Quando tiver problemas, não conte com seus amigos do Facebook

Um instituto americano de combate ao câncer resolveu fazer uma pesquisa para descobrir o seguinte: será que uma campanha via Facebook para ajudar no tratamento de um paciente, por exemplo, poderia ser útil? Será que os nossos amigos da rede social podem ser acionados em um momento de dificuldade? Os números, infelizmente, mostram que isso é uma realidade distante.

Os pesquisadores entrevistaram mil internautas entre 18 e 35 anos, todos portadores de uma conta no Facebook. Em média, cada usuário tem 237 amigos, mas apenas dois foram apontados como confiáveis para se procurar em caso de necessidade.

Para 13% dos pesquisados, a situação era ainda mais grave: não havia uma pessoa sequer no Facebook que pudesse ser um ponto de apoio na “vida real”.

Os pesquisadores apontam que isso é um problema mais grave do que parece: como muitas pessoas passam mais tempo na internet do que em outros tipos de interação social, é desanimador, segundo eles, que provavelmente ninguém virá em seu socorro se você pedir ajuda devido a um parente que está com câncer, por exemplo. [Telegraph]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 4,00 de 5)
Curta no Facebook:

12 respostas para “Quando tiver problemas, não conte com seus amigos do Facebook”

  1. Hipocrisia pensar q são amigos, são pessoas num site q usam o F B pra se mostrarem e veremuns aos outros. Nas comunidades do Orkut é a mesma coisa, numa comunidade de São José dos Campos, q é daquí mesmo. Uma moça implorou ajudas p\ doador d sangue p\ seu irmão num hospital daquí mesmo, ñ houve um só dodor, dias depois ela escerveu lá q o rapaz morreu por falta d sangue tipo B+ ,achei constrangador será q numa comunidade c\ mais d 2 mil pessoas ñ haviam pessoas c\ o sangue dele, Eu ñ fui porque minha idade ñ permite doar mais, e o meu é O-.Será q todos tinham o mesmo problem q eu?Fiquei deveras preocupada.

    • Isso porque São José dos Campos é uma cidade grande ainda, tem mais de 600 mil habitantes. A humanidade mesmo está dando mais valor a coisas que não levam a nada.
      É como o Luiz disse aí em cima: Se na vida real não podemos contar com ninguém, quem dirá os ”amigos” do Facebook.

  2. Isso é lógico, e não é por falta de contato físico, mas de ausência de diálogo. Sites de interação(sic), como o Facebook e Twitter só servem pra passar tempo. Lá não existem pessoas pra amizade. O propósito não é esse, e sim de contactar outras pessoas, o que é muito diferente.

    Pelo menos o significado de amizade pra mim é conversar, gostar da pessoa, fazer atividades que os dois gostem, ser tolerante, estar ao lado da pessoa nos momentos bons e ruins.

    É por isso que meus amigos são muito selecionados. Não que eu seja esnobe, mas porque honro a palavra AMIZADE e priorizo a qualidade.

  3. Essa pesquisa deveria levar em conta os aspectos gerais que se apresentam em qualquer situação quando pessoas passam por problemas…Não está somente ligado a uma rede social, no caso, o Facebook.Quando temos problemas os amigos se afastam.Verdade absoluta.Podem ser problemas de saúde ou problemas financeiros e até de relcionamentos.O ser humano gosta do que está bom, do que é prazeiroso e do que está em Alta!!!!

Deixe uma resposta