A água pura é azul, e não transparente

Um cientista da Universidade de Portland (Oregon, EUA), Enrico Uva, resolveu fazer um experimento para mostrar, de maneira simples e prática, que a água é azul, e não transparente. Quase todos pensam na água como transparente, ainda que seja possível observar tonalidades azuis na neve, em geleiras e em qualquer quantidade significativa de água.

Toda essa questão, segundo ele, se resume a como interpretamos a incidência da luz sobre a água. Acompanhe o experimento de Enrico: primeiro, ele pegou uma tigela média, usada em receitas, da cor branca. Ao encher um quarto da tigela, a água continuava parecendo transparente, exatamente como havia saído da torneira. Continuou enchendo, e aos três quartos já era perfeitamente visível enxergá-la em um tom azul pálido.

O motivo, segundo ele, é a cor branca da tigela. O branco reflete, como se sabe, toda a luz que incide sobre ele. A opacidade de um objeto (que na água é nula) e a quantidade de luz são duas variáveis que influenciam na intensidade da cor. Quanto mais transparente o objeto for, mais ele permite que a luz incida e torne a cor refletida mais intensa, porque as moléculas internas vibram mais. No caso da água, uma tigela branca aguça praticamente ao máximo a vibração das moléculas, e com isso a água absorve o espectro de luz vermelho e mostra o máximo de seu azul natural (parte do espectro de luz vermelha é oposto ao da tonalidade azul, por isso a relação de absorção-reflexo).

Enrico afirma que alguém poderia argumentar que a água da torneira não é pura, já que vários fatores podem adicionar alguma coloração à água. Para refutar essa possibilidade, ele repetiu a mesma operação com água destilada, e o resultado foi o mesmo.

Existem métodos, conforme apurou o cientista, ainda mais eficazes para demonstrar que a água de fato é azul. Um deles consiste em colocar a água em um tubo comprido (3 metros de comprimento e 4 centímetros de largura) de alumínio, com um vidro tampando o recipiente, para evidenciar a coloração. Enrico conseguiu tal efeito, e a cor aparece claramente na fotografia que ele tirou.

Para modificar a cor intrínseca da água, conforme ele explica, seria necessário alterar suas moléculas. A primeira vez em que um cientista indicou a água como sendo de fato azul foi em 1983, mas ainda há atualmente pessoas que a consideram como sendo naturalmente sem cor.[Science2.0]

Compartilhe no Facebook

Curta no Facebook:

47 thoughts on “A água pura é azul, e não transparente

  1. Assim a cor como preta, um azul total profundo ,tenho duvidas quanto ao tipo de branco que,pode ser, uma nuance refletida do branco esverdeado ou azulado.Só vendo o tipo de tinta para ceramica utilizado no recepiente ou pigimento do tubo.

  2. “A água pura é azul, e não transparente”.
    Tá tudo, tudo errado!
    O texto deveria dizer “É azul , e não incolor”, ao invés de dizer “É azul, e não transparente”.
    Se é azulada, não deixa de ser transparente, oras bolas!

    1. O comentário mais inteligente,foi o seu! É claro que para se observar a verdadeira suposta cor da água,não se pode ter influencia da luz ou reflexo. Podemos pegar como exemplo a água do mar: Todos nós vemos em azul,porém ao pegar a água com a mão,vimos que ela é transparente,isso implica dizer que: a partir de certa quantidade a água começa a “mostrar” a influencia da luz em sua TRANSPARENCIA. É claro que no teste feito com a tijela branca iria aparecer um tom bem fraco de outra cor,visto que o branco não deixa de ser uma fonte de luz à qualquer coisa transparente! Resumindo a água é TRANPARENTE!

      1. Sem interferência da luz, não enxergamos absolutamente nada! Só podemos enxergar quando há luz, seja ela emitida ou refletida. Digo de novo, o que acontece é que, se o recipiente fosse transparente, incolor e não branco, essa coloração azulada não seria observada. É mais a água que torna o branco azulado, por que a reflexão é intereceptada pela água, deixando passar mais a luz azul que tem maior alcance, do que a água ter mesmo a cor azulada. É como olhar as coisas de longe, tudo fica azulado por que a faixa azul do espectro tem maior alcance. É isso.

  3. Olha AtomicBlue, apenas expressei minha opinião referente a matéria. Sei que a luz branca é formada por sete cores (vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, azul escuro e violeta), que constituem seu espectro. Quando ela incide em uma superfície acaba sofrendo uma dispersão, pois a passagem de luz é diferente para cada cor. Muitos foram enganados em pensar que a água era indolor e incolor, que não ficou expressa na reportagem acima. Acho que nem você sabia que a água era azul, senão já tinha demonstrado meios de comprovar sua teoria.

    1. Não entendi seu comentário não, viu? Não vou nem perder meu tempo com discussões em comentários, porque minhas respostas são sempre muito lúcidas, e tenho certeza que não fui arrogante nem que fui incompreensível – meus comentários fazem sentido porque eu tenho o feliz hábito de pensar antes de falar. Mas vou responder a essa sua colocação pra mim:
      Você disse que sabe que a luz tem influência nas cores – e de uma forma bem técnica, bem manjada. Tá bom, então por que disse que não sabia que a luz tinha influência na cor da água?
      Disse que nem eu sabia que a água era azul… pois bem, não sabia mesmo! E não me lembro de ter afirmado que sabia!

      Pronto, mais alguma coisa que você queira pinçar no meu comentário?

    2. …”Muitos foram enganados em pensar que a água era indolor e incolor…”

      Água indolor é nova para mim…
      Não seria INODORA o que você quis dizer?

      E queridos amigos, assim como o céu, a água reflete mais uma coloração específica (como o azul) devido à sua composição e geometria das moléculas, apesar de serem emitidos todos os espectros sobre estes…não é coisa de outro mundo nem motivo para alarde….

    3. Meu caro Roberto, quanto as características da agua, até o presente momento, é incolor, ou como recentemente comprovada não é mais, mas quanto ao odor, é classificada como inodora e nao indolor e insípida. (incolor, inodora e insípida, as três características da agua).

      1. na verdade agua tem gosto… nossas papilas gustativas consegue perceber a agua.

  4. Bom,a experiência só tem um único problema: o título diz que a água “pura” é azul,mas o cientista testou água da torneira também.Ou seja,na água da torneira são adicionados certos elementos(flúor,entre outros) que não têm na água destilada e isso muito provavelmente faria diferença na coloração.

    Lembrando que a incidência da luz é o principal fator responsável pela tonalidade,mas não o único…

    1. Como podemos observar ao ler o texto DE MANEIRA CORRETA, o cientista testou com água destilada e o resultado foi o mesmo.

      Também podemos observar que foi feito um experimento diferente, e obteve-se o mesmo resultado: água na coloração azul.

    2. Além disso,há algo intrigante: o texto informa que um cientista afirmou que a água é azul,já em 1983.Será que em 28 anos só agora iriam levar o estudo adiante?

      Mas,quanto a experiência,é difícil discordar… Claro,que surgem outras dúvidas: Se a luz se divide em 7 espectros e a água absorveu o espectro vermelho,ainda sobrariam outros 6 espectros,incluindo o azul.

      Fora isso,as condições da experiência não foram divulgadas.

      Enfim,espero que com o tempo,haja mais debate e mais esclarecimentos a respeito disso.

      1. A primeira vez em que um cientista indicou a água como sendo de fato azul foi em 1983.

        indicar é o mesmo de afirmar?? humm, n sabia disso vlw!

    3. Acho que a questão não é nem essa, “Toda essa questão se resume a como interpretamos a incidência da luz sobre a água”, como o próprio autor da experiência disse. O fato é que a coloração azul NÃO seria observada se o recipiente fosse “transparente e incolor”!

  5. Bobagem isso… So porque do espaço ver o planeta Terra com um lindo azul dos oceanos agora vem com essa palhaçada, daqui a pouco vão dizer que a agua tem gosto sim e que é amargo, sendo que esse gosto possivelmente vem dos cloros afffffffff

    1. aff digop eu… agua tem gosto e cor… pq é tão dificil acreditar??? axo q a culpa é dos professores do primario q vivem falando asneiras pras crianças e as mesmas são reafirmadas futuramente por outros professores para facilitar o ensino…

  6. A experiência no tubo de alumínio, com o vidro fechado, ficou comprovado que a água pura é azul. Mas em ambientes cujo a água tenha contato com outras substâncias ou elementos químicos faz com que ela mude a sua coloração.

    1. Na verdade, até onde sei, a luz é que gera as cores, cada material reflete de forma diferente a luz e isto é que determina sua coloração.
      O mundo não é colorido, vc que o enxerga com cores!!!!

    2. Olá Roberto. A incidência de luz tem papel fundamental na tonalidade/coloração de qualquer coisa! As cores são reflexos da luz em determinado comprimento de onda (a luz é uma onda eletromagnética)! Nós aprendemos isso em física no ensino médio, geralmente no segundo ano.

Deixe seu comentário