O que acontece quando você bate em alguém dentro de um avião?

Publicado em 1.06.2011

Tudo começou quando um passageiro em voo para Gana saindo do Aeroporto Internacional Washington Dulles, nos EUA, decidiu reclinar o seu assento.

Isso (obviamente?) é um motivo muito bom para irritar o passageiro atrás dele, levando a uma troca de palavras impublicáveis entre os homens, e ao passageiro que reclinou sua poltrona levando um tapa na cabeça.

Isso mesmo: o próprio ato que você já sonhou inúmeras vezes, mas nunca ousou realmente fazer porque é um ser humano civilizado e não louco, ocorreu naquele voo.

Mas alguma vez você já se perguntou o que poderia acontecer se você batesse em seu companheiro de viagem na cabeça depois da decolagem de um voo longo?

Veja o que acontece: primeiro, uma aeromoça e um outro passageiro “pularam no meio da briga” para tentar apartá-la. Alertado da situação, o piloto decidiu voltar o Boeing 767 para o aeroporto, para deixar que as autoridades resolvessem o problema, em vez de arriscar um voo transatlântico para Gana com dois passageiros voláteis e potencialmente violentos.

Pequeno problema: o jato tinha 63.198 litros de combustível, o que pesa 57 toneladas. Isso é muito combustível – não se pode pousar um avião com esse tanto de combustível nele. Assim, o controle de tráfego aéreo instruiu o piloto a voar por meia hora e queimar o excesso de peso.

Foi quando a Força Aérea americana se envolveu. As transmissões de áudio indicavam que dois aviões de caça da Força Aérea estavam indo de encontro, assim que o avião reentrasse o espaço aéreo de Washington. Cinco minutos depois, dois caças de escolta tomaram posição cerca de 300 metros acima do avião enquanto ele se dirigia para o aeroporto.

O avião finalmente pousou, e a polícia estava o esperando no portão. Após uma investigação, os passageiros foram dispensados e nenhuma acusação foi feita. O voo, entretanto, foi adiado para a manhã seguinte.

Ninguém sabe se os mesmos passageiros estavam no voo, e em caso afirmativo, onde se sentaram. Mas seria um reencontro muito constrangedor, não? Eu chuto que, mesmo se eles não brigassem de novo, apanhariam de todos os outros passageiros do voo.[Gawker]

Autor: Natasha Romanzoti

tem 25 anos, é jornalista, apaixonada por esportes, livros de suspense, séries de todos os tipos e doces de todos os gostos.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

36 Comentários

  1. Então, era isso? eu já tava achando que a cabeça do cara havia explodido kkkkkkkk

    Thumb up 11
  2. kara veyo nunk ri tanto kkkkkkkkkkkkk sou a favor de jo os doid em pleno voo e da so 1 para-uqedas ou eles fazem as pazes e usao o para quedas juntos ou se matem

    Thumb up 6
    • pelo amorrrrrrr de deus eu nunca vi tanto erro em tao poucas palavras

      Thumb up 65
    • Rola uma tecla SAP aí minha camarada?

      Thumb up 22
    • Que feio, não?! Bem, é sabido que uns 80% dos acidentes aeronáuticos ocorrem no pouso ou na decolagem. No mínimo, cadeia para os dois passageiros, pois colocaram a vida de todos os passageiros (inclusive a deles) em risco.

      Thumb up 5
  3. Pra resolver a briga é muito fácil! Pega os dois pela orelha e bota um para-quedas e diz: “Fim do voo pra vocês” e empurra eles avião afora.

    Thumb up 8
    • velho, na boa… se abrisse a porta do avião pra jogar os dois seria trágico cara. A pressão sugaria tudo pra foda, incluindo o oxigênio, quem jogasse os dois pra fora, quem não estivesse preso ao acento e sem contar que poderia por em risco o voo e derrubar o avião! Ainda mais tratando-se de um Jato!!!!

      Thumb up 14
  4. alem do incoveniente para os passageiros, inclusive os brigões, o prejuízo material e ambiental (combustível) foi absurdo!

    Thumb up 31
  5. Puseram em risco a vida de outros passageiros. Fazer voltar um avião com muito combustível ainda que fosse gasto em meia hora de vôo, certamente gera ônus para alguém. Imagine que alguém tivesse uma reunião em Gana e não pudesse estar lá por conta de dois FDP. Eu processaria todo mundo e a empresa aérea deveria fazer o mesmo com os dois.

    Thumb up 45
  6. Não entendi porque um ficou bravinho depois do outro reclinar o assento. Todos tem o direito de reclinar o acento…

    Thumb up 31
    • assento*
      hehe

      Thumb up 15
    • Não tem o direito de reclinar o assento durante a decolagem (foi o que deu para entender da leitura do texto), pois isso pode acarretar perigo à integridade física tanto do passageiro que reclinou o encosto, como do que está sentado atrás.
      Seu direito termina no momento em que vc põe a minha vida em risco, sacou?
      Nessa semana aconteceu quase a mesma coisa comigo… Vinha sentada, na minha frente, uma dessas crianças “hiperativas” (eu chamo é de hiper-mal-educadas mesmo). A “gracinha”, na decolagem, queria reclinar o assento… Botei meu joelho estrategicamente posicionado e impedi. Ela ficou forçando e pediu ajuda à mãe que, pasmem, tentou ajudar. Aí me “emputeci” e soltei o verbo (seja responsável, segurança, bla, bla, bla). Infelizmente algumas pessoas só agem corretamente depois que passam vergonha.
      Enfim, apoio o passageiro “esquentadinho”. Fez o que não tenho coragem de fazer e foi um tapa bem merecido.

      Thumb up 6
  7. Até concordo com o último parágrafo.
    Sorte deles ninguém ter pedido indemnização pelos prejuízos pois alguém podia ter perdido dinheiro com isso;
    Sorte a deles a companhia aérea não os ter processado para pagamento do combustível gasto desnecessariamente.
    Agora a sério, não vejo porque o comandante do avião, que para todos os efeitos é o “rei e senhor2 da sua aeronave, não os separou e os obrigou a permanecerem sentados, sob ameaça de prisão caso desobedecessem.

    Claro que foi, no seu entender, por questões de segurança. Ainda assim…

    Thumb up 9
  8. Perguntinha inconveniente: a empresa aérea resolveu mudar a distância entre as linhas de poltronas, para diminuir a insatisfação e as possiblidades de eventos como estes se repetirem? Não que este tipo de evento seja muito comum, mas considerando que muita gente já ficou com vontade de dar uma cacetada no seu colega de viagem por causa da poltrona reclinada, era de se pensar se as empresas não estão causando stress desnecessário aos passageiros, stress este que depois acaba sendo descarregado no balcão da companhia?

    Por outro lado, fica provado que sentimentos negativos não derrubam um avião. Pensa bem, provavelmente todos os aviões que tem a classe econômica viajam com pessoas insatisfeitas, irritadas, e mesmo com raiva recolhida por causa do desconforto físico. E mesmo assim são tão poucos os aviões a cair…

    Thumb up 21
    • De facto uma pergunta muito pertinente.

      Thumb up 5
    • Outra coisa que me ocorreu, será que o passageiro de trás não tinha algum transtorno psicológico? Viajar de avião é estressante para quase todo mundo, mas algumas pessoas tem problemas em lidar com o stress.

      Talvez fosse o caso de conversar com o cara um pouco. Ele partiu para a agressão e isto não é o que se espera de um adulto equilibrado.

      Thumb up 1
    • Macluf , você por aqui ?!…A importância disto é que um quebra pau com com pancadaria dentro de um avião poderia desestabilizar e derrubar o avião , dai o medo dos pilotos …Lembra que ano passado um crocodilo derrubou um avião no Congo , os passageiros morreram só um escapou pra contar a história …ha o crocodilo também sobreviveu !

      Thumb up 0
  9. E eu que na minha ingenuidade, pensei que seria algo científico e não uma histórinha sobre duas pessoas que brigaram dentro de um avião…

    Thumb up 19
    • o site é sobre curiosidades também, e esta é de fato uma.

      Thumb up 41
    • A julgar pelo título da notícia, eu também esperava a mesma coisa!

      Thumb up 1
    • Ou melhor, *do artigo. Antes de clicar fiquei com tanta curiosidade, imaginando que haveria uma descrição envolvendo a gravidade, etc. Que decepção!

      Thumb up 1
  10. Cacete, imagine se você estivesse no voo ? Voltando pra casa depois de boas férias, ou então viajando a trabalho, tanto faz… Esses dois mereciam ser lixados pelos outros passageiros.

    Thumb up 14
    • Com lixa de madeira pra doer mais.

      Thumb up 31
    • Ehehehehe… boa

      Thumb up 5
    • Pessoal devo esclarecer: meu riso foi pertinente ao comentário da “lixa de madeira” do Beto Carrero, que na verdade doeria mais ou menos igual se fossem linchados como talvez quis dizer o Digão é ou não é?…
      Apenas para complementar , incidentes de briga em aeronaves são até comuns , e incrivelmente ainda causam grandes transtornos e prejuizos .Companhias aéreas precisam rever seus tratos com passageiros .

      Thumb up 4
  11. caraca, entrei pensando que ia ver alguma explicação científica sobre a pancada em alguém num lugar pressurizado ou coisa do tipo, me dou de cara com uma cena de filme de ação rs, bem, agora sabemos o que acontece se você bater em alguém dentro do avião (Você não chega no seu destino naquele dia, isso com pilotos americanos né!? será que o mesmo aconteceria com pilotos brasileiros?)

    Thumb up 28
    • Na certa com os pilotos brasileiros no mínimo um dos pilotos iria sair no pau e mostra quem é quem manda no avião, sem contar que se isso ocorre no Brasil não iria nem sobrar mais avião para contar história, iriam tacar fogo no avião com os dois dentro hehe

      Thumb up 4
    • Pedro ja dei a explicação mais ou menos “científica” …rs
      As normas do tráfego aéreo são internacionacionais , creio que neste caso a avacalhação brasileira não entra em questão , só em terra que a coisa muda …

      Thumb up 2
  12. Vai que eram dois terrorristas encenando uma briga. Um estaria cheio de explosivos no tubo intestinal, como aquelas humanas que engolem cápsulas de drogas, e seria necessário um soco no estômago para detonar a carga. Centenas de vidas podem ter sido salvas.

    Thumb up 11

Envie um comentário

Shares
Share This

Compartilhe

Seus amigos vão adorar!