Segurança primeiro: 14 usos errados de camisinha

Por , em 2.03.2012

Um artigo recente reviu 50 estudos sobre usos errados de camisinha. Proteja-se! Confira os erros comuns que prevaleceram:

  1. Aplicação tardia: entre 17 e 51,1% das pessoas afirmaram colocar a camisinha depois do começo do sexo. Outros estudos descobriram que isso acontece com 1,5 até 24,8% dos encontros sexuais.
  2. Remover antes: entre 13,6 e 44,7% dos indivíduos entrevistados tiraram a camisinha antes do sexo terminar. Outros estudos descobriram que isso acontece entre 1,4 a 26,8% dos casos.
  3. Desenrolar a camisinha antes de colocá-la: entre 2,1 e 25,3% das pessoas disseram desenrolar a camisinha antes de usá-la.
  4. Falta de espaço na ponta: não deixar o espaço necessário na ponta aconteceu em 24,3 a 45,7% das pessoas, dependendo do estudo.
  5. Não remover o ar: cerca de metade (48,1%) das mulheres e 41,6% dos homens comentaram casos em que o ar não foi retirado da ponta da camisinha.
  6. Camisinhas ao contrário: entre 4 e 30,4% das pessoas comentaram utilizar uma camisinha novamente, enrolando ela para o lado contrário.
  7. Não desenrolar completamente: 11,2% das mulheres e 8,8% dos homens começaram o sexo sem desenrolar completamente a camisinha.
  8. Exposição a objetos pontiagudos: entre 2,1 e 11,2% das pessoas usaram objetos afiados para abrir o pacote da camisinha.
  9. Não checar a camisinha: 82,7% das mulheres e 74,5% dos homens não checaram a camisinha antes de usá-la.
  10. Falta de lubrificação: entre 16 e 25,8% dos participantes usaram camisinha sem lubrificação.
  11. Lubrificantes errados: em cerca de 4,1% dos sexos, as pessoas usaram lubrificantes derivados do petróleo no látex, o que pode degradar a camisinha. Cerca de 3,2% das mulheres e 4,7% dos homens comentaram isso.
  12. Retirar incorretamente: retirar de maneira errada após a ejaculação foi comentado por 57% das pessoas, em um estudo. Cerca de 31% dos homens e 27% das mulheres comentaram isso.
  13. Usar a camisinha novamente: entre 1,4 e 3,3% dos participantes reutilizaram a camisinha pelo menos mais uma vez após o sexo.
  14. Guardar incorretamente: entre 3,3 e 19,1% dos participantes guardaram as camisinhas em condições fora da recomendação do pacote.

Enquanto o uso adequado da camisinha tem um percentual de segurança de 98% para evitar a gravidez, erros podem aumentar o risco dela estourar, vazar ou outros problemas. Aqui estão os números desses problemas:

  • Rasgar: em vários estudos, entre 0,8 e 40,7% dos participantes comentaram ter experimentado essas situação. Em alguns estudos, os níveis de sexo com uma camisinha estourada chegaram a 32,8%.
  • Escorregar: entre 13,1 e 19,3% dos participantes afirmaram que a camisinha havia escorregado.
  • Vazar: camisinhas vazaram em cerca de 0,4 a 6,5% dos encontros sexuais estudados, com 7,6% dos homens e 12,5% das mulheres comentando ter experimentado esse tipo de situação. [LiveScience]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

43 comentários

  • Rogério Ferreira:

    A camisinha já é de consciência nacional e mundial, e as pessoas não dão a menor importância para isso.Aí eu pergunto: Por quê todos os anos tem que se gastar rios de dinheiro contra prevenção de Aids e DST (entre outras)sendo que a população já esta ciente disto? Não dá pra gastar dinheiro “Público” com outros benefícios?
    O final já sabemos camisinha,virou brincadeira! “balão,estica-estica,é chupar a bala com a embalagem ou motivo de admiração:
    a moça diz: pra quê isso eu não tenho doença!
    o moço diz: eu sou macho e não tem dessa!
    o certinho(a)diz: então não tem brincadeira!
    Que dureza!!!

  • claudemir da silva:

    todo cuidado é pouco na hora do uso

  • gloria:

    Entre todas as explicações ainda faltou uma alergia ao preservativo, ou ao espermicida contido nele. Provoca tanta dor e sofrimento q nunca mais agente quer sentir o cheiro de uma.Há mulheres q ñ podem tranzar sem o preservativo, elas sentem alergias á acidez do esperma do companheiro, queima como fogo, e há homens tbm q sentem alergias do preservativo e tbm da acidez do ph vaginal de sua parceira, sexo é bom ,mas asvezes é complicado explicar o porque da abestinencia.

    • Bruno L. Rocha:

      A abstinência é relacionada a problemas químicos, onde a pessoa não tem “tesão” para o sexo.
      Não vais ser uma alergia que vai me impedir de…

  • Mario:

    seria melhor 14 erros na hora de votar.

  • OddStrikesAgain:

    Desses o único erro que já cometi foi por ao contrario, mas inutiliza pq nao da pra desenrolar e é ai que vc percebe que pós ao contrario, se cometer algum erro não tem nem conversa, descarta e pega outra.

  • Gabriel:

    Alguem me responde o que diabos quer dizer “Checar a camisinha”?

    • Gabriel X.:

      É pra ver se já não veio furada, ô.

  • Padre:

    O mais correto é se manter virgem!

    • kayane:

      aham eu tenho 17 e ainda sou virgem!!!kkkk!!e não so feia em!!!kkkkk

    • Bruno L. Rocha:

      Duvido.

    • Doriedson Fortes:

      virgem é?? uhum sei…

    • Rosana Oliveira:

      Convenhamos, há outras maneiras de pegar AIDS além do sexo.
      Não é tão difícil ser responsável. Se a pessoa não consegue usar camisinha em prol da própria saúde, o que mais pode motivá-la a ser responsável?

  • GLADSTON BANDEIRA:

    OLHA AÍ MOÇADA!!! PARECE SIMPLES, MAS REQUER UNS CUIDADOS… PRINCIPALMENTE DEPOIS DE TOMAR TODAS!!!

  • marcos:

    eu não uso ainda mais no verao,,,,,agora se colocar no microscopio vera microfuros como ja se comprovou, é melhor ser celibatario,.k kkkkk,,,

    • Bruno L. Rocha:

      Opção anal.

    • Rosana Oliveira:

      Você sabe que pega HIV com anal também, não sabe?

  • STallion Italian:

    EM quesito de rasgar, nunca vi uma que rasgasse mais que Blowtex.

  • Mariaa Salles:

    É … se não ter cuidadoo o assuntoo vira gravee !
    Não basta apenas usar e sim sabe usá-la !!!!!!!!!!

  • isaac:

    acrescentem: pelos também influenciam com micro furos ou mesmo possibilitando o rompimento.

    • Daniel:

      De que forma os pelos podem causar microfuros na camisinha ?
      isto é algo interessante nunca li sobre isto, gostaria que exclaresse esta dúvida, talvez essa dúvida pode não ser somente minha.

    • Falcone:

      Daniel, os pelos podem furar a camisinha, mas dificilmente isso pode ocorrer, e os casos em que pode ocorrer são após a depilação com lâmina, após 2 a 3 dias quando os pelos estão crescendo novamente pois a base do pelo tem maior resistência e menor alavanca dado o tamanho e proximidade da pele… Em resumo as chances disso ocorrer são minimas. 😉

    • afonso cientista:

      realmente! todos nós já passamos por uma destas situações. Agora o conselho e as dicas estão ali, quem tem olhos vê e põe em prática.

  • x Antonio Vandre P F Gomes:

    Quando em um relacionamento estável, prefiro fazer, juntamente com minha companheira, os principais exames de DSTs.

    Sem camisinha é bem mais prazeroso.

    • Rochester:

      Prazeroso? Já ouviu falar de comportamento de risco?
      Isso me parece mais uma roleta Russa.

    • Victor B. Iturriet:

      anticoncepcionais amigo

    • fabrício:

      anticoncepcionais previnem a gravidez!!! ele está falando das doenças sexualmente transmissíveis… sem camisinha não dá!!!

    • Pedro:

      Por isso mesmo que ele disse que prefere fazer exames para ver se a namorada tem DSTs , lÊ direito .

    • Luís Hideo:

      Eu acho que foi citado os termos “relacionamento estável” e “os principais exames de DSTs”

    • Rosa:

      Gostei, pois é isto que a Igreja queR e precisa que todos “compreendam” que FIDELIDADE, ou seja, um relacionamento estável é a maior forma de prevenção que os casais podem ter contra todo e qualquer tipo de doença sexualmente transmisível, enquanto que, a camisinha incentiva o sexo livre e apartir daí é que que tem a causa de todas as doenças até uma dais perigosas é a Aids.Por isso , é necessario que haja a FIDELEIDADE!

    • Renato:

      Rosa, concordo que a fidelidade é a melhor forma de prevenção contra DSTs, mas não entendi qual a relação entre igreja e fidelidade.
      Sou ateu, nunca frequentei igreja e sou fiel, não por temer a quem quer que seja, mas por princípios.

    • Professora:

      É pq a igreja defende qe as pessoas nao sevulgarizem transando com td mundo

    • Rosana Oliveira:

      Não acho que a camisinha incite à promiscuidade, já que a relação sexual não é a única forma de contrair AIDS.
      Acho que você está equivocada.
      Quem é ético, tem princípios, não vai ser promíscuo por uma camisinha. Com ou sem camisinha será fiel.
      Não sou em igreja, mas sou fiel, não por medo de castigo de Deus, mas por questões morais e de honestidade comigo e com o parceiro.

    • Rosana Oliveira:

      E se quando fizer o exame de DST o HIV dela estiver em período latente (não detectável) como fica?

  • Neitan Gomes:

    Usar a mesma camisinha mais de uma vez? Isso não é erro, é burrice. :/

    • Tigre:

      Pior que isso é usar a camisinha do lado contrário depois que ela já foi usada…não vai funcionar…

    • Antonia:

      Quem usa duas vezes, sendo a outra do avesso, deve ser a mesma pessoa que usa papel higiênico dos dois lados 😛

    • Mel:

      kkkkkkkkkkkkk, com certeza!

    • Dai:

      Não acreditei quando li que existem pessoas que fazem isso…

    • Mel:

      Sabendo que camisinhas são distribuídas gratuitamente em Unidades de Saúde, então por que usá-las novamente? Por preguiça de ir pegar outras? Ou vergonha? Sinceramente, esta de usar pelo lado contrário após já ter usado uma vez foi a pior burrice que já ouvi. Caraca, nunca faria nada com um sujeito que me propusesse isso.

    • Eset Dark Android:

      Para mim é seboseira, porquice, imundice etc.

    • Thalyz Guilhermat:

      O item 06 e 13 foi demais pra minhas forças! É a primeira vez que escuto falar nisso…reutilizar a camisinha????

    • Luís Hideo:

      É nojeira

Deixe seu comentário!