Você já viu uma mesquita por dentro?

Por , em 25.08.2010

Segundo a Federação Islâmica Brasileira, existem cerca de 1,5 milhões de muçulmanos em nosso país. Apesar disso, é difícil encontrar algum cristão que já teve a curiosidade de entrar em uma mesquita, o templo islâmico. Você já esteve em uma? Se não, acompanhe o nosso guia de visitas para um dia em uma mesquita.

Ao entrar em uma mesquita, é costume tirar os sapatos e colocá-los na prateleira na entrada, ao lado da porta. Isso é feito não apenas por respeito, mas para evitar sujar o piso do salão de orações. Este é um espaço amplo que não tem cadeiras ou bancos, apenas fileiras de tapetes. Os tapetes, por sua vez, são alinhados em direção à cidade de Meca, na Arábia Saudita, considerada Santa pelos Islâmicos.

Mesquitas de grande porte, geralmente, ficam abertas o dia todo. Mas as menores abrem apenas uma hora antes de cada oração obrigatória, ou Fard. Os homens devem comparecer às cinco Fard do dia, e cada uma tem um nome. São elas: antes do nascer do sol (Fajr), ao meio-dia (Asr), à tarde (Dhuhr), após o pôr do sol (Magreb) e após o anoitecer (Isha’a). Nas sextas-feiiras, dia sagrado para os muçulmanos, há uma oração extra (Juma’a).

O Alcorão não proíbe as religiosas do sexo feminino de entrar nas mesquitas, mas existem certas regras que regem a interação entre homens e mulheres. Elas devem fazer suas preces em uma câmara separada, mas de onde também possam ver o Imam (líder congregacional). Em mesquitas muito grandes, o Imam é mostrado a elas pela televisão. As interpretações mais radicais do Alcorão, contudo, preferem que elas façam seu culto em casa.

Antes de rezar, é costume realizar um ritual de purificação (chamada wudu), lavar as orelhas, rosto, mãos, antebraços e pés. Mesquitas grandes, geralmente, têm banheiros reservados para esta finalidade, com uma grande fonte central circundada por bancos pequenos. Em ambos os casos, as instalações estão normalmente localizadas no pátio. É claro que homens e mulheres realizam a purificação separadamente.

Uma vez iniciados os trabalhos, os adoradores realizam dois ciclos de oração, na seguinte sequência: de pé, ajoelhado e prostrado. Entre a porta e o púlpito onde fica o Imam, há uma estrutura chamada Minbar, uma espécie de escada pela qual ele caminha. Perto da Minbar há um marcador no teto, chamado mihrab. Este anexo indica a direção da Caaba, o prédio em forma de cubo localizado em Meca, que é o local mais sagrado no Islã. Todas as mesquitas são construídas de frente para a Caaba, de forma que os muçulmanos sabem facilmente para onde se direcionar.

O salão de oração é geralmente decorado com escritos do Alcorão, imagens e estátuas. Prateleiras forradas de livros sobre a filosofia islâmica, teologia e direito, juntamente com as coleções de provérbios e tradições do profeta Maomé, são características comuns de qualquer mesquita. As cópias do Alcorão também são disponibilizadas para os fiéis, juntamente com pequenos cavaletes de madeira, fornecidos para que os leitores não apóiem o livro sagrado no chão.

Cada mesquita tem um lugar para o zakat (caridade), onde os muçulmanos podem doar dinheiro para ajudar os pobres ou apoiar a mesquita. Além de centros de orações, as mesquitas podem funcionar como sede para reuniões de renascimento espiritual e educação de adultos (chamada de halaqa). Muitas mesquitas sustentam uma escola (madraçal) anexa à construção, na qual as crianças aprendem as tradições, as leis, os livros sagrados dos profetas do Islã e a língua árabe. [Life’s Little Mysteries]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votos, média: 4,67 de 5)

15 comentários

  • jaci:

    unica coisa de interessante é a arquitetura que a religião deixa .

  • jaci:

    se deus existisse mesmo ,não teria tantos ignorantes assim!!!

  • Ameli:

    Sely, não sei que Igreja de Jesus tu estás falando, pois dizer que nesta igreja não tem luxo, convenhamos, precisas saber mais sobre elas ou ler um pouco mais.Aconselho o filme” Sandálias do Pescador”, “Anjos de Demônios” e muitos outros… que falam das riquezas acumuladas da pobre “Igreja de Jesus”
    Abraço Ameli

  • Fernando:

    interessante como o ser humano tem a capacidade de se disperçar de forma tão fácil.. o artigo é sobre a decoração das mesquitas e muitos já se preocupam em julgar as religiões… FOCO É MAIS IMPORTANTE DO QUE VÃS PENSAMENTOS QUE SAEM COMO PALAVRAS INOPORTUNAS!

    Muito linda a decoração da mesquita!!

  • Lavinha:

    Quem ler apenas um pouquinho sobre o Islã irá perceber que nada do que fazem os extremistas tem a ver com o Alcorão. Não sou muçulmana, porém procuro saber antes de criticar e acredito que Deus deu o cohecimento de acordo com o tempo, local e circusntancia. Sendo assim, acredito que todos os caminhos levam a Deus. E fora as mulheres que são pegas em adulterio, por ex, as outras são bem tratadas, inclusive qdo se é casado com mais de uma. O fato de terem de esconder o corpo, tem outros significados que vcs poderiam procurar aprender e compreender.

  • Tamara N.:

    Visitei uma mesquita na minha última viagem à Turquia.
    Tive que tirar os sapatos, vestir uma sai longa (até os pés), e ainda usar a burca!
    Cada religiao tem seu pós e contras! Sou evangélica, mas respeito todas as religioes!

  • CristianoR:

    Allah Akbar!

  • Maria Paixão:

    Não tenho interesse nem um,pois os muçulmanos tratam as mulheres com desrespeito,todas tem que usar aquela Burca que eu chamo de BURRA ,não vejo humildade nem uma em humilhar mulheres
    e ainda falar de Alá.nem caridade, quantas mulheres sofrem humilhaçoes dentro dessa seita?
    Pelo menos as mulheres nas outras religiões podem entrar na igreja,já essa seita só os machos entram na tal de mesquita,
    grandes seita essa!!!!
    E adoram uma pedra que caiu do céu,sem falar na estátua também.

  • Jocelia:

    Uma mesquita não é a casa de Jesus, é o local designado para os muçulmanos louvarem a Deus. O islamismo não é somente uma religão, é uma nação, e não é mercantilista e capitalista como as religiões evangélicas.Quanto a caridade já faz parte da filosofia de vida dos muçulmanos. Entrem em um portal islâmico.

  • SELY:

    A IGREJA DE JESUS É A VERDADEIRA PORQUE É PURA LIMPA SEM LUXOS E SEM RIQUEZAS.SOU TEM RIQUEZA ESPIRITUAL.ESSA É A VERDADEIRA RIQUEZA.

  • fabiane:

    as imagens são lindas, adoraria conhecer uma por dentro!!

  • Filippe:

    É verdade povo Hypescience, o big bang tem razão… eu estudei cultura islã hj na aula de História, e o meu professor é bem consagrado, daqueles que dão palestras na Europa, tals… ele deixou bem claro que a decoração numa mesquita deve ser feita apenas com desenhos abstratos… pois não aceitam a imagem de homens ou de qualquer outro animal. Aliás, até mesmo Alá é visto por ele como uma força, sem formato algum.

    Publiquem uma errata aí, hein…

  • ANILSON MARTINS:

    Tenho uma curiosidade , sera que alguem pode me informar ? Eu gostaria de saber se no islamismo existe o circulo de negocios como nas igrejas evangelicas e catolica, pois as igrejas estão um verdadeiro mercado de negocios e nunca soube de que o islamismo “vendesse” salvação , apesar de seus suicidas fazerem grandes estragos em atentados com a promessa de uma vida maravilhosa no alem !

  • ana paula camoesas:

    Cada religiào com sua tradição.ALÁ seja com eles

  • big bang:

    Imagens e estatuas em mesquitas???

    “O salão das orações, também conhecido como musalla, não possui mobiliário. As cadeiras e os bancos estão ausentes do local, de modo a permitir que o maior número de crentes o possam ocupar. Ao contrário de outros locais de culto, as imagens de pessoas, de animais e de figuras religiosas não existem no salão, devido à oposição do islão à representação da figura humana e por se considerar que os muçulmanos devem fixar a sua atenção em Deus.” Fonte Wikipédia.

Deixe seu comentário!