As primeiras fotografias de fantasmas

Publicado em 16.09.2010

No século XIX ainda não havia Photoshop para dar aquela retocada nas fotos, ou então para criar montagens – mas isso não impediu que William Hope conseguisse produzir as primeiras fotos (falsas) de fantasmas.

Nesse período a fotografia, por si só, parecia uma coisa sobrenatural, que congelava e eternizava as pessoas em papel através de um clique. Muitas pessoas, como se sabe, não queriam nem posar para retratos, já que temiam que sua alma fosse roubada pela câmera e depois ficasse presa no papel.

Então Hope e alguns amigos espertinhos resolveram tirar vantagem da ingenuidade do pessoal da época. Eles aprenderam que, tirando uma foto em cima da outra no mesmo pedaço de filme, eles conseguiam criar efeitos “fantasmagóricos”, de pessoas meio apagadas flutuando ao lado de outras.

Os resultados eram incrivelmente assustadores, como você pode ver – até pessoas inteligentes, como Sir Arthur Conan Doyle, criador de Sherlock Holmes, acreditou na farsa de Hope.

Mesmo quando a farsa dos espertinhos foi exposta, as pessoas não deixaram de acreditar neles, e Hope conseguiu obter vários milhares de dólares de seus clientes. [Gizmodo]

Autor: Luciana Galastri

é jornalista. Viciada em livros, lê desde publicações sobre física a romances de menininha do estilo "Crepúsculo". Toca piano desde os oito anos de idade e seu estilo de música preferido é o metal.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

15 Comentários

  1. Interessante é que nestas fotos antigas até quem não é fantasma fica parecendo fantasma.
    Rsrsrs…

    Thumb up 52
  2. barbaridade??che ;e ainda tem gente que acredita nisso.??se eu fosse fantasma pensas que ficaria pousando para foto??eu queria era aparecer no yutube , no gugu , faustâo e no fantastico.que bobagem mano??/

    Thumb up 7
  3. É,como sempre tem alguém esperto q/ quer tirar algum proveito de certa situação.Assim foi, assim continua sendo e assim será.

    Thumb up 5
  4. Grandes cabeças.Mas deixem as alminhas em paz,porque fantasmas só existem na nossa mente.

    Thumb up 4
    • Fantasmas só existem na nossa mente? Vc que pensa.

      Thumb up 4
  5. Um efeito de fotografia é um efeito de fotografia. Um Espírito é um espírito. Uma coisa não nega a outra. E as duas existem.

    Thumb up 26
  6. Olá a todos !
    Farofa, legal isto !!
    Sheik, concordo com voce. A farsa dos velhinhos foi realmente ridícula mas, como a mídia queria algo ou alguém para justificar o que não se sabe, encamparam a tese dos velhinhos.
    E concordo mais ainda quando voce diz que “acreditar em tudo ou negar tudo é fácil. Grandes mentes investigam se aquilo é falso ou verdadeiro” … Acho que um verdadeiro cientista tem que ter este diferencial.
    Abraços a todos !

    Thumb up 7
  7. Olá amigos! Conheço um amigo que tirou sua própria foto frente a mim e mostrava ele sentado e acima dele também de ambos lados imagens de rostos humanos de ambos sexos, pasamos para o computador para melhor vê e realmente ficamos abismados, este fato acontece quando o Denilson sente uma agonia no tórax então já sabe o que é pois o mesmo vivia recebendo entidades espírituais quando vivia o Vale do Amanhecer, acreditem se quiserem, posteriomente ele apagou do PC as fotos e não quer mais repetir a experiência.

    Thumb up 4
  8. Fotos falsas não quer dizer que uma ou outra seja verdadeira. Acreditar em tudo ou negar tudo é fácil. Grandes mentes investigam se aquilo é falso ou verdadeiro. Por exemplo os círculos ingleses, existem centenas de círculos ingleses complexos no mundo todo, mas após uns idosos fazerem uns círculos ingleses toscos alguns acharam que tinha descoberto a fraude.

    Thumb up 6
  9. Acho que a maior alegria de um cientista seria ver um fantasma (real). Pelo menos seria a minha.

    Thumb up 19
  10. Me amarro nesse efeito, com máquinas digitais tem como fazer, você configura o tempo de exposição no maior possivel, quando estiver acabando o tempo, passe na frente da camera rápido, como o tempo de exposição é longo, ele vai pegar o que estiver “fixo” o tempo inteiro, e como você vai passar rápido e no final, você vai ficar somente como um borrão na foto…
    =]
    Tem um fotógrafo muito legal também, o nome dele é: Abelardo Morell, se buscar na google pelo nome dele em imagens vai ver um monte de fotos em que você irá dizer: “isso é montagem”, mas não é dá para fazer mesmo, é uma sala escura, tipo um quarto, com a imagem de cabeça para baixo do que tem fora (tipo uma rua de uma cidade). A técnica se chama “pinhole” ou “osh pinhole”. Consiste em vedar uma sala completamente contra a luz (inclusive frestas de janela, de porta, escuridão total mesmo), então você abre a janela cerca de 0,5cm, irá funcionar como uma camara escura de uma máquina fotografica

    Thumb up 21
  11. Ai que tenso. Agora eu entendo a ligação dos fantasmas com os panos.

    Thumb up 3

Envie um comentário

Leia o post anterior:
controleremoto
Invenção bizarra: cocô movido a controle remoto

O que você acha de v...

Fechar