Piada ruim é perigo para quem a conta

Por , em 24.08.2008

Agora que você sabe qual a piada mais engraçada do mundo, não precisa sofrer mais abuso físico por causa daquelas piadinhas infantis infames. Uma pesquisa feita por um lingüista da Universidade do Estado de Washington, EUA, descobriu que as pessoas que contam piadas ruins comumente sofrem uma incrível sobrecarga de hostilidade dos ouvintes.

“Estes ataques tinham a intenção de resultar na exclusão social ou humilhação de quem contava a piada, ocasionalmente com xingamentos, olhares raivosos ou até socos no braço”, disse a pesquisadora Nancy Bell.

Não estamos falando de piadas com conteúdo ofensivo. A piada que Nancy usou na sua pesquisa foi:

“O que a chaminé grande disse para a chaminé pequena?

Nada, chaminés não falam.”

As respostas à esta piada infantil e infame incluíram insultos, olhares raivosos e golpes físicos.

“A reação verbal predominante à piada ruim em nosso estudo foi orientada exclusivamente para atacar o piadista”, disse Nancy. Isso sim é que é platéia difícil.

Há diversas razões para as fortes reações. Em primeiro lugar este tipo de humor atrapalha o ritmo natural da conversação. E piadas que falham em ser engraçadas violam um contrato social tácito, portanto punir quem as conta pode desencorajar comportamento similar no futuro. E finalmente, uma piada boba insulta o ouvinte sugerindo que ele ou ela poderiam achá-la engraçada, disse Nancy. “Ser selecionado como um espectador inadequado para piadas bobas sugere que há algo de errado com o senso de humor do ouvinte”.

As descobertas da Nancy não são surpresa para a maioria dos comediantes profissionais que sabem que o humor podem tornar-se muito, muito problemático algumas vezes. A internet contém videos de comediantes como Pauly Shore e Jim Jeffries sofrendo ataques físicos no palco de ouvintes.

Felizmente isso não ocorreu com Nancy durante a pesquisa, apesar da qualidade da piada que ela escolheu entre as milhares de piadas ruins que existem na internet. Ela recrutou seus estudantes “prediletos” para soltarem as piadas durante conversações normais e registrou os resultados. “Eu disse para eles ‘saiam e contem piadas ruins, sejam heróis em campo’”, disse Nancy.

A piada das chaminés foi usada em 207 conversações e incríveis 44% das reações foram classificadas como “deseducadas”, com a intenção de envergonhar profundamente o contador da piada. As respostas mais duras vieram de pessoas que conheciam bem o piadista, ela descobriu.

“Quanto e mais jovem e mais próximo você estiver da idade do comediante ruim, maior a chance de você atacá-lo”, disse Nancy.

E as crianças foram especialmente hostis com o humor ruim de seus pais. [LiveScience, TST]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 3,50 de 5)

4 comentários

  • Alessandra Abreu mastella:

    eu devo ser terrivel eu ri do fusca e da chamine…..
    o q isso quer dizer?

  • Miguel:

    Também há muitas piadas das quais eu me rio às gargalhadas e os meus amigos não e ficam-me a olhar com uma cara séria, o problema é que o contrário raramente acontece!!! Mas não achar graça a uma piada não é motivo para agressividade!

  • babi:

    eu também ri, nem é tão ruim assim. quer ver uma piada ruim? tá aí:
    – meu primo morreu!
    – morreu d q?
    – d bege.
    – d bege? q q é isso??
    – ele tava atravessando a rua, daí veio um fusca azul e passou perto, mas depois veio o bege…

  • Rodrigo:

    Euri dessa piada… nossa devo ser bem idiota

Deixe seu comentário!