Maria Sibylla Merian: naturalista alemã

Por , em 2.04.2013

Quem navegou pela página inicial do Google hoje (terça, 2) viu a imagem acima, um Doodle em homenagem ao 366º aniversário da artista Maria Sibylla Merian.

A jovem alemã foi uma naturalista e ilustradora científica que estudou plantas e insetos, fazendo pinturas detalhadas sobre eles. As folhas, insetos e lagarto que estampam o buscador relembram sua obra.

images

Nascida em 2 de abril de 1647 em Frankfurt, Maria Sibylla Merian foi influenciada principalmente por seu padrasto, Jakob Marell, a iniciar a carreira nas artes. Ela tinha apenas treze anos quando começou a pintar seus primeiros quadros naturalistas.

Aos 18 anos, em 1665, Maria Sibylla casou-se com um pintor especializado em arquitetura, Johann Andreas Graff. Dois anos depois, nasceu sua primeira filha, Johanna Helena.

Vida profissional

Sibylla se encantou principalmente com a transformação das lagartas em borboletas, insetos comuns da região. Acreditava-se na época que os insetos e as larvas eram resultado de geração espontânea na lama em putrefação, crença que remontava a Aristóteles. Mas a naturalista perguntava-se como poderiam surgir belas borboletas a partir daquelas lagartas.

Além de registrar os insetos, então, Maria Sibylla os estudava e reunia as anotações em um caderno pessoal, que virou livro em 1675 – “Neue Blumenbuch” (“Novo livro de Flores”, em português). Ela analisou a metamorfose, os detalhes das crisálidas e as plantas que alimentavam as lagartas, ilustrando todas as fases desse desenvolvimento em seu bloco de desenhos.

tumblr_kxtk8xe4bF1qzhl9eo1_1280

Em 1679, a artista publicou outro volume, “Der Raupen Wunderbare Verwandlung und Sonderbare Blumennahrung” (“A transformação milagrosa de lagartas que estranhamente comem flores”, em português), que falava sobre a vida das borboletas.

Maria Sybilla Merian morreu aos 70 anos, no dia 13 de janeiro de 1717, em Amsterdam (Holanda). Até hoje, vários quadros da artista estão em exposição em coleções acadêmicas em São Petersburgo (Rússia).[BP,TechTudo,Wiki]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

3 comentários

  • jose Senen de Alencar:

    Maravilhoso. Mais uma mulher de destaque que aparece nesse mundo machista. São muitas e é preciso que surjam muitas que estão ocultas pelo machismo.

  • grasisuperstar:

    Que ilustrações lindas….confesso que nunca li nada sobre a naturalista…..depois de ler essa reportagem pretendo me informar mais sobre Maria Sbyla, parabéns ao Google….parabéns a Natacha.

  • Marco337:

    Legal. Gostei da homenagem. Inusitada e inesperada .

Deixe seu comentário!