Gel vaginal pode ajudar a reduzir nascimentos prematuros

Por , em 5.05.2011

Segundo uma nova pesquisa, uma dose diária de um gel vaginal hormonal reduz nascimentos prematuros quase pela metade em mulheres com risco particularmente alto.

Como o gel vaginal pode evitar o nascimento de bebês prematuros?

O nascimento prematuro é a principal causa de morte e doenças entre os recém-nascidos. No mundo todo, estima-se que 12,9 milhões de bebês nasçam prematuros por ano.

Nos Estados Unidos, cerca de um terço dos nascimentos prematuros é resultado de decisões médicas de que a saúde da mãe ou da criança está ameaçada o suficiente para que a gravidez tenha que acabar precocemente, geralmente com uma cesariana.

Entretanto, dois terços dos nascimentos prematuros são espontâneos, e qualquer intervenção que possa reduzi-los tem consequências positivas na saúde pública.

O tratamento hormonal sugerido pelo novo estudo, um gel vaginal de progesterona, que deve ser passado na vagina todo dia durante a segunda metade da gravidez, reduz o risco de parto prematuro em mulheres com colo curto (condição que pode aumentar seu risco).

Os pesquisadores estimam que até 2% dos 500.000 nascimentos prematuros dos EUA poderiam ser evitados, o que faz com que 10.000 bebês a mais por ano nasçam no tempo certo.

No estudo, mais de 32.000 mulheres já na metade da gravidez fizeram sonogramas. Os médicos descobriram que cerca de 465 mulheres nesse grupo tinham colo bastante curto. Metade foi tratada com o gel vaginal de progesterona, e a outra metade recebeu placebo.

O gel de progesterona, que é relativamente fácil para as mulheres administrarem em si mesmas, conduziu a uma redução de 45% na taxa de partos prematuros (antes de 33 semanas de gestação), e levou a melhores resultados para os bebês.

Segundo os pesquisadores, 14 mulheres com colos anormalmente curtos precisaram ser tratadas para prevenir parto prematuro. As conclusões do estudo sugerem que todas as mulheres façam sonogramas em torno da vigésima semana de gestação para verificar se têm colo curto, o que coloca a gravidez em risco aumentado.

Manter o parto o mais próximo possível do tempo correto de gestão faz uma imensa diferença. A triagem em todas as mulheres é um dos caminhos para isso. [NewYorkTimes]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

1 comentário

  • Alice:

    Seria melhor um gel para ajudar no parto natural,para que na saída a mulher não”se rasgue” =D

Deixe seu comentário!