pirâmides em quase todos os continentes? Africa, América, Europa, Ásia. Se acharem uma na Austrália juro que me torno um ufólogo arqueólogo amador.

    • Glauco:

      Meu antigo mestre de kung fu contava a história de quando ele era do exército e o seu superior lhe mostrou algumas fotos da pirâmide que o exército guarda na Amazônia.

    • Jonatas:

      Será que tem como conseguir uma lista verdadeira e original do antigo panteão das divindades, ou espíritos e seres especiais da mitologia indígena brasileira, de antes da chegada e interferência cultural cristã dos europeus?
      Queria saber se Tupã é realmente o supremo da cultura indígena ou apenas uma adaptação induzida pelo monoteísmo dos colonizadores.

    • Jonatas:

      Sério mesmo? onde eu poderia ver mais detalhes?

    • Bovidino:

      Essas pedrinhas de 3 toneladas, nem se comparam com os blocos de 400 toneladas de PumaPunku.

    • Glauco:

      Sei lá, eu perdi o contato com o meu mestre. Mas essa fotos foram mostradas em segredo numa visita dele à casa desse general – ou seja lá qual for a patente do cara.

    • Danilo M.:

      eu também já ouvi falar nas pirâmides na Amazônia e também nas supostas cidades perdidas de Akakor(na fronteira do Brasil com o Peru),Akahim(na fronteira do Brasil com a Venezuela) e Akanis(no México em Iucatã, perto de onde se localiza Chichen Itzá)mas nada foi comprovado até hoje!!!!

    • Ezio Jose:

      O título da matéria está errado, mas no texto já diz A Grande Pirâmede de Gizé.

  • Roberto:

    Somos grandes mestres da inutilidade e da exploração do trabalho alheio. De que serve uma pirâmide como essa? Que utilidade tem, fora a atração turística e o fato histórico? Quanto se deixou de evoluir durante sua construção? Quantos escravos foram açoitados feito animais? Afinal, tudo a tro de que?

    • epivametal:

      Perguntas impertinentemente não, escravos morrendo para sepultamento de meia duzia. Mas mais impertinente é saber que com toda tecnologia de engenho e arquitetônica de hoje, o homem ainda não sabe explicar isso. è por isso que sou católico, e isso me basta.

    • Jonatas:

      Qualquer coisa basta para uma mente pequena e limitada.

    • Glauco:

      ixi…

    • Jonatas:

      1 – Tudo que é construído sempre tem um propósito. O da pirâmide está na cul.tu.ra e cren.ça daquele povo.
      2 – Utilidade de remeter ao passado e mapear a grandiosa história humana.
      3 – Nun.ca se deixou de evoluir, pelo contrário, o trabalho e o estudo no desafio da construção acelerou o desenvolvimento social e técnico.
      4 – Escravos são comuns em todos os povos do passado. Mas não acredito que escravidão tenha sido a metodologia neste caso.
      5 – Tudo a troco de um legado histórico, estudado e lembrado até hoje, com legiões de admiradores da prova da grandiosidade da criatividade humana.

    • epivametal:

      voce é destes loucos que acreditam em ete’s construtores

    • aguiarubra:

      Roberto

      —> Quanto se deixou de evoluir durante sua construção?

      Pergunta estranha, comparável a “quanto (hoje em dia) se deixou de evoluir durante o Projeto Apolo da NASA”…

      Talvez a NASA esteja sendo relegada a segundo plano, como talvez tenha acontecido com as pirâmides, mas isso foi por causa da “falência neo-liberal” capitaneada pelo “lobbos” que acompanham a família Bush!!!

      O cabedal de conhecimentos em engenharia, arquitetura e matemática adquiridos durante as construções das pirâmides são a base sólida na qual nasceu a Ciência Contemporânea e muitos recursos da época ainda são desconhecidos pelos nossos contemporâneos.

      —> De que serve uma pirâmide como essa? Que utilidade tem, fora a atração turística e o fato histórico?

      Tentar a reconstrução de uma pirâmide ao estilo egipcio não tem dividendos “apenas” turísticos ou históricos! É um empreendimento desafiador, estimulante, exigindo criatividade dos engenheiros, pois implica novas ideias de contrução civil, algo que só a prática pode elucidar, muito mais que a “simples” teoria!

      —> Afinal, tudo a tro de que?

      Essa mesma pergunta foi feita durante o empreendimento dos Projetos Mercury, Gemini e Apollo, por envolver custos altissimos e quase nenhum retorno técnico “imediatista”.

      Mas, quanta coisa aparentemente “inútil” para leigos foi importante para o avanço das tecnologias atuais!

      Pense melhor se seria mesmo supérfluo reconstruir as pirâmides. A História Antiga não é um ‘luxo acadêmico’ obsoleto para nossa tão decantada “Era Atômica”.

  • Matreiro:

    9 bilhões de reais? Esse valor já considera o adicional de desvio de verba?

    • aguiarubra:

      Nem fale nisso! Os adicionais transformaria 9 bilhões em 90 BILHÕES!!!

    • Toinhordeste:

      Eu quero saber se o faraó que fez aS PirâmideS de Gizé gastou um pedacinho de ouro sequer para isso…

      Capitalismo é mesmo uma roubada (nos dois sentidos da palavra)

  • jorge:

    Engraçado os antigos sempre deixavam relatos de suas construções, mas os egipcios não porque sera?

  • Maurício:

    Fosse no Brasil, o custo saltaria para muitas vezes mais, tendo em vista a corrupção, ineficiência, roubalheira e incompetência. Talvez a obra durasse séculos e, no final ficasse inacabada ou precisando de inúmeras reformas, ainda. Isto, se não desabasse como nossos viadutos…

    • Walrus:

      No Brasil, o que se gastaria para construir uma pirâmide é usado para asfaltar uma ruela. Alguns milhões….

  • mauro garcia:

    Fatos inexplicáveis aconteceram na antiguidade e porque não acontecem atualmente? Será que a Terra foi usada como base de alienígenas numa guerra entre estes seres ou apenas foi visitada e explorada, com possibilidade inclussive de intervenção genética da raça humana? Será que tais seres ainda nos visitam, monitorando nossa evolução? Com que propósito? Serão estes seres desta dimensão, deste tempo ou deste universo? Estamos próximos de encontrar estas respostas?

  • Bruno Dan:

    Existe também o “O Mistério de Baalbek” que também continua sem explicação até hoje.

  • TheMoodyOne:

    Antigos textos egípcios dizem que as Pirâmides foram construídas por seres humanos mas com ajuda do “guardiões do céu”.

    Na minha opinião eles tiveram alguma ajuda. E também tem outras coisas sinistras, como por exemplo o fato de a Pirâmide de Gizé ter praticamente o mesma base da Pirâmide do Sol em Teotihuacán.

    Mas as Pirâmides ainda não são as construções mais misteriosas. Procurem Pumapunku e vocês vão ver que definitivamente tivemos visitas extraterrestres na Antiguidade.

  • Alter Ego: O Arquiteto:

    Às vezes eu acho que algumas pessoas subestimam a engenhosidade dos egípcios, e nem acredito em interferências alienígenas. É incrível como essas construções sejam capazes de durar milênios, tamanha longevidade deve-se ao material que são as pedras e a sua forma triangular, com uma base larga e um topo estreito, que lhe garante uma grande força estrutural.

  • Simon:

    nao custaria nada na china ….

    • Simon:

      triste mas verdade

    • aguiarubra:

      Concordo!!!

  • Glauco:

    Os escravos egípcios não eram escravos de verdade, eram trabalhadores assalariados e especializados em suas funções. Como nós. Nessa época existiam mais “escravos” no Egito do que egípcios propriamente ditos. Duvido que eles iriam topar um trampo desses do jeito que os cientistas propõem…

    • Jonatas:

      Também acho que o trabalho foi organizado e dedicado demais para ter sido feito por escravos. Outra força motriz considerável podem ter sido animais, camelos talvez.

    • Glauco:

      Hehehe, os camelos são mais motivados né?

    • Jonatas:

      Sim, por comida, hehehe. Seja como for o trabalho foi muito organizado. Citei os animais na parte de esforço físico de carregar e suspender os pesos.

    • aguiarubra:

      GLAUCO
      Ouvi essa afirmação de que não haviam escravos no Egito em 2001, numa das “Jornadas Científicas” promovidas pela USP, na Estação Ciência, explanada por um egiptólogo brasileiro que trabalhou em escavações por 10 anos.

      Ele disse que as provas arqueológicas mostram até hebreus trabalhando por lá, mas sem o menor indício de que eram escravos. Há provas de um hebreu como “José” trabalhando na administração pública e sendo responsável pela construção de uma barragem num afluente do Nilo, mas um “Moisés” é uma lenda criada por motivos religiosos e nunca existiu tal personagem ou um “Êxodo” como o narrado na Bíblia, que deixasse alguma prova arqueológica corroborando um fato como esse descrito na Bíblia.

      Eu gosto de acreditar nos “deuses astronautas” de Daniken ou nos episódios da série “O Olho de Hórus” que apresenta uma versão “mística” da construção das pirâmides, mas nada disso é corroborado pelas pesquisas ou descobertas feitas por esse egiptólogo brasileiro ou quaisquer outros egiptólogos com quem ele entrou em contato.

      O que ele disse é que, de tudo o que foi escavado até 2001 no Egito, apenas 10% são conhecidos (incluindo as ruinas dos grandes templos egipcios).

      Motivos políticos, envolvendo Israel e os cristãos, impede a ampla liberação de escavações pelo governo egipcio, o que causa um grande atraso no avanço dos trabalhos dos egiptologistas atuais.

  • Thiago Moreira:

    Ainda acho que elas são algum tipo de simbolo alienigena.

  • Zeca:

    É preciso mais ‘boa vontade’ para se acreditar nas teorias apresentadas pelos cientistas do que nas teorias que normalmente são ridicularizadas (e muito mais plausíveis, sob TODOS os aspectos).

  • Glauco:

    É simples: possuíamos tecnologias para cortar e transportar essas pedras que não possuímos hoje. Eles levitavam essas pedras. Imagine se os cientistas de hoje ficassem sabendo que no passado elas eram cobertas de ouro…

    Eles poderiam aproveitar e explicar como eles levantaram todas as outras centenas de pirâmides que existem pelo mundo, muitas maiores do que as egípcias, e de formato beeem diferente delas.

  • André Luis:

    As pirâmides, como a Gizé são mesmo incríveis! Tem muitas lendas e teorias en torno desta. Vale a pena fazerem mais estudos em cima destas construções, mas agora eu acho meio estranho quererem construir uma pirâmide em tempos atuais, e pior, logo no Reino Unido, com apoio dos governos e organizações! Como eles gostam de pirâmides heim!

  • Jonatas:

    A engenhosidade humana do passado é fantástica. Imagino em que ponto estaria o desenvolvimento tecnológico desses povos de outras partes do mundo (Egípcios, Chineses, Maias, Astecas), se não tivessem sido interrompidos.

  • Gothicmetal:

    Pra mim essas piramides foram construidas por aliens….
    que viagem

  • Bruno Dan:

    Pirâmide de Gizé, Esfinge, entre outras estruturas fantásticas! Ainda existem muitos mistérios a serem descobertos. Além do mais, esquecem o fato das pirâmides estarem alinhadas perfeitamente com certas constelações…

Deixe seu comentário!