Cabeça de cão é mantida viva por máquina [vídeo]

Publicado em 27.06.2008

Cabeça de cachorro

Podemos sobreviver caso nossa cabeça seja completamente separada do corpo? Muitos diriam não mas Sergei Brukhonenko conseguiu manter a cabeça de um cão viva. Em 1928 Sergei apresentou um vídeo como prova no Terceiro Congresso de Psicólogos da URSS e graças às maravilhas/horrores da internet, ele está aqui.

Neste vídeo perturbador o cientista manteve a cabeça de um cão viva através de uma máquina chamada “autojector”, um coração e pulmões primitivos que supriam as necessidades de sangue e oxigênio da cabeça.

O cachorro reage a diversos estímulos externos, abre os olhos, lambe a boca e parece vivo. Muitos médicos confirmaram, creditarando o filme como verdadeiro e outros permanecem céticos, afirmando que é apenas propaganda soviética. E você o que acha? Para mim explica as cabeças falantes que aparecem em Futurama.

Abaixo segue um vídeo sobre o funcionamento da máquina:

Nos dias atuais existem códigos de ética, ou bioética, que não permitiriam esse tipo de ciência faroeste, pois protegem os animais de sofrerem abusos.

[Fontes: 1 2 3]

Autor: Alessandra Nogueira

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

79 Comentários

  1. Interessante.. imaginem um caso em q exista uma pessoa com algum tipo de deficiência mental irreversível, (podem considerar tbm corinthianos e testemunhas de jeová) entretanto com um corpo saudável.. e outra pessoa q tenha sofrido algum acidente q a torne invalida, (tretraplégicos, pessoas com doenças terminais ou sindromes q comprometam seu corpo) mas que não tenham seus cérebros afetados… e só pegar as cabeças q prestam e colocarem nos corpos igualmente aproveitáveis =D tbm seria uma solução interessante a juventude atual.. quem por ai não conhece uma meninha gordinha q é legal pra caramba e uma gostosona sem cérebro?? tira a cabeça da gordinha e põe na gostosona.. ◔_◔

    Thumb up 4
    • Essa teoria sua ta muito simples pra da certo!

      Thumb up 0
  2. “Nos dias atuais existem códigos de ética, ou bioética, que não permitiriam esse tipo de ciência faroeste, pois protegem os animais de sofrerem abusos.”

    ok… e vao ser feitas pesquisas com o que?

    santa ignorancia da galera do “deixa disso”

    Thumb up 12
    • Você queria ser cobáia voluntário ter a cabeça decapitada pra fazer experimento?

      Thumb up 7
    • cara.. eu uso muito humor negro mas essa foi cruel kkkkkkkkkkk

      Thumb up 0
  3. Geralmente os russos não se demostraram muito simpáticos em relação aos cães nessa época, teve o experimento do “multi-cão” e também dos cães bombas na segunda grande guerra que tinham a função de se explodirem nas proximidades de tanques alemães…

    Triste, gosto muito de cães! =\

    Thumb up 11
  4. Uma puta de uma palhaçada fazer isso com um animal se for pra fazer testes que façam em humanos neles mesmos mas não maltratem um animal

    Thumb up 33
    • Se fizer com um ser humano, aí, sim, as pessoas irão ficar revoltadas de verdade! =/

      Thumb up 11
  5. na real, esse conceito do bonitinho e da defesa dos animais não existia muito nessa época, e tbm, vai saber se o cachorro teria sofrido algum acidente antes, pelo menos, o cão poderia ter se mostrado algo para a ciência, apesar de ser grotesco

    Thumb up 8

Envie um comentário

Leia o post anterior:
display-3d-tie-fighter-1
Display 3D parece que acabou de sair de um filme Star Wars

A arte imita a vida ...

Fechar