Os 10 desastres naturais mais mortais da História

Desastres naturais violentos tem devastado a humanidade ao longo de séculos, mas tendo em vista que alguns deles aconteceram muito tempo atrás, os cientistas não são capazes de estimar o número de mortos. A ilha mediterrânea de Stroggli é um exemplo. Acredita-se que o lugar foi completamente destruído por uma erupção vulcânica e pelo tsunami que se seguiu. Embora o número de mortos permaneça incerto, o desastre parece ter devastado toda a civilização minoica em torno de 1500 aC.

Os desastres naturais mais mortais – que envolvem na maior parte terremotos e inundações e sobre os quais os historiadores podem fornecer o número preciso de mortes – já mataram um total estimado de 10 milhões de pessoas.

A China lidera o ranking. Nada mais nada menos do que cinco dos dez desastres naturais que mais mataram até hoje ocorreram no país, incluindo os três mais mortíferos. No geral, o terremoto é o desastre que mais aparece: seis vezes. Os dois primeiros colocados da lista, porém, não são abalos sísmicos. Confira a lista, que vai dos menos até os mais mortíferos:

10 – Terremoto em Aleppo, na Síria

O abalo atingiu Aleppo, maior cidade da Síria na época, no dia 11 de outubro de 1.138. Com base em dados geológicos, as estimativas modernas dão ao terremoto a magnitude de 8,5 graus na Escala Richter. Registros históricos sugerem que aproximadamente 230 mil pessoas morreram, além dos grandes danos sofridos pela cidade. Aleppo se localiza no norte da Síria, numa área muito vulnerável a tremores. A cidade faz parte da região da Falha do Mar Morto, pois repousa sobre o limite entre a placa geológica da Arábia e a placa africana.

9 – Terremoto e tsunami no Oceano Índico

Um dia após o Natal de 2004, terremoto submarino de magnitude 9,3, com epicentro na costa oeste da Sumatra, na Indonésia, resultou em um devastador tsunami que atingiu as costas de vários países do sul e do sudeste da Ásia. O abalo sísmico originado no Oceano Índico provocou o tsunami que matou um número estimado entre 225 mil e 230 mil pessoas.

8 – Terremoto em Haiyuan, na China

O terremoto de 8,5 graus de magnitude atingiu a área do condado de Haiyuan, na província de Ningxia, na China, no dia 16 de dezembro de 1920. O abalo também é conhecido como “Terremoto de Gansu” porque a região da Ningxia era uma parte da província de Gansu na época. O desastre causou a morte de exatamente 235.502 pessoas, de acordo com o Catálogo de Danos por Terremotos no Mundo, que é mantido pelo Instituto Internacional de Sismologia e Engenharia Sísmica do Japão.

7 – Terremoto de Tangshan, na China

No 28 de julho de 1976, os habitantes da cidade industrial de Tangshano sofreram um dos piores terremotos do século 20. A cidade localizada em Hebei, na China, possuía na época uma população de aproximadamente um milhão de pessoas, que foram devastadas pelo tremor de magnitude 8. O governo chinês registrou no momento um número de mortes igual a 655 mil, mas esse dado foi posteriormente reestimado para cerca de 242 mil pessoas.

6 – Terremoto de Antioquia, na Turquia

O desastre em Antioquia ocorreu durante a primavera de meados de 526 d.C. A data exata é estimada entre os dias 20 e 29 de maio. O forte terremoto atingiu a Síria e Antioquia, uma cidade que ficava localizada perto do que é hoje a moderna Antakya, na Turquia. Cerca de 250 mil a 300 mil pessoas morreram em consequência do sismo, de acordo com os escritos históricos. Após o terremoto, um grande incêndio destruiu a maior parte dos edifícios que o desastre havia poupado.

5 – Ciclone da Índia

Em 25 de novembro de 1839, o que ficou conhecido como o “Ciclone da Índia” chegou à aldeia portuária de Coringa, localizado no estado de Andhra Pradesh, na Índia. O ciclone provocou uma onda de 40 metros, que destruiu grande parte da vila e a maioria dos navios perto da área. Cerca de 20 mil pessoas morreram afogadas no mar. Um total estimado de 300 mil pessoas perderam a vida em decorrência do ciclone.

4 – Ciclone Bhola

O pior ciclone já registrado na História, o Bhola, atingiu o Paquistão Oriental (o que é agora Bangladesh) e Oeste de Bengala, na Índia, no dia 12 de novembro de 1970, inundando grande parte das ilhas baixas do Ganges. Aproximadamente 500 mil pessoas morreram, principalmente por causa das inundações que resultaram da onda causada pelo ciclone ou ainda devido ao aumento do nível da água na costa.

3 – Terremoto de Shaanxi, na China

O dia 23 de janeiro, no longínquo ano de 1556, foi marcado pelo terremoto com o maior número de vítimas já registrado na História. O abalo ocorreu na província de Shaanxi e na província vizinha de Shanxi, localizadas no norte da China. O catastrófico terremoto teve uma magnitude estimada de 8 graus na Escala Richter e matou aproximadamente 830 mil pessoas. Acredita-se que 60% da população dessas províncias tenha morrido no desastre.

2 – Inundação do Rio Amarelo, na China

Esta foi a pior enchente única e o segundo pior desastre da História. Em setembro de 1887, o Rio Amarelo invadiu os diques na província chinesa de Henan. A enchente devastou 11 grandes cidades do país e centenas de aldeias, deixando milhões de desabrigados. As águas da enchente cobriram cerca de 130 mil quilômetros quadrados – área semelhante à da Grécia ou pouco menos que o estado do Amapá -, matando um número estimado de 900 mil a 2 milhões de pessoas.

1 – Inundações na China Central

O pior desastre natural da história foi o conjunto de enchentes que ocorreram entre julho e agosto de 1931, na região central da China. Na época, o rio Yangtze transbordou e causou uma série de inundações. Como resultado, um número estimado de 3,7 milhões de pessoas morreram de doenças, afogamentos e fome. De acordo com a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica, mais de 51 milhões de pessoas, um quarto da população da China na época, foram direta ou indiretamente afetadas pelas inundações.[Life’sLittleMysteries]

57 respostas para “Os 10 desastres naturais mais mortais da História”

  1. Diante dos abalos que sofre a natureza, a resposta proveniente da mesma é imediata. Como bem conhecemos uma grande devastação, na terra, há milhões de anos foi provocada pelo fenômeno (big bang), segundo a teoria, tornando a mesma extinta de toda espécie existente.
    Atualmente, o ser humano é o principal causador de todos os transtornos que a natureza enfrenta. O homem procura a cada dia por melhores condições de vida, sendo induzido pelo sistema capitalista, procura um padrão de vida cada vez mais elevado. De forma geral, cresce, nesse sentido, o número de fábricas, as quais lançam na atmosfera pesados gases poluentes, o fluxo de carros só traz cosequências desastrosas no que diz respeito à camada de ozônio, com o escape de gás carbônico. Consequentemente, matando a vida que ainda resta na terra.
    Contudo, em que diferenciamos da teoria (big bang)? Ou nos assemelhamos a esta. Sem dúvida somos meteoros que se repetem a devastar o planeta, só que diferente do primeiro, somos seres racionais e podemos repensar em nossos atos, mudando para melhor. Ao contrário estamos vivendo em um ciclo de causa e efeito, onde, quem sofrerá as mais drásticas consequências são nossas futuras gerações.

    • Você deve estar se referindo ao Asteroide de Chicxulub, que caiu onde hoje é o México, há 65 milhões de anos aproximadamente e extinguiu os dinossauros. O Big Bang não tem nada a ver com isso: seria uma explosão que deu origem à existência, segundo a teoria, há aproximadamente 13 bilhões de anos. Hahahahaha!!! Falou bonito mas falou besteira…

    • Sempre é assim, o ser Humano hipocráta sempre pensando primeiro em você, e depois pensando nos outros, quem e que deveria morrer e você que não tem caráter e só pensa em si próprio!

  2. o humano fica se culpando por tudo,muitos desses desastres naturais aconteceram bem antes das industrias e por sua vez poluicao existirem.mas as pessoas pouco cultas ou sem informacao fica repetindo a mesma coisa:foi o homem com sua bla bla bla e etc.devia se ter rigor pra se aceitar comentarios.

  3. não li todos os comentários mas vou publicar mesmo que outras pessoas tenha postado comentários iguais,ou seja,sobre o mesmo assunto que o meu.
    eu acho que tudo isso muitas vezes é consequêcia do que o homen faz.É apenas os dez piores desastres no qual significado seja a natureza querendo o que é seu de volta.é como no caso do rio amarelo na china:o que pode fazer o homen que pega u rio(no sentido figurado)e pôe um nome depois constroi,ainda,um ponte por cima.

    • Cara não diz besteiras, colocar nome? vai disser que o rio encheu por que não gostou do nome? Oo O homem não provoca terremotos, em varios casos de inundações pode ser causadas por descuidos do homem com a natureza, ou por construções inadequadas,claro se não houvesse construções ou a mao do homem as aguas possivelmente iam subir e escoar para outro lugar, matando animais e algumas plantas.

  4. O mundo atual tolera a exploração humana até mesmo a ponto de muitas pessoas indefesas morarem em regiões de perigo, onde há risco de desastres naturais ou de calamidades causadas pelo próprio homem.

    Será que Deus já causou algum desastre? Sim, mas ao contrário dos desastres naturais ou dos provocados pelo homem, eles foram seletivos, tinham um objetivo e ocorreram pouquíssimas vezes. Dois exemplos disso são o Dilúvio global nos dias do patriarca Noé e a destruição das cidades de Sodoma e Gomorra nos dias de Ló. Esses julgamentos divinos eliminaram os perversos incorrigíveis, mas preservaram os que eram justos aos olhos de Deus.

  5. Quem tem causado sofrimento a humanidade é o próprio satanás, pois o “mundo inteiro jaz no poder do iníquo” (1 Joa 5:18).Ele tem sido homicida desde sua rebelião no começo da humanidade até os nossos dias. Satanás encara a vida humana como algo sem valor e descartável. Visto que ele é dominado pela ambição egoísta, não é de admirar que tenha criado um sistema global que gira em torno do egoísmo.

  6. Assim como um meteorologista não pode ser responsabilizado pelos danos provocados por um tufão que ele prevê, Deus também não é responsável pela destruição causada por desastres naturais. Ele nunca fará isso. Porque, como a bíblia msm diz 1João 4:8 “Deus é amor”. Porem a bíblia predisse que, em nossos dias, haveria calamidades, como “grandes terremotos” . (Luc 21:11).

  7. Não existe sorte e nem destino. Cada pessoa nasce na cidade necessária a sua melhor evolução. Os fatos e acontecimentos que cada pessoa passa em sua caminhada, já havia sido traçado em seu projeto de vida no plano espiritual. Ninguém escapa da Lei de Deus. Todos nós somos devedores às Leis Divinas, uns mais outros menos. Existe um parâmetro de possibilidade para cada pessoa se quitar com estas Leis. Necessariamente, não precisa se quitar pela dor e pelo sofrimento. Contudo, quem não se quitar pelo trabalho e pelo amor ao próximo, obrigatoriamente se quitará com estas Leis,pela dor e pelo sofrimento.
    As autoridades constituidas, políticos, pessoas de uma forma geral; as quais, não trilham no caminho do bem, e prejudicam de alguma forma a sociedade; no decorrer dos tempos, ontem e hoje, nas nações onde estas pessoas habitam hoje, já assistiram estas tragédias e continuarão a assistir, até que paguem o último cetil dos seus débitos, para com as Leis de Deus. Nada é por acaso. Deus não tem nemhuma responsabilidade sobre estas tragédias. Deus é inifinitamente, bom, misericordioso, justo e amável.
    O homem abusa de sua autoridade, do seu cargo, do seu poder econômico. Prejudica a humanaidade e não é punido pelas Leis dos Homens. Se não for alcançado pelas Leis Divinas, naquela mesma encarnação. Com certeza será punido em uma próxima encarnação. Existe muitos presos na cadeia, gritando que é inocente e que não cometeu crime algum. É verdade, nesta encarnação não. Mas, em outras encarnações sim. Muita Paz!.

  8. _ Assim foam estes desmelindres no passado muito triste e desvastadores para milhares de familia que, perderam tudo familias e Habitates. infelizmente sempre estes ocorridos foram imprevisiveis, para todos nas epocas do ocorridos.
    Mas, devemos sempre ficarmos sempre previnido por catastrafes iguais ou piores ainda que poreram ainda nos afugentar, olhem! as profecias vigente nos livros *Sagrados, e toda literatura dos Hastecas, maias e todas livros de profecias estamos a merce de dezaparição de toda nossa*rraça( Como os Lêmurianos, Atlantes, e principalmente os Dinossauros que foram totalmente dizimados?

  9. Amigos< Imaginem; o Nosso planeta Terra como se fosse um corpo.
    Agora ,imaginem esse corpo ,como se esse corpo( a TERRA) estivesse sofrendo algumas ou varias alteracoes ( independente da epoca, apenas imaginem) com o decorrer do tempo,drasticas mudancas como …super populacao,puluicao de rios ,mares,desmatamentos.
    Sofrendo intoxicacao radioativa pelas industrias ë pelas descargas de gas carbonico dos automoveis que sao um maiores fatores de aquecimento global e as megas construcoes( os arranha ceus,as hidreletricas…) que por alguma maneira sao as causas do desbalanceamento global .
    Agora imaginem os seus proprios corpos sofrendo dessas mudancas… com certeza ele, ao decorrer do tempo ,tentaria reagir. Antes msm sem a ajuda de um medico ou um especialista , ele tententaria causar,provocar essa Imunidade, Reacao, mesmo que ainda se encontrasse nas "ultimas"
    Nos (A Humanidade)evoluimos muito no decorrer destas ultimas decadas

    Algumas atitudes "humanas" nos torna,para esse nosso tao querido Planeta Terra ,como se fossemos uma DOENCA ,um TUMOR em processo de crescimento acelerado. E que por varios meios afetamos quase que por completo este nosso CORPO.IMAGINEM AMIGOS!!!! .Mas ,enfim ,cabe a cada um de NOS concientizar de nossas atitudes presentes ou futuras.
    Pois "NOS"(Nossos descendentes) colheremos amanha oq plantamos hj .
    " Somente depois q ,
    A ultima arvore for derrubada,
    O ultimo rio for poluido
    O ultimo peixe for morto
    O homem tera conciencia de que ,
    o dinheiro nao se come ,
    de que evolucao sem sabedoria
    se torna a decadencia dos nossos proximos dias.
    A terra precisa evoluir sim , mas pro BEM !!

    UM grande Abraco a todos os meus AMIGOS que pensam e lutam pelo nosso Amanha. fiquem com PAZ!!!

    • Pois é, somos um câncer em metástase avançada, a Terra está precisando de um tratamento de choque, ou melhor, de “impacto”… com um asteróide ou cometa.

  10. realmente triste tudo isto, mas evidência que com o passar do tempo é gradativo o numero de catastrofes no mundo todo como se fossem dores de parto de uma gravida, ou seja está muito próximo o retorno de Jesus, que nós possamos busca-lo enquanto há tempo.

  11. são desastre naturais q ceifaram varias vitimas e ainda vão continuar a acontecer no planeta pelo menos nosso brasil tem privilegio de não a ver catastrofe dessa magnitude

  12. O pior desastre natural para a Natureza chama-se Raça Humana, com a sua superpopulação totalmente descontrolada. Nada mais natural que os dois povos povos mais desvairados da Terra, China e Índia, sofram com os revezes naturais. Com o tamanho do estado do Amazonas, o maior do Brasil, a Mongólia dá um show de povo sábio. Encravada bem no meio entre China e Índia, mas com uma população de míseros 3 milhões de habitantes, nada sofre com os espasmos da Natureza. Realmente, a sabedoria é para poucos.

    • Primeiramente, a Mongólia se localiza entre a China e a Russia. Depois, o país é pouco habitado em virtude de suas característicaas geográficas (praticamente desértico) e históricas, já que parcela significativa do país ainda é nomade.

  13. Na verdade a China sofreu bastante com as desastres naturais.se nao fosse esses desastres a populaçao chinesa nao teria espaço. peço a Deus que nao volte acontecer algo do genero, nem na China e nem num outro local do Mundo.

  14. Sim é trágico, mas tenho que dizer, a natureza sabe o que faz e ela é implacável e imutável, e é indiferente ao fato de as suas razões ocultas e ações serem compreensíveis ou não para o homem.

  15. depois do ricardo reclama! olha oq a praga do ser humano faz: devasta florestas, mata seres vivos sem o menor dó, polui toda a atmosféra, polui a agua, E DEPOIS VC ACHA RUIM A NATUREZA, QUE APENAS SE DEFENDE!

  16. E tem gente que diz que aNATUREZA É PERFEITA E QUE OS DEUSES SÃO BONZINHOS. Porque criaram a natureza com tanta doença e tanto inseto transmissor de epidemias? E a fome a burrice congênita, epidérmica de cada ser humano?

  17. É difícil afirmar qual destas catástrofes foi efectivamente a maior e mais destrutiva, pois basta dar este exemplo se numa comunidade de 10 pessoas morrerem 5 é bem mais grave do que numa de 30 morrerem 10. O que importa aqui sublinhar é o impacto que a dizimação humana num determinado momento tem no futuro da humanidade, e isto é francamente impossível de avaliar com exactidão, fica por isso sempre a duvida. O que seria se não tivesse acontecido.
    Talvez melhor e quem sabe até pior, a vida é mesmo assim, é feita de avanços e recuos, para que cada passo em frente seja cada vez mais sólido e firme.

  18. Eu nao acredito em um deus pessoal,para min deus e´ uma forma de energia inteligente e criadora,nao uma pessoa igual a nos,semelhante a um rei.Tambem nao e´tao perfeito e amvel como o concebemos.Nessa forma como vejo deus o conceito de bem e mal desaparescem,ele cria vida e destroi.Ele cria ordem no caos,e causa caos na ordem,faz surgir luz da escuridao,vida de po de estrelas,Vida e morte tudo faz parte de um ciclo belo e cruel…

  19. Sempre houve e sempre haverá muitos desastres naturais no mundo, em alguns lugares, isso demora a acontecer, mas noutros, em termos geológicos, são quase que “diários”. Nem nós aqui neste Brasil Varonil estamos livres. Tudo é apenas uma questão de tempo. O Planeta não é muito dinâmico, em todos os sentidos. A história das culturas antigas e mesmo a tradição oral de diversos povos, inclusive os Índigenas daqui são unânimes em afirmar a ocorrência de terríveis cataclismos que puseram fim a diversas e lendárias Civilizações, algumas bem mais adiantadas do que a nossa, e das quais nós somos meros arremedos grosseiros, mas também herdeiros. Basta esperar pra ver…

  20. Tenho agradecer ao hyper-ciência, pelos artigos apresentados e pelos comentários dos seus utentes. Quanto ao assunto em questão estes desastres não deveriam acontecer em parte nenhuma do Globo.

  21. Por mais que vivemos em selvas de pedras, ainda tem a intervenção da natureza em nosso meio, simplesmente para manter o equilíbrio do planeta, não podemos fazer nada, mesmo que o homem crie tecnologias avançadas para evitar desastres, jamais poderá vencer a implacável fúria da natureza! devemos aceitar sempre a nossa derrota para a natureza para que o equilíbrio seja perfeito.

  22. Uma dúvida. No último fala claramente que foram 3,7 milhões de mortes diretas (afogamento ou qualquer outro forma no momento do desastre) e indiretas (fome e doenças). O mesmo critério foi usado nos outros desastres?

    • Não se assuste tanto… é só somar aproximadamente, e ver que não seria a mais que 6 ou 7 milhões,… é quase nada, comparando aos quase 1,5 bilhão de chineses agora,…

    • Não é tão simples….

      São 6 ou 7 milhões naquela época… hoje depois de algumas gerações, os descendentes deles seriam muito mais numerosos…

      Claro que não chegaria perto dos mais de 1 bilhão de habitantes, mas seria um numero bem maior do que somente os 6 ou 7 milhoes que morreram.

  23. Deveria criar uma lista que levasse em consideração a população mundial da época, já que um desastre da mesma proporção mata muito mais nos dias de hoje do que a um milênio quando a população não chegava nem a 1/2 bi.

    • Pois é! Fiquei intrigado com isso tbm! só vi o nome da China na matéria! eita país sofrido…

Deixe uma resposta