Acidente cósmico é avistado: Uma colisão de planetas

Por , em 11.08.2009

Há alguns milhares de anos – o que pode ser considerado recente, em tempo cósmico – dois planetas distantes que orbitavam uma pequena estrela colidiram em um acidente cósmico de colossais proporções. O menor dos planetas, que tinha um tamanho semelhante ao da Lua, foi destruído na colisão. O maior, que devia ter um tamanho semelhante a Mercúrio, sobreviveu ao acidente, ainda que um pouco ‘detonado’.

Acredita-se que um fenômeno semelhante tenha formado a Lua há mais de quatro bilhões de anos, quando um corpo celeste do tamanho de Marte colidiu com a Terra.

Rocha vaporizada e restos de lava revelaram a existência da colisão para o Telescópio Espacial Spitzer, da Nasa. “A colisão deve ter sido enorme e muito veloz para ter causado a vaporização e derretimento de rochas”, afirma Carey Lisse, autor do estudo que descreveu a descoberta.

Os pesquisadores acreditam que os planetas se moviam a uma velocidade de dez quilômetros por segundo no momento da colisão. “Este é um evento muito raro, crítico para a formação de planetas semelhantes à Terra e luas”, afirma Lisse, que complementa: “Temos sorte de ter observado o evento pouco tempo depois dele ter ocorrido”.

Geoff Bryden, co-autor do estudo, afirma que a colisão que formou a nossa lua deve ter sido tão forte que poderia ter derretido a superfície da Terra. De acordo com Bryden, restos da colisão devem ter formado um disco de poeira em torno da Terra, que gradativamente se juntou formando a Lua. “É a mesma escala de impacto que o Spitzer observa – não sabemos se haverá a formação de uma lua, mas sabemos que a superfície do planeta está coberta por rochas derretidas”, afirma.

Encontros violentos deste tipo são comuns no nosso sistema solar. No último mês, uma enorme massa se encontrou com a superfície de Júpiter. Curiosamente, esses encontros já causaram a retirada da superfície de Mercúrio, virado Urano e até deixado Vênus de ponta cabeça. [MSNBC]

colisao de planetas colizao

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

13 comentários

  • juripolda:

    oi muito bom gostei destas esplicaçoes sobre os acidentes, gostaria de receber imformaçoes a respeito do nibiru ou o planeta X,que segundo o calendário maya este pequeno planeta ou sol cruzaria com a terra nos próximos anos,tbm gostaria de saber se o mundo vaii acabar 2012 porque eu so tenho 10 anos
    de vida

  • wesley:

    o que é interesante e que e eles se fundiram sera que isso pode ocorrer?

  • sebastiana:

    sempre admirei as estrelas e o espaço escuro la parado esperando por alguem a desvenda-lo. o espaço sideral en si e um brço de descoberta que para no seres humanos facina . tenho curiosidade en saber sobre as galaxias principalmente se elas tem as mesmas estruturas formadas como a a nossa galaxia , e tambem sobre o sol a questãõ dele estar aumentando .
    no mais sou apaixonado pelo nosso sistema cosmico.

  • Michael caciano da cruz:

    1. Em 1982 a NASA reconheceu a possibilidade de um planeta solar extra.
    2. Em 1983 a NASA lança o IRAS (Infrared Astronomical Satellite – Satélite Astronômico de Infravermelho), que localizou um objeto muito grande (nessa faixa espectral).

    3. O jornal Washington Post entrevistou, na ocasião, um cientista do JPL-IRAS (Jet Propulsion Laboratory): ‘Um corpo celeste possivelmente tão grande como Júpiter e tão próximo da Terra que pode ser parte deste sistema solar foi encontrado na direção da constelação de Orion, por um telescópio em órbita. Tudo o que posso dizer é que nós não sabemos o que é isso’, disse Gerry Neugebauer, cientista chefe do IRAS. Todos os governos sabem sobre isto e eles estão tomando providências para sobreviverem à passagem do Planeta X (Nibiru) que está vindo, para manter intacto seus poderes.

    4. Eles sabem que eles não poderão salvar a todos, e portanto somente salvarão aqueles que eles acharem que vale a pena salvar. Eles têm um plano, e você tem?

    5. Existem coisas simples que você pode fazer hoje para atravessar os anos difíceis que virão. Apesar do que dizem os catastrofistas e negativistas, nossos ancestrais (pelo menos parte deles) sobreviveram cataclismas semelhantes, e portanto nós também podemos!

    6. O que é Nibiru? Nibiru é um de muitos planetas que orbitam uma Estrela Escura (Dark Star) ou Anã Marrom (Brown Dwarf). Esta Estrela Escura tem cinco planetas menores, um sexto planeta do tamanho da Terra que abriga vida (Homeworld), e o sétimo é o planeta ou objeto que nós chamamos de Nibiru.

    7. O Homeworld é muito parecido com a Terra e é onde moram os Annunaki, ‘os Gigantes ou Deuses de Antigamente’. Nibiru é na maior parte inabitável.

    8. Quando a Estrela Escura fica no periélio (posição mais próxima do nosso Sol), entre 60 e 70 AU [AU=Astronomical Unit=unidade astronômica igual à distância média entre a Terra e o Sol], a órbita de Nibiru, que fica a 60 AU da Estrela Escura, possui uma órbita suficientemente alongada para atravessar nosso sistema solar, geralmente nas proximidades da órbita de Júpiter, apesar que isso pode variar.

    9. A inclinação orbital de Nibiru é cerca de 30 graus com relação ao nosso plano solar ou da eclíptica. Quando Nibiru atravessa nosso sistema solar em movimento retrógrado (sentido oposto) com relação aos demais planetas, algumas vezes ele desloca os planetas causando perturbação generalizada neste processo.

    10. Sua passagem é momentosa mas rápida, levando apenas algumas semanas, ou meses no máximo, após o que ele desaparece de vista. Ele tem a cor vermelha, com uma cauda cheia de entulhos, e é circundado por várias luas.

    11. Nibiru e/ou suas luas foram responsáveis pela destruição de Maldek, que agora é o Cinturão de Asteróides (localizado entre as órbitas de Marte e Júpiter). Ele também causou as crateras e cicatrizes superficiais na nossa Lua e nos planetas do nosso sistema solar, assim como as inclinações axiais variáveis dos planetas em suas órbitas.

    12. Ele causou o afundamento da Atlântida e o Dilúvio de Noé. Ele é o vínculo físico (ou ‘balsa’) entre nosso sistema solar e o sistema da Estrela Escura (Estrela anã marrom).

    13. Nibiru tem sido chamdo de Disco Alado (com asas) ou com chifres (horned) pela humanidade do passado (por causa de sua aparência no céu, veja o citado vídeo).

    14. Fatos: Quando Nibiru aproxima-se do sistema solar interior, ele irá acelerar rapidamente por debaixo da eclíptica, passando atrás e por baixo do Sol antes que ele passe para cima da eclíptica num ângulo de 33 graus.

    15. A NASA está observando Nibiru agora a partir de seu novo telescópio do Polo Sul (S.P.T.=South Pole Telescope), numa área do Polo Sul.

    16. Nibiru será visto primeiramente pelas pessoas normais em 15 de maio de 2009, como um pequeno objeto vermelho. Ele estará se movendo para cima a partir de debaixo da órbita da Terra. Isto significa que até 2009, a única forma de ver Nibiru é de um local muito ao sul do nosso planeta (extremo sul de Chile e Argentina).

    17. A seguir apresenta-se uma foto tirada por uma pessoa normal, mostrando como Nibiru se apresenta agora em 2007, quando visto de uma área do extremo sul do planeta. Que fique claro, está foto é real! [Refere-se ao conjunto de 3 fotos, na mesma horizontal, mostrada em [2]].

    18. Em maio de 2011, haverá visão a olho nú por todas as pessoas. Em 21 de dezembro de 2012, Nibiru irá passar pelo plano da eclíptica e será visto como uma estrela vermelha brilhante e irá parecer um segundo sol, do tamanho aproximado da nossa Lua. Terremotos e clima muito perturbado irá ocorrer.

    19. O pior, no entanto, deve vir em torno de 14 de fevereiro de 2013, quando a Terra se move entre Nibiru e o Sol. Haverá deslocamento dos polos e inclinação planetária. Ocorrerá grandes mudanças na Terra, Mega-terremotos e mega-tsunamis em escala global.

    20. A partir de 1 de julho de 2014, Nibiru não irá mais afetar nosso mundo pois ele irá se afastar desta parte da galáxia. A NASA sabe sobre Nibiru e, para não gerar pânico na população, não divulga essa verdade.

    21. Insiders da NASA, D.o.D. (Department of Defense), a inteligência militar nacional, o S.E.T.I. e a C.I.A. especulam que 2/3 da população do planeta podem perecer durante o próximo deslocamento dos polos causado pela passagem de Nibiru.

    22. Outros 2/3 daquelas pessoas que sobreviverem inicialmente, podem morrer de fome e pela exposição aos elementos climáticos, dentro dos 6 meses seguintes.

    23. A maioria das agências governamentais secretas dos USA está totalmente ciente do que é esperado e estão se preparando. O Vaticano está totalmente ciente do que é esperado. O público não está sendo prevenido, nem está sendo dado a ele a chance de se preparar!

    24. O volume de vazamentos de insiders, de observatórios e do Vaticano está rompendo a barragem e liberando essas informações. A história mais importante da Terra em mais de 3.000 anos está se libertando das amarras feitas pelos controladores dos mercados financeiros.

    25. Esses controladores colocam o dinheiro em maior estima do que a vida humana. Ao público pode ser dada uma chance de se preparar se ele for informado. Muitos locais da Terra estão agora, nesta data, tendo uma pequena amostra dos eventos vindouros.

    26. Conhecimento é Poder, Compreensão é Sabedoria! Você está preparado? Que a Paz sempre te acompanhe…

  • Julio Ramos:

    Nelson,
    essa aproximaçao de marte foi em 2006.
    O email q esta rodando na net teve a data alterada.
    E eh mentira sobre o efeito de duas luas..
    ele soh ficou um pouquinho maior…
    Mas nada comparavel a lua…

  • Nelson:

    Para Cairan: Não existe um planeta x. O que vai acontecer dia 27 de Agosto a meia noite e meia é uma aproximação de Marte que causará o efeito de duas luas no céu fato que só ocorrerá novamente no ano de 2286.
    Será que o HypeScience fez um artigo falando sobre isso?

  • O. F. Golemba:

    evaldo… acho que você está confundindo os povos pré-colombianos, a civilização que você chama de sanguinaria são os aztecas e não o maias…
    os maias desenvolveram uma das mais avançadas tecnicas em astronomia entre os povos primitivos, não defendo a teoria de que o mundo irá acabar em 2012, mas como é fato só se pode observar objetos no espaço se ele for coberto de gelo, ou outro material que possa refletir a luz…

    abrass e ate 2013^^

  • evaldo:

    Fatos como estes ão comuns, realmente, todas as publicações serias
    como HYPE, estão sempr trazentos novas reportagens. no passado
    ( bilhõs de anos ) estas “catastrófes ” forma importantes para a formação
    do sistema solar. Hoje porém, se acontecer não será nenhuma surpresa,
    pois a NASA en conjunto com milhares de astrônomos do mundo inteiro
    monitoram cenenas de objetos com mais de uma toneladas que gravitam
    em torno do sol, determinando suas órbitas com vários anos de antece-
    dencia (visitem o SITE da NASA) Essse tal de planeta NUBIRU não pas-
    sa de de lírio de pessoas que não entendem nada de astronomia e leem
    apenasa UFO e outras sandices. Será que os Maias, um povo sanguinário, que arrancava o coração ainda pulsante do peito de seus ini
    migos, teriam capacidade para determinar um acontecimento tão impor
    tante para a humanidade ? o mundo vai acabar em 2012? alé do mais
    por definição, planeta é um corpo que gravita uma estrela, e não fica
    zanzando por a! Leiam revistas como ASTRONOMY ou SCIENCE AMERICAN, que são cientificas UM FELIZ 2013 PARA TODOS
    ABRAÇOS, EVALDO

  • Bravo Neto:

    Será que com os meios científicos atuais, podemos prever uma colisão com o nosso planeta? Se isso acontecer não adiantará nem tentar fugir,mesmo com previsões de anos de antecedência, seja o que Deus
    quizer, o Universo à Ele pertence!

  • Edmar de Paula da Silva:

    Encontro

    O fim não existe!
    Tudo é o começo.
    A existência é o acaso,
    Definitivamente o universo
    Determina o acontecimento
    Do acaso.
    Sempre!

    Ocabeni
    12/08/09

  • chico lobo:

    ocorrencias como esta é cotidiano no cosmo, dado o tamanho do universo e o inimaginário número de corpos celestes nele contido… por outro lado, nosso mísero planeta não está livre de uma catástrofe dessa… não se sabe quando, nem como isso ocorrerá NOVAMENTE, mas ocorrerá em breve.

  • Clement:

    É bem provável que o mesmo tenha ocorrido ao nosso planeta há mais de 4 bilhões de anos…
    A maior prova que temos é o oceano Pacífico, com vulcões ativos em toda a sua orla, e quem sabe a Lua tenha sido resultante deste impacto colossal…

  • Cairan R Junior:

    Gostaria de receber informções a repeito do Nibiru ou o Planeta X, que segundo o calendário Maya este pequeno planeta ou sol cruazaria com a terra nos próximos anos.

    Obrigado

    Cairan

Deixe seu comentário!