Alimentos não viciam, seu viciado

Por , em 22.09.2014

É muito fácil dizer “sou viciado em doces”, “sou compulsivo por refrigerante”, etc. De fato, todo mundo tem um alimento preferido do qual não consegue ficar sem, aquele destruidor de dietas número um.

No entanto, não é culpa dele – a culpa é sua por não querer parar de comê-lo.

De acordo com um novo artigo publicado na revista Neuroscience&Biobehavioral Reviews, embora algumas pessoas possam ficar viciadas em comer, não há nenhuma evidência de que alimentos específicos, como aqueles ricos em açúcar ou gordura, sejam viciantes.

Não tem como ter dependência de substâncias em determinados alimentos, porque o cérebro não responde aos nutrientes da mesma forma como responde a drogas viciantes, como a heroína ou a cocaína.

Por outro lado, as pessoas podem desenvolver uma compulsão psicológica por comer, impulsionada pelos sentimentos positivos que o cérebro associa com a alimentação, da mesma maneira que ocorre com outros distúrbios de comportamento, como o vício em jogos de azar ou em sexo.

Segundo os pesquisadores, falar que alimentos são viciantes faz com que seja impossível resolver o problema da obesidade. As pessoas precisam lidar com sua relação individual com a alimentação, em vez de pensar que não há nada que possam fazer para parar de comer algo.

“As pessoas tentam encontrar explicações racionais para estar acima do peso e é fácil culpar os alimentos. Algumas pessoas têm uma relação do tipo viciante com determinados alimentos que elas podem comer em excesso, apesar de conhecer os riscos para a sua saúde. Mais caminhos para o tratamento podem se abrir se pensarmos sobre essa condição como um vício comportamental, em vez de um vício com base em substâncias”, argumenta o Dr. John Menzies, pesquisador na Universidade de Edimburgo (Escócia).

A professora Suzanne Dickson, da Universidade de Gotemburgo (Alemanha), acrescenta: “Houve um grande debate sobre se o açúcar é viciante. Atualmente, há muito pouca evidência para apoiar a ideia de que qualquer item, seja um ingrediente, comida, aditivo ou combinação de ingredientes, tenha propriedades que causam dependência”. [Science20]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

Deixe seu comentário!