Raro e exótico estado da matéria é criado no espaço

Por , em 7.08.2018

CAL

A NASA resfriou uma nuvem de átomos de rubídio a 0.000001 grau acima do zero absoluto, produzindo o quinto estado exótico da matéria no espaço: o condensado de Bose-Einstein.

O experimento detém o recorde de objeto mais frio já registrado no espaço. Aqui na Terra, o recorde pertence a um laboratório do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (EUA).

O experimento

O Cold Atom Lab (CAL) é uma máquina de física quântica compacta construída para funcionar na Estação Espacial Internacional (EEI), lançada em maio.

De acordo com uma declaração da NASA, o dispositivo produziu seus primeiros condensados de Bose-Einstein, estranhos aglomerados de átomos que os cientistas usam para observar efeitos quânticos em grandes escalas.

“Normalmente, experimentos com o condensado envolvem muitos equipamentos – o suficiente para encher uma sala – e monitoramento constante pelos cientistas, enquanto o CAL tem aproximadamente o tamanho de uma geladeira pequena e pode ser operado remotamente da Terra”, explica Robert Shotwell, líder do experimento no Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, em um comunicado.

A vantagem espacial

Um condensado de Bose-Einstein em condições normais já é um objeto fascinante; em temperaturas superbaixas, as fronteiras dos átomos se misturam, e efeitos quânticos geralmente invisíveis se desenrolam de maneiras que os cientistas podem observar diretamente.

No entanto, resfriar nuvens de átomos a temperaturas ultrabaixas exige suspendê-las usando ímãs ou lasers. Isso, por sua vez, atrapalha as observações. Quando os pesquisadores interrompem a suspensão, os condensados se dissipam.

Na microgravidade da EEI, contudo, as coisas funcionam de maneira um pouco diferente. O CAL pode formar um condensado de Bose-Einstein e libertá-lo. Em seguida, os cientistas têm um tempo significativamente mais longo para observá-lo antes que ele se dissipe: cerca de 5 ou 10 segundos.

Essa vantagem permite que a NASA crie condensados muito mais frios do que na Terra, levando-se em conta que eles resfriam ainda mais conforme expandem para fora do CAL, e continuam resfriando até se dissiparem. [LiveScience]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (27 votos, média: 5,00 de 5)

3 comentários

  • Aryosto Kadoshe Kadoshe:

    TEM MAIS COISAS AI FORA JA FOI D ESCOBERTA NAO FOI DIVULGADO MUNDO

    • Cesar Grossmann:

      É verdade, Aryosto, mas algumas coisas já foram divulgadas. Por exemplo, o botão CapsLock. Se você aperta ele uma vez, ele liga. Você aperta outra vez, ele desliga. Pode experimentar, eu juro que funciona.

  • Aryosto Kadoshe Kadoshe:

    FOI BOM NASA TER LIBERADO FOTOS DESTE PROJETO

Deixe seu comentário!