Cientistas criam modo de tornar um evento invisível

Por , em 10.01.2012

Uma coisa é tornar um objeto invisível, como faz a capa da invisibilidade do Harry Potter. Mas os cientistas conseguiram tornar um evento inteiro impossível de ser visto. Eles inventaram um modo de mascarar o tempo.

Pense nisso como um roubo de uma obra de arte que acontece antes que os seus olhos ou câmeras consigam captar. Você não vê o ladrão andando pelo museu, levando a pintura, mas ele fez isso. Não é apenas a pessoa que está invisível – a cena toda está.

O que os cientistas fizeram está em um escala muito menor do que esse exemplo, tanto em termos de evento quanto tempo. Aconteceu tão rápido quanto um piscar de olhos. O disfarce de tempo durou uma fração de segundos – eles fizeram um evento por 40 trilhões de segundo.

Nós enxergamos a partir da luz que chega a nossos olhos, e geralmente é um fluxo constante de luz. Na nova pesquisa, entretanto, os cientistas conseguiram interromper o fluxo por um instante.

Outra capa da invisibilidade, que está na moda no mundo científico, afasta os raios da luz da forma tridimensional comum. No novo estudo, entretanto, o grupo alterou não o movimento da luz, mas a velocidade, mudando a dimensão do tempo, e não do espaço.

Eles brincaram com a velocidade dos raios de um modo que, para câmeras ou lasers de segurança, um roubo de uma obra de arte não estaria acontecendo.

Outra forma de pensar é que os cientistas editam ou apagam uma fração de segundo da história. Se você está assistindo um filme com uma cena inserida, você não enxerga. Está lá no filme, mas não é algo que você vê.

“Você cria um buraco no tempo onde algo está acontecendo”, afirma um dos pesquisadores, Alexander Gaeta. “Você não sabe que algo aconteceu”.

Tudo está acontecendo em raios de luz muito rápidos para o olho humano captar. Usando fibras óticas, o buraco no tempo é criado com a luz se movendo dentro de uma fibra muito mais fina do que um fio de cabelo humano. Os cientistas tiram esse raio do campo, e com os outros, criam uma lente que quebra a luz em duas velocidades diferentes, criando o efeito de invisibilidade por estar muito rápido ou muito lento. O trabalho inteiro é uma bagunça de fibras em uma mesa, parecendo uma macarronada.

É a primeira vez que cientistas conseguem esconder um evento no tempo, um conceito teorizado, mas nunca realizado. “É significante porque abre um novo campo de ideias envolvendo a invisibilidade”, afirma Martin McCall, cientista autor da teoria.

“Mas isso não é tempo suficiente para andar por Hogwarts”, afirma o físico Michio Kaku, que não participou do estudo. “O próximo passo é aumentar o intervalo de tempo, talvez para um milionésimo de segundo. Então vemos que temos um longo caminho para realmente atingirmos a invisibilidade da ficção científica”.

Gaeta pensa ser possível mascarar o tempo em um milionésimo ou até um milésimo de segundo. Mas McCall afirma que a matemática exigiria uma máquina muito grande para isso – quase 30 mil quilômetros para fazer o disfarce durar um segundo.

“Você precisa começar de algum ponto e isso é uma prova de conceito”, afirma Gaeta.

Ainda assim, existem aplicações práticas. Esse é um modo de adicionar um pacote de informações para arquivos de alta velocidade sem interromper o fluxo. Mas pode não ser uma boa coisa se usado para vírus de computador.

Podem existir bons usos dessa tecnologia, mas, de acordo com Gaeta, “por alguma razão as pessoas estão mais interessadas nas aplicações ilícitas”. [MSN]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 1,00 de 5)

22 comentários

  • Marcelo Dutra:

    “por alguma razão as pessoas estão mais interessadas nas aplicações ilícitas”
    Ser humano sempre assim…

  • Shanalise:

    Gostei, mas falta muito pra isso acontecer.
    Eu queria uma capa do Harry quem sabe eles não inventam? kkkk

  • Marte:

    Máquina da invisibilidade? Só acredito vendo.

    • Victor Hugo:

      muito boa kkkkk!!! “invisibilidade”,”ver” shauashusahusahusahuas…

  • Abacaxi:

    Vou dar essa idéia para minha namorada e ir para um lugar público com ela hahaha

  • Dino Lozinsky:

    Que Louco Cara *-*

    http://www.docshd.net – Documentários online

  • José Calasans:

    Boa matéria,concordo com o comentário do João.

    • Luiz Gustavo:

      Só um detalhe:

      “No novo estudo, entretanto, o grupo alterou não o movimento da luz, mas a velocidade, mudando a dimensão do tempo, e não do espaço.”

      Se os cientistas conseguiram alterar a velocidade da luz, então isso significa que ela já não é uma constante universal?

      Como é que fica a Física, Einstein, etc ?

    • Renato_kami:

      a luz tem diferentes velocidades em diferentes materiais o que chamamos de refração de luz é o caso da luz mudando de material e passando para um em que ela se comporta mais lentamente ou mais rápido…agora a velocidade na luz no vácuo sim é uma constante…até agora…

  • MIG10:

    Está quase resolvido o problema de explosão de caixas eletrônicos. Já estão desenvolvendo formas onde nínguem enxergará o bandido…
    É isso, a ciência sempre buscando uma forma de melhorar, mas ao mesmo tempo dando brechas para “cientistas” má intencionados agir incorretamente.

  • Mirantesul:

    Essa tecnologia da invisibilidade já é perfeitamente dominada
    aqui no Brasil. Os pobres, por exemplo, são completamente invisíveis aos olhos dos políticos, enquanto morrem nos corredores de hospitais sujos e contaminados. Estes, por sua vez, roubam acobertados pela mais completa invisibilidade. O leão do imposto de renda só enxerga os assalariados, enquanto que os nababescos empresários, navegam em seus mega-iates invisíveis. Agora, o “must” da tecnologia da invisibilidade é o salário mínimo: Sabe-se que ele existe porque o trabalhador o avista no dia 5 de cada mês. Depois, ele fica 29 dias completamente desaparecido. Leia http://www.mirantesul.blogspot.com

  • Theo:

    Imaginem num futuro proximo onde a viagem ate marte se fara num piscar de olhos, mesmo viajando 6 meses no tempo comum…
    Imaginem podermos ir ate a um planeta terra mais proximo para dormir e voltarmos a tempo de chegar pro trabalho!
    Quem pensa no ilicito é porque como eu sempre digo…ladrão é burro, se fosse inteligente iria trabalhar como todo mundo…
    Esta é uma ciencia muito crua ainda e tem muito o que maturar ainda, mas imaginem…

  • La belle fleur du jour:

    Se é possível “esconder” eventos no tempo é bem possível que muita coisa aconteça diante de nossos olhos sem que percebamos…

    • eduardo:

      Eu sempre tive essa impressão… de que não vimos coisas que se passam diante dos nossos olhos… não pq os eventos sejam pequenos demais… mas sim, devido a esse “hiato” da luz…

  • Jonatas:

    Tudo isso é possível porque o tempo não é uma grandeza absoluta em todo o Universo, ao contrário, se molda e se curva em função de leis comuns, como a gravidade. Isso pode ser estudado na Relatividade de Eisntein.

  • WERITEK:

    esses caras perdem muito tempo com coisas q nao tem utilidades praticas.

    • João:

      São as tecnologias de base que causam as maiores revoluções. E me desculpe, mas nenhum tipo de pesquisa científica pode ser considerada “perda de tempo”.

    • Emerson Brito:

      Como não tem mais a opção “Não gostei”, quem não gostou do comentário do “WERITEK” clica nesse para mostrar que ele está errado…

    • eduardo:

      Perda de tempo é vc postar um comentário tão simplório como esse…

    • Valter:

      WERITEK, ja pensou se Eisntein e outros genios pensassem como vc? Estariamos atolados em m…. e pendurados em galhos de arvores.

    • César:

      http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/historia-da-eletricidade/historia-da-eletricidade-1.php

      Dá uma lida aí.. no começo nada parece ter praticidade. Esfregar âmbar em pele de carneiro? Pra quê?

  • Roberval:

    mais poder para os governos controladores da NATO

Deixe seu comentário!