7 doenças que nos fazem agir como vampiros

Publicado em 30.06.2010

vampiro

Algumas doenças causam, realmente, características vampíricas em pessoas normais. Confira:

Aversão a alho:

Conhecida como alliumfobia, é uma neurose que faz com que as pessoas se apavorem só de pensar no tempero. Seja uma cabeça de alho, um dente de alho ou uma pizza de alho, se confrontadas com o alimento, as pessoas que possuem essa doença irão sair correndo na outra direção, exatamente como um vampiro. A lenda de que vampiros são repelidos por alho surgiu na Romênia, onde a planta era usada para dar proteção. Também era uma lenda de que, se colocado na boca de mortos, o alho iria impedir que eles se tornassem vampiros.

Morder:

A raiva, ou hidrofobia, é uma doença famosa que faz com que as pessoas se comportem como vampiros – ela, inclusive, causa o desejo de morder outras pessoas. Além de atacar o sistema nervoso, o vírus da raiva torna os doentes sensíveis a luz, então, como vampiros, eles podem querer ficar longe do Sol. A doença começou a ser chamada de raiva porque as pessoas que a contraem podem ficar agressivas e sofrer com alucinações. Mordidas de morcego são fontes em potencial para o vírus da raiva, o que sugere que o bicho ser associado aos vampiros não é mera coincidência.

Aversão a espelhos:

Vampiros ficam invisíveis na frente de um espelho, logo, fogem deles para que não sejam identificados. Mas há uma doença conhecida como Eisoptrofobia que faz com que pessoas ‘normais’ realmente evitem espelhos. Isso pode acontecer se a pessoa teve um evento traumático envolvendo espelhos na sua vida, se cortou-se em um quando criança ou algo do tipo. Como pessoas com raiva também tem aversão a espelhos, já que não suportam a luz que é refletida deles, suspeita-se de que o envolvimento entre “vampiros” e espelhos tenha surgido por causa de uma epidemia de raiva na Europa, em meados de 1700.

Sede de sangue:

Em 1985 um cientista afirmou ter descoberto os vampiros verdadeiros – pessoas com um problema no sangue, que seria genético chamado de porphyria hemofílica. Pessoas com porphyria possuiriam o desejo genuíno de beber sangue para aliviar sintomas da doença, já que ela acaba com os glóbulos vermelhos no sangue do paciente. Essa vontade, na verdade, foi desmistificada por outros estudos relacionados a doença que revelaram que quem sofre com ela fica com bolhas na pele após exposição de alguns minutos ao sol e sua urina pode vir acompanhada de sangue. O último sintoma pode explicar a crença de que quem tem a doença bebe sangue, enquanto o primeiro reforça a teoria de que eles seriam vampiros.

“Conte” Drácula:

Há uma obsessão por contar as coisas chamada de aritmomania que, pode parecer estranho, tem muita ligação com os mitos sobre vampiros. Durante séculos, acreditou-se que o que faz os vampiros se afastarem de alho e de cruzes é a matemática. Para deter um vampiro também poderíamos jogar um punhado de arroz na direção dele que ele só continuaria sua perseguição após contar todos os grãos. Durante a idade média, era costume jogar arroz no caixão de parentes para que, se um vampiro aparecesse, ele ficasse tão distraído contando que não morderia o defunto.

Dentões:

Displasia ectodermal hipohidrótica é um distúrbio genético que afeta o desenvolvimento dental. Ele causa o crescimento anormal dos dentes em idade adulta e, em muitos casos, o paciente apresenta apenas os caninos e nenhum outro dente. A maioria dos contos sobre vampiros os descreve como criaturas com presas retráteis.

Medo do sol:

Ao contrário dos vampiros de Crepúsculo, que só brilham, a maior parte dos vamps que ‘conhecemos’ morre de medo do sol porque ficam vulneráveis e queimam sob sua luz. Uma doença genética extremamente rara, conhecida como pigmentose xeroderma, ou XP, faz com que seja impossível a pele se recuperar de danos causados por raios ultravioleta. Pessoas com XP desenvolvem queimaduras sérias ficando por pouquíssimo tempo expostas ao sol, e são conhecidas por se isolarem em suas casas para sair apenas à noite. Parece um hábito conhecido? [LiveScience]

Autor: Luciana Galastri

é jornalista. Viciada em livros, lê desde publicações sobre física a romances de menininha do estilo "Crepúsculo". Toca piano desde os oito anos de idade e seu estilo de música preferido é o metal.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

89 Comentários

  1. Desde pequena tenho uma certa rejeição a comidas ou qualquer coisas com cheiro ou algo que esteja relacionado a alho… odeio sol, começo a me sentir fraca em menos de 5 minutos ao sol, o que me faz evitar pegar sol, e quando a necessidade geralmente procuro por roupas que não deixam nenhuma parte do meu corpo de fora. Morder… a como eu AMO morder… principalmente quando mordo ate sair sangue, e como tenho muita vontade de sangue as vezes até me corto só pra tomar meu sangue… Amo muito isso

    Thumb up 0
    • Sugiro que procure um médico.

      Thumb up 0
  2. Ñ gosto de alho, ás vezes apetece-me morder, beber sangue.
    Gosto de espelhos, normalmente fico paralisada a frente deles.
    Muitas vezes, quando vejo o sol, eu fugo. Fico em casa e evito sair. Vou ao curso e quando vamos para intervalos, meus colegas chamam-me para ir pó sol, e eu digo-”ñ vou”.
    E alguns dias, ñ sei pq mas, fico com muita raiva, sem nada me acontecer. Dias seguintes desaparece :o
    Passado uns outros tantos dias volta novamente a raiva.
    Eu acredito em vamps. Amo vamps, sou…

    Thumb up 0
    • Pode ser bipolaridade também. É bom consultar um médico.

      Thumb up 0
  3. Que da hora mas eu sofro de Crecimento anormal nos dentes minhas presas são Maiores normalmente e legal eu passo a lingua nelas sinto ‘-’ a afiação delas ‘-’
    É tenho nervosismo isso torna com que eu comece a querer comer a unha em casos de muito estresse ou nervosismos ‘-’ é também sinto vontade de morder mesmo isso acontece comigo quando estou empolgado com alguma coisa,supomos que existe um novo disco da minha banda de rock preferida isso me faz querer morder alguém ou alguma coisa

    Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
vein-blood-01
Se o sangue é vermelho, porque vemos as veias azuis?

O nosso sangue é ver...

Fechar